Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


sexta-feira, 9 de março de 2012

OMS alerta para a necessidade de usar antibióticos de forma moderada

Estudo da organização aponta que a resistência antimicrobiana evoluiu

A Organização Mundial da Saúde (OMS) elogiou os esforços dos governos em recomendar a redução da indicação do uso de antibióticos em tratamentos médicos. Apenas na Tailândia, houve uma redução de 46%. O uso inadequado de antibióticos pode levar à resistência de bactérias ao medicamento e à baixa imunidade do paciente.

De acordo com a OMS, a resistência aos antibióticos leva ao prolongamento de doenças e ao maior risco de complicações e até de morte. “A resistência antimicrobiana [AMR] evoluiu e passou a ser uma ameaça à saúde mundial”, diz o estudo sobre o uso desse tipo de medicamento, lançado na quinta-feira, em Genebra, na Suíça, intitulado A Ameaça na Evolução da Resistência Antimicrobiana — Opções de Ação.

No texto, há referências sobre o histórico dos antibióticos que, durante décadas, foram utilizados para o tratamento de doenças, como tuberculose, malária, HIV, influenza e muitas infecções bacterianas. A diretora-geral da OMS, Margaret Chan, alertou que o primeiro passo para combater o uso indiscriminado desse tipo de medicamento é a prescrição adequada.

— Isso inclui a prescrição de antibióticos de forma adequada e somente quando necessário. [É necessário lembrar que é obrigatório] seguir o tratamento corretamente, limitando o uso de antibióticos, para fins terapêuticos — disse a diretora-geral.

No Brasil, desde 2010, o governo tem adotado uma rígida conduta para a comercialização de antibióticos. A medida foi definida devido às constatações sobre o aumento de resistência a certos medicamentos em todo país. A venda de antibióticos no país só ocorre por meio de uma receita específica e que fica retida na farmácia.

Nas farmácias no Vietnã, também passou a haver mais rigor na venda dos antibióticos. Na Noruega, os pesquisadores passaram a usar mais produtos naturais, oriundos do salmão e da truta, na elaboração de medicamentos. Na Zâmbia, na África, foram introduzidos no currículo das faculdades de medicina a prescrição e o uso adequados de antibióticos.

Fonte Zero Hora

Endometriose é a doença da mulher moderna, diz especialista

De 10 a 15% das mulheres em idade reprodutiva são vítimas da endometriose

A endometriose é a doença da mulher moderna, diz o pesquisador Maurício Simões Abrão, professor do Departamento de Obstetrícia e Ginecológica da Faculdade de São Paulo e presidente da Associação Brasileira de Endometriose e Ginecologia Minimamente Invasiva.

De acordo com Abrão, a mulher moderna menstrua mais, tem menos filhos e demora para engravidar. Essas características, somadas ao estresse, fatores imunológicos e ambientais, fazem da patologia a doença da mulher moderna. Estima-se que 10 a 15% das mulheres em idade reprodutiva sejam vítimas da endometriose.

O especialista fará palestra direcionada a médicos em Porto Alegre neste sábado, ao lado do radiologista Manoel Gonçalves, abordando novidades no diagnóstico e no tratamento da doença. A palestra será no auditório do Centro de Pesquisa e Reprodução Humana Nilo Frantz (Av. Dr. Nilo Peçanha, 1221), das 8h às 12h.

Antigamente, a endometriose atingia mulheres entre 30 e 40 anos. Hoje, com a chegada precoce da puberdade, ela aparece em pessoas mais jovens. A endometriose ocorre quando o endométrio é implantado fora do útero, o que gera um quadro inflamatório nas partes atingidas pelo tecido. O fato de as mulheres menstruarem mais atualmente gera mais possibilidades do sangue voltar às cavidades uterinas e acentuar os riscos de endometriose, explica o especialista.

PrevençãoConsultas regulares ao ginecologista permitem à paciente uma melhor prevenção e controle da endometriose. O diagnostico é feito com avaliação clínica. A doença, quando diagnosticada cedo, pode ser controlada com pílulas anticoncepcionais ou com outros métodos que fazem uso do hormônio progesterona. Em casos mais avançados, os especialistas chegam a utilizar meios cirúrgicos.

Segundo Abrão, o procedimento cirúrgico mais indicado é a laparoscopia, pois ele permite visualizar os pontos afetados e neles fazer a intervenção necessária a partir de pequenas incisões abdominais. As pílulas combinadas ou o DIU (dispositivo intra-uterino) medicados com progesterona são alternativas terapêuticas para o tratamento.

Entre os sintomas da doença estão fortes cólicas menstruais, infertilidade, dores durante a relação sexual e alteração urinária durante a menstruação. Os indícios podem ser descobertos durante diagnóstico clínico ou a partir de exames de imagem, como ultrassom e ressonância magnética.

Nos casos de infertilidade, o tratamento é direcionado na tentativa de a mulher engravidar. Já na endometriose da cicatriz umbilical e da cicatriz cirúrgica, a simples retirada cirúrgica da lesão é suficiente.

Fonte Zero Hora

Em obras, maternidade do Hospital de Clínicas ficará fechada por duas semanas

Centro Obstétrico e UTI neonatal irão suspender atendimento de 12 a 26 de março

O Centro Obstétrico e a Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal do Hospital de Clínicas de Porto Alegre ficarão fechados de 12 até 26 de março para reformas e serviços de manutenção.

Segundo o hospital, será realizada a limpeza dos dutos de ar-condicionado, para cumprir determinação do Ministério da Saúde. Além disso, no período também serão realizadas reformas nas instalações da UTIN, com a individualização dos leitos para isolamento dos pacientes.

A administração do hospital pede a compreensão e colaboração das gestantes, que neste período deverão procurar outros hospitais de referência.

O fechamento deve agravar a situação das UTIs neonatais da Capital. Os 95 leitos disponíveis no Fêmina, Conceição, Presidente Vargas e Santa Casa estão ocupados. No hospital São Lucas da PUC, há superlotação.

Fonte Zero Hora

Envelhecimento saudável: a tarefa de manter a independência precisa começar cedo

Especialista diz que é essencial afastar quatro fatores de risco e ter uma boa rede social

Como já dizia o filósofo romano Marco Túlio Cícero no século I antes de Cristo, para tentar convencer seus contemporâneos sobre as vantagens de envelhecer, o médico brasileiro Alexandre Kalache, especialista no tema, lembra que a única alternativa a esta opção seria morrer cedo.

Ex-diretor do Programa de Envelhecimento e Saúde da Organização Mundial de Saúde, membro da Academia de Medicina de Nova York e embaixador global da ONG HelpAge International, sediada em Londres, ele roda o mundo abordando as questões relacionadas ao envelhecimento.

Na entrevista a seguir, Kalache fala principalmente de dois aspectos que abordará no encontro: o que é o envelhecimento bem-sucedido, tema da conferência de abertura, e como evitar a discriminação contra o idoso.

Pergunta — No ano passado, o Banco Mundial (Bird) divulgou um relatório prevendo que o Brasil tem dez anos para se preparar para os efeitos do envelhecimento de sua população, que, nos próximos 40 anos triplicará, chegando a cerca de 65 milhões de pessoas. Como estamos nesta tarefa?
ALEXANDRE KALACHE:
Eu diria que o copo está meio cheio, meio vazio. Não andamos na velocidade em que eu gostaria, mas estamos melhor do que há 20 anos. De lá para cá, tivemos conquistas importantes. A primeira foi a Constituição de 1988, colocando a saúde como um direito de todos. Até então, às pessoas mais velhas que adoecessem e não tivessem como pagar por cuidados médicos, só restava a filantropia e os hospitais ou pronto-socorros. Hoje, o SUS, se não é o ideal, está melhorando, no que se refere aos cuidados básicos com saúde. A pensão não contributiva também foi fundamental. Devolveu a autoestima a mais de 9 milhões de brasileiros: até que ela fosse estabelecida, quem não tivesse pagado a Previdência ao longo da vida de trabalho, porque não pôde, não tinha renda alguma aos 60 anos, e dependia da família. Hoje, essas pessoas têm sua própria renda, que é pouca, mas dá para alimentá-las, comprar alguns remédios e, em muitos casos, ajudar suas famílias. Este sentimento de ter alguma proteção e ser participativo na sociedade é essencial para uma boa velhice.

Pergunta — O que mais é necessário para um envelhecimento bem-sucedido?
KALACHE:
Aos 85, você pode não ter o pique e a força que tinha aos 25, mas, se continuar independente e capaz de ajudar nas tarefas domésticas, terá o respeito do restante da sociedade. Além de saúde, você deve continuar a aprender. Caprichar na aquisição de novos conhecimentos lhe ajudará a garantir sua participação na sociedade, não só na vida cultural e social, mas até em termos de empregabilidade. Há uma barreira cultural; muitas vezes as pessoas dizem: “Você é velho, e este curso é só para jovens”, “Não vou lhe dar esse emprego por causa da sua idade”, “Você não precisa fazer mamografia, deve dar a vez a alguém mais nova”. Mas é preciso vencê-la, e estar atualizado ajuda em muitos casos. A quarta coisa é segurança: se você se sente protegido, tem a paz de espírito de que precisa nesta idade. É importante aumentar seu capital social. Seja legal com sua família, cerque-se de amigos, porque, no futuro, você vai precisar desta rede de proteção. Também pode ser pelo lado da economia, investindo, por exemplo, numa previdência complementar.

Pergunta — Como manter a saúde nesta fase da vida?
KALACHE:
Quanto antes você começar a se preparar para envelhecer, melhor. E, se a sua genética não ajuda muito, dizemos que não adianta culpar seus pais por isso: 80% de sua velhice depende de você, e só 20% dos genes que herdou deles. É o seu esforço que vai determinar se sua velhice será boa ou ruim. Há quatro fatores de risco, que, se forem evitados, ajudam a pessoa a ficar livre de doenças crônicas não transmissíveis e muito associadas à velhice: sedentarismo, fumo, álcool e má alimentação. O brasileiro tem dificuldade para comer legumes e verduras; gosta do que eu chamo de dieta branca: farinha, arroz, gordura, sal, açúcar e, por cima de tudo, cachaça. Colorir o prato, acrescentar a ele beterraba, couve, tomate ou feijão, já traz ganhos enormes.

Pergunta — O senhor já disse que é utópico exigir de uma pessoa que trabalha dez horas por dia e leva mais quatro indo e vindo do trabalho em transporte ruim que faça exercícios físicos. O que essa pessoa pode fazer, apesar de todas essas dificuldades, para envelhecer com qualidade?
KALACHE:
Além de escolher melhor os políticos em que vota, para que lhe ofereçam um transporte público de qualidade, o que evitará uma enorme carga de estresse enfrentada diariamente, ela deve procurar relaxar mentalmente, até mesmo dentro da condução lotada. Se se deixar levar pela irritação, se explodir por dentro, vai ter, logo de cara, aumento da pressão arterial. E poderá buscar compensações em algum dos fatores de risco, como comida pouco saudável.

Pergunta — Atualmente se fala muito em mal de Parkinson e mal de Alzheimer, doenças que se tornaram mais comuns com o aumento da expectativa de vida em todo o mundo. Que outras doenças estão associadas ao avanço da idade?
KALACHE:
Alguns tipos de câncer, como, por exemplo, os de mama e os de próstata. Só que até nisso se vê discriminação contra o idoso: como o câncer de próstata mata mais os homens acima de 65 anos, e o de mama pode acontecer bem mais cedo, todo mundo fala mais deste último. Isso se reflete inclusive nas pesquisas que buscam novas terapias: elas são muito mais numerosas para o câncer de mama que para o de próstata. É como se fosse mais grave morrer alguém jovem do que alguém velho.

Pergunta — E como se rompe esta barreira cultural; como se vence esta discriminação?
KALACHE:
Falando muito disso, como estamos fazendo agora. Precisamos falar para o jovem adulto de hoje, que em 2050 fará parte da população idosa. Um dos últimos tabus da atualidade é a violência contra o idoso, da qual ninguém gosta de falar porque é um aspecto muito feio da sociedade moderna. Há pouco tempo, uma novela da Globo (”Mulheres apaixonadas”) mostrou uma neta maldosa (interpretada por Regiane Alves) maltratando os avós. É isso que se tem de fazer, este marketing social, expor em mídias muito vistas aquilo que todo mundo está vendo mas não gosta de discutir. O jovem de hoje tem que respeitar mais os idosos e se cuidar para, quando chegar a essa idade, estar bem e garantir que seja respeitado.

Fonte Agência O Globo

Bolsa de mulher: peso em excesso afeta ombros, coluna e articulações

Limite de carga é determinado pela capacidade física, dizem especialistas

O que é indispensável na bolsa de uma mulher? Além de documentos, dinheiro e celular, a lista certamente incluirá mais uma série de itens: maquiagem, álcool gel, lenço, perfume, escova de cabelo, bloquinho de anotações...

Tudo depende do estilo dela. Pois há um fator mais importante a considerar, alertam os médicos: o peso. Quem carrega bolsa pesada demais pode ter problemas relacionados à má postura, além de tendinites, hérnia de disco ou desgaste dos discos da coluna.

— O desconforto postural é o primeiro sinal de que há algo errado — diz o ortopedista Marcus Vinicius Galvão Amaral, do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia Jamil Haddad (Into). — Se há dor prolongada por dia, o momento é de controlar a ansiedade feminina no que diz respeito àquela velha história de que tudo é necessário.

Os ombros e a coluna são as regiões mais prejudicadas, mas pescoço, braços, quadris e pernas podem ser afetados devido à pressão nas articulações. E, diferentemente do que se diz sobre as mochilas, que devem ter no máximo 10% do peso do usuário, no caso das bolsas a tiracolo o mais importantes são o preparo e a resistência de quem as carrega.

— É o mesmo princípio do treinamento de atletas. É preciso de condicionamento para suportar determinada carga. E, para isso, o exercício físico é ideal — diz o médico.

Usar bolsas transpassadas, que ajudam a distribuir melhor o peso pelo corpo, e optar por modelos menores, que ajudarão a limitar os pertences, são algumas dicas do ortopedista para evitar danos provocados pelo peso excessivo.

Fonte Zero Hora

Anvisa amplia proibição de venda e importação de marcas que usaram silicone não autorizado

Produtos que ainda estiverem no mercado vão ser recolhidos pela agência reguladora

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu a importação e venda de implantes de silicone para seios da marca francesa Poly Implant Prothese (PIP) e da holandesa Rofil. As duas marcas estão envolvidas em um escândalo internacional por usarem silicone não autorizado na fabricação das próteses, que apresentam maior risco de romper ou vazar em comparação aos de outras empresas.

A proibição foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta. A agência reguladora determina ainda o recolhimento dos produtos que, porventura, ainda estiverem em estoque no mercado.

A Anvisa já havia determinado as mesmas proibições às empresas que tinham autorização para importar e vender as próteses mamárias PIP e Rofil. A medida desta sexta, segundo a Anvisa, é para generalizar as restrições e impedir que outras empresas tentem importar esses produtos, cujo uso está proibido no Brasil desde 2010.

Estima-se que cerca de 20 mil brasileiras tenham implantes PIP e Rofil. Em caso de ruptura da prótese, os planos de saúde e o Sistema Único de Saúde (SUS) são obrigados a fazer a troca do implante. Para pacientes com histórico de câncer de mama, a retirada e a substituição também estão garantidas sem custos adicionais.

Fonte Zero Hora

Plano de saúde para professores sai no segundo semestre, diz secretário

O Secretário de Educação do Distrito Federal, Denilson Bento da Costa, reafirmou nesta quinta-feira (8/3) que não haverá reajuste salarial para os professores, assim como para nenhuma outra categoria em 2012. O secretário assegurou, porém, que o plano de saúde, uma das principais reinvindicações da categoria, já está sendo finalizado pela Secretaria de Administração Púbica e será implementado a todos os servidores do GDF no segundo semestre deste ano.

O secretário pediu mais paciência aos professores e disse que o governador Agnelo Queiroz tem o compromisso de melhorar o salário dos professores e reestruturar o plano de carreira assim que o orçamento melhorar. "O governo está dando prioridade para a educação e para os professores. Muita coisa que foi reinvindicada por eles já foi atendida. Eu gostaria que não tivesse greve, que não tivesse falta de professores, mas infelizmente isso depende de recursos financeiros que o GDF não tem", completou Denilson.

De acordo com o secretário, as condições de trabalho dos professores estão melhorando. Como exemplo, ele citou o reajuste de 13,83% dado a categoria em 2011 e a formação de 800 professores pela Universidade de Brasília (UnB), que terá início ainda no primeiro semestre deste ano.

Ao ser questionado sobre a reinvindicação de uma isonomia com as carreiras de nível superior do DF, o secretário alegou que o salário dos professores está defasado há muitos anos e que o governo pretende recuperar essa defasagem, no entanto, disse que não é possível resolver tudo em menos da metade do mandato.

Em relação a greve que vai ser deflagrada na próxima segunda-feira (12/3), o secretário disse que o governo irá respeitar a decisão dos professores, mas que ela irá dificultar as negociações.

Fonte Correio Braziliense

PF faz operação para reprimir aborto ilegal e uso de medicamentos proibidos

Policiais federais cumpriram nesta sexta-feira (9/3) em Mato Grosso 66 mandados judiciais, entre os quais 11 ordens de prisão temporária, durante a Operação Pró-Vita. A ação visa a combater a comercialização de medicamentos ilegais e a prática de aborto em série.

Em cumprimento a 33 mandados de condução coercitiva, acusados de envolvimento nas irregularidades foram levados a vários locais para a obtenção de provas, tendo sido feitas 23 operações de busca e apreensão.

A 2ª Vara Criminal da Comarca de Barra do Garças (MT) expediu os mandados, requeridos pela Polícia Federal (PF). De acordo com a PF, foi decretada a prisão de um médico, de alguns farmacêuticas e de atendentes de farmácias de Barra do Garças. Também foi determinado o sequestro de bens dos investigados.

Os médicos utilizavam medicamentos de uso proibido no país na estrutura do serviço público de saúde em Barra do Garças e praticavam crimes de aborto. Eles também cobravam por atendimentos médicos no hospital municipal, que devem ser gratuitos dentro do Sistema Único de Saúde (SUS). Diversos casos de abortos criminosos foram identificados durante as investigações. A Operação Pró-Vita apreendeu 187 comprimidos do medicamento Cytotec, 260 de Sibutramina, 56 de Desobesi-M, 60 de Xanax, 40 de Rheumazin Forte e 50 de Pramil, todos de uso proibido.

Trabalharam na Operação Pró-Vita 110 policiais federais e cinco servidores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Os mandados judiciais foram cumpridos em Barra do Garças, em Alto da Boa Vista e em Primavera do Leste, em Mato Grosso, e em Goiânia, Aragarças, Baliza e Aparecida de Goiânia, em Goiás. Os presos vão ser encaminhados à Cadeia Pública de Barra do Garças e deverão responder criminalmente pela prática de aborto, comercialização de medicamentos sem registro na Anvisa, peculato, corrupção e formação de quadrilha.

Fonte Correio Braziliense

Como a gestão da logística pode impactar a conta hospitalar

Profissionalizar a gestão de logística de uma instituição de saúde pode aumentar não só a eficiência operacional, mas ser determinante para o faturamento

Organizar toda a cadeia de suprimentos de uma instituição de saúde pode auxiliar não só as equipes assistenciais na hora de utilizar insumos e administrar medicações, mas organizar as contas no momento da cobrança pelo departamento administrativo e, principalmente, reduzir o desperdício e o impacto financeiro com a má utilização dos materiais. No entanto, implementar uma gestão logística eficiente pode significar um grande desafio, tendo em vista a mudança cultural que precisa ser efetuada nas equipes assistenciais e profissionais dos almoxarifados.

Para a diretora de novos negócios da UniHealth, empresa especializada em gestão de logística hospitalar, Mayuli Fonseca, a prática da gestão profissional nesse segmento ainda é muito insipiente e, só nos últimos três anos, o mercado tem mostrado preocupação sobre o assunto, ainda pouco abordado. “Isso é muito preocupante, pois cerca de 50% do custo efetivo de uma instituição de saúde está em materiais e medicamentos. A má gestão desses produtos atinge diretamente os resultados da instituição. Hoje cerca de 40% da receita do hospital é oriunda desses materiais, o que leva essa gestão ineficiente a impactar também no lucro da instituição. O que vemos muito é a falta de foco, ou a gestão sendo realizada de forma manual.”

O primeiro erro cometido pela maioria dos hospitais é a falta de foco nesse tipo de programa . “Normalmente, logística é o último ponto de atenção dos gestores hospitalares, o que acarreta na falta de profissionais qualificados, infraestrutura de armazenagem adequada e a falta de tecnologia e informação específica para esta área”, comenta a executiva. “Em hospitais administrados por médicos onde há um foco muito mais voltado para a área clinica, toda a parte de apoio, como a gestão de suprimentos, fica um pouco defasada, com falta de investimentos e até tecnologia inadequada, a gestão acaba com um custo maior do que o necessário”, completa Mayuli.

Segundo a executiva, a falta de sistemas de informação que atendam as exigências da gestão de suprimentos também merece destaque, pois os softwares de gestão hospitalar possuem módulos de gerenciamento de suprimentos que, geralmente, são chamados de compras e logística e não atendem integralmente a demandas das unidades de saúde, impossibilitando uma gestão eficiente de logística hospitalar.

Para sanar estes gargalos logísticos nos hospitais, uma série desafios precisa ser superada. Para o executivo da LogiMed, empresa brasileira de logística hospitalar, Alexandre Dib, é necessário que ocorra uma quebra de paradigma nessa gestão, onde gestores e administradores de unidades de saúde insistem em colocar profissionais pouco qualificados para gerenciar seus estoques. “Outro fator é a mudança cultural dos profissionais de saúde que precisam entender que não há a necessidade de estocar materiais em postos de enfermagem, escritórios ou centros cirúrgicos uma vez que há controle e abastecimento de acordo com as demandas das equipes.”

Dib explica que a gestão de suprimentos de um hospital vai muito além de agulhas, seringas ou medicamentos. Ela abrange todo tipo de suprimento em uma instituição, desde o papel utilizado para realizar as faturas pelo departamento administrativo até o material que é utilizado nas UTIs ou salas cirúrgicas. “Todas as áreas do hospital são influenciadas pela logística. É óbvio que áreas críticas como as UTIs e centros cirúrgicos possuem um estresse maior em relação ao abastecimento”.

Um estudo realizado pelo pesquisador do Centro de Estudo em Logistica da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) , Peter Wanke, em 2005, apontou que, entre 35% e 50% dos custos em uma organização privada de saúde estão ligados à gestão de estoque.

O diretor geral adjunto da HLL, empresa espanhola especializada em compras e logística hospitalar, Vicente Berzosa, ressalta que uma boa gestão logística impactará diretamente os níveis de estoque, reduzindo o valor do inventário ocioso, eliminando focos de ineficiência como materiais e medicamentos vencidos e custos extras gerados com abastecimentos emergenciais. “Um modelo logístico bem desenhado proporcionará processos mais dinâmicos e seguros, que farão aumentar a produtividade e reduzir os tempos de trabalho nos hospitais.”

Além do impacto operacional causado pela gestão, Mayuli afirma que o bom planejamento dos estoques e sistemas de compras podem não só reduzir o custo do hospital, mas aumentar a rentabilidade da instituição, uma vez que a rastreabilidade dos insumos torna-se eficiente e o desperdício é drasticamente reduzido. “A logística hoje é essencial para o custo de todo o sistema de saúde, quanto melhor a gestão logística melhor o desempenho financeiro desse sistema.”

Na Prática
Localizado na capital paulista, o Hospital Geral da Vila Penteado realiza, em média, 17 mil atendimentos em seu pronto socorro e cerca de 1250 internações por mês. Segundo a gerente de operação, Patricia Lazzarini, antes de adotar um sistema de gestão, o hospital não tinha logistica de suprimentos. “O que existia era um sistema que não contemplava todas a cadeia de abastecimento, e se restringia basicamente a verificação de consumo”.

A gerente explica que, após a decisão de profissionalizar a gestão logística do hospital, a primeira medida tomada foi a construção do inventário com todo material do almoxarifado usado na unidade de saúde, que gira em torno de R$2,8 milhões e possui cerca de 2,5 mil itens.

A principal mudança que percebemos após essa implementação é que o hospital passou a trabalhar com um estoque muito mais enxuto. “Após alguns meses da implementação notamos que anteriormente o hospital trabalhava com mais de 50% do estoque superior há um ano e hoje nós enxugamos isso para evitar desperdício. Atualmente, o giro de nosso estoque ocorre em torno de seis meses devido ao processo de licitação que demora mais ou menos três ou quatro meses.”

Outra mudança apontada por Patrícia foi a redução no desperdício de insumos e o aumento da eficiência das equipes assistenciais, que deixaram de se preocupar com a falta de material.

Fonte SaudeWeb

Casa de Saúde São José implanta avaliação de desempenho por competências

Entre as competências avaliadas estão as organizacionais: foco em resultados, comunicação, foco no cliente, comprometimento, flexibilidade, criatividade e conhecimentos técnicos

Casa de Saúde São José, localizada no Rio de Janeiro, implanta Avaliação de Desempenho por Competências como ferramenta de gestão dos colaboradores. A avaliação tem como principal objetivo desenvolver o funcionário através de uma resposta sobre o seu desempenho na função.

O modelo avalia as competências do profissional no exercício da função, já que cada empresa exige aptidões específicas e determinantes para o bom desenvolvimento de seus processos. Entre as competências avaliadas pela CSSJ estão as organizacionais: foco em resultados, comunicação, foco no cliente, comprometimento, flexibilidade, criatividade e conhecimentos técnicos.

A avaliação do período de 2011 começou em janeiro de 2012 e terminará no dia 20 de março. Até lá, é necessário que todas as três etapas (autoavaliação, avaliação do gestor e consenso) sejam cumpridas. Realizada virtualmente, através de qualquer computador com acesso à Internet, a avaliação é destinada aos colaboradores que trabalham há pelo menos seis meses na instituição e que exerçam a mesma função há três meses.

“O processo de feedback deve ser realizado durante todo o ano, mas é no momento da avaliação de desempenho que o gestor elabora um plano de ação, visando fortalecer os pontos fortes do colaborador e apresentar possibilidades de melhorias em sua performance”, destaca, em comunicado, a consultora de RH da CSSJ, Gláucia Mendes.

Assim como os demais colaboradores, gerentes e diretoria também são avaliados. Os gerentes, pela diretoria, e os diretor executivo, pela Superintendência da ACSC. Nestes casos, e para os demais cargos de liderança (coordenadores, supervisores e profissionais que lideram equipes), além das competências organizacionais, são avaliadas as competências gerenciais: visão sistêmica, planejamento, empreendedorismo e liderança.

“Avaliar as competências auxilia no desenvolvimento dos funcionários de maneira sistemática e estratégica, identificando habilidades, talentos e comportamentos importantes para a empresa. Tudo isso, em uma única linguagem, comum aos líderes. No momento de uma promoção ou desligamento, a avaliação é um dos instrumentos utilizados para auxiliar na tomada de decisão”, explica.

Fonte SaudeWeb

ONA: Entenda a acreditação para serviços de P.A e ambulatório

Casa de Saúde Santa Marcelina, Núcleo de Hematologia e Oncologia e UPA de Imbiribeira são alguns exemplos de estabelecimentos que alcançaram o selo

O Manual Brasileiro de Acreditação da ONA – Organização Nacional de Acreditação, para a certificação dos serviços de ambulatório e/ou pronto atendimento, teve sua primeira edição lançada em 2006 e hoje está em sua segunda revisão.

De acordo com a instituição, foram concedidos para este tipo de organização cerca de 60 certificados nesse período. Atualmente, 40 certificações estão válidas. A Rede Santa Marcelina, com 13 Unidades Básicas de Saúde Acreditados; o Núcleo de Hematologia e Transplante de Medula Óssea e a Unidade de Pronto Atendimento Imbiribeira são alguns exemplos das instituições que atuam nessas áreas e que contam com a acreditação ONA.

A Casa de Saúde Santa Marcelina, de São Paulo, fez a opção de implantar a Gestão da Qualidade como o caminho mais adequado na definição de processos assistenciais. Essa opção contempla a visão da instituição, que tem a meta de reconhecido pela excelência na Atenção Primária à Saúde (APS).

Em Cidade Tiradentes, a rede conta com treze Unidades de Saúde que foram acreditadas entre 2010 e 2011, com todos os processos de trabalho (gerenciais, primário e apoio) mapeados; foi executado também o mapeamento médio de 52 processos por unidade de saúde, com um total de 95% dos colaboradores sensibilizados e capacitados para o processo de qualidade na instituição Santa Marcelina.

Segundo a instituição, com esse mapeamento foi possível melhorar a qualidade na assistência eliminando situações de retrabalho, tornando mais claras as operações,

Núcleo de Hematologia e Oncologia
Certificado no nível 2 em fevereiro de 2010 e recém alcançado o nível de Excelência, o Núcleo de Hematologia e Oncologia de Minas Gerais foi criado em 1997 com o objetivo oferecer um tratamento diferenciado na atenção médica aos pacientes com doenças hematológicas e oncológicas, propiciando também a alternativa de transplante de medula óssea para pacientes particulares e do sistema de saúde suplementar.

Para isso, desde o início do processo de Acreditação ONA, seu corpo clínico passou de 20 médicos em 2009 para 26 em 2011, o que significa um aumento de 30%. Houve também um aumento de 41% no quadro funcional; crescimento de 62% na receita e ampliação de 50% dos leitos em função do aumento da demanda em 40%.

De acordo com a responsável pela área administrativa do Núcleo, Wanda Roenick, houve 67 ações de melhorias implantadas em 2010 e 79 em 2011, o que resultou na média de 96,38% na pesquisa de satisfação de cliente externo em 2011 e de 95,21% entre clientes internos, contra a porcentagem de 75,04% na pesquisa anterior.

O processo de acreditação incluiu também a implantação do sistema de gestão de riscos, que resultou em diversas melhorias voltadas para segurança do paciente, entre elas o dispositivo móvel para checagem da medicação através do código de barras e processo diferenciado de etiquetagem de medicamentos perigosos.

UPA de Imbiribeira
A Unidade de Pronto Atendimento Maria Esther Souto de Carvalho, IPAS-UPA da Imbiribeira é gerida pelo IPAS- Instituto Pernambucano de Assistência e Saúde. Inaugurada em 26 de março de 2010 e possui a certificação de qualidade ONA nível 02. Seu atendimento é de 500 pacientes, 24 horas por dia, focado nas especialidades de Clinica Médica, Pediatria e Ortopedia, além de exames laboratoriais, raios-X e Eletrocardiograma para apoio aos diagnósticos.

Segundo a coordenadora gerral dessa UPA, a instituição adotou a prioridade de atendimento pela gravidade do paciente, onde o tempo de atendimento é todo mapeado através de indicadores de desempenho do processo. A Unidade opera com prontuário eletrônico 100% implantado. Com estas melhorias a UPA Imbiribeira conseguiu atender 153.556 pacientes, apenas em 2011, sendo 80.787 na especialidade clinica médica, 42.888 na ortopedia e 29.131 na pediatria. Em 2010, o total de atendimento foi de 120.891 de pacientes.

Fonte SaudeWeb

Gel contra HIV mostra eficácia após primeiros testes

O microbicida, como é chamado produto é uma das abordagens da medicina para reduzir a transmissão do HIV pelo sexo

Um gel contra o HIV feito para ser usado no reto foi considerado seguro e aceitável após uma primeira fase de testes. O produto ainda precisa passar por outras duas fases de testes mais abrangentes antes de ser lançado no mercado. As informações são do site G1.

O tenofovir é um antirretroviral, que já é usado contra a Aids na forma de comprimidos ou de gel vaginal. O microbicida, como é chamado o gel usado com essa finalidade, é uma das abordagens da medicina para reduzir a transmissão do HIV pelo sexo.

O produto que está sendo testado é uma versão do gel vaginal com menos glicerina, o que o deixa mais adaptado para o reto. Sem proteção, o risco de transmissão do HIV pelo sexo anal é até 20 vezes maior que pelo sexo vaginal.

O estudo foi feito com 65 homens e mulheres em três pontos diferentes dos EUA. Alguns usaram o gel e outros usaram outros produtos, como base de comparação. Apenas 18% dos participantes apresentaram efeitos colaterais significativos, e 87% dos que usaram o produto disseram voltariam a utilizá-lo no futuro.

Segundo um dos responsáveis pelo estudo clínico, Ian McGowan, os resultados mostram que a versão adaptada ao reto do tenofovir foi mais bem tolerada do que a fórmula vaginal, quando usada no reto.

Fonte SaudeWeb

Anvisa interdita lotes de medicamentos

Entre as interdições estão: anticoncepcional Ciclofemme Drageas, Valerimed e Mabthera

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou nesta quarta-feira (07), no Diário Oficial da União (DOU), a interdição cautelar, em todo o país, do lote 3CG11 do anticoncepcional Ciclofemme Drageas (Levonorgestrel 0,15mg+Etinilestradiol 0,03mg). O medicamento, fabricado pela empresa Cifarma Científica Farmacêutica apresentou resultado insatisfatório no ensaio de Análise de Aspecto.

Também foi interditado cautelarmente o lote 3387 do medicamento Valerimed (Valeriana Officinalis L.) 0,4mg comprimidos. O medicamento do fabricante Cimed Indústria de Medicamentos, apresentou resultado insatisfatório nos ensaios de Análise de Rotulagem e Teor de Ácidos Valerênicos.

As interdições cautelares valem pelo período de 90 dias após sua data de publicação no DOU. Durante esse tempo os produtos interditados não devem ser consumidos e nem comercializados.
Falsificação
Já o lote B6038 do medicamento Mabthera 500 mg/50ml (Rituximabe) foi proibido de distribuição, comércio e uso em todo o país, por se tratar de falsificação. O medicamento original foi fabricado em 2008 e no rótulo do falsificado consta fabricação em 2010. A comunicação de suspeita de falsificação foi feita pela própria fabricante (Roche Produtos Químicos e Farmacêuticos) à Anvisa.

Fonte SaudeWeb

PAC 2 apresenta alta execução de contratações na Saúde

Projeto alcançou com 99% de execução tanto da adoção das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) quanto das Unidades de Pronto Atendimento 24 Horas (UPAs) em 2011

A área da saúde ganhou destaque no eixo Comunidade Cidadã na segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento, o PAC 2, com 99% de execução tanto da contratação das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) quanto das Unidades de Pronto Atendimento 24 Horas (UPAs) em 2011. Somados os recursos investidos em UBSs e UPAs, o valor chegou a R$ 780,5 milhões.

Os números foram divulgados nesta quarta-feira (7) no balanço do programa, feito pelos ministros do Planejamento, Miriam Belchior, e da Fazenda, Guido Mantega. A cerimônia contou com a participação da secretária-executiva do Ministério da Saúde, Márcia Amaral, e dos demais ministros das pastas que possuem ações vinculadas ao programa.

O primeiro ano do PAC 2 foi concluído com o investimento total de R$ 204,4 bilhões em projetos nas áreas de logística, energética, social e urbana, ao longo de 2011, pelo governo federal. O valor corresponde a 21% do previsto para o período 2011-2014, que é de R$ 955 bilhões. A contrapartida de estados e municípios ao programa foi de R$ 800 milhões.

Na área da saúde, das 2.105 UBSs selecionadas, 99% já foram contratadas, somando investimento de R$ 557,9 milhões. Esses recursos do Ministério da Saúde beneficiam 1.156 municípios nos 26 estados e no Distrito Federal. Até 2014, os investimentos federais em UBSs devem chegar a R$ 2,26 bilhões.

Ainda foram contratadas 99% das 117 UPAs previstas no programa, cujo investimento alcançou a cifra de R$ 222,6 milhões. Até 2014, o valor a ser aplicado pelo ministério em UPAs deve alcançar a casa de R$ 1 bilhão.

O eixo Comunidade Cidadã do PAC 2 investe recursos nas áreas de saúde, esporte, cultura e lazer voltados à maior qualidade de vida da população. Até 2014, estão previstos R$ 16,6 bilhões nesse eixo específico.

De forma geral, o valor total das ações concluídas do PAC 2 é de R$ 142,8 bilhões. Desse montante, R$ 127 bilhões foram realizados em 2011, o que representa 17,9% do previsto para conclusão até 2014 (R$ 708 bilhões).

Fonte SaudeWeb

Unasul e Isags expressam novo ordenamento mundial da Saúde, diz Temporão

Após giro pela América do Sul, tendo visitado países como Argentina, Colômbia, Equador, Paraguai e Venezuela, o ex-ministro da Saúde, José Gomes Temporão, fala sobre a integração da região

Entre quarta-feira (7) e quinta-feira (8), o Conselho Consultivo do Instituto Sul Americano de Governo em Saúde (Isags) teve sua primeira reunião formal. Esse processo, analisa o diretor-executivo do Isags, José Gomes Temporão, representa uma mudança do papel da saúde na agenda das relações internacionais e a nova posição que as questões sociais alcançaram nos últimos anos na América do Sul.

“A saúde avançou em tal grau no continente sul-americano que lhe permitiu estabelecer uma política integrada e uma proposta de um instituto que é absolutamente inovador de qualquer ponto de vista”, aponta.

No dia 9, o Isags será sede da reunião da Secretaria da Presidência Pro Tempore da Unasul-Saúde com as diversas redes e grupos técnicos que fazem parte desse esforço continental de melhorar a saúde dos sulamericanos.

“A Unasul-Saúde e o Isags vêm cumprir um papel muito importante não só de integração continental, ou seja a saúde como um fator de integração continental, mas também a possibilidade que isso abre para o aperfeiçoamento das políticas de saúde no continente, dentro de uma visão moderna, uma visão que eu vou chamar de progressista em saúde pública”, explica.

Após um giro que contou com visitas a Argentina, Colômbia, Equador, Paraguai e Venezuela, Temporão mostra-se satisfeito com a receptividade dos diferentes ministros e corpos diplomáticos. “Discutimos a importância da plena institucionalização do instituto”, conta.

Nos últimos meses, o senhor esteve na Argentina, na Colômbia, no Equador, no Paraguai e na Venezuela para apresentar os avanços do Isags. Quais foram esses avanços?
Na realidade, essa viagem teve múltiplos objetivos. O primeiro foi fazer uma apresentação do que o Isags vem desenvolvendo nesse menos de um ano de funcionamento. Segundo, discutir a importância e a necessidade de algumas medidas no sentido da plena institucionalização do instituto, ou seja, a assinatura do acordo de sede entre a Unasul e o governo brasileiro para que o Isags possa ter personalidade jurídica, e também a aprovação dos estatutos do Isags pelos chanceleres, que vão aprová-los em nome dos presidentes da república. Assinado o acordo de sede e aprovados os estatutos, o Isags transforma-se de um projeto apoiado pelo governo brasileiro em um organismo internacional dentro da Unasul. Então, a visita a esses países teve este duplo objetivo: prestar contas e estabelecer contatos, mas também trabalhar para que estas duas etapas imprescindíveis sejam cumpridas o mais rápido possível. O terceiro objetivo da viagem foi pedir apoio dos ministros destes cinco países para a aprovação da proposta de orçamento do Isags para o período de 2013 a 2015. Todos os recursos até agora alocados no projeto Isags foram doados pelo governo brasileiro, mas eles são suficientes apenas para manter as atividades do instituto até dezembro deste ano. Então, a partir de janeiro, nós já estaríamos trabalhando com o orçamento aprovado, que já foi apresentado, e com cotas de participação por país. A proposta é que nós utilizemos o mesmo critério que se usa hoje para o financiamento da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas). Do ponto de vista prático, 75% desses recursos seriam aportes do Brasil e da Argentina.

Como foram as conversas, a receptividade dos países em relação ao projeto Isags? Que tipos de curiosidades e perguntas foram feitas sobre o projeto? Ainda existe um desconhecimento ou o projeto já é conhecido no ponto de vista da saúde? Como o senhor avalia a sua presença nesses países?
Como o Isags é um projeto muito novo, por um lado isso faz com que cada ministro tenha uma certa visão sobre seu papel e sua função, mas, por outro lado, como nos últimos anos há certa estabilidade de ministros, como, por exemplo, na Argentina é o mesmo, no Uruguai é o mesmo, no Paraguai é o mesmo, na Colômbia é o mesmo; então, a maioria deles tem um conhecimento bastante claro da proposta do Isags, do projeto, do plano quinquenal do Unasul-Saúde, em que o Isags trabalha em cima dos cinco pontos: sistemas universais, determinantes sociais, recursos humanos, vigilância em saúde e acesso à medicamentos. Porém, claro que o enfoque varia, na Colômbia por exemplo a ministra enfatiza a importância de nós trabalharmos na questão de gestão e avaliação de tecnologias em saúde, também acesso a medicamentos, que é um tema comum. Um tema que vem surgindo é a questão de recursos humanos, ou seja como garantir que profissionais formados nos países da América do Sul possam exercer sua profissão em vários países, porque existe uma série de restrições legais e políticas que muitas vezes impedem que médicos de determinado país possam exercer sua profissão em outro. Outro tema muito demandando é a formação de recursos humanos, como treinamento e capacitação. Eu também chamaria atenção para o tema dos determinantes sociais, no sentido de como construir políticas intersetoriais transversais integrando várias dimensões e várias políticas de como atuar sobre o que determina o padrão de adoecimento e de morte nos países da América do Sul.

O Conselho tem um plano quinquenal de trabalho e o Isags propõe um plano trienal de trabalho. Para esclarecer, por que dois planos e como um pode colaborar com o outro?
Na realidade o plano que prevalece é o plano quinquenal da Unasul-Saúde que foi aprovado pelos ministros. O do Isags se insere dentro desse plano quinquenal, mas ele abre novas perspectivas e novas possibilidades dentro das atribuições específicas do Isags, ou seja, não são coisas paralelas, são coisas que se integram. Nas cinco áreas temáticas, os ministros definiram que tipo de atividades e estratégias o Isags vai cumprir, esse é o objetivo do plano trienal do Isags.

Como o ISAGS pode articular e facilitar as ações do conselho?
Basicamente atuando junto e integrado com as redes e com os grupos de trabalho, e nós vamos ter uma reunião nos próximos dias. A estrutura da Unasul-Saúde é composta por cinco grupos, cada grupo para uma das áreas prioritárias, esses grupos são multi países, ou seja cada um é composto por vários países. E de outro lado existem as redes: rede sul-americana de escolas de saúde pública, rede sul-americana de institutos, rede de institutos nacionais de câncer, rede de escolas técnicas em saúde e rede de relações internacionais e saúde, então, a ideia é que o Isags funcione como um fomentador, potencializador do trabalho dessas redes e grupos de trabalho. De outro lado, um papel muito importante do Isags é o de colocar à disposição dos ministérios da saúde as melhores evidências e experiências de determinado país como algo que possa ser contextualizado em uma nova realidade socioeconômica e ser útil ao ministério de outro país. E também como disponibilizar as melhores evidências científicas e melhores evidências técnicas para que os ministérios da saúde possam utilizar e aperfeiçoar suas políticas públicas. Isso é o que nós chamamos de gestão do conhecimento, e talvez seja uma das áreas mais importantes em que o Isags vai atuar.

Quais são os desafios que a globalização coloca para a equidade na saúde e como o Isags pode colaborar?
Este talvez seja um dos temas mais importantes porque o próprio desenvolvimento assimétrico das economias, as relações de poder são distintas, o grau de desenvolvimento dos países, a capacidade de se investir em saúde, o grau de desigualdade interno, tudo isso é muito heterogêneo e muito diferenciado. Queria destacar duas coisas importantes aqui na América do Sul nos últimos anos. Primeiro a consolidação das democracias da América do Sul, e segundo o fato de que essas democracias colocaram as políticas sociais como prioridades nacionais. Este, vem tendo um impacto muito importante na redução da mortalidade infantil e na redução das desigualdades, mas nós ainda estamos muito longe quando olhamos para países desenvolvidos, como França, Inglaterra, entre outros. Ou seja, a América do Sul ainda expressa um padrão de desigualdade muito grande. Por outro lado, a saúde hoje é olhada com uma nova visão, ou seja, não estamos falando apenas de assistência médica ou de consumo de medicamentos, estamos falando de relações entre blocos econômicos onde questões econômicas ganham tanta relevância quanto questões sanitárias, por exemplo, todas as disputas referentes a patentes na Organização Mundial do Comércio, o fato de que o fenômeno da globalização também faz com que o trânsito de pessoas e de mercadorias possam transportar vetores de doenças de um lado para o outro, como foi o exemplo da gripe H1N1, que há três anos atrás assustou todo mundo. Por outro lado, isso também traz uma série de instrumentos novos que podem ajudar esses países a reduzir sua dependência e suas diferenças, como a integração entre países, as mudanças propostas na governança global, ou seja, na maneira como a OMS funciona, como a Opas funciona, o próprio surgimento Unasul-Saúde e do Isags expressa essas mudanças. A saúde avançou em tal grau no continente sul-americano que lhe permitiu estabelecer uma política integrada e uma proposta de um instituto que é absolutamente inovador de qualquer ponto de vista.

Existem outros institutos, outras organizações de saúde no Mercosul e nas américas. Como o Isags se coloca em relação a esses outros organismos? Existe algum conflito de atuação? Como o senhor avalia isso?
Não, eu vejo mais no sentido da colaboração, mas acho que a Unasul-Saúde e o Isags vêm cumprir um papel muito importante não só de integração continental, ou seja, a saúde como um fator de integração continental, mas também a possibilidade que isso abre para o aperfeiçoamento das políticas de saúde no continente, dentro de uma visão moderna, uma visão que eu vou chamar de progressista em saúde pública. Então não vejo conflito, pelo contrário eu vejo que a Unasul-Saúde e o Isags tem todo o interesse em trabalhar e desenvolver estratégias de trabalho comum com a União Europeia, com a Organização Mundial de Saúde, com a Organização Pan-Americana de Saúde, e com outras instituições multilaterais.

Nos dias 7 e 8 de março, houve reuniões do Conselho Consultivo do Isags e, no dia 9, das Redes e Grupos Técnicos com a Presidência Pro Tempore. Quais são as expectativas para este encontro?
Essa é a primeira reunião formal do Conselho Consultivo, então é uma reunião institucional. O Conselho Consultivo tem um papel muito importante, ele é composto exatamente pelas Redes e pelos Grupos de Trabalho, e nesta reunião nós vamos apresentar a proposta do plano trienal do Isags e a ideia é que esse plano possa ser debatido, discutido, criticado e aperfeiçoado para que nós possamos, a partir destas contribuições do Conselho Consultivo, levar uma nova versão ao conselho de ministros durante o dias 19 e 20 de abril, em Assunção, para que esse plano possa ser apresentado ao conselho de ministros e aprovado. Então, esse encontro do Conselho Consultivo vem cumprir uma função formal, porque ela está nos estatutos do Isags, mas também política fundamental.

Fonte SaudeWeb

Concurso Caruaru 2012: prefeitura publica edital

Acaba de ser aberto o maior concurso público de Caruaru, cidade pernambucana por muitos lembrada como sendo a "capital do forró" e pela famosa "feira de Caruaru". O certame é para o preenchimento de 1.406 vagas nos órgãos da Administração Direta e nas Autarquias, além de formação de cadastro reserva em todos os níveis de escolaridade. Confira cada um dos editais ao final desta matéria.

Cargos

Para nível superior, há um total de 415 vagas aguardando preenchimento nos cargos de agrônomo, arquiteto, assistente social, contador, administrador, biomédico, enfermeiro, engenheiro, farmacêutico, fisioterapeuta, médico em diversas especialidades, odontólogo, nutricionista, psicólogo, turismólogo, veterinário e sanitarista. Para cargos do ensino fundamental são 320 vagas, enquanto para médio e técnico estão sendo disponibilizadas 482 vagas, entre elas auxiliar de serviços administrativos, agente administrativo, auxiliar de serviços gerais, digitador, motorista, técnico em enfermagem, auxiliar de educação, operador de reprografia, merendeira, porteiro e servente.
A Central de Abastecimento de Caruaru (Ceaca) será contemplada com 19 cargos e mais 170 serão lançados para Agentes Comunitários de Saúde. Vale acrescentar que na área da Saúde serão contratados 52 clínicos gerais, 28 médicos reguladores do SAMU, 43 médicos da família que atendem nos PSF's da cidade e zona rural, 52 pediatrias e mais 260 médicos de várias especialidades, entre as quais geriatra, cardiologia, ginecologia, obstetrícia, neonatologia, urologia, cirurgia vascular, otorrino, anatomopatologia, dermatologia, endocrinologia, hepatologia, infectologia, mastologia, nefrologia, neurologia, pneumologia, reumatologia, utrasonografia e médico auditor.
A faixa remuneratória desses cargos está entre R$ 622,00 e 10 mil.

Inscrições

Pela internet, as inscrições podem ser realizadas pelo site da organizadora IPAD (http://www.ipad.com.br/), começando a partir das 16h do dia 08 de março e finalizando às 23 horas e 59 minutos do dia 08 de abril de 2012.
As taxas de inscrição variam de 45 a 65 reais, dependendo do cargo.

Provas

Todos os inscritos farão provas objetivas, estando os conteúdos programáticos listados nos anexos dos respectivos editais. A data de aplicação dessas provas poderá ser 13 de maio, 03 de junho ou 10 de junho de 2012, de acordo com o cargo escolhido e serão realizadas em Caruaru e Recife.

Editais Concurso de Caruaru

Concurso Prefeitura de Resende - RJ 2012

Interessados em ingressar na carreira pública municipal da Prefeitura de Resende, no Rio de Janeiro, têm até o dia 25 deste mês (março) para concorrer a essa oportunidade. É que foram publicados os editais (001/2012, 002/2012, 003/2012, 004/2012, 005/2012 e 006/2012) do concurso público que oferece 393 novas vagas em diversos setores da Administração Pública.
Podem participar candidatos dos níveis fundamental, médio/técnico e superior, os quais, em sendo aprovados e admitidos, poderão fazer jus a um vencimento entre R$ 724,65 a até R$ 2.101,48.
Confira os cargos
Edital Nº 001/2012
Auxiliar Odontológico, Bombeiro Hidráulico, Eletricista, Carpinteiro, Jardineiro, Lanterneiro, Mecânico de Auto, Mecânico de Máquinas Pesadas, Motorista, Operador de Máquinas Pesadas, Pedreiro, Pintor, Serralheiro, Soldador e Vigilante Sanitário.
Edital Nº 002/2012
Cuidador Saúde Mental, Fiscal Ambiental, Fiscal de Urbanismo, Maqueiro, Monitor de Creche em Educação Infantil, Professor Docente 1, Professor Docente II, Técnico de Almoxarifado, Técnico de Arquivo, Técnico de Edificações, Técnico de Farmácia, Técnico de Laboratório, Técnico de Processamento de Dados, Técnico de Radiologia - Habilitação em Mamografia, Técnico de Radiologia - Habilitação em Tomografia, Técnico em Gestão Escolar, Técnico em Multimeios Didáticos, Técnico em Prótese Dentária, Técnico em Química, Técnico em Saúde Bucal e Técnico de Enfermagem - Plantão.
Edital Nº 003/2012
Analista de Sistemas, Bibliotecário, Educador Ambiental, Engenheiro Civil, Engenheiro Florestal, Engenheiro Químico, Fiscal das Relações de Consumo, Fiscal de Tributos, Fiscal Sanitário (nas especialidades: Odontólogo, Nutricionista, Médico Veterinário, Médico, Farmacêutico, Engenheiro Sanitário, Enfermeiro, Arquiteto), Fonoaudióloga, Médico (nas especialidades Alergologista, Anestesista, Angiologista, Cardiologista, Cirurgião Geral, Cirurgião Vascular, Cirurgião - Plantão, Cirurgião Pediátrico - Plantão, Clínico Geral, Clínico Geral - Plantão, Clínico Geral - PSF, Dermatologista, do Trabalho, Endocrinologista, Gastroenterologista, Ginecologista Obstetra, Intensivista, Legista, Neurocirurgião - Plantão, Neurologista, Neuropediatra, Oftalmologista, Ortopedista, Ortopedista - Plantão, Otorrinolaringologista, Pediatra, Pediatra Plantão, Pneumologista, Proctologista, Psiquiatra, Psiquiatra Plantão, Radiologista, Ultrassonografista), Museólogo, Odontopediatra, Professor IV (Ciências, Geografia, História, Matemática, Música, Música - Contrabaixo Acústico (upright bass), Música - Violino, Música - Violoncelo), Supervisor Educacional e Supervisor Pedagógico.
Edital 004/2012
Agente de Defesa Civil, Guarda Municipal - Masculino e Guarda Municipal - Feminino.
Edital 005/2012
Professor IV - Educação Física de nível superior.
Edital 006/2012
Médico Perito e Técnico Previdenciário
Como se inscrever
A inscrição será feita através do site da Fundação BIO-RIO, organizadora do certame, até o dia 25 de março de 2012. O endereço da Fundação é http://concursos.biorio.org.br/ e a taxa a ser paga poderá ser R$ 5,00 a R$ 25,00.
Há também um posto de inscrição com computadores conectados, alocado na Rua Augusto Xavier de Lima, Jardim Jalisco - Resende/RJ, ao lado da Entrada da Prefeitura, em frente ao Colégio Salesiano no Estádio do Trabalhador. Lá, os interessados terão até o dia 23 de Março de 2012 para se inscrever, no horário das 09h00min às 12h00min e das 13h3Omin às 16h00min, de 2ª à 6ª feira.
Provas
Independente de qual seja a opção por cargo, todos farão prova objetiva, porém em datas diferenciadas. A prova objetiva dos concorentes aos cargos listados nos editais 01/2012 e 004/2012 terá 3 horas de duração e será realizada provavelmente no dia 15 de abril de 2012 pela manhã, em locais definidos e divulgados até o dia 03 de abril de 2012. A divulgação do gabarito será feita no dia 16 de abril de 2012.
As provas objetivas para os candidatos aos cargos constantes dos editais 002/2012, 003/2012 e 005/2012 estão previstas para o dia 22 de abril de 2012, em locais definidos e divulgados até o dia 13 do mesmo mês, sendo divulgados os gabaritos preliminares no dia 23 de abril de 2012. Farão prova na mesma data os candidatos aos cargos de Técnico Previdenciário e Médico Perito (Edital 006/2012), com duração de 4 horas.
As provas serão realizadas na própria cidade de Resende e todos os candidatos deverão acessar a página da organizadora previamente, para confirmarem as informações sobre estes eventos.
Após a divulgação das homologações finais, o concurso valerá por dois anos, mas pode ser prorrogado por igual período.
Confira os Editais

Concurso Prefeitura de Jambeiro (SP)

A Prefeitura de Jambeiro, Estado de São Paulo, lançou edital de concurso público para o preenchimento das vagas existentes de seu quadro permanente de pessoal e das que sobrevierem durante a validade do certame. O concurso será realizado sob a responsabilidade da Aempresa GIRH - Assessoria e Gestão Integrada em Recursos Humanos.

São ofertadas 38 vagas para cargos de nível fundamental, médio e superior, com salários de até R$ 2.735,07, para carga horária de 20 a 44h semanais. Ficam asseguradas 5% das vagas para os portadores de Deficiências.

Cargos
- Nível Superior: Bibliotecário (1), Farmacêutico (1), Fisioterapeuta (1), Procurador Municipal (1), Professor de Ensino Fundamental I (3), Professor de Ensino Fundamental II - Educação Física (1);

- Nível Médio: Agente Administrativo (10), Agente de Vigilância em Saúde (1), Auxiliar de Enfermagem (1), Fiscal de Posturas e Estética Urbana (1), Inspetor de Alunos (2), Secretário Conselho Tutelar (1), Secretário de Escola (2), Secretário JSM (1), Técnico de Segurança do Trabalho (1);

- Nível Fundamental: Agente Comunitário de Saúde (1), Eletricista (2), Vigilantes (2);

- Nível Fundamental Incompleto: Ajudante Geral (2), Auxiliar de Cozinha (1), Operador de Máquinas Pesadas (Retroescavadeira, Motoniveladora, Pá Carregadeira) (1), Operador de Rolo Compactador (1), Tratorista I (1).
Inscrições e Taxas
As inscrições estão abertas até o dia 09 de março de 2012, no horário das 10:00 às 12:00 e das 13:00 às 15:00 horas, na sede da Prefeitura Municipal de Jambeiro, à Rua Cel. João Franco de Camargo, 80 - Centro. As taxsa variam de R$ 20,00 a R$ 50,00 de acordo com o cargo escolhido.
Provas e Validade
A data, local e horário das provas prática serão divulgados com antecedência mínima de até 3 (três) dias antes, na Prefeitura Municipal de Jambeiro, em jornal de grande circulação e no site http://www.jambeiro.sp.gov.br/.

O concurso será válido por 02 anos, contados da data de sua homologação, podendo ser prorrogado por igual período, a critério da Prefeitura Municipal de Jambeiro.

Prefeitura de Peritiba (SC) lança edital de processo seletivo

A Prefeitura de Peritiba, Estado de Santa Catarina, lançou extrato do edital Nº 05/2012 de processo seletivo para preenchimento de 04 vagas em cargos de níveis fundamental, médio/técnico e superior, com carga horária de 20 e 40 horas semanais.

Cargos: Agente Comunitário de Saúde, Farmacêutico e Técnico em Enfermagem.

Inscrições: As inscrições serão realizadas via internet entre 08 e 22 de março de 2012 no seguinte endereço eletrônico http://www.inovaconcursos.com.br/.

Provas: As provas estão previstas para 01 de abril de 2012.
Maiores informações junto à Prefeitura de Peritiba/SC, pelos sites http://www.inovaconcursos.com.br/ e http://www.peritiba.sc.gov.br/.

Concurso Prefeitura de Caraguatatuba - SP

A Prefeitura de Caraguatatuba, Estado de São Paulo, através da empresa FADEMS, publicou edital Nº 01/2012 de concurso público, para preenchimento de cargos e  cadastro reserva. Haverá 301 vagas para profissionais de níveis médio e superior, com salários de até R$ 1.482,35, por jornadas de trabalho de 30 e 40h semanais.

Inscrições
As inscrições ficarão abertas das 10 horas de 12 de março até às 23h59min de 25 de março de 2012, devendo ser efetuadas pela internet no site http://www.fadems.org.br/.

Cargos e Taxas
- Auxiliar de Desenvolvimento Infantil, Técnico de Contabilidade e Topógrafo - R$ 40,00;
- Bibliotecário, Contador, Fonoaudiólogo e Terapeuta Ocupacional - R$ 60,00.

Provas
As provas serão aplicadas na Estância Balneária de Caraguatatuba e a previsão para realização das mesmas é 22 de abril de 2012 (domingo).

As informações sobre datas, horário(s) e local(is) para a realização das provas serão divulgadas, por meio de Edital de Convocação, sendo de inteira responsabilidade do  candidato o acompanhamento das publicações, por meio de publicação no Jornal Expressão Caiçara dos sites http://www.caraguatatuba.sp.gov.br/ e http://www.fadems.org.br/; ou  -  de listagem afixada no Paço Municipal, localizado  à Rua Luiz Passos Junior, 50  - Centro - Caraguatatuba, Estado de São Paulo, no horário das 9 às 16 horas, de segunda a sexta-feira.

Validade
O prazo de validade do concurso será de 2 anos, contado da data da  sua homologação, podendo ser prorrogado, a critério da Prefeitura Municipal da Estância Balneária de Caraguatatuba, uma única vez e por igual período.  

Concurso Prefeitura de Colorado (PR) 2012

Estão abertas até dia 15 deste mês as inscrições para o concurso público e o processo seletivo da Prefeitura de Colorado, Estado do Paraná. A seleção visa o preenchimento de 60 vagas de nível fundamental, médio e superior, com salários que variam entre R$620 e R$ 8.129,73 e carga horária de 20 e 40 horas semanais.
Cargos: Agente de Combate às Endemias, Psicólogo, Médico, Analista de Desenvolvimento Econômico e Social, Assistente de Administração, Assistente em Informática, Assistente Social, Auxiliar Técnico de Administração, Bibliotecário, Farmacêutico, Gari, Meio Oficial, Mestre de Obras, Motorista, Nutricionista, Operador de Máquinas, Operário, Professor, Técnico em Informática e Técnico em Saneamento.
As inscrições serão realizadas na Agência do Trabalhador, situada na travessa José Pâmio, nº 41, centro, das 08h00min às 11h30min horas e das 13h30min às 17h00min horas (exceto sábados, domingos e feriados).
As taxas de inscrições são de:
Nível fundamental: R$ 35,00 e 45,00;
Nível médio: R$ 50,00;
Nível superior: R$ 50,00 e 100,00.

A prova objetiva está prevista para 25 de março de 2012, das 09h00min às 12h00min horas, em local a ser divulgado através do edital de homologação das inscrições, a partir do dia 16 de março de 2012.
Os gabaritos oficiais serão divulgados na sede da Prefeitura de Colorado em até 03 dias úteis após a realização da prova objetiva.
Será aplicada avaliação de títulos, para os candidatos aprovados nas provas escritas, para o cargo de Professor.
Será aplicada prova prática, somente aos candidatos aprovados na prova escrita, para os cargos de Operador de Máquinas.
A validade do concurso público e do processo seletivo será de 02 anos, contados da data de sua homologação, podendo ser prorrogado uma vez, por igual período.

Concurso Prefeitura de Bonito (PA) 2012

Foi divulgado resumo do edital (nº. 001/2012) para realização de concurso público da Prefeitura de Bonito, Estado do Pará. O concurso visa o preenchimento de 197 vagas, sendo 88 imediatas e 109 para formação de cadastro reserva.
As inscrições serão realizadas no período entre 19 de março e 13 de abril de 2012, através do site http://www.institutoagata.com.br/.

Maiores informações no site do Instituto Ágata - http://www.institutoagata.com.br/.

Concurso de Bom Jardim (RJ) oferece 97 vagas

O Município de Bom Jardim, Estado do Rio de Janeiro, por meio do Prefeito Municipal, Câmara Municipal e o Bom Previ, avisa à todos da realização de concurso público. O concurso é destinado ao preenchimento 97 vagas de nível fundamental, médio e superior, com remuneração de até R$3.300,00 e carga horária de 20 e 40 horas semanais.
Pessoas com necessidades especiais poderão concorrer às vagas especialmente reservadas às mesmas, no percentual de 10% conforme disposto na lei Orgânica do Município.
As inscrições serão efetuadas até o dia 16 de março de 2012, na Casa da Cultura Prefeito Mário Nicoliello, situada na Av. Péricles Correa da Rocha, 190, Centro, Bom Jardim e através do site http://www.incp.org.br/.
As taxas de inscrições são de R$ 30,00 e 40,00 (nível fundamental), R$ 50,00 (nível médio) e R$ 65,00 (nível superior).
A prova objetiva está prevista para 15 de abril de 2012, em local e horário a serem divulgados na confirmação do cartão de inscrição (CCI), disponível nos dias 29 e 30 de março de 2012, através do site http://www.incp.org.br/.
Os gabaritos das provas objetivas serão divulgados a partir das 18 horas do dia 17 de abril de 2012.
A prova prática será realizada na cidade de Bom Jardim em local que será publicado em jornal encarregado das publicações oficiais e no site da http://www.incp.org.br/.
O concurso público terá validade de 02 anos, a contar da data de publicação da homologação do resultado final, prorrogável uma vez, a critério do chefe do poder executivo e do legislativo, por igual período, se houver candidatos aprovados e ainda não nomeados.

Saiba mais

Concurso Prefeitura de Jacareacanga - PA 2012

A Prefeitura de Jacareacanga, localizada no sudoeste paraense e a 2.000 km de Belém - realizará concurso público destinado ao preenchimento de 405 vagas para o quadro de pessoal efetivo dos níveis: superior, médio, fundamental completo e fundamental incompleto. Salários são de até R$ 2.417,10.
Cargos
-Nível Fundamental - Auxiliar de Serviços Gerais, Coveiro, Vigia, Merendeira, Servente, Jardineiro, Gari, Piloto de Lancha, Auxiliar Administrativo, Auxiliar de Mecânico, Auxiliar Operacional, Motorista, Piloto de Embarcação Escolar, Recepcionista de Consultório e Operador de Máquina;
- Nível Médio/Técnico - Assistente Administrativo, Almoxarife, Mecânico, Eletricista Predial, Eletricista de Autos, Fiscal de Meio Ambiente, Fiscal de Tributos, Técnico em Contabilidade, Técnico em Enfermagem, Técnico em Microscopia, Técnico em Patologia Clínica, Técnico Agropecuária, Técnico em Zootecnia, Técnico em Floresta, Técnico em Informática, Técnico Em Radiologia, Técnico em Gestão Escolar, Técnico em Multimeios Didáticos, Técnico Meio Ambiente e Infraestrutura Escolar e Técnico em Alimentação Escolar;
-Nível Superior - Odontólogo, Assistente Social, Nutricionista, Médico-Cirurgião, Médico Pediatra, Administrador - Gestão Hospitalar, Engenheiro Civil, Enfermeiro, Psicólogo, Biomédico, Geólogo, Administrador, Biólogo, Pedagogo - Técnico, Professor Educação Infantil, Professor - Séries Iniciais 1ª a 4ª Séries, Professor nas disciplinas de Letras, Matemática, História, Geografia, Educação Física e Inglês.
Inscrições
O concurso realizará inscrições na modalidade presencial em Jacareacanga (PA) e na modalidade online. As inscrições pela internet devem ser efetuadas aqui no site da realizadora do certame, Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (Fadesp). As inscrições seguem abertas até às 18 horas do dia 06 de abril de 2012.
O candidato, que escolher a modalidade presencial de inscrição, após o pagamento da taxa de inscrição na agência lotérica de Jacareacanga, deverá dirigir-se, das 8 às 17h (horário local) até a PMJ. Os interessados devem retirar e devolver o formulário de inscrição (devidamente preenchido), juntamente com a cópia do documento de identidade e o boleto de pagamento da inscrição. Ao entregar os documentos, receberá o comprovante de entrega do formulário de inscrição no concurso.
Taxas
O valor da taxa de inscrição é: R$ 30 - fundamental completo; R$ 40 - fundamental completo; R$ 50 - nível médio e R$ 60 - nível superior.
Provas
As provas objetivas terão a duração de 04 horas e serão aplicadas na data prevista de 22 de abril de 2012 (Domingo), no turno da manhã, das 8 às 12h (horário local), para todos os Cargos de Nível Fundamental Completo e nível Superior, e, no turno da tarde, das 14h30 às 18h30 (horário local), para os Cargos de Nível Fundamental Incompleto e  Nível Médio. Desta forma o candidato poderá se inscrever, separadamente, e realizar  as provas objetivas nos dois períodos, para cargos de nível de escolaridade em horários de provas diferentes.”
Validade
O prazo de validade do concurso público é de 02 anos, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período.

Saiba mais

Concurso Prefeitura de Augusto Pestana - RS

Estão abertas as inscrições da seleção com 02 vagas para Agentes Comunitários de Saúde e concurso público com 01 vaga para Médico-Veterinário na Prefeitura de Augusto Pestana, no Estado do Rio Grande do Sul.

De acordo com os editais disponíveis no site da organizadora, a Associação IPD, o cargo de Agente Comunitário de Saúde exige que o candidato tenha o Ensino Fundamental Completo e resida na área de atuação. Estes profissionais contratados atuarão nas áreas de São Miguel e Fundo Alegre e receberão o salário de R$ 542,19 em jornada de 40 horas semanais. Já para exercer a função do Médico-Veterinário, será exigido a formação Superior na área e registro no respectivo Conselho de Classe. A remuneração será de R$ 2.079,78 em carga horária semanal de 32 horas.
Inscrições e Taxas
As inscrições serão realizadas somente via Internet no site http://www.aipd.org.br/, até as 23h59min  do dia 18 de março de 2012. A taxa será de R$ 35,00 para concorrer ao cargo de Agente Comunitário de Saúde e de R$ 65,00 para Médico-Veterinário.
Provas, Gabaritos e Validade
A prova será no dia 14 de abril de 2012, no turno da tarde das 14 horas às 16 horas, na Escola José Lang, sito na Rua Albino Mattes Filho, 242, na cidade de Augusto Pestana/RS.

Após a publicação do gabarito preliminar, no prazo de até 3 dias úteis, a partir do dia subsequente ao da publicação, poderá o candidato requerer a revisão do mesmo. O certame terá validade de 2 anos, contados da data de sua homologação, prorrogável, uma vez, por igual período.

Saiba mais

Concurso Prefeitura de Miranda (MS) 2012

Com a finalidade de preencher 276 vagas mais cadastro reserva, a Prefeitura de Miranda, cidade localizada a 202 km de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, abre inscrições para concurso público destinado a selecionar profissionais de níveis fundamental, médio e superior. Confira o edital.
A seleção oferece salário que varia entre R$ 547,83 a R$ 4.250,00, dependendo da função ocupada. Vale lembrar que 5% das vagas serão destinadas a portadores de necessidades especiais.

Cargos

Assistente Social, Biomédico, Contador, Enfermeiro, Engenheiro Ambiental, Engenheiro Civil, Especialista em Educação - Indígena e Urbana, Fisioterapeuta, Médico (Cardiologista, Clínico Geral, Ginecologista, Obstetra, Ortopedista e Pediatra), Odontólogo, Professor (Artes, Ciências, Educação Física, Educação Infantil, Geografia, História, Língua Portuguesa e Matemática), Psicólogo, Turismólogo, Assistente Administrativo, Atendente Infantil, Fiscal de Tributos Municipais, Técnico (Enfermagem, Saúde Bucal, Raio X e Laboratório), Agente Administrativo, Agente de Endemias, Agente Comunitário de Saúde, Recepcionista, Auxiliar de Serviços Gerais, Carpinteiro, Cozinheira, Eletricista de Veículos, Eletricista Predial, Guarda, Inspetor de Alunos, Lubrificador, Mecânico, Motorista I e II, Operador de Máquinas (Máquina de Esteira, Motoniveladora, Pá Carregadeira, Escavadeira e Trator de Pneus) e Trabalhador Braçal.

Inscrição

As inscrições serão realizadas exclusivamente no período de 12 de março a 15 de abril de 2012, apenas pela internet no endereço eletrônico www.fapec.org/concurso.
A taxa de inscrição no valor de:
R$100,00 para nível Superior;
R$70,00 para nível Médio;
R$50,00 para nível Fundamental.

Prova

As provas objetivas estão previstas para 13 de maio de 2012, em local e horário a serem divulgados em edital específico, que será publicado no mural da Prefeitura de Miranda/MS, no JORNAL DA CIDADE, da cidade de Miranda/MS, Diário Oficial dos Municípios do Estado de Mato Grosso do Sul - ASSOMASUL e disponibilizado nos endereços eletrônicos http://www.miranda.ms.gov.br/ e www.fapec.org/concurso e, facultativamente, em outros órgãos da imprensa.
O gabarito oficial será divulgado em até 4 dias após a realização das provas objetivas, através de edital específico a ser publicado no Mural da Prefeitura de Miranda/MS, no JORNAL DA CIDADE, da cidade de Miranda/MS, Diário Oficial dos Municípios do Estado de Mato Grosso do Sul - ASSOMASUL e disponibilizado nos endereços eletrônicos http://www.miranda.ms.gov.br/ e www.fapec.org/concurso e, facultativamente, em outros órgãos da imprensa.
A data, hora e local de realização da prova prática e os critérios de avaliação constarão de edital específico a ser publicado no Mural da Prefeitura de Miranda/MS, no JORNAL DA CIDADE, da cidade de Miranda/MS, Diário Oficial dos Municípios do Estado de Mato Grosso do Sul - ASSOMASUL e disponibilizado nos endereços eletrônicos: http://www.miranda.ms.gov.br/ e www.fapec.org/concurso e, facultativamente, em outros órgãos da imprensa.
Os candidatos convocados para fazer a entrega dos títulos, deverão entregar os documentos comprobatórios de titulação através de fotocópias autenticadas em cartório, em data e local a serem definidos através de edital específico, que será publicado no Mural da Prefeitura de Miranda/MS, no JORNAL DA CIDADE, da cidade de Miranda/MS, Diário Oficial dos Municípios do Estado de Mato Grosso do Sul - ASSOMASUL e disponibilizado nos endereços eletrônicos: miranda.ms.gov.br e www.fapec.org/concurso e, facultativamente, em outros órgãos da imprensa.

Validade

O prazo de validade do concurso será de 2 anos, a contar da data da homologação do seu resultado, podendo ser prorrogado por igual período, a critério da administração municipal.

Saiba mais

Concurso Prefeitura de Pacatuba - SE 2012

A Prefeitura de Pacatuba, Estado de Sergipe, através da empresa Advise consultoria & Planejamento Ltda, publicou edital Nº 001/2012 de concurso público, para provimento de várias vagas. Serão providas 91 vagas para cargos de nível fundamental, médio e superior, com salários de até R$ 1.200,00, por jornadas de trabalho de 20 a 40h semanais.

Cargos
As oportunidades são para os cargos de Advogado; Assistente Administrativo; Assistente Social; Auxiliar de Serviços Gerais; Biólogo; Carpinteiro; Coveiro; Eletricista Predial; Engenheiro Agrônomo; Engenheiro Ambiental; Engenheiro Civil; Fiscal de Tributos; Marceneiro; Médico Veterinário; Merendeiro(a); Motorista; Nutricionista; Operador de Máquinas Pesadas; Pedreiro; Pintor; Professor de Biologia; Professor de Educação Infantil; Professor de Nível Superior em Educação Física; Professor de Nível Superior em  Pedagogia – conhecimento em Educação Inclusiva; Professor de Nível Superior em Matemática; Professor deNível Superior em Letras - Língua  Portuguesa; Psicólogo; Psicopedagogo; Técnico Agrícola; Técnico em Informática; Tecnólogo em Gestão Ambiental e Vigia.
Inscrições
As inscrições serão  realizadas, via internet, no endereço eletrônico http://www.advise.net.br/, no período entre 09 horas do dia 09 de março até às 23 horas e 59 minutos do dia 08 de Abril de 2012, observado o horário oficial de Brasília/DF. As taxas variam de R$ 30,00, R$ 40,00 e R$ 50,00 de acordo com o cargo escolhido.

Provas, Gabaritos e Validade
As Provas Objetivas serão aplicadas na cidade de Pacatuba – SE, está prevista para o dia 22 de abril de 2012, podendo ser alterada por Edital próprio de acordo com a conveniência da Prefeitura.
O candidato deverá retirar seu Cartão de Confirmação de Inscrição (CCI) no endereço eletrônico http://www.advise.net.br/, a partir do dia 18 de abril de 2012 onde estará indicando a data, o local e o horário de realização das provas objetivas. O gabarito será divulgado na data prevista de 23 de abril de 2012.
O prazo de validade do concurso será de 02 anos, contados a partir da data da homologação do resultado final, podendo, a critério da Prefeitura do Município de Pacatuba, ser prorrogado uma vez, por igual período.

Saiba mais