Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


segunda-feira, 21 de maio de 2012

5 coisas que você deve saber sobre insônia

Mauricio Bagnato, médico responsável pelo Setor de Medicina do Sono e Polissonografia do Hospital Sírio-Libanês em São Paulo responde às questões sobre a condição.

1. O que é Insônia ?
É a dificuldade de iniciar ou manter o sono.

O problema pode ser agudo, quando causado por algo passageiro. As causas mais comuns, nesses casos, são os chamados fatores psicosifiológicos, como aqueles causados por um problema que não se resolve, onde ficamos remoendo uma angústia e perdemos algumas noites de sono. Além disso fatores ambientais (temperatura do quarto, colchão ruim, luz excessiva, ruído) também são um causador desse tipo de insônia.

Quando a insônia é crônica, ou seja, há perda do sono constantemente sem motivos aparentes, o problema pode ser um conjunto de fatores. Normalmente esses fatores são as chamadas condições principais que, como sintoma, causam insônia.

2. Por quais razões a Insônia se desenvolve?
Por fatores psicofisiológicos, como já dissemos, no caso da insônia aguda.

A insônia crônica pode ser causada por fatores genéticos – normalmente os pais ou parentes próximos também sofrem com a condição –, por condições que envolvem dor ou então trasntornos mentais.

Indivíduos com dores crônicas comumente sofrem de insônia. Essas dores podem ter várias causas, mas as causas ortopédicas são as mais comuns.

No caso de transtornos mentais, o mais comum são indivíduos com trasntornos ansiosos ou depressivos sofrerem com a dificuldade de ter um sono normal.

A apinéia do sono é outro fator que leva a um sono ruim, assim como a chamada Síndrome do Movimento Periódico dos Membros Inferiores, onde a pessoa tem espasmos noturnos nas pernas.

3. Como sei identificar se alguém está com este problema?
A insônia aguda é comum em pessoas saudáveis. A grande maioria das pessoas já teve episódios esporádicos de insônia.

Mas quanto esses episódios são frequentes pode haver um problema mais complicado. Quem tem dor crônica já identifica imediatemente seu problema. Mas indivíduos ansiosos ou depressivos, e que ainda não foram diagnosticados têm maior dificuldade de saber a causa das noites mal dormidas.

Pessoas com insônia crônica têm pior memória, raciocínio mais lento, maior irritabilidade e cosequentemente uma piora na qualidade de vida, principalmente no ambiente de trabalho.

Nos casos de apnéia, pré-apnéia ou outros problemas um exame de polissonografia (que faz o mapeamento noturno do sono e do organismo) também ajuda a identificar a causa exata.

4. A Insônia tem tratamento?
Sim.

O tratamento pode envolver profissionais de psicologia – a Terapia Cognitvo Comportamental é uma das mais eficazes – e, associado, a utilização de fármacos como remédios hipnóticos ou ansiolíticos por um determinado período de tempo.

5. A quem devo pedir ajuda/auxílio?
Uma visita a um clínico geral já pode ajudar a indentificar o tipo de insônia.

Mesmo a insônia aguda pode requerer a indicação para um psicólogo ou psiquiatra. Já na insônia crônica o ideal é o encaminhamento para um profissional especializado em Medicina do Sono. Algumas vezes o neurologista também é necessário.

Para mais informações o site  da Associação Brasileira do Sono (ABSono) tem mais informações especializadas.

Fonte O que eu tenho

Células nervosas danificadas podem levar ao zumbido crônico

A exposição à barulhos muito altos é uma das causas possíveis para uma pessoas desenvolver o tinitus ou zumbido crônico. Uma pesquisa aponta que esse tipo de evento pode alterar mecanismos celulares e trazer esperanças para os indivíduos com zumbido, levando ao desenvolvimento de novas drogas para o problema.

Realizada por pesquisadores da Universidade de Leicester, no Reino Unido, e publicada no periódico Hearing Research, a pesquisa liderada por Martine Hamann, diz que a exposição a ruídos extremamente altos pode danificar as células nervosas na base do ouvido. Isso levaria ao desenvolvimento do zumbido crônico ou tinitus (leia mais sobre o tema AQUI).

“A exposição a um evento acústico como esse pode gerar a perda da audição, mas também a problemas que podem chegar ao cérebro ou sistema nervoso central. O zumbido pode ser resultado de uma hiperexcitação das células nervosas ligadas à audição”, sugere Hamann.

“Em condições normais essas células, após um estrondo ou som muito algo ficam ativadas e levam a um zumbido característico que a maioria das pessoas já experimentou. Após um tempo elas voltam ao estado de repouso ou de menor uso. Mas algumas vezes elas podem ter um malfuncionamento e não voltar à normalidade”, completa o pesquisador.

As descobertas feitas pela equipe de Hamann podem ajudar no desenvolvimento de drogas que possam levar a esse comportamento celular desregulado, prevenindo ou ajudando a reverter o quadro de zumbido crônico.

Fonte O que eu tenho

Medo do erro pode ser responsável pelo “branco” mental

Nos esportes, na televisão ou em tarefas cotidianas muitas pessoas passam por uma situação bastante comum: ter um “branco” durante uma tarefa em que elas normalmente são exímias. Mas porque isso acontece?

Um estudo americano, feito pelo Instituto de Tecnologia da Califórnia (Calthech) sugere que as pessoas, quando em face do medo de fazer algo errado em uma área que são consideradas experts, podem perder completamente o controle de sua performance.

Uma das hipóteses dos pesquisadores é que isso acontece principalmente quando a expertise do indivíduo envolve ganhos monetários. Os resultados do estudo, liderado por Vikran Chib, foi publicado no periódico Neuron.

Pesquisas anteriores apontavam para o fato de que ter rendimentos econômicos acima da média para fazer determinada tarefa podiam criar um nível de excitação exagerado e causar esses “brancos” mentais. A pesquisa de Chib aponta que o medo de perder esses ganhos é o principal fator.

O estudo se baseou na análise das funções cerebrais de participantes de um jogo de laboratório que envolvia ganhos em dinheiro para a realização de tarefas nas quais ele eram particularmente especialistas. Quanto mais acertos, maiores os ganhos dos participantes.

Como esperado os incentivos aumentavam o nível de performance dessas pessoas. Mas havia um limite onde essa curva de acertos caia rapidamente. E o motivo disso está no funcionamento de uma estrutura cerebral chamada estriado ventral, que é ativado nos processos que envolvem prazer e recompensa. Quanto maiores as recompensas mais ativado essa estrutura se mostrava e, consequentemente, melhores os resultados. Mas havia um limite.

A explicação de Chib e sua equipe é que até determinado momento da realização das tarefas propostas as recompensas em dinheiro eram vistas como um ganho. Portanto o cérebro via isso como prazer, e quanto mais dinheiro em jogo, maior a expectativa de um aumento de prazer.

Mas quando os incentivos – os ganhos – se tornavam excessivos, o cérebro começava a dar sinais do inverso: medo de perder o que havia sido ganho até então. Era quando o estriado ventral deixava de se ativar e a performance diminuia subtamente. O sentimento de aversão também aumentava e os participantes ficavam cada vez mais propensos a ficarem ansiosos e desejarem interromper a atividade.

“Identificar os mecanismos da aversão à perda pode nos ajudar a desenvolver novas formas de motivar as pessoas a se tornarem melhor em suas atividades profissionais, técnicas ou mesmo nas decisões domésticas e no dia a dia. Conseguir fazer com que um indivíduo se torne menos aversivo ao erro parecer ser o melhor caminho para fazê-lo se tornar cada vez mais habilidoso nos assuntos que domina, mesmo durante situações de estresse”, finaliza Chib.

Fonte O que eu tenho

Cafeína pode impedir perda de memória em pessoas com diabetes

Em um estudo realizado em ratos com diabetes tipo 2, pesquisadores mostram como o diabetes afeta uma área do cérebro chamada hipocampo, causando perda de memória. A pesquisa também mostra como a cafeína pode impedir isso.

Segundo o autor do estudo, Rodrigo Cunha, a demência causada por diabetes é a mesma que ocorre nos primeiros estágios de várias doenças neurodegenerativas, incluindo Alzheimer e Parkinson, sugerindo que a cafeína (ou fármacos com mecanismo semelhante) poderiam ajudar a tratar essas doenças também.

O diabetes é causado por níveis elevados de açúcar no sangue. No tipo 2 isto ocorre porque o corpo torna-se cada vez mais resistente à insulina, o que permite que as células usem o açúcar do sangue como “combustível”, resultando em níveis de açúcar altos e tóxicos no sangue, o que danifica os nervos e vasos sanguíneos e, com o tempo, causa complicações graves.

No novo estudo publicado na periódico PLoS, Cunha e seus colegas tiraram proveito de um modelo animal com diabetes tipo 2, que, como seres humanos, desenvolvem a doença como resultado de uma dieta rica em gordura. Eles estudaram pelo menos uma complicação do diabetes, o efeito da doença sobre o cérebro, mais especificamente sobre a memória.

Eles também investigaram um possível efeito protetor da cafeína para evitar a perda de memória em uma série de doenças neurodegenerativas.

Com esse objetivo, os pesquisadores compararam quatro grupos de ratos, animais diabéticos ou saudáveis que consumiam ou não cafeína.

Primeiros resultados
Os resultados mostraram que o consumo de longo prazo da cafeína não só diminui o ganho de peso e os altos níveis de açúcar no sangue típico do diabetes, mas também evitou a perda de memória dos ratos.

Segundo os pesquisadores, o estudo confirmou que a cafeína pode proteger contra o diabetes, bem como evitar perda de memória. A hipótese para isso seria a de que a cafeína provavelmente interfere na neurodegeneração causada por níveis tóxicos de açúcar no sangue.

Para investigar esta teoria os pesquisadores analisaram uma região do cérebro ligada à memória e aprendizagem chamada hipocampo. Eles descobriram que ratos diabéticos tinham alterações nesta área mostrando degeneração sináptica e astrogliose. Ambos os fenômenos são conhecidos por afetar memória e o consumo de cafeína impediu essas anormalidades.

Para tornar possível a criação de drogas com base no efeito protetor da cafeína, foi necessário compreender os seus mecanismos moleculares. Assim, os pesquisadores analisaram as únicas moléculas do cérebro conhecidas por responder à cafeína, os receptores de adenosina A1R e A2AR, no hipocampo.

Segundo os resultados, o A2AR parece ser a chave para o resgate da memória pela cafeína, já que sua densidade foi elevada em animais diabéticos, mas normal em doentes tratados com cafeína.

Em conclusão, a pesquisa sugere que o diabetes afeta a memória, causando degeneração sináptica, astrogliose e aumento dos níveis de A2AR. O estudo indica também que o consumo crônico de cafeína pode impedir a neurodegeneração e a perda de memória. E isto não só no diabetes, uma vez que a degeneração sináptica e astrogliose são eventos comuns a várias doenças neurodegenerativas, isso implica que a cafeína (ou drogas semelhantes) poderiam ajudar também nessas condições.

Mas nada de beber oito xícaras de café por dia a partir de agora
Na realidade, explica Cunha, a dose de cafeína usada neste experimento e que demonstrou ser eficaz é muito alta. “O que podemos concluir disso tudo é que um consumo moderado de cafeína deve proporcionar um benefício moderado, mas ainda assim um benefício.”

Segundo ele, testar altas doses de uma determinada substância é comum em estudos pré-clínicos, a fim de destacar um benefício claro. “Nosso objetivo final é a criação de uma droga mais potente e seletiva (isto é, com menos efeitos colaterais) do que a cafeína em si; estudos com animais nos permitem identificar o alvo provável de cafeína com os benefícios de protecção em diabetes tipo 2. Então agora vamos testar derivados químicos da cafeína, que atuam como antagonistas seletivos de receptores de adenosina A2A, para tentar evitar a perda de memória diabética. E esse pode ser um avanço terapêutico para esta doença devastadora”, finaliza.

Fonte O que eu tenho

Vacinação contra a gripe de 5 a 25 de maio de 2012

Exames: ácido úrico no sangue

Material a ser obtido: sangue extraído da veia do braço.

Tempo necessário para obtenção do material: 5 a 10 minutos.

Finalidade: confirmar o diagnóstico de Gota e também detectar problemas renais.

Preparação previa: não é necessária.

Resultados:
Valores normais:
Homem: 4.3 a 8 mg / dl.
Mulher: 2.3 a 6 mg / dl.

Valores aumentados podem indicar: Gota, transtornos da função renal, infecções,psoriases, doenças resultantes do depósito de glicogênio nos tecidos, doenças hematológicas.


Valores diminuídos: Síndrome de Fanconi. Doença de Wilson.

Tempo necessário para realização do exame: alguns minutos de trabalho no laboratório.

Os resultados são obtidos por análise química quantitativa.

Confiabilidade do exame: boa.

Medicamentos que podem modificar os resultados:
  • Allopurinol
  • Antimetabolitos
  • Acetohexamida
  • Acido ascórbico
  • Aspirina
  • Azotioprina
  • Dicumarinicos
  • Corticosteróides
  • Diuréticos tiazídicos
  • Mercuriais
  • Furosemida
  • Levometildopa
  • Indometacina
  • Fenitoina
  • Probenecide.
Outros fatores que podem alterar os resultados: Inanição. Dieta rica em purina. Stress. Abuso de bebidas alcoólicas.

Fonte boasaude.uol.com.br

Haiti segue sofrendo com epidemia de cólera

Esta doença vai durar muito tempo pela falta de higiene que há no país
Doença continua castigando o país um ano e meio após surto

O Escritório para a Coordenação de Assuntos Humanitários (OCHA, na sigla em inglês) das Nações Unidas também alertou sobre este aumento e assinalou que, entre 8 e 10 de abril, o número de casos foi quatro vezes maior que o habitual, o que reverteu a tendência de queda observada desde o início do ano.

Apesar da taxa de mortalidade acumulada se manter em 1,3%, estima-se que este ano 250 mil pessoas poderiam adoecer, a maioria delas entre abril e novembro, durante a época de chuvas e furacões, de acordo com dados da Organização Pan-americana da Saúde (OPS) citados pelo OCHA.

Para atenuar os efeitos da doença, o Ministério da Saúde Pública e População (MSPP) e a ONG Partners in Health iniciaram uma campanha de vacinação que pretende proteger da epidemia 100 mil pessoas dos departamentos de Artibonite e Oeste.

Segundo a enfermeira Marie, as chuvas contribuem para elevar a contaminação das águas, o que, unido às deficiências de higiene do país, incide no aumento da epidemia.

– É preciso mais higiene. Esta doença vai durar muito tempo pela falta de higiene que há no país, assinala.

De fato, esse é o ponto mais importante na prevenção desta epidemia, e as campanhas iniciadas por autoridades e organizações humanitárias desde seu surgimento tiveram impacto sobre a educação em saúde para a população.

O acampamento Marassá 14, no setor de Croix de Buquets da capital haitiana, conta com um ativo comitê implicado na proteção de seus habitantes contra o cólera. No campo de desabrigados, onde vivem mais de três mil afetados pelo terremoto que castigou o país em 2010, o comitê realiza intensas campanhas de informação para a prevenção, além de oferecer assistência aos doentes que chegam, cujo número também aumentou durante as últimas semanas, segundo seus responsáveis.

Um deles, Jacky Narcisse, explica à Efe que o aumento começou a ser percebido neste acampamento em meados de fevereiro, mas com a ajuda do pessoal do Hospital dos Pequenos Irmãos e Irmãs e das ONG que lutam contra o cólera, a situação foi controlada.

Os voluntários da comissão do acampamento conhecem bem o protocolo e seguem ao pé da letra um procedimento que inclui a identificação da doença a partir dos sintomas dos doentes, os quais são conduzidos ao hospital se necessário, e a descontaminação de suas roupas e móveis e utensílios.

Apesar do grande número de casos de cólera controlados, o comitê do acampamento sente a falta de mais ajuda do Governo.

– Nunca vi deputados nem ministros por aqui com interesse neste problema, lamenta Narcisse.

Fonte R7

Coluna sofre com corridas de fim de semana

 O que era para ser benéfico para a saúde passa
a ser algo que impede a pessoa de progredir na prática
Problema atinge sobretudo os esportistas, diz pesquisadores

Enquanto as corridas de rua viram moda em São Paulo, com um aumento de 22,6% no total de eventos desse tipo na cidade de 2010 para 2011, segundo a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), crescem os casos de lesões na coluna devido à prática inadequada da atividade. Essa é a percepção dos médicos do Spine Center, centro do HCor (Hospital do Coração) especializado no tratamento da coluna.

Os pesquisadores do HCor, baseados em um levantamento com 240 corredores paulistanos, perceberam que o problema atinge sobretudo os esportistas "de fim de semana", que se aventuram pelas ruas e parques da cidade ocasionalmente, sem orientação profissional. As informações foram colhidas na véspera de duas corridas de rua na capital, quando os participantes compareceram ao local do evento para pegar o kit de corrida.

O médico João Amadera, um dos diretores do Spine Center, ressalta que a participação em uma única corrida de rua (aquelas voltadas para amadores têm, no mínimo, 5 quilômetros) é o suficiente para provocar inflamação nas articulações e lesões nos discos.

— O que era para ser benéfico para a saúde passa a ser algo que impede a pessoa de progredir na prática.

Fonte R7

Propagandas antigas Lithinés du Dr. Gustin - Portugal

Revista Portugueza Ilustração nº 114
1930

Ronco forte aumenta chance de câncer, diz estudo

Pesquisa analisou sono e respiração de mais de mil pessoas durante 22 anos
Pessoas que roncam muito e sofrem de graves distúrbios respiratórios durante o sono têm uma probabilidade quase cinco vezes maior de morrer de câncer, segundo uma pesquisa americana.

Cientistas da Universidade de Wisconsin-Madison acreditam que a correlação pode ser explicada pelo suprimento inadequado de oxigênio durante a noite nos pacientes com o problema.

Testes de laboratório já haviam mostrado que a interrupção intermitente da respiração leva a um crescimento mais acelerado de tumores, já que a falta de oxigênio estimula o crescimento de vasos sanguíneos que nutrem os tumores.

'Sem ar'
Os pesquisadores analisaram dados de mais de 1,5 mil pacientes que participaram de um estudo sobre Distúrbios Respiratórios Obstrutivos do Sono (DROS) ao longo de 22 anos.

A forma mais comum de DROS é a apneia obstrutiva do sono, na qual a respiração é bloqueada deixando a pessoa sem ar. Isso provoca ronco e a interrupção do sono e o problema é geralmente associado a obesidade, diabetes, pressão alta, ataques cardíacos e derrames.

Os participantes do estudo nos Estados Unidos passaram por testes a cada quatro anos que incluíam análises de sono e respiração.

Os resultados mostraram que a probabilidade de morte por câncer aumentava drasticamente de acordo com a gravidade do distúrbio.

Enquanto pacientes com uma forma leve de DROS tinham apenas 0,1 vez mais chance de morrer de câncer que aqueles não sofrem com o problema, nos pacientes com uma forma moderada de DROS a chance de morte por câncer dobrava.

Já naqueles com distúrbios graves de respiração, o risco aumentava 4,8 vezes.

Diagnóstico e tratamento
O estudo - apresentado na conferência internacional da American Thoracic Society, em San Francisco, e que será publicado no American Journal of Respiratory and Critical Care Medicine - fez ajustes para levar em conta outros fatores como idade, sexo, índice de massa corporal e fumo, que poderiam influenciar o resultado.

– A consistência dos indícios dos experimentos com animais e deste novo estudo epidemiológico em humanos é muito convincente, disse o líder do estudo Javier Nieto, da Escola de Medicina e Saúde Pública da Universidade de Wisconsin.

Agora, os cientistas querem ampliar os estudos sobre a questão e examinar a relação entre DROS, obesidade e mortalidade por câncer.

– Se a relação entre DROS e mortalidade por câncer for confirmada em outros estudos, o diagnóstico e tratamento de DROS em pacientes com câncer pode ser indicado para aumentar a sobrevida.

Fonte R7

Tire sete dúvidas sobre medicamentos genéricos

Remédio traz os mesmos efeitos terapêuticos que um de marca convencional

Os medicamentos genéricos são vendidos no Brasil há mais de 11 anos. Segundo um estudo da ProTeste (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor), esse tipo de remédio corresponde a 21% das vendas de medicamentos no país e 86% dos brasileiros já tiveram um medicamento de marca substituído por sua versão genérica. Mesmo com o crescente uso, entretanto, muitas pessoas ainda torcem o nariz quando olham um medicamento genérico na receita médica.

"Muitos pacientes, e até alguns médicos, fazem uma associação errônea do preço do remédio com a sua qualidade, mas a maioria dos genéricos é realmente eficaz e pode ser tomada sem nenhum problema", explica o cardiologista Bruno Valdigem, do Hospital Dante Pazzanese. Tire dúvidas sobre os medicamentos genéricos e acabe com a desconfiança relacionada aos resultados do tratamento.

1. O que são remédios genéricos?
Segundo a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), os medicamentos genéricos são produtos com o mesmo princípio ativo que medicamentos de marca. O principio ativo é a substância responsável pelo efeito terapêutico no paciente, ou seja, é por causa dele que o remédio faz efeito. "Por isso, ao prescrever uma receita, sempre coloco junto ao nome do remédio o seu principio ativo, caso os meus pacientes se sintam confortáveis em usar medicamentos genéricos", conta Bruno Valdigem.

2. Por que remédios genéricos são mais baratos?
Segundo Odnir Finotti, presidente da Associação Brasileira das Indústrias de Medicamentos Genéricos, o preço de um medicamento genérico é menor porque nele não estão embutidos gastos com propagandas, nem custos de pesquisa para o desenvolvimento do principio ativo. Por isso, a associação do preço com a qualidade do remédio não é correta.

3. O medicamento genérico tem o mesmo efeito do medicamento de marca? Mesmo em doenças crônicas?
Por possuir o mesmo princípio ativo, o genérico tem efeitos iguais a de um remédio de marca. Prova disso é que esses efeitos devem ser aprovados pela Anvisa antes de os medicamentos serem comercializados. Segundo o cardiologista, mesmo no caso de doenças crônicas, em que o paciente deve tomar o remédio constantemente, os genéricos não causam problemas e são eficientes.

4. Eles passam pelo mesmo processo de inspeção que os demais medicamentos?
Assim como todos os remédios, os medicamentos genéricos passam por uma bateria de testes feitos pela Anvisa para comprovar os efeitos nos pacienteis. Esses experimentos são feitos sempre da mesma maneira, não importando se o remédio é genérico ou de marca. "Na verdade, a autorização para um remédio genérico começar a funcionar é até mais rígida na maioria das vezes, devido à preocupação com a qualidade desse tipo de medicação", diz o cardiologista Bruno Valdigem.

Os genéricos ainda passam por um teste de bioequivalência, que consiste na demonstração comprovada de que o medicamento genérico e o seu respectivo medicamento de referência apresentam o mesmo efeito terapêutico, sem qualquer outro efeito colateral.

5. Medicamento genérico é o mesmo que remédio similar?
Assim como os genéricos, o princípio ativo, a concentração e a indicação dos medicamentos similares são os mesmos dos remédios de marca. Mas eles não passam por testes de bioequivalência, e, por isso, não podem ser comparados com os remédios de referência.

6. É preciso receita para comprar um medicamento genérico?
O rigor para a venda de remédios genéricos é o mesmo do que os medicamentos de referência. "Se a venda de um remédio de marca é liberada sem receita, o genérico com o mesmo princípio ativo poderá ser comprado sem problema, e o mesmo serve para aqueles remédios que só são vendidos com receita", explica o cardiologista.

Além disso, é preciso que o médico indique a versão genérica. Muitas vezes, o próprio funcionário da farmácia faz essa sugestão, mas, segundo Odnir Finotti, mesmo que o princípio a ativo seja o mesmo, é indicado consumir genéricos apenas quando o médico dá essa alternativa.

7. Há perigos de automedicação usando genéricos?
Assim como no caso dos remédios de marca, a automedicação com genéricos é muito perigosa. Segundo dados da Associação Brasileira das Indústrias Farmacêuticas (Abifarma), cerca de 20 mil pessoas morrem no país todo o ano vítimas da automedicação, tanto de genéricos quanto remédios de marcas.

Os sintomas mais comuns que levam à automedicação são dor de cabeça, dor muscular, cólicas, febre, inflamações, acne, congestão nasal, gripes e viroses. Os medicamentos mais comprados sem prescrição são analgésicos, anti-inflamatórios, descongestionantes nasais e antialérgicos.

Fonte Minha Vida

Doença celíaca: siga oito cuidados além da restrição ao glúten

Deslizes na dieta podem favorecer osteoporose, infertilidade e até câncer

Uma vez que o glúten é totalmente banido da alimentação, a pessoa com doença celíaca terá uma vida saudável e livre de complicações. Parece simples, mas na prática isso nem sempre acontece. "Cerca de 30% dos celíacos que frequentam o nosso serviço afirmam que fogem da dieta algumas vezes", conta a gastroenterologista Vera Lúcia Sdepanian, coordenadora do ambulatório de celíacos da Escola Paulista de Medicina da Unifesp.

A médica também conta que há milhares de pessoas que têm algum grau de intolerância ao glúten e não sabem, por não terem sintomas muito intensos ou por não procurarem ajuda médica. A presença de glúten no organismo de quem é intolerante pode provocar desde diarreia até anemia e infertilidade.

1. Câncer e diabetes
"Quando a pessoa tem doença celíaca, o organismo reage ao glúten formando substâncias nocivas que atrofiam a mucosa intestinal", explica o gastroenterologista Eduardo Berger, do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos. Se a pessoa continuar a ingerir glúten, essa atrofia ganha tanta intensidade que pode prejudicar diversas outras funções do organismo e favorecer a ocorrência de outras doenças, como câncer, diabetes e problemas na tireoide.

"O paciente que não segue a restrição ao glúten tem três vezes mais chances de desenvolver Linfoma não-Hodgkin, câncer que afeta o sistema linfático", afirma Vera Lúcia Sdepanian. Os riscos de câncer de intestino são ainda maiores. Portanto, é importante consultar o médico sobre a necessidade de realizar colonoscopia e outros exames que possam detectar neoplasias.

2. Infertilidade
A relação entre doença celíaca e infertilidade é comprovada por estudos. "Ainda não se sabe a causa direta disso, mas acreditamos que possa ser a ação das citocinas - substâncias químicas que podem lesionar as células - ou a falta de absorção de ácido fólico", afirma a gastroenterologista Vera Lúcia. Se a pessoa realmente excluir o glúten da dieta, não terá problemas de fertilidade. Se houver deslizes, entretanto, é importante consultar um médico para realização de exames.  

3.Osteoporose
Vera Lúcia Sdepanian explica que a perda de massa óssea não ocorre somente pela dificuldade de absorção de cálcio. "As citocinas, que são produzidas no intestino como resposta imunológica ao glúten, podem agir nos ossos fazendo com que eles percam mais massa óssea do que produzam", explica a gastroenterologista da Unifesp. Por isso, tanto pessoas que demoraram muito para descobrir que tem doença celíaca quanto pacientes que não restringem o glúten precisam ficar atentos à ocorrência de osteoporose.

4. Anemia ferropriva
Quanto o intestino está atrofiado pelas substâncias químicas que reagem ao glúten, tem dificuldade de absorver nutrientes, incluindo ferro, podendo desencadear uma anemia. "O combate a esse problema tem que ser feito com a exclusão do glúten e com uma alimentação equilibrada e rica nesses nutrientes que faltam ao organismo, como carne vermelha e folhas escuras", afirma o gastroenterologista Celso Mirra, membro da Federação Brasileira de Gastroenterologia.  

5. Falta de Nutrientes
Além de cálcio, vitamina B12 e ferro, o intestino de quem tem doença celíaca e consome glúten pode ter dificuldade de absorver diversos outros nutrientes importantes, como vitamina D e K. ?Essas deficiências podem causar anemia macrocítica (deficiência da vitamina B12 e de ácido fólico), déficit de fixação de cálcio e problemas de coagulação no sangue, entre outras complicações?, alerta Celso Mirra. Em alguns casos, o gastroenterologista Eduardo comenta que é preciso entrar com suplementação além da restrição ao glúten em pessoas que demoraram a ser diagnosticadas. 

6. Intolerância à lactose
De acordo com o nutrólogo Andrea Bottoni, coordenador da equipe de nutrologia do Hospital Vila Lobos, se o intestino estiver muito afetado pela reação ao glúten pode desenvolver aos poucos uma intolerância à lactose. Isso agrava os sintomas da doença celíaca, como flatulência e diarreia. "Para tratar, é preciso excluir tanto a lactose quando o glúten da dieta em um primeiro momento, podendo voltar a ingerir a lactose após a mucosa intestinal se recuperar", explica o médico.  

7. Cuidado com medicamentos
"Há uma lei desde 2003 para que todos os medicamentos que possuem glúten apresentem no rótulo o alerta para quem tem doença celíaca", afirma a gastroenterologista Vera Lúcia. Ela explica que o glúten pode estar presente no excipiente do remédio, ou seja, na parte que ajuda dar massa ou volume à medicação. "Apesar de serem poucos os medicamentos que possuem glúten, é preciso ficar sempre de olho nos rótulos antes de ingeri-los", recomenda a especialista.

8. Exames periódicos
Celso Mirra conta que é preciso fazer - pelo menos uma vez por ano - uma consulta ao médico para realizar exames rotineiros e testes sanguíneos específicos da doença celíaca. "Quando o quadro clínico e laboratorial estiver normalizado, em geral após dois anos, serão feitos os exames de endoscopia e biópsia duodenal", comenta.

O médico da Sociedade Brasileira de Gastrenterologia também recomenda o acompanhamento constante de um nutricionista e, se necessário, um psicólogo para ajudar a seguir a restrição total de glúten. "Esse tratamento rigoroso é fundamental para evitar que a doença se torne muito grave e cause as mais diversas complicações", adverte. 

Fonte Minha Vida

TI não tem controle sobre gastos com aplicações, diz estudo

Estudo estima que os departamentos de tecnologia gastam US$ 10,9 milhões com manutenção de aplicações

Os custos exatos para manter todas as aplicações corporativas atualizadas ainda são desconhecidos por quase metade dos responsáveis pela área de TI das empresas. A constatação faz parte de um estudo feita pela Vanson Bourne, a pedido da Borland, com 590 diretores de tecnologia de nove países, incluindo 100 executivos do Brasil.

Mas, por outro lado, a pesquisa mostra que 87% dos entrevistados já têm um processo e uma estratégia para gerenciar seu portfólio de aplicações, que prevê revisões constantes. Um dado também considerado relevante é que 56% dos executivos admitem não conhecer esses ambientes de forma detalhada, sendo que um em cada 20 entrevistados confessou que seu ambiente de aplicações é uma ‘massa confusa’.

Já 18% afirmaram que contêm um legado que ninguém faz ideia de como atualizá-lo e o mesmo número confirmou que apresenta aplicações redundantes, que estão consumindo recursos desnecessários de TI. Além disso, 15% ressaltaram que processos de fusões e aquisições geraram um ambiente confuso de aplicações, com pouca integração das soluções e uma falta de clareza sobre quais delas podem ser descontinuadas.

O estudo estima que os custos globais para atualização das aplicações atinge cerca de US$ 10,9 milhões, dos quais US$ 8,5 milhões voltados especificamente à manutenção de sistemas que rodam no mainframe. E as expectativas são de que esses custos cresçam uma média de 9% ao longo dos próximos cinco anos.

Fonte SaudeWeb

OPMEs movimentam consumo de alta tecnologia

Veja alguns dos resultados e estratégias da Johnson & Johnson, que atingiu vendas de US$ 25,8 bilhões em 2011, B. Braun e Baumer

Desde 1933 no Brasil, a Johnson & Johnson possui produtos tanto para área médica como para consumo doméstico. A Johnson & Johnson Medical atua na área de dispositivos médicos e ferramentas de diagnóstico. E foi essa divisão que ganhou o troféu Top Hospitalar 2011, na área de Indústria de Equipamentos – OPME. Em comunicado enviado à redação, a companhia diz que, “A empresa atingiu vendas de US$ 25,8 bilhões em 2011 em todo o mundo, com crescimento de 4,8% em relação ao ano anterior”.

Responsável por parte importante nos custos para a saúde suplementar, a área de Órteses, Próteses e Materiais Especiais (OPME) leva a sério a ideia de profissionalização do mercado de saúde, uma vez que dela depende diretamente da ampliação do consumo de produtos e serviços ligados ao segmento.

O diretor comercial da B. Braun, Afonso Sousa, vê com entusiasmo o crescente ganho de conhecimento pelo mercado tanto das técnicas empregadas quanto das diversas linhas de produtos que o mercado oferece.

“Quanto mais bem informados e mais bem formados nós tivermos nossos usuários, melhor”, enfatiza Sousa. “Nós desenvolvemos produtos cada vez mais fáceis de usar, mas independente disso, o mercado requer profissionais adequadamente treinados, conhecedores das terapias e também treinados nas aplicações e no manuseio dos produtos com que ele trabalha.”

A companhia, que está no país há 42 anos, comercializa diretamente linhas de produtos neste segmentos há 16 anos (antes trazia apenas via distribuidor). O executivo entende que a indústria é uma das principais alavancadoras da profissionalização dos hospitais. Principalmente no caso dos hospitais privados, onde ocorrem grandes investimentos na aquisição de novas tecnologias e de produtos de ponta. E isso, sem dúvida, exige que os profissionais sejam continuamente treinados. Ganha a indústria, ganha o hospital e ganham os pacientes.

A fabricante mantém uma instituição voltada a cursos e treinamentos, a Academia Aesculap, onde discute-se tendências terapêuticas não necessariamente ligadas ao portfólio da B. Braun.

“Trabalhar com seriedade, principalmente porque nosso trabalho envolve vidas, é o grande segredo para manter-se e ter destaque no mercado”, afirma Sousa. “o maior controle de qualidade que nós temos é o uso diário dos nossos produtos pelos nossos clientes.”

Também indicada ao prêmio, a Baumer, ao longo dos 60 anos de existência está hoje presente em mais de 50 países e mantém um portfólio de cerca de 5,5 mil produtos. Com fábrica em Mogi Mirim, a empresa foi um das primeiras do segmento a se lançar no mercado internacional e hoje atende a clientes na Europa, Ásia e América central.

Fonte SaudeWeb

Como o sexo com camisinha pode ser melhor

Sexo seguro (com camisinha) parece ser um sinônimo perfeito para algo ruim, como aponta pesquisa do Instituto Guttmacher, que mostra que 25% dos homens e mulheres entrevistadas nos Estados Unidos consideram sexo com camisinha chato.

No Brasil, não é diferente. Segundo estudo do Ministério da Saúde, o brasileiro passou a fazer mais sexo casual (sem relacionamento fixo) entre 2004 e 2008, mas fez menos uso do preservativo. Apenas 46,5% dos brasileiros utilizavam camisinha.

Mas ainda existe esperança. Pesquisa recente da Universidade de Indiana, nos Estados Unidos, revela que o prazer sexual obtido com o uso da camisinha masculina depende de vários fatores, como, por exemplo, do conforto do(a) parceiro(a), o que depende, inclusive, do tamanho adequado da camisinha.

Por isso, tudo que você tem que fazer é escolher a camisinha certa para você, testar o que lhe faz melhor, e ter confiança.

“A ideia de que usar camisinha diminui a sensitividade ou a diversão do sexo é completamente errada”, afirma a médica Devon Hensel, autora do estudo norte-americano. Mesmo assim, atitudes contra o uso da camisinha ainda são amplamente vistas.

Melhora no sexo seguro
Hensel coletou dados de mais de 1.500 homens e dedicou especial atenção aos relatos diários de suas atividades sexuais.

Em 85% das relações sexuais, os pacientes utilizaram camisinha. Entre esses casos, os homens mais velhos reportaram experiências mais prazerosas.

De acordo com o estudo de Hensel, quanto maior a estimulação oral e manual, maior a satisfação. Fica a dica.

Fonte Hypescience

As 10 pessoas mais obesas do mundo

Se você pensa que é gordo(a), olhe novamente no espelho e confira essa lista. Você não viu nada.


Paul Mason: Com 50 anos de idade e 444 quilos, esse inglês já foi considerado o homem mais gordo do mundo. Recentemente, ele passou por uma cirurgia bariátrica e já está com 254 quilos. Ele diz que sua dieta de 20 mil calorias por dia é que foi a culpada por ele ter chegado naquele estado, mas ele também culpa o serviço público de saúde da Grã-Bretanha, que não permitiu que ele se consultasse com um especialista quando tinha apenas 180 kg.


Donna Simpson: Nascida em 1967, essa estadunidense quis se tornar uma das mulheres mais gordas do mundo a partir de 2008. Seu objetivo era pesar 450 quilos. Com o passar dos anos, ela foi engordando e construiu um site, onde fãs pagavam para assisti-la comer. Em 2010, ela entrou para o Livro dos Recordes ao ser a mulher mais pesada a ter um bebê. Em agosto de 2011, ela decidiu que queria emagrecer e chegar aos 170 kg, para que possa se tornar independente novamente.


Manuel Uribe: O mexicano de Monterrey sofre de obesidade mórbida. Depois de ser dono de 567 kg e de não conseguir mais sair de sua cama desde 2001, Uribe conseguiu perder 180 quilos. Ele virou atração internacional depois de aparecer em um programa da rede de televisão Televisa, onde recusou uma cirurgia bariátrica na Itália. Em 2009, havia boatos de que ele havia morrido, mas eram falsos. Em fevereiro de 2012, foi registrado seu novo peso: 199 quilos.


Robert Earl Hughes: Durante a vida de Hughes, ele foi o ser humano mais pesado no mundo, com cerca de 486 kg. Sua obesidade era culpa de um mau funcionamento da glândula pituitária e, quando faleceu devido ao sarampo em 1958, pesava meia tonelada.


Kenneth Brumley: Considerado o papai de meia tonelada, Brumley era uma das pessoas mais gordas de que se têm registro. Ele passou quatro anos sem sair da cama, esperando por uma cirurgia. Quando finalmente conseguiu, bombeiros tiveram que demolir uma parede de sua casa para tirá-lo de lá.


Michael Hebranko: Depois de uma estadia no Hospital São Lucas, em Nova York, nos Estados Unidos, seu peso foi de 411 quilos para 90. Com uma boa dieta e exercícios físicos, ele entrou para o Guinness como a pessoa com a maior perda de peso em 1990.


Mayra Rosales: Um tribunal no Texas, Estados Unidos, decidiu que Mayra Rosales, com cerca de 453 kg, era pesada demais, e, por isso, inocente da acusação de assassinar seu sobrinho. Para ela, seria impossível levantar o braço para matar.


Jon Brower Minnoch: Pesando 635 kg, o ex motorista de táxi faleceu em 1983 devido a um grave edema. Apenas para rolá-lo na cama, eram necessárias 13 pessoas.


Terri Smith: A atual mulher mais pesada do mundo está em uma batalha para perder seus 317 kg depois que os médicos avisaram-na que ela poderia morrer. Ela fica confinada em seu quarto, sem poder se locomover, e depende de seu marido e de sua filha para tudo.


Dzhambik Khatokhov: Esse menino russo de onze anos, mais conhecido como Jambik, pesa 146 quilos e detém o recorde de criança mais gorda. Suas comidas preferidas são sorvete e mingau, e sua mãe parece não se preocupar com isso. Jambik pratica luta e faz natação cinco vezes por semana. “Eu quero ser esportista quando crescer. Melhor: um campeão olímpico. Eu gosto de ser forte”, confidencia o menino, que é famoso na Rússia e no mundo por ter ido a vários programas de TV.

Fonte Hypescience
Imagens internet

Obesidade e pouco sono andam de mãos dadas

Falta de sono pode levar à obesidade? Uma pesquisa feita na Universidade de Chicago, nos Estados Unidos, e publicada no periódico especializado “The American Journal of Human Biology”, revela ligação entre obesidade e insônia, e explora como a falta de sono impacta a regulação de apetite, debilita o metabolismo da glicose e aumenta a pressão sanguínea.

“A obesidade se desenvolve quando a quantidade de energia que entra é maior que a quantidade gasta. Uma dieta inadequada e a falta de atividade física têm um papel importante quando se fala de obesidade, mas um fator adicional pode ser a falta de sono”, afirma a antropóloga biomédica Kristen Knutson, líder do estudo. “A insônia geralmente desregula o apetite e leva a um consumo maior de energia”.

Segundo Knutson, dormir menos de seis horas está altamente relacionado com índices maiores de massa corporal. Seus estudos mostraram como sinais cerebrais, que controlam a regulação do apetite, sofrem impactos com restrições do sono. A secreção de alguns hormônios, como a grelina e a leptina, que aumentam o apetite e indicam quando o corpo está satisfeito, respectivamente, é desregulada.

“Apenas nos Estados Unidos, estima-se que 18% dos adultos dormem menos que seis horas, o que totaliza 53 milhões de pessoas que estão associadas ao risco da obesidade”, explica a estadunidense.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a obesidade é o quinto principal problema de saúde pública no mundo, levando ao óbito 2,8 milhões de adultos a cada ano. No Brasil, a doença vem crescendo em ritmo alarmante. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mais da metade da população adulta do país está acima do peso.

Por isso, uma boa noite de sono é sempre recomendável.

Fonte Hypescience

Já ouviu falar de jetlag social? Você pode sofrer desse mal sem saber

Por que a maioria das pessoas nas sociedades industrializadas anda tão cansada? Segundo pesquisas da Universidade Ludwigs-Maximilians, em Munique, na Alemanha, dois terços da população mundial acordam no meio da noite. Normal? Não.

O motivo jaz na crescente discrepância entre o relógio biológico e o relógio social (aquele pendurado na sua parede ou do lado da sua cama).

“Nossas vidas são controladas diariamente por três relógios. Um reside em nosso organismo – o biológico, também conhecido como ciclo circadiano. Criado pela rotação da Terra, o segundo é o relógio do sol, que está sincronizado com o biológico. E, mais recentemente em nossa história, adicionamos outro relógio: o relógio social. E eles não batem”, explica o médico alemão responsável pelo estudo, Till Roenneberg.

Por essa razão, muitas pessoas dormem mais tarde, seguindo o relógio biológico, mas acordam cedo, com base no relógio social (o seu despertador). Essa diferença entre o que o relógio social quer que façamos e o que o biológico deseja chama-se jetlag social. Ou seja, um cansaço extra causado por pressões sociais.

O fenômeno atinge 70% da população global e é estimado como uma diferença de pelo menos uma hora. Daí vem o seu cansaço depois do que aparenta ser uma boa noite de sono, pois nossos ciclos internos são praticamente ignorados na sociedade contemporânea.

Nossos ciclos circadianos são comandados por uma área cerebral denominada núcleo supraquiasmático, altamente influenciada pelo sol e pela escuridão. E, como trabalhamos cada vez mais dentro de lugares fechados, nosso relógio biológico se desregula e dificilmente segue o relógio solar.

Mas viver contra o seu relógio biológico pode ter consequências caras a sua saúde. “As pessoas que fazem isso são mais suscetíveis a fumar, beber álcool, consumir café em excesso e até engordar”, alerta o médico alemão.

Uma solução plausível contra o jetlag social – além da mais utópica, que seria seguir seu relógio biológico – é descansar bastante nos finais de semana, repondo as horas de sono que você perdeu durante a semana. Mas, como outros estudos apontam, mesmo isso pode ser uma “desregulação” e ter suas consequências.

Fonte Hypescience

Estramônio

Resumo
Estramônio: planta medicinal com efeito parassimpatolítico. No entanto, esta planta quase nunca é prescrita.

Observações
Estramônio é uma planta medicinal bastante estudada nas faculdades de farmácia, pois ela pertence à importante família das solanáceas. No entanto, atualmente ela raramente é utilizada.

Nomes
Nomes em português: Estramônio, erva dos bruxos, maçã espinhosa, zabumba
Nome latim: Datura stramonium (L.)
Nome inglês: Datura, Devil's Apple
Nome francês: Stramoine, pomme épineuse, herbe aux sorciers
Nome alemão: Stechapfel
Nome italiano: mezzetoni

Família
Solanaceae (Solanáceas)

Constituintes
Alcalóides (escopolamina, hiosciamina), flavonóides.

Partes utilizadas
Folha seca

Efeitos do estramônio
Parassimpatolítico, espasmolítico, anticolinérgico.

Indicações do estramônio
Eventualmente, em caso de tratamento anticolinérgico, mas esta planta é muito pouco utilizada atualmente.

Atenção! Não se automedique. Os medicamentos à base de estramônio devem sempre ser prescritos por um médico.

Efeitos secundários
Diversos efeitos secundários. Na compra de um medicamento, leia a bula e peça orientações a um especialista.

Contra-indicações
Inúmeras contra-indicações. Na compra de um medicamento, leia a bula e peça orientações a um especialista.

Interações
Na compra de um medicamento, leia a bula e peça orientações a um especialista.

Preparações à base de estramônio
- Extrato seco de estramônio (Stramonii pulvis normatus)

Atenção! Nunca faça infusões de estramônio, pois isso pode ser muito tóxico (venenoso) e até mortal!

Onde cresce o estramônio?
O estramônio cresce na Europa.

Quando o estramônio é colhido?
-

Fonte Criasaúde

Concurso Prefeitura de Formoso do Araguaia - TO

A Prefeitura de Formoso do Araguaia, Estado do Tocantins, publicou edital N° 001/2012 de concurso público de provas e títulos para o provimento de 67 cargos públicos integrantes dos quadros do Poder Executivo Municipal, com formação de cadastro de reserva para cargos de todos os níveis de ensino. O concurso público será executado pela empresa EBRACON - Empresa Brasileira de Concursos Ltda.

Os salários variam de R$ 500,00 a R$ 4.650,00 para carga horária de 20 a 44h semanais.

Cargos
As vagas são para os cargos de Médico, Farmacêutico, Enfermeiro, Biomédico, Analista, Psicólogo, Técnico Em Enfermagem, Agente de Coleta de Lixo, Jardineiro, Agente de Serviços Braçais, Operador de Máquinas Leves e Operador de Máquinas Pesadas.

Inscrições e Taxas
O candidato deverá realizar sua inscrição, via internet, utilizando-se do site http://www.ebraconconcursos.com.br/, no período compreendido entre 10:00 horas do dia 21 de maio e 23:59 horas do dia 01 de junho de 2012, horário de Brasília.

Os valores das taxas de inscrição serão: R$ 30,00 para o cargo de nível fundamental, R$ 60,00 para o cargo de nível médio e R$ 80,00 para os cargos de nível superior.

Provas e validade
A prova objetiva será aplicada na cidade de Formoso do Araguaia-TO, no dia informado no site http://www.ebraconconcursos.com.br/ e no placar da Prefeitura Municipal de Formoso do Araguaia. O gabarito das provas será publicado, até o 5º dia útil após a aplicação das provas.

Este concurso público terá validade de 02 anos, a contar da data da publicação de sua homologação, prorrogável uma vez, por igual período.

Concurso Prefeitura de Pouso Redondo (SC)

A Prefeitura de Pouso Redondo, Estado de Santa Catarina, abriu inscrições para concurso público e processo seletivo 001/2012, destinado ao provimento de 40 vagas mais cadastro de reserva para cargos de níveis fundamental, médio e superior. Os certames serão realizados sob a responsabilidade do Instituto O Barriga Verde - IOBV, tendo prazo de validade de um e dois anos, respectivamente.
Os vencimentos variam de R$ 763,50 a R$ 2.651,84 para carga horária de 20 a 44h semanais. Do total de vagas, 5% serão reservadas a pessoas portadores de deficiência.
Cargos
As chances são para os cargos de Agente de Serviços de Obras (Masculino e Feminino), Auxiliar de Mecânico, Borracheiro, Lavador e Lubrificador de Veículos, Motorista e Operador de Máquina – Escavadeira Hidráulica; Ensino Fundamental Incompleto: Auxiliar de Chapeador e Agente de Controle de Vetores; Ensino Fundamental Completo: Coletor de Dados Tributários e Telefonista; Ensino Médio Completo:  Agente de Apoio Administrativo, Agente de Organização Escolar, Atendente de Agricultura, Técnico em Gestão Administrativa e Serviços, Analista de Compras e Licitação, Comunicador Social/Jornalista, Engenheiro Civil, Administrador de Recursos Humanos, Médico Veterinário (Piscicultura), Nutricionista,  Professor Educação Infantil e Séries Iniciais (Habilitado) e Professor habilitado (Educação Física, Matemática, Inglês e Língua Portuguesa).
Inscrições
As inscrições serão recebidas por meio do endereço eletrônico http://www.iobv.com.br/ até o dia 15 de junho de 2012.
O investimento poderá ser de:
R$ 20,00 para cargos de nível alfabetizado e fundamental incompleto;
R$ 30,00 para nível fundamental completo;
R$ 40,00 para nível médio e professores;
R$ 80,00 para nível superior.
Provas e Gabaritos
As provas estão previstas para o dia 24 de junho de 2012, no município de Pouso Redondo – SC, em locais e horários a serem divulgados nos sites http://www.pousoredondo.sc.gov.br/ e no site http://www.iobv.com.br/. Os gabaritos serão disponibilizados em até 24 horas após a realização da prova.

Edital / Publicações

Concurso Prefeitura de Cajamar - SP

Acaba de ser divulgado o edital nº 003/2012 que regerá o mais recente concurso público da prefeitura do município de Cajamar, em São Paulo. As 44 vagas ofertadas servirão para reforçar o quadro de servidores públicos municipais de Cajamr, lembrando que parte dos postos efetivamente ocupados será reservada para pessoas com necessidades especiais.
Oportunidades
Auxiliar de serviços gerais, oficial de manutenção predial - eletricista, oficial de manutenção predial - encanador, oficial de manutenção predial - pedreiro, oficial manutenção veículos, agente de saúde, auxiliar de farmácia, fiscal de obras, fiscal do meio ambiente, postura e urbanismo, analista ambiental, cirurgião dentista, enfermeiro, farmacêutico, fiscal tributário - contador, fiscal tributário - direito, médico clínico especialista em cardiologia, médico clínico especialista em endocrinologista, médico clínico especialista em geriatria, médico clínico especialista em pneumologia e psicólogo.
Os vencimentos iniciais variam entre as cifras de R$ 816,24 e R$ 3.647,04 para jornadas 20 a 40 horas semanais.
Inscrições
Para participar deste concurso os interessados deverão efetuar a inscrição através do endereço eletrônico da organizadora (http://www.mouramelo.com.br/) no período de 18 de maio a 01 de junho de 2012. A taxa de inscrição varia entre os valores de R$ 18,00 e R$ 50,00.
Provas
A aplicação das provas objetivas de conhecimentos básicos, gerais, específicos se dará possivelmente no dia 17 de junho de 2012, ainda sem definição de horário e local.
O gabarito com os resultados das provas será divulgado através do site da organizadora no primeiro dia útil após a aplicação e o concurso terá validade de 12 meses.

Edital / Publicações

Concurso Prefeitura de Nova Prata - RS

Com a finalidade de preencher 13 vagas, a Prefeitura de  Nova Prata, cidade localizada a 180 km de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, abre inscrições para o concurso público nº. Nº 074/2012, destinado a selecionar profissionais de níveis fundamental, médio e superior.
A seleção oferece salário que varia entre R$ 671,09 a R$ 2.563,58, dependendo da função ocupada. Vale lembrar que 8% das vagas serão destinadas a portadores de necessidades especiais.

Cargos

Advogado, Arquiteto, Assistente Social, Auxiliar de Laboratório, Médico Psiquiatra, Operador de Máquinas, Operário, Pedreiro e Técnico em Topografia.

Inscrição

As inscrições serão realizadas a partir das 9h do dia 18 de maio de 2012 até às 23h59min, do dia 01 de junho de 2012, pelo site http://www.objetivas.com.br/.
As taxas de inscrição podem variar de R$ 30,00 (nível fundamental), R$ 40,00 (nível médio) a R$ 60,00 (nível superior).

Prova

A prova escrita será aplicada na data provável de 07 de julho de 2012, em local e horário a serem divulgados quando da homologação das inscrições em 21 de junho de 2012. A Prova Prática será aplicada em data ainda a ser informada por edital.

Validade

O concurso será válido por 2 anos, a partir da data de homologação dos resultados, prorrogável por mais 2 anos, a critério do município de Nova Prata.

Edital / Publicações

Prefeitura de Novo Horizonte do Norte (MT) abre processo seletivo

O Prefeito de Novo Horizonte do Norte, Estado de Mato Grosso, tornou público o edital Nº. 02/2012, que regula a realização de Teste Seletivo visando o preenchimento de 05 vagas de nível médio e superior. A remuneração varia entre R$ 622,00 e R$ 2.092,62, com jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Cargos

Enfermeiro, Bioquímico, Psicólogo, Monitor de Artesanato Geral e Orientador do PETI.

Inscrição

As inscrições serão realizadas pessoalmente ou por procuração, de forma gratuita, até o dia 25 de maio de 2012, das 7:00 às 11:00 horas e das 13:00 às 17:00 horas, na Secretaria Municipal de Administração, na rua Augusto de Souza, nº 171, centro, Novo Horizonte do Norte-MT.

Prova

As provas serão realizadas na Escola Municipal Ulisses Guimarães, Avenida Kara José nº 395 – Centro, Novo Horizonte do Norte-MT, na data provável de 26 de maio de 2012, a partir das 08:00 h às 12:00 h e terá 4 horas de duração.

Validade

O processo seletivo será válido por 1 ano, prorrogável por mais 1 ano, de acordo com a necessidade da administração.

Concurso Prefeitura de São Miguel das Missões – RS

Sob a coordenação técnico-administrativa do Grupo IMPRESUL Serviço Gráfico e Editora Ltda., através do Departamento INDEXUS, a Prefeitura de São Miguel das Missões, Estado do Rio Grande do Sul, acaba de publicar dois editais de concurso público (nº 01/2012) e processo seletivo (nº 01/2012). Estão disponíveis 21 vagas para candidatos de níveis fundamental, médio e superior, para provisão de cargos em seu quadro de servidores públicos municipal.
O vencimento inicial para o aprovado varia de R$ 622,00 a R$ 1.877,26, em jornadas de 20 a 40 horas semanais.
Cargos
Nível Fundamental - Agente Comunitário de Saúde, Agente de Endemias, Motorista e Operário.

Nível Médio - Visitador do PIM, Fiscal e Agente Administrativo Educacional.

Nível Superior - Arquiteto Urbanista, Assistente Social, Engenheiro Civil, Médico-Veterinário, Procurador, Professor de Educação Infantil e Topógrafo.
Inscrição
Para participar, os candidatos deverão efetuar suas inscrições através do endereço eletrônico http://www.indexus.com.br/ até o dia 31 de maio de 2012.
A taxa de inscrição é de R$ 40,00 para nível fundamental, R$ 50,00 para nível médio e R$ 60,00 para nível superior.
Prova
As provas serão realizadas no Município de São Miguel das Missões, em data, horário e local a serem divulgados, no prazo mínimo de 08(oito) dias de antecedência da data das provas. Não serão enviados informativos sobre o local, data e horário de aplicação das provas aos candidatos.
Validade
A validade do concurso público e do processo seletivo será de dois anos, a partir da data da publicação da homologação da classificação final, podendo ser prorrogado por igual período, a critério da Prefeitura.

Prefeitura de Paranaíta (MT) abre processo seletivo

A Prefeitura de Paranaíta, Mato Grosso, abriu inscrições para processo seletivo Nº.  003/2012 que selecionará 07 candidatos para cinco cargos de atuação. A faixa salarial vai de R$ 1.270,44 a 9.922,67 e das vagas ofertadas 10% serão destinadas aos candidatos portadores de deficiência.
Cargos
Médico Clinico Geral, Odontólogo, Engenheiro Florestal, Arquiteto e Técnico em Laboratório e Análises Clínicas.
Inscrições
As  inscrições serão realizadas, gratuitamente, no site http://www.paranaita.mt.gov.br/, até o dia 31 de maio de 2012.

Provas
As provas  objetivas estão previstas para 09 de junho de 2012, na Escola Estadual João Paulo I, localizado na Rua LE 03 n. 203 – Centro - próximo a Prefeitura Municipal de Paranaíta, no horário das 09:00 às 12:00 horas.
As provas de títulos de pós graduação e experiência na área ao cargo de Médico Clinico Geral será contado somente aos candidatos que classificarem na prova objetiva, os mesmos deverão ser entregue no dia da prova objetiva, na entrada
da sala ao fiscal em envelope lacrado, com identificação do candidato, cargo e numero de inscrição.
O gabarito será publicado na data provável de 11 de junho de 2012, no site http://www.paranaita.mt.gov.br/.
Validade
O teste seletivo terá validade de 01 ano.

Edital / Publicações

Concurso FUSAM de Caçapava - SP

Com objetivo de preencher 38 vagas e formar de cadastro reserva através do Regime Celetista, a Fundação de Saúde e Assistência do Município de Caçapava - FUSAM, Estado de São Paulo, acaba de publicar edital n° 001/2012 de concurso público. A seleção está sob a responsabilidade da CONSESP - Consultoria em Concursos e Pesquisas Sociais Ltda.

O salário inicial é de R$ 710,00 a até R$ 4.274,12, por jornadas de 20, 24, 30 e 44 horas semanais.

Para quem tem nível fundamental, as vagas são para os cargos de Ajudante de Pedreiro, Auxiliar de Serviços Gerais - Cozinha, Auxiliar de Serviços Gerais - Higienização, Auxiliar de Serviços Gerais - Lavanderia, Contínuo, Cozinheira, Pedreiro e Pintor.

No nível médio, os cargos são de Auxiliar Administrativo I, Auxiliar de Enfermagem, Auxiliar de Manutenção, Eletricista, Motorista, Técnico em Enfermagem, Técnico em Imobilização Ortopédica, Técnico em Informática, Técnico em Nutrição e Técnico em Patologia Clínica.

Já para candidatos com nível superior, os postos são de Analista de Recursos Humanos, Assistente Social, Enfermeiro, Enfermeiro Emergência, Enfermeiro Obstetra, Farmacêutico e Médico nas especialidades de Angiologista, Cardiologista, Clínico Geral (Plantonista), médico do Trabalho, Gineco/Obstetra (Plantonista), Hematologista, Infectologista, Intensivista (Plantonista), Otorrinolaringologista, Pediatra (Plantonista) e Radiologista.

Além do salário mencionado anteriormente, os candidatos aprovados receberão alguns benefícios, tais como cesta básica, Insalubridade (R$ 124,40 para todos), Abono por Assiduidade para Médicos e Enfermeiros (por não apresentar atestado, faltas, atrasos, saídas antecipadas e afastamentos), sendo R$ 300,00 para Enfermeiros, R$ 600,00 para Médicos Plantonistas 24 horas em dias de semana, ou  R$ 1.000,00 para Médicos Plantonistas 24 horas em fins de semana.

As inscrições serão feitas exclusivamente no site http://www.consesp.com.br/ no período de 18 a 31 de maio de 2012. Para participar, é preciso pagar uma taxa de inscrição no valor de R$ 25,00 para cargo de nível fundamental, R$ 39,00 para cargos de nível médio ou de R$ 54,00 para cargo de nível superior.

As provas serão aplicadas na cidade de Caçapava - SP, nessa ordem: provas escritas acontecerão no dia 10 de junho de 2012 e provas práticas serão realizadas na mesma data, lembrando que os locais e horários deverão ser consultados pelos candidatos com pelo menos três dias de antecedência.
Durante as provas escritas serão informados os locais e horários das provas práticas, mas a critério da CONSESP e da FUSAM, as provas práticas poderão ser remarcadas para outra data, caso o número de candidatos ultrapasse o máximo de provas compatíveis.

O gabarito oficial e a prova objetiva (teste de múltipla escolha) serão disponibilizados no site http://www.consesp.com.br/, à partir das 18h da segunda-feira subsequente à data da aplicação da prova e permanecerão no site pelo prazo de 2 (dois) dias.

A validade do Concurso Público será de dois anos, contados da homologação final dos resultados, podendo haver prorrogação por igual período.

Edital / Publicações

Prefeitura de Sinop (MT) abre processo seletivo

Terá início a partir do dia 21 de maio as inscrições para processo seletivo n°001/2012 da prefeitura de Sinop, Estado de Mato Grosso. Serão selecionados  520 candidatos, sendo 70 para provimento imediato e 450 para inclusão no cadastro reserva de nível fundamental para o cargo de Agente Comunitário de Saúde, com salário de até R$ 889,30 e carga horária de 40 horas semanais. Um total de 10% das vagas efetivamente ocupadas está destinado aos portadores de deficiência.

Inscrição

As inscrições serão realizadas no período de 21 de maio à 01 de junho 2012, das 13:00 as 16:30 horas, de forma presencial nas Unidades Básicas de Saúde nos seguintes locais: Unidade de Saúde da Família Parque das Araras - Rua das Primaveras, 6611 – Parque das Araras. Fone: 3511 1919; Unidade de Saúde da Família Jardim Primaveras - Avenida das Sibipirunas, 5.753 – Jd. Primaveras. Fone: 3511 1870; Unidades de Saúde da Família Jardim Botânico I e II - Rua das Seringueiras, 230 – Jd. Botânico. Fone: 3511 1869; Unidades de Saúde da Família Menino Jesus I e II - Rua João Moreira de Carvalho, 513 - Menino Jesus. Fone: 3511 1842; Unidades de Saúde da Família Alto da Glória - Av. Brasil, s/n. Q04 Lt02 – Alto da Glória. Fone: 3511 1841; Unidades de Saúde da Família São Cristóvão - Estrada Jacinta, 255 - São Cristóvão. Fone: 3511 1840; Unidades de Saúde da Família Boa Esperança I e II - R. Pe Antonio Haidler, s/n – Boa Esperança. Fone: 3511 1822; Unidades de Saúde da Família Setor Industrial CAIC - Av. Alexandre Ferronato, 1.200 – Setor Industrial. Fone: 3511 1871; Unidades de Saúde da Família União I e II - Av. dos Ingás, nº. 5.028 – Jd. Violetas. Fone: 3511 – 1821; Unidade de Saúde da Família Jardim das Nações - R. das Gaivotas, 618 – Jardim das Nações II. Fone: 3511 1827; Unidade de Saúde da Família Carlos Scholtão I e II - Av. das Itaúbas – Centro. Fone: 3531 8972; Centro de Saúde Jardim das Oliveiras - R. das Oliveiras Qd 32 Lt 20 – Jd. das Oliveiras. Fone: 3511 1826 e Unidade de Saúde da Família Jardim Ibirapuera - Av. Perimetral Sul – Q. 04 – Jd. Ibirapuera. Fone: 3515 8421.

Prova Teórica

A prova teórica está prevista para 17 de junho de 2012, a ser realizada na Avenida dos Ingás, S/N – Centro, Universidade do Estado de Mato Grosso – UNEMAT-SINOP.
O gabarito será divulgado na data provável de 19 de junho de 2012.

Validade

O processo seletivo terá validade de 02 anos, a contar da data de sua homologação, podendo ser prorrogado, uma vez, por igual período, por ato do Prefeito Municipal.

Prefeitura de Mirangaba – Ba abre processo seletivo

Estão abertas as inscrições para o processo seletivo da prefeitura do município baiano de Mirangaba, que dispõe de 63 vagas para diversos cargos nos níveis fundamental, médio e superior. Os salários oscilam entre os valores de R$ 622,00 e R$ 8.000,00.
As oportunidades são para médico PSF, médico plantonista, enfermeiro PSF, enfermeiros atenção básica, enfermeiros vigilâncias sanitária e epidemiológica, odontólogo PSF, assistente social, psicólogo, fisioterapeuta, nutricionista, bioquímica, educador físico, técnicos de enfermagem, técnico em radiologia, motorista PSF quilombolas, motorista atenção básica, auxiliar de cirurgião dentista, agente administrativo, agente administrativo e auxiliar serviços gerais PSF.
Os interessados deverão se inscrever através do endereço eletrônico http://www.cncconcursos.com.br/ até 25 de maio de 2012. Presencialmente, as inscrições podem ser feitas nas dependências da prefeitura de Mirangaba, situada à Avenida Jonas Carvalho nº 140, Centro. O valor da taxa de inscrição será de R$ 40,00 para cargos de nível fundamental, de R$ 50,00 para nível médio e R$ 85,00 nível superior.
Este processo seletivo avaliará os candidatos por provas objetivas que serão aplicadas no dia 10 de junho de 2012, segundo a programação preliminar. O local e horário de aplicação das provas será divulgado posteriormente, bem como o gabarito parcial. A validade do processo seletivo será de 01 ano, mas pode sofrer prorrogação, por uma única vez.

Edital / Publicações

Prefeitura de União do Sul (MT) abre processo seletivo

A Prefeitura de União do Sul, Estado do Mato Grosso, abriu nesta sexta-feira 18 de maio processo seletivo Nº. 02/2012 com a finalidade de preencher 10 vagas no seu quadro de funcionários. As oportunidades contemplam todos os níveis de escolaridade, desde o ensino fundamental até o superior. O salário oferecido varia de R$ 315,00 a R$ 1.980,00, para uma jornada de trabalho de 15 a 40 horas semanais. 
Do total das vagas ocupadas neste concurso, durante os 12 meses de sua validade, 5% serão providas a candidatos portadores de necessidades especiais.

Cargos

Zeladora, Gari, Agente Comunitário de Saúde, Condutor de Veículo Emergencial, Condutor de Veículo Escolar, Fiscal de Vigilância Sanitária, Farmacêutico, Psicólogo e Fisioterapeuta.

Inscrição

As inscrições serão realizadas gratuitamente na modalidade presencial, até o dia 28 de maio de 2012, das 08:00 às 12:00 horas, na recepção da Prefeitura de União do Sul, localizada na Avenida Curitiba, nº. 94, Centro, União do Sul – MT, ou por procuração com assinatura reconhecida em cartório.

Prova

A prova objetiva será realizada na data provável de 01 de junho de 2012, das 19:00 ás 23:00 horas, na Escola Municipal Matilde Altenhofem.
Os títulos a serem avaliados deverão ser entregues, provavelmente, no dia 01 de junho de 2012, a partir das 18:30 horas em envelope identificado, respeitando o horário de inicio das provas .

Edital / Publicações