Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


terça-feira, 6 de junho de 2017

Propagandas irregulares de Maca Peruana são suspensas

Atribuições terapêuticas ao produto eram dadas sem comprovações e sem a autorização da Agência Sanitária

A Anvisa suspendeu nesta segunda-feira (5/6) todas as propagadas que atribuam propriedades terapêuticas ao produto Maca Peruana. As cápsulas fabricadas pela empresa Hilê Indústria de Alimentos Ltda. eram comercializas sob publicidades não autorizadas pela vigilância sanitária.

A empresa apresentava propagandas que alegavam benefícios na regulação de libido, fertilidade e fadiga não comprovados. Tais alegações só são autorizadas após a comprovação de diretrizes básicas de saúde previamente estabelecidas pela legislação pertinente.

A suspensão das publicidades irregulares foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) e se aplica a qualquer mídia, além das encontradas na internet.

Monitor de batimentos clandestino
O detector de frequência cardíaca fetal Angel Sounds está suspenso em todo o território brasileiro. As vigilâncias sanitárias dos estados e municípios foram instruídas a apreender o produto clandestino em questão.

O monitor pré-natal era comercializado na internet sem possuir quaisquer registros sanitários. A resolução RE 1.464 de 2 de junho de 2017 determina, portanto, a suspensão da distribuição, divulgação e comercialização do produto Angel Sounds.


ANVISA

Nenhum comentário:

Postar um comentário