Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Conheça o passo a passo do medicamento dentro do hospital

Conheça o passo a passo do medicamento dentro do hospital
Com rastreabilidade, o caminho percorrido pelos insumos é mapeado de forma a trazer mais segurança para o paciente e redução de custos para a instituição
 
Os órgãos de controle de fabricação, distribuição e consumo de medicamentos no Brasil expedem em média mil avisos de anormalidades de fabricação ou uso de produtos. Há, portanto, a necessidade de fazer recalls de forma intensa.
 
Sendo assim, a rastreabilidade de medicamentos é fundamental para identificar quem consumiu, comprou, onde está e em que condições estão quaisquer produtos farmacêuticos que estão circulando no mercado brasileiro. Por isso, ter um projeto de logística com recursos de rastreabilidade em toda a rede de atendimento torna-se uma grande ferramenta para garantir a segurança de toda a cadeia de saúde.
 
Desde a fabricação, há uma preocupação dos órgãos sanitários em adotar códigos de barras padronizados, conforme as normas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Além disso, a agência criou o Comitê Gestor da Implantação do Sistema Nacional de Controle de Medicamentos (SNCM) para aperfeiçoar ainda mais a rastreabilidade de medicamentos e facilitar o recolhimento de lotes por quaisquer problemas, onerando menos o sistema de saúde e garantindo mais segurança aos consumidores.
 
Dentro do hospital, a logística pode ser resumida em 11 etapas:
 
1. Recebimento (conferência dos pedidos e verificação da integridade das embalagens, lote, validade e quantidade).
 
2. Endereçamento (alocação de produtos nas áreas de estocagem, conforme lote e validade).
 
3. Dispensação Individualizada
 
4. Dispensação coletiva
 
5 .Dispensação de Kits de procedimento
 
6. Rastreabilidade desde a entrada até o consumo
 
7. Gerenciamento de Estoque
 
8. Gestão de material consignado
 
9. Controle de administração de medicamento
 
10. Logística reversa (estorno físico, contábil e financeiro dos produtos não consumidos pelo paciente).
 
11. Gestão automática de requisição de compras
 
A gestão logística de medicamentos envolve também a área de tecnologia, que pode organizar as informações gerenciais de forma mais prática. Além disso, a equipe assistencial é fundamental para que o processo tenha sucesso, pois são responsáveis pela administração dos remédios, bem como abastecer os sistemas de controle de informações. A junção de processos bem desenhados com tecnologia e pessoas treinadas garante que o caminho percorrido pelo medicamento seja adequado e eficiente não somente para a instituição de saúde, como também para o paciente.
 
Domingos Fonseca, Presidente da UniHealth Logística Hospitalar
 
Saúde Web

Quarto de motel esconde perigos para a saúde

Quarto de motelLençol, toalhas e até a banheira são focos para o contágio de DSTs
 
Você já pensou nos riscos que um quarto de motel pode representar para sua saúde? Quando a temperatura esquenta, pouca gente pensa nisso. Mas o risco de contrair, principalmente, uma doença sexualmente transmissível (DST) existe. Para se ter ideia, alguns vírus, como o HPV, podem sobreviver por até sete dias em uma superfície. "Se os cuidados com a higiene não estiverem totalmente alinhados, as chances de contaminação são enormes. Banheiras e lençóis podem guardar uma grande quantidade de vírus, que podem gerar desde problemas mais simples, como a candidíase, até os mais sérios, como o HPV , explica o médico mastologista do Hospital A.C.Camargo, Levon Badiglian Filho.
 
 
 
O administrador de empresas Renato conta que pode comprovar como a má higienização de um estabelecimento é capaz de provocar danos ao organismo. "Um dia depois de passar a noite em um quarto de motel comecei a sentir coceiras na região genital. Fiquei quase uma semana sofrendo com o problema, sem saber o que estava acontecendo. Depois de uma consulta com o urologista, descobri que havia contraído chato (uma espécie de piolho que se fixa nos pelos pubianos)".  
 
De acordo com o professor Antonio Carlos Morilha, especialista do Guia de Motéis e colaborador da revista Moteleiro, os cuidados com o quarto do motel devem ser colocados em primeiro plano. "As toalhas devem ser esterilizadas e todo o quarto deve ser desinfetado, como banheiras, sauna e cadeiras. Assim, os riscos de contaminação são nulos e os adeptos podem ficar tranquilos", explica.
 
 "O cliente que perceber algo errado deve informar imediatamente a recepção, além de se informar sobre todos os cuidados com a higiene do motel".                            
 
Raio-X do quarto
De acordo com o médico do A.C. Camargo, a primeira atitude é prestar atenção nos pequenos detalhes do lugar que você frequenta.
 
"Fazem parte das medidas de segurança procurar estabelecimentos que apresentem o mínimo exigido de condições higiênicas, observar a aparência da fachada externa (que pode dizer muito sobre o ambiente interno), além de desconfiar de preços muito baixos", explica Levon. Outros sinais podem estar invisíveis aos olhos, por isso que os cuidados devem ser redobrados.
 
"Devemos analisar todos os objetos que entrem em contato com a mucosa e principalmente com os órgãos genitais. Principalmente, aqueles que sejam de difícil esterilização, como banheiras e bancos, já que muitos vírus e bactérias causadores de doenças são bastante resistentes", diz o mastologista.
 
"Alguns micro-organismos sobrevivem em superfícies inertes e secas por um longo período de tempo, como o gonococo (causador da gonorreia), que permanece ativo de 1 a 3 dias e o HPV, até 7 dias" .

Há quem prefira levar para o motel um pouco de álcool para desinfetar o local como forma de se precaver. Mas será que essa é a solução mais indicada? "O álcool em gel a 70% é ótimo para eliminar qualquer vestígio de vírus. Mas, vale lembrar que essa é obrigação dos estabelecimentos, e se a pessoa faz isso é por que não confia no padrão de limpeza do motel", explica o mastologista.
 
Os campeões de contaminação
 
Banheira: marcas de ferrugem ou de manchas são sinais de má higiene. A melhor opção é não usar e desistir do estabelecimento.

Assento sanitário: existem motéis que apresentam um lacre de higienização; esses são os mais confiáveis. Mesmo assim, observe se houve a limpeza, caso contrário, avise a recepção e procure outro lugar.

Toalhas:
as toalhas devem ser brancas e não podem apresentar nenhum indício de manchas. Prefira os estabelecimentos que usem o processo de esterilização e mande as toalhas ensacadas individualmente.

Lençol: mesmo uma manchinha pequena indica que a limpeza não foi realizada da maneira correta. Se a sujeira ainda está lá, os vírus também podem estar.

Piscina: antes de mergulhar, preste atenção na cor e no cheiro da água. Qualquer fator incomum precisa ser levado em consideração.

Cadeiras: os bancos e cadeiras precisam estar limpos e secos, e mesmo se tudo estiver em ordem prefira colocar a toalha antes de sentar-se.
 
Minha Vida

Tiamina é aliada do cérebro e contribui para o metabolismo de nutrientes

Reprodução
A carência da vitamina pode levar a sérios problemas de saúde como o beribéri

A tiamina, também conhecida como vitamina B1, é uma vitamina hidrossolúvel que pertence ao complexo B. A principal função da tiamina é sua ação no metabolismo de carboidratos, gorduras e proteínas, agindo como uma coenzima - a difosfato de tiamina. 
 
A coenzima difosfato de tiamina, em combinação com o fósforo, forma a coenzima tiamina pirofosfato (TPP), que é a chave para várias reações como a transformação da glicose em energia (ATP). A TPP atua como coenzima na descarboxilação oxidativa do piruvato, formando acetato e acetil coenzima A, componente principal da via de Krebs, sendo necessária no metabolismo de carboidratos, gorduras e proteínas. 

Benefícios comprovados da Tiamina
Aliada do cérebro: A tiamina faz parte de enzimas que produzem energia para o corpo todo, inclusive, para o cérebro. No sistema nervoso, ela está envolvida na produção de acetilcolina, um neurotransmissor, isto é, transmite informações de um lugar para outro do cérebro. Também é importante para a síntese da bainha de mielina. Os produtos derivados da tiamina e as enzimas, que são provenientes dela, têm ação no corpo todo, mas a deficiência dela vai afetar particularmente o cérebro e o sistema nervoso periférico, por conta da dependência do metabolismo oxidativo. Sua falta, se rápida, pode levar até ao coma metabólico. Ela também impede a oxidação e protege dos radicais livres, evitando assim as neuropatias.

Ajuda no metabolismo de nutrientes: A tiamina age no metabolismo da glicose, dos ácidos graxos e aminoácidos, ou seja, ajuda o organismo a utilizar essas substâncias com eficiência.

Deficiência de tiamina
A deficiência de tiamina pode ser identificada por meio de exames laboratoriais, sangue e urina. Normalmente, a deficiência ocorre em pacientes com dependência de álcool, desnutridos, que apresentam vômitos frequentes e após a cirurgia bariátrica. Alguns sinais de deficiência são insônia, nervosismo, irritação, fadiga, depressão, perda de apetite, falta de energia, dores no abdômen e no peito, sensação de agulhadas e queimação nos pés, perda do tato e da memória e problemas de concentração.

A deficiência de tiamina pode resultar em três síndromes: 
- Neurite crônica periférica, que pode ou não estar associado à insuficiência cardíaca e edema. Trata-se de uma condição comum que afeta os nervos periféricos, responsáveis por encaminhar informações do cérebro e da medula espinhal para o restante do corpo. A neuropatia periférica pode causar danos permanentes aos nervos, sendo muitas vezes um problema incapacitante e até mesmo fatal
 
- Beribéri agudo pernicioso (fulminante) no qual a insuficiência cardíaca e as anormalidades metabólicas predominam, com pouca evidência de neurite periférica
 
- Encefalopatia de Wernicke com psicose de Korsakoff, síndrome neuropsiquiátrica associada à falta de tiamina.

Interações da Tiamina
O consumo excessivo de açúcar, álcool, café, cigarro e antiácidos pode prejudicar a absorção de tiamina.
 
Combinações com a tiamina
Quando consumida junto com fontes de fósforo a tiamina tem suas ações benéficas potencializadas.
 
Fontes de Tiamina
Os cereais integrais são as principais fontes de tiamina. Outras fontes excelentes são a levedura de cerveja seca, carnes magras, porco, cordeiro, vaca e aves, nozes, leguminosas e legumes secos. Em alguns países, a farinha de trigo e de arroz é enriquecida com tiamina, já que ela se perde durante o processamento. 
                                               
Quantidade de tiamina por porção de alimento:  
                                               
Alimentos Quantidade (g) Tiamina (mg)% dos valores diários de referência
Carne de porco grelhada 100 0,981%
Presunto cozido 1000,7 63%
Castanha do Pará 700,763%
Noz pecã 600,545%
Massa cozida 140 0,3 27%
 
Fonte: Tabela do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos. 
 
Quantidade recomendada de Tiamina
 
Estágio de vida e grupos especiais Quantidade (mg/dia)
0 a 6 meses 0,2
7 a 12 meses 0,3
1 a 3 anos 0,5
4 a 8 anos 0,6
Meninos de 9 a 13 anos0,9
Meninas de 9 a 13 anos0,9
Homens a partir de 14 anos1,2
Mulheres de 14 a 18 anos1,0
Mulheres a partir de 18 anos1,1
Gestantes e lactantes1,4
 
Fonte: DRIs - Dietary Reference Intakes: Recommended Intakes for Individuals Elements, Food and Nutrition Board, Institute of Medicine, National Academies, 2004.
 
Uso do suplemento de Tiamina
O suplemento de tiamina é utilizado no tratamento de acidose metabólica, problema que pode ocorrer em pacientes submetidos à nutrição parenteral; em pacientes com síndrome anêmica (caracterizada por anemia megaloblástica, diabetes mellitus e doença sensorial e neural progressiva). Pessoas com vômitos persistentes e náuseas graves que possam provocar desidratação, cetose e perda de peso também podem precisar do suplemento.                                                 
 
Um grupo que necessita de quantidades maiores de tiamina é o de pacientes sob terapia renal, hemodiálise ou diálise peritoneal, além daqueles com síndrome de má absorção. 
 
Riscos do consumo em excesso de Tiamina
O excesso de tiamina só ocorre por meio da suplementação, pois a quantidade de tiamina encontrada nos alimentos é pequena e devido à sua hidrossolubilidade, aproximadamente 25% é perdida no cozimento. Não há evidências de qualquer efeito tóxico da tiamina, embora altas doses por via parenteral (endovenosa) são associadas com depressão respiratória em animais e choque anafilático em seres humanos. 
 
Fonte consultada
Nutricionista Patrícia Pinesi, CRN-3 33050 
 
Minha Vida

Walmart Brasil contrata farmacêuticos

Candidatos devem cadastrar currículo até o final de fevereiro

O Bompreço e o Hiper Bompreço estão recrutando farmacêuticos para trabalhar em uma das cerca de 250 farmácias da rede. Na Bahia, as oportunidades são para as cidades de Salvador, Itabuna e Serrinha.
 
Entre os benefícios oferecidos pela empresa estão: assistência médica, assistência odontológica, seguro de vida, refeição no local, vale-transporte e participação no lucro da Empresa.
 
Os interessados devem cadastrar currículo no site do Walmart Brasil, até o final de fevereiro e é necessário ensino superior completo.

Fonte: Camaçari Notícias

Previsão para dia do parto falha em 96% dos casos, diz estudo

A data prevista para o parto ajuda o acompanhamento médico, mas não é precisa Foto: kycstudio  / iStock
A data prevista para o parto ajuda o acompanhamento
 médico, mas não é precisa
Quando Penelope Chaney encontrou sua amiga Eleanor Marshall, as duas mal puderam acreditar na coincidência
 
Ambas haviam sido informadas por seus médicos de que a data prevista para ambos os partos era 4 de abril. Mas quais as chances de duas amigas darem à luz no mesmo dia?
 
Antes de responder a essa questão, é preciso entender como é estimada a chamada data prevista para o parto (DPP).
 
Na Grã-Bretanha, onde Penelope e Eleanor vivem, ela é calculada a partir da data da última menstruação – a essa, adicionam-se 280 dias, ou seja, 40 semanas. Em seguida, um ultrassom determina outra data, que é estimada ao se medir o tamanho do feto.
 
Se essas duas datas ficarem muito distantes entre si, a do ultrassom é levada em conta.
 
No entanto, dados do Perinatal Institute, uma ONG britânica, mostram que as DPPs quase nunca são precisas. Na verdade, apenas 4% dos bebês nascem na data estimada.
 
Se por um lado é útil para os pais ter uma ideia de quando o bebê vai chegar, a principal função da data do parto é "definir uma métrica para o acompanhamento médico" durante a gravidez, explica o professor Jason Gardosi, do Perinatal.
 
"Um dos usos é interpretar testes de sangue no começo da gravidez para analisar se há riscos de anomalias congênitas. Para isso, é importante saber em que estágio da gestação a mulher está", afirma.
 
O conselho para grávidas, Gardosi afirma, é que o parto ocorra em qualquer momento entre a 37ª e a 42ª semana de gestação, em um período conhecido como "a termo", quando o bebê atingiu a maturidade esperada.
 
No Brasil, alguns médicos consideram que o limite é a 40ª semana – e recomendam cesárea após essa data. A medida é polêmica, já que muitos afirmam que ela resulta em um alto número de bebês prematuros, justamente pela imprecisão da data prevista para o parto. Por exemplo, se um bebê que teria 37 semanas tivesse, na verdade, 36.
 
Probabilidade
Para mulheres como Penelope e Eleanor, com gestações de baixo risco, há 60% de chance de o bebê nascer uma semana antes ou uma depois da data prevista para o parto.
 
E, como dito acima, apenas 4% dos bebês nascem na data que lhes foi prevista (ou 4,4% se excluirmos gestações de risco). Em outras palavras, a chance de isso acontecer é de menos de um para 20.
 
Então quais as chances das amigas terem filhos no dia 4 de abril? Apenas 4,4% de 4,4%, ou 0,2%. Ou seja: uma chance em 500.
 
Já as chances de seus filhos nascerem no mesmo dia – qualquer dia, não especificamente no dia 4 de abril – são maiores: uma em 30.
 
O cálculo ilustrativo, segundo Gardosi, contém uma mensagem importante para grávidas: a de que a data prevista para o parto pode enganar - e na maioria das vezes engana.
 
"Muitas mulheres ficam ansiosas ou impacientes se têm muitas expectativas sobre a data do parto.
 
Precisamos explicar a elas que essa é apenas uma data que nos ajuda a determinar os estágios da gravidez."
 
Keith Moore / BBC News

Vítimas de ‘armadilha’ de planos de saúde enfrentam reajustes abusivos

Reprodução
Se sentindo enganados, consumidores descobrem riscos dos planos coletivos apenas depois da contratação
 
No início, eles achavam que estavam fazendo um bom negócio: a economia mensal podia chegar a R$ 400 por pessoa.
 
Mas, algum tempo depois de terem contratado um plano de saúde, foram informados que a mensalidade seria reajustada em até 70% e acabaram percebendo que a proposta inicialmente atrativa era, na verdade, um armadilha.
 
Um funcionário público e um administrador de empresas que conversaram com a BBC Brasil passaram por essa situação por terem contratado um plano de saúde coletivo. Ambos adquiriram os planos como manda a lei, seja por estarem ligados a um sindicato ou por terem uma empresa. O problema é que esses produtos costumam ter reajustes muito mais altos que os individuais.
 
Isso ocorre porque os planos coletivos não têm seu índice de reajuste diretamente regulado pela ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), como ocorre com os individuais - e ficam livres para determinarem o aumento na mensalidade que desejarem.
 
Assim, se o aumento determinado pela ANS em 2014 foi de 9,65% para os individuais, a média de reajuste dos coletivos foi quase o dobro, segundo o Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor), sendo que em alguns casos o aumento ultrapassou os 60%.
 
'Ilusão'
Foi o que aconteceu com Tabajara Alves Cidreira, cujo plano foi afetado pelo reajuste anual e também pela mudança de faixa etária.
 
"Em 2013, quando fui fazer meu plano, o coletivo saía quase R$ 400 mais barato. Achei ótimo, mas depois vi que era uma ilusão", conta ele, que contratou um plano por uma administradora de benefícios, como são conhecidas empresas que costumam vender planos coletivos. No caso, o contrato por adesão foi fechado por Tabajara ser associado à SASPB (Sociedade Assistencialista dos Servidores Públicos do Brasil).

"Eu sabia que haveria um aumento porque estava prestes a fazer 59 anos (quando muita a faixa etária de cobrança dos planos), mas me informaram que era um reajuste pequeno. Mas a minha mensalidade de R$ 994,76 passou para R$ 1.719 (73% de aumento)."
 
Tabajara conta que, apesar de achar o valor abusivo, resolveu ir pagando porque não queria ficar sem plano. "Me senti muito lesado. Já são tantas injustiças contra a população, tantas injustiças por parte de grandes empresas..."
 
Ele afirma que, após alguns meses, passou a se informar e viu que estava realmente sendo lesado.
 
Recorreu à Justiça e ganhou a causa, e o reajuste de 73% foi então fixado em 16,79%.
 
"Quando saiu a sentença, pensei 'agora, sim!'. Eu não me recuso a pagar nada, mas desde que seja um um valor justo. Agora, conto para todos que o meu processo saiu em poucos meses, porque tenho muito amigos que sofrem com aumentos abusivos de planos."
 
Para Joana Cunha, advogada do Idec, entrar na Justiça é bastante viável nesse casos porque muitas vezes são causas de até 40 salários mínimos, o que entra no que é conhecido como tribunal de pequenas causas.
 
"Cada vez mais consumidores caem nessa armadilha do plano coletivo. Muitos até tentam contratar um individual, mas não conseguem, seja porque as operadoras não vendem mais ou porque o valor é muito alto", diz Joana.
 
'Corrida com obstáculos'
A advogada lembra ainda que um dos maiores riscos é no caso de planos coletivos empresariais em que o contratante usa seu CNJP e inclui membros da família em seu plano, já que, por ter menos integrantes, o poder de barganha é bem limitado.
 
Esse foi o caso do administrador de empresas Carlos Alberto Idoeta, que há sete anos comprou um plano empresarial para ele, a mulher e os três filhos.
 
Na época, ele pagava R$ 1.400 para os cinco integrantes; no ano passado, esse valor subiu para R$ 4.100 para apenas 3 pessoas.
 
"Eu tentei renegociar, tendo em vista que vou pouco a médicos, mas nada. Fui duas vezes pessoalmente na loja deles, mas tudo o que me diziam era que ali só pessoas físicas eram atendidas.
 
Pelo telefone, me pediam cinco dias úteis para fornecer qualquer informação", disse o administrador.
 
"Foi uma corrida com obstáculos falar com a operadora. É uma sensação de impotência muito grande. Me senti encurralado como consumidor", disse Carlos Alberto, que decidiu trocar de plano, escolhendo um inferior e mais em conta.
 
Administradoras de benefício ouvidas pela BBC afirmaram que oferecem todas as informações necessárias para que o consumidor faça a opção para contratação do plano, demonstrando as principais diferenças entre os planos individuais e coletivos, e orientam seus funcionários para tal.
'Omissão'
 
A advogada do Idec diz que ciladas como essa são recorrentes. "Isso é apenas um reflexo que mostra como a legislação é falha", diz. "Saúde não é um negócio qualquer e não deve ser mercantilizada."
 
Para ela, o fato de os planos de saúde liderarem os rankings de reclamações e causarem altíssimos índices de judicialização deixam claro que a ANS é "completamente omissa" e "precisa passar a cumprir seu papel legal".
 
Em notas enviadas à BBC Brasil, tanto a ANS quanto a Qualicorp, uma das líderes no mercado na venda de planos coletivos, trataram da verificação dos reajustes.
 
A ANS disse que esses planos devem cumprir "todas as exigências estabelecidas pela agência com relação à assistência prestada e à cobertura obrigatória" e que "conforme define a legislação brasileira, a instituição monitora permanentemente os percentuais aplicados."
 
Em seu site, no entanto, a agência deixa claro que "se seu plano for do tipo coletivo, os reajustes não são definidos pela ANS. Nesses casos, a Agência apenas acompanha os aumentos de preços".
 
Já a Qualicorp - uma das administradoras de benefício líderes no mercado de planos coletivos - reiterou que essa modalidade é, sim, regulamentada pela Agência, "inclusive no que se refere aos reajustes". A empresa afirmou que "existem, pelo menos, 3 normas da ANS que regulamentam o reajuste em planos coletivos (Resoluções Normativas nºs 171, de 29/04/2008, 63, de 22/12/2003 e 195, de 14/07/2009)."
 
Joana Cunha, do Idec, rebate a afirmação da Qualicopr, afirmando que essas normas tratam de critérios de reajuste, como periodicidade e especificidade de reajuste por mudança de faixa etária -, mas não determinam nem tratam de nenhum tipo de limite/valor teto de reajustes anuais de planos coletivos.
 
"Ou seja, as normas deixam as operadoras 'à vontade' para reajustarem o quanto quiserem", disse.
 
Sob análise do TCU
A advogada Renata Vilhena, especializada em direito à saúde, concorda com as críticas à ANS.
 
"Essa proliferação de planos coletivos faz com que os serviços de saúde para os usuários venha piorando cada vez mais. Com esses planos, as operadoras de saúde driblam a legislação sem medo. E isso só acontece porque a ANS não cumpre seu papel de regulamentar o setor."
 
Renata está entre os especialistas consultados pelo Tribunal de Contas da União (TCU) como parte de uma auditoria que vem fazendo a respeito dos aumentos abusivos de planos de saúde e na atuação da ANS.
 
Segundo o TCU, é seu papel auxiliar o Congresso fiscalizando o cumprimento da missão legal da ANS, em sua competência que envolve gastos públicos ao regulamentar os planos de saúde.
 
Já a organização que reúne os principais planos de saúde do país (FenaSaúde, Federação Nacional de Saúde Suplementar), afirmou em nota que "a comparação entre reajustes de planos individuais e coletivos não é simples nem linear".
 
"Nos planos individuais, analisam-se em conjunto todos os beneficiários, assim o risco é diluído em centenas de milhares de beneficiários. Já nos planos coletivos, dependendo de sua decisão, o empresário pode optar por um reajuste atrelado à despesa médica específica do conjunto de seus funcionários. Assim, o reajuste dos planos coletivos pode variar muito conforme o tamanho da mutualidade, de desconto de 30% a aumento de 50% de um ano para o outro, de acordo com as despesas feitas pelos funcionários da empresa."
 
BBC Brasil / Terra

Protetor solar deve ser usado diariamente

A exposição ao sol e, consequentemente, aos raios ultravioletas (UV) tem efeito cumulativo e penetra profundamente na pele, sendo capaz de provocar diversas alterações, como o bronzeamento e o surgimento de pintas, sardas, manchas e rugas e até provocar doenças graves, como o câncer de pele
 
De acordo com especialistas, o protetor solar deve ser aplicado ainda em casa, e reaplicado ao longo do dia a cada 2 horas, se houver muita transpiração ou exposição solar prolongada.
 
É necessário aplicar uma boa quantidade do produto, equivalente a uma colher de chá rasa para o rosto e três colheres de sopa para o corpo, uniformemente, de modo a não deixar nenhuma área desprotegida. O filtro solar deve ser usado todos os dias, mesmo quando o tempo estiver frio ou nublado, pois a radiação UV atravessa as nuvens.
 
Também é importante consultar um dermatologista regularmente para uma avaliação cuidadosa da pele, com a indicação do produto mais adequado.
 
Câncer de pele
Responsável pela maioria dos casos de tumor no Brasil, o câncer de pele é mais comum em pessoas com mais de 40 anos com pele clara, sendo relativamente raro em crianças e negros.
 
Para prevenir tumores cutâneos, a recomendação é evitar a exposição solar entre 10 horas e 16 horas, período de maior incidência de radiação ultravioleta B, e fazer uso de protetor solar, fator mínimo 30.
 
Roupas apropriadas, como uma camisa de manga comprida, calças e um chapéu de abas largas e óculos escuros, complementam as estratégias de proteção.
 
"Temos uma situação privilegiada em relação ao câncer cutâneo: podemos impedir que a doença aconteça através das medidas de proteção solar", afirma médico dermatologista e coordenador da Campanha Nacional de Combate ao Câncer da Pele, Marcus Maia.
 
Fundamental para se prevenir do câncer de pele é se proteger do sol!
 

Doenças da Infância: Catapora

A varicela (catapora) é uma doença infecciosa, altamente contagiosa, mas geralmente benigna, causada pelo vírus Varicela-Zoster, que se manifesta com maior frequência em crianças e com incidência no fim do inverno e início da primavera
 
Uma vez adquirido o vírus, a pessoa fica imune. No entanto, esse vírus permanece em nosso corpo a vida toda e pode ser reativado e causar o Herpes-Zoster, conhecido também como cobreiro. 
 
A catapora é facilmente transmitida para outras pessoas. O contágio acontece através do contato com o líquido da bolha ou pela tosse, espirro e saliva ou por objetos contaminados pelo vírus. O período de incubação é de 4 a 16 dias e a transmissão se dá entre 1 a 2 dias antes do aparecimento das lesões de pele e até 6 dias depois, quando todas as lesões estiverem na fase de crostas. Deve-se afastar a criança da creche ou escola por 7 dias, a partir do início do aparecimento das manchas vermelhas no corpo.
 
Os sintomas da catapora, em geral, começam entre 10 e 21 dias após o contágio da doença. Além de manchas vermelhas e bolhas no corpo, a doença também causa mal estar, cansaço, dor de cabeça, perda de apetite e febre baixa. As bolhas surgem inicialmente na face, no tronco ou no couro cabeludo, e se espalham e se transformam em pequenas vesículas cheias de um líquido claro. Em poucos dias o líquido escurece e as bolhas começam a secar e cicatrizam. Este processo causa muita coceira, que pode infeccionar as lesões devido a bactérias das unhas ou de objetos utilizados para coçar. As principais complicações da catapora, nos casos severos ou tratados inadequadamente, são a encefalite, a pneumonia e infecções na pele e ouvido.
 
Aos primeiros sintomas é necessário procurar um serviço de saúde para que um profissional possa orientar o tratamento e avaliar a gravidade da doença. Para evitar o contágio, é necessário restringir a criança ou adulto com catapora de locais públicos até que todas as lesões de pele estejam cicatrizadas, o que acontece, em média, num período de duas semanas. Mãos, vestimentas e roupas de cama, além de outros objetos que possam estar contaminados, devem passar por higienização vigorosa.
 
No tratamento da catapora, em geral, são utilizados analgésicos e antitérmicos, para aliviar a dor de cabeça e baixar a febre, e anti-histamínicos (antialérgicos) para aliviar a coceira. Os cuidados de higiene são muito importantes e devem ser feitos apenas com água e sabão. Para diminuir a coceira, o ideal é fazer compressa de água fria. As vesículas não devem ser coçadas e as crostas não devem ser retiradas. Para evitar que isso aconteça, as unhas devem ser bem cortadas. A medicação a ser ministrada deve ser orientada por profissionais de saúde, pois o uso de analgésicos e antitérmicos à base de ácido acetilsalecílico é contraindicado e pode provocar problemas graves.
 
Pessoas com catapora não devem ter contato com recém-nascidos, mulheres grávidas ou qualquer indivíduo que esteja com a imunidade baixa (como pessoas com aids ou que estejam realizando quimioterapia), já que a doença pode ser mais grave nestes grupos.
 
Vacina
Em 2013 o Ministério da Saúde introduziu a vacina tetra viral, que protege contra sarampo, caxumba, rubéola e varicela (catapora), na rotina de vacinação de crianças entre 15 meses e 2 anos de idade que já tenham sido vacinadas com a primeira dose da vacina tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola).
 
A vacina para varicela (catapora) tem suas indicações precisas, levando em conta a situação epidemiológica da doença, por isso não está disponível de forma universal no SUS.
 
As indicações são:
1. População indígena a partir de quatro anos de idade;

2. Surto hospitalar da doença: vacinar, até cinco dias após o surto, crianças maiores de 9 meses de idade que tenham imunidade baixa e que estejam dentro do hospital e demais pessoas que estejam suscetíveis

3. Profissionais de saúde, cuidadores e familiares suscetíveis à doença que estejam em convívio domiciliar ou hospitalar com pacientes com maior risco de contrair a doença com consequências graves, como crianças com câncer, pessoas em geral submetidas à cirurgias, doadores de órgãos e células-tronco, entre outros

4. Pacientes com doenças renais crônicas

5. Crianças, adolescentes e adultos infectados pelo HIV

6. Doenças dermatológicas graves

7. Pessoas que fazem uso crônico de ácido acetilsalicílico (aspirina). Recomenda-se suspender o uso por seis semanas apos a vacinação.
 

Por ano, 15 milhões de mulheres engravidam porque não usam métodos contraceptivos

Arquivo: Mulheres que engravidam em países de baixa
renda enfrentam desde a interrupção nos estudos até a morte
Estudo em 35 países diz que medo não justificado de efeito colateral é principal motivo para gravidezes indesejadas
 
Rio - Quinze milhões entre 16,7 milhões de gravidezes indesejadas acontecem todos os anos em 35 países de baixa renda porque as mulheres não fazem uso de métodos contraceptivos considerados modernos, como a pílula e a camisinha, segundo estudo publicado na revista especializada “Human Reproduction”.
 
O Brasil não foi um dos países pesquisados durante o trabalho, mas, por aqui, as gravidezes indesejadas também não são raras. Um levantamento feito com 24 mil grávidas de 9 meses no país e divulgado ano passado pela Fiocruz revelou que 55% delas não estavam planejando ter filhos naquele momento.
 
— Isso mostra que o planejamento reprodutivo no Brasil também está comprometido. Falta acesso e informação, principalmente entre os jovens - explica a médica Maria do Carmo Leal, responsável pela pesquisa.
 
Segundo os autores, muitas das mulheres que engravidam nesses países enfrentam, no futuro, problemas como morte precoce, deficiências, redução de oportunidades de emprego ou interrupção nos estudos. Eles compararam o uso de contraceptivos entre 12.874 mulheres que ficaram grávidas sem querer e 111 mil mulheres sexualmente ativas que não engravidaram e nem queriam isso. Métodos tradicionais, como tabelinha e coito interrompido, mostraram-se quase três vezes menos eficazes do que os modernos.
 
A mulheres mais pobres e com menos grau de educação estão entre as que menos fazem uso desses contraceptivos. Em meio às 14,8 mil grávidas da pesquisa que não usavam contraceptivos e não queriam ser mães, a principal razão para não recorrer a métodos de prevenção era o medo dos efeitos colateiras, apontado como motivo por 5,5 mil, ou 37% das mulheres. Oposição, da família ou da igreja, foi o motivo para 22,4% delas. E 17,6% subestimavam o risco de engravidar. Outras razões citadas foram o cursto desses métodos e a falta de informação sobre eles.
 
- Esse estudo tem muitas implicações. Por exemplo, preocupações com saúde são a razão mais comum para não usar métodos de contracepção, mas essas preocupações não têm embasamento.
 
Órgãos de saúde têm um papel importante de educar e encontrar os métodos mais adequados para cada pessoa. Entretanto, muitos funcionários desses países têm os mesmos problemas de ignorância.
 
Nós poderíamos prevenir a grande maioria das gravidezes se pudéssemos acabar com esses mitos - afirma Howard Sobel, coordenador da divisão da Organização Mundial de Saúde para reprodutividade, maternidade, neonatal, criança e adolescente.
 
O Globo

Um em cada três americanos correria o risco de viver menos para evitar tomar uma pílula diária

Entrevistados para a pesquisa tinham uma idade média de 50 anos
 
Rio - Aderir a um rigoroso regime de medicação é uma tarefa árdua em qualquer idade. Um estudo recente publicado na revista “Circulation” da Associação Americana de Coração apontou que um em cada três americanos correria o risco de viver uma vida mais curta se isso significasse ter que tomar uma pílula diária que poderia ajudar a prevenir doenças cardíacas.
 
“O que nós realmente estávamos tentando medir é o quanto o ato de tomar uma pílula - comprá-la, lembrar de tomá-la, e, de fato, tomá-la - interfere na sua qualidade de vida”, afirmou em um comunicado Robert Hutchins, autor principal e residente médico Departamento de Medicina, Divisão de Medicina Geral interna da Universidade da Califórnia em São Francisco (UCSF). “Mesmo ignorando os efeitos colaterais das pílulas, o ato de ter de tomar uma pílula diária pode ter um grande efeito sobre a qualidade de vida de um indíviduo”.
 
Hutchins e seus colegas da UCSF e da Universidade da Carolina do Norte em Chapel Hill emitiu pesquisas eletrônicas para um grupo de mil pessoas em uma idade média de 50 anos. Os entrevistados foram hipoteticamente perguntados quanto tempo de vida perderiam para evitar tomar medicação diária. As pesquisas também focou em quanto dinheiro eles estariam dispostos a gastar e no risco de morte que estariam dispostos a aceitar para evitar tomar medicação diária para tratar doenças cardíacas.
 
Cerca de 21% dos entrevistados disseram que desistiriam de entre uma semana a ano de suas vidas apenas para evitar tomar medicação para doença cardíaca, como estatinas ou mesmo aspirina. Pouco mais de 8% dos entrevistados responderam que dariam hipoteticamente até dois anos de suas vidas para evitar tomar medicação diária. Outros 21% dos entrevistados disseram que estavam dispostos a pagar US$ 1.000 ou mais para evitar tomar medicação diária para o resto de suas vidas.
 
“Quando você considera que muitos adultos estão tomando vários comprimidos, o efeito é muitas vezes ampliada para essa pessoa”, explicou ele. "Em um nível da população, mesmo para as pequenas reduções na qualidade de vida, como as encontrados neste estudo, esse efeito multiplicado por milhões de pessoas pode ter grandes efeitos sobre o custo-efetividade da droga para uma população.”
 
O Globo

Acessório ligado a smartphone é capaz de detectar o vírus HIV

Divulgação/Tassaneewan Laksanasopin/ Columbia University
Usuário pressiona o acessório ligado ao celular para ativar
 reagentes
Dispositivo divulga resultados em apenas 15 minutos e também diagnostica sífilis
 
Nova York - Uma equipe de pesquisadores liderada pela Universidade de Columbia, nos EUA, desenvolveu um acessório que, conectado a um smartphone, é capaz de diagnosticar simultaneamente a presença do vírus HIV e da bactéria causadora da sífilis a partir de uma picada no dedo. Em apenas 15 minutos, o dispositivo replica, pela primeira vez, funções semelhantes às de um teste de sangue de laboratório.
 
O equipamento realiza um método conhecido como ensaio imunossorvente ligado por enzimas (Elisa), que permite a detecção de anticorpos específicos. No dispositivo desenvolvido em Columbia, os anticorpos seriam anti-HIV e dois que combatem a evolução da sífilis.
 
O estudo foi publicado na edição desta quarta-feira da revista “Science Translational Medicine”.
 
Segundo o chefe da pesquisa, Samuel Sia, professor de Engenharia Biomédica de Columbia, o acessório se conecta facilmente a um smartphone ou a um computador e foi testado recentemente em 96 gestantes em Ruanda. Realizaram-se exames em clínicas de prevenção de transmissão de doenças de mãe para filho.
 
A equipe desenvolveu um formato em que o usuário ativa mecanicamente, com uma câmera de pressão, uma série de reagentes pré-carregados em fitas descartáveis, possibilitando a identificação de zonas específicas de uma doença. Desta maneira, o dispositivo replica todas as funções mecânicas, ópticas e eletrônicas de um exame convencional.
 
Para evitar o uso da bateria do celular, a transmissão de dados do exame é feito a partir de conectores de áudio, que são padronizados.
 
Foram necessários apenas 30 minutos para treinar os profissionais de saúde de Ruanda que realizaram os primeiros testes. Praticamente todos os pacientes (97%) aprovaram o acessório. Entre suas principais vantagens estão a rapidez da transmissão dos resultados e a capacidade de diagnosticar mais de uma doença.
 
Preço estimado em US$ 34
De acordo com Sia, o equipamento poderia fazer o número de mortes relacionadas à sífilis cair a 10% do atual.
 
— Mostramos que um imunoensaio de qualidade de laboratório pode ser executado com um acessório de smartphones — celebra Sia. — A integração de um sistema microfluídico com os recentes avanços eletrônicos pode levar diagnóstico a quase toda a população com acesso a esses celulares. Esse recurso pode transformar a maneira como os serviços de saúde são entregues em todo o mundo.
 
Sia estima que o desenvolvimento do acessório custará US$ 34, valor muito inferior aos US$ 18.450 necessários para a fabricação de um equipamento de laboratório.
 
A equipe de Columbia já havia desenvolvido pesquisas com diagnósticos miniaturizados. Com o novo estudo, o cientista pretende facilitar a detecção de doenças sexualmente transmissíveis.
 
— Nós sabemos que o diagnóstico precoce e o tratamento de mulheres grávidas podem reduzir significativamente as consequências adversas para as mães e seus bebês — observa. — Estamos realmente empolgados com os próximos passos desse projeto, para trazer este produto para o mercado de países em desenvolvimento.

O Globo

Concurso Prefeitura de Bonito de Santa Fé - PB

A Prefeitura de Bonito de Santa Fé, no estado da Paraíba, através da empresa Conpass, divulgou o edital de concurso público nº 001/2015. O objetivo é preencher 59 vagas de níveis fundamental, médio e superior, com remuneração prevista que vai de R$ 788,00 a R$ 1.500,00, em carga horária de 30 ou 40 horas semanais.
 
As oportunidades são para os cargos de Médico Clínico, Enfermeiro, Odontólogo, Psicólogo, Bioquímico, Farmacêutico, Fisioterapeuta, Assistente Social, Preparador Físico, Assistente Jurídico, Analista Administrativo, Supervisor Educacional, Professor A - ( Zona Rural, Urbana, Educação Física, e Português), Técnico em Enfermagem -Parteira, Assistente de Saúde Bucal, Técnico em Radiologia, Agente Administrativo, Cuidador de Creche, Motorista, Operador de Máquinas, Eletricista, Auxiliar nas áreas Operacional de Sistema de Abastecimento D´Água, Serviços Gerais I e II Merendeira.
 
Será reservado o percentual de 5% do total das vagas de cada cargo para candidatos com deficiência.
 
As inscrições podem ser feitas a partir do dia 10 fevereiro até o dia 12 de março de 2015, pelo site www.conpass.com.br. O valor da taxa de inscrição vai de R$ 30,00 a R$ 69,00.
 
A prova objetiva está prevista para ser aplicada no dia 19 de abril de 2015. O local e horário de realização da mesma serão divulgados antecipadamente. Haverá também prova de títulos para os candidatos a alguns cargos específicos.
 
Os gabaritos preliminares serão afixados no quadro de aviso da prefeitura e na internet, na página da organizadora do certame: www.conpass.com.br, no dia seguinte ao da aplicação da prova.
 
O concurso público terá validade de dois anos, a contar da data de publicação da homologação, podendo ser prorrogado por igual período.

FAMESP lança editais de processos seletivos

A Fundação para o Desenvolvimento Médico e Hospitalar de São Paulo (FAMESP) comunicou, por meio de editais, que de 9 a 18 de fevereiro de 2015 realizará inscrições de processos seletivos para admissão total de sete profissionais de todos os níveis de escolaridade.
 
Cada edital oferece uma vaga para cargo diferente, sendo, o edital nº 019/2015 para a função de técnico em laboratório; o edital nº 020/2015 para nutricionista (hemodiálise); o edital nº 021/2015 para enfermeiro; o edital nº 022/2015 para médico patologista; o edital nº 023/2015 para bibliotecário; o edital nº 024/2015 para agente de humanização e, por fim, o edital nº 025/2015, que disponibiliza vaga para recreacionista. Os aprovados farão jus a remunerações que variam de R$ 1.172,32 a R$ 5.829,74, em jornadas semanais de 20 e 40 horas, a depender da função. As vagas são para o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu.
 
As inscrições serão efetuadas via endereço eletrônico: www.famesp.fmb.unesp.br, mediante pagamento de taxa de R$ 35,00 a R$ 100,00, conforme cargo pleiteado.
 
A todos os participantes será aplicada prova escrita, prevista para ocorrer no dia 24 de fevereiro de 2015, a partir das 18h, no Campus Universitário da UNESP de Ribião Jr., s/nº, em Botucatu. Também haverá prova prática, análise curricular e avaliação psicológica para candidatos a cargos específicos.
 
O resultado das provas e a classificação final serão publicados no mural externo da FAMESP, divulgados no Diário Oficial do Estado e no site http://www.famesp.fmb.unesp.br.
 
Salvo o processo seletivo referente ao edital nº 021/2015, cujo prazo de validade é de um ano, com possibilidade de prorrogação, por período semelhante, os demais seletivos terão a validade de seis meses, podendo haver prorrogação por mais seis meses.

Processo seletivo FAMESP

Através do edital nº 026/2015 de processo seletivo a Fundação para o Desenvolvimento Médico e Hospitalar de São Paulo (FAMESP) informou que dispõe de uma vaga ao cargo de médico cardiologista, cuja remuneração é de R$ 5.829,74 e a carga horária de 40 horas semanais.
 
As inscrições serão realizadas via endereço eletrônico: www.famesp.fmb.unesp.br, com taxa de R$ 100,00, do dia 9 ao dia 18 de fevereiro de 2015. As vagas são para o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu.
 
Os participantes serão avaliados através de prova escrita, prevista para ser aplicada no dia 19 de fevereiro de 2015, na FAMESP, situada na Rodovia João Butignoli s/nº, Distrito Rubião Junior em Botucatu, a partir das 18h00.
 
A validade do processo seletivo será de seis meses, podendo haver prorrogação por igual período.

Prefeitura de São José do Seridó – RN abre vagas em seletivo

A Prefeitura de São José do Seridó, no estado do Rio Grande do Norte, publicou no Diário Oficial dos Municípios do Estado do Rio Grande do Norte (edição de 3 de fevereiro de 2015), o edital de processo seletivo nº 001/2015, com a intenção de prover 30 vagas, sendo 22 imediatas e 8 para cadastro reserva em cargos de níveis fundamental, médio e superior. A remuneração varia de R$ 394,00 a R$ 12.000,00.
 
Vagas
Orientador Social, Oficineiro Diverso (coral, teatro, dança), Coveiro, Técnico em Enfermagem, Dentista, Professor de dança, Médico, Enfermeiro, Motorista, Monitor de Inclusão Digital, Auxiliar de Serviços Gerais, Mediador de Leitura e Agente de Biblioteca.
 
Inscrição
As inscrições deverão ser realizadas pessoalmente na sede da Prefeitura Municipal, situada à Rua Vicente Pereira, nº 87, centro, São José do Seridó-RN, no horário das 8h às 13h, até o dia 13 de fevereiro de 2015, exceto sábado, domingo e feriado.
 
Prova
A seleção será constituída de análise curricular e entrevista.
 
As entrevistas serão realizadas provavelmente nos dias 05 e 06 de março de 2015. Os horários das entrevistas serão divulgados, através do site www.saojosedoserido.rn.gov.br.
 
O resultado final será divulgado nos sites www.saojosedoserido.rn.gov.br e www.diariomunicipal.com.br, a partir do dia 11 de março de 2015.
 
Validade
O processo seletivo terá prazo de validade de doze meses, contados a partir da data de divulgação do resultado final.

Concurso Prefeitura de Bom Jesus do Oeste - SC

A Prefeitura de Bom Jesus do Oeste, no estado de Santa Catarina, através da empresa ICAP, divulgou o edital de concurso público nº 001/2015, com o objetivo de suprir cinco vagas em cargos de níveis superior e médio/magistério. O salário previsto pode chegar até R$ 8.788,00, em carga horária de 10 ou 40 horas semanais.
 
As oportunidades são para os cargos de agente de biblioteca escolar, coordenador do ensino fundamental, enfermeiro, engenheiro civil e médico saúde da família PSF.
 
As inscrições podem ser feitas até o dia 03 de março de 2015, pelo site www.icap.net.br.
 
O valor da taxa de inscrição será de: R$ 90,00 nível superior e R$ 55,00 nível médio.
 
A prova objetiva está prevista para ser aplicada no dia 22 de março de 2015, na Escola Municipal Professor Albano Borre, situada na Av. Cristo Rei, nº 180, com abertura dos portões as 08h20min e fechamento as 08h50min.
 
A validade do concurso público será de 02 anos, podendo ser prorrogado uma vez por igual período.

Concurso SAMU Feira de Santana - BA 2015: Edital e Inscrição

A Prefeitura de Feira de Santana, município localizado a 108 km de Salvador (Bahia), através da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), está promovendo o  Processo Seletivo Simplificado (edital 001/2015), para provimento de postos profissionais que irão reforçar o quadro do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192). 
 
Ao todo, estão sendo oferecidas 170 vagas, distribuídas entre os cargos de Médico Intervencionista, Médico Regulador, Enfermeiro, Técnico de Enfermagem, Técnico em Enfermagem para Motolância, Motorista (condutor), Assistente Administrativo, Rádio Operador e Telefonista Auxiliar de Regulação Médica. O salário base varia de R$ 788,00 a R$ 1.241,23, sendo acrescido de adicional próprio para cada cargo.
 
A seleção está sob os cuidados da organizadora CONSULPAM e visa a contratação em caráter excepcional, tendo validade de até dois anos, podendo ser prorrogada por igual período.
 
Inscrições: para garantir a participação, os interessados devem se inscrever até o dia 17 de fevereiro de 2015, por meio do site: www.consulpam.com.br. A homologação das inscrições será publicada no dia 04 de março de 2015.
 
 Processo de Seleção
A seleção será constituída de duas fases: a primeira sendo composta por seis etapas, todas de caráter eliminatório, de acordo com a natureza do cargo pleiteado:
 
1ª Etapa: Prova escrita de múltipla escolha – para todos os cargos, a ser aplicada em 19 de abril de 2015 em Feira de Santana. Os gabaritos preliminares sairão no dia 20 de abril;
 
2ª Etapa: Teste de Direção Defensiva - para Motorista;
 
3ªEtapa: Teste de Aptidão Física – para Enfermeiro, Médico Regulador e Intervencionista, Motorista, Técnico em Enfermagem.
 
4ª Etapa: Técnicas Básicas de Imobilização e Mobilização – Para Enfermeiro, Médico, Motorista, Técnico em Enfermagem; 
 
5ª Etapa: Prática de Suporte Básico de Vida – Para Enfermeiro, Médico Regulador e Intervencionista, Motorista, Técnico em Enfermagem; 
 
6ª Etapa: Prática de Suporte Avançado de Vida – Para Enfermeiro, Médico Regulador e Intervencionista. 
 
A segunda fase será constituída por uma única etapa, a saber, a Prova de Títulos. 
 
Acesse o manual completo do candidato na página da organizadora: http://consulpam.szw.com.br/?page_id=8193 

Prefeitura de Fortaleza - CE lança edital de concurso público

Já estão abertas as inscrições de concurso público da Prefeitura de Fortaleza, no Ceará. Por meio do edital nº 09/2015, espera-se contratar 622 profissionais de nível médio e formar mais 1.324 vagas para cadastro de reserva.
 
As chances são para os cargos de técnico em enfermagem, técnico em higiene dental e auxiliar em saúde bucal, com ganhos de R$ 1.239,55 e R$ 1.308,84 e jornada de 40 horas.
 
Os interessados terão até o dia 8 de março de 2015, para efetuarem inscrições, através do site: http://www.fortaleza.ce.gov.br/imparh, mediante taxa de R$ 100,00.
 
O concurso será composto por prova objetiva, prevista para ocorrer no dia 12 de abril de 2015, das 14h às 17h, em local a ser informado, além da avaliação curricular. É provável que o gabarito seja disponibilizado no dia da prova e que o resultado final e a homologação sejam divulgados no dia 18 de junho de 2015.
 
A validade do concurso público será de dois anos, a contar da data de publicação da homologação, prorrogável uma única vez, por igual período, a critério da Administração Municipal.

Prefeitura de Araras - SP lança edital de concurso público

A Prefeitura de Araras, no estado de São Paulo, publicou o edital n°02/2015 anunciando a realização de concurso público, através do qual pretende suprir 83 vagas imediatas e formar cadastro reserva, a fim de preencher diversos cargos efetivos do Município. A organização e realização do concurso estão sob a responsabilidade da Fundação de Apoio à Pesquisa e Extensão de São José do Rio Preto – Faperp.
 
Há chances para profissionais de níveis médio, técnico e superior, com salários de até R$ 11.027,00. Os contratados cumprirão carga horárias diferentes, a depender da função. A mínima é de 10 e a máxima de 40 horas por semana.
 
As ofertas são para os cargos de auxiliar de enfermagem, coordenador do Cras, coordenador do Creas, coordenador de Centro pop, contador, dentista P.S.F, engenheiro de segurança do trabalho, farmacêutico, fonoaudiólogo, monitor educacional, orientador jurídico social, orientador social, psicólogo, secretário de conselhos, sub contador, técnico de imobilização, técnico de raio x e médico em diversas especialidades.
 
As inscrições serão recebidas exclusivamente por meio da internet, no endereço eletrônico www.concursosfaperp.com.br, no período entre as 9h do dia 05 de fevereiro até as 23h59 do dia 05 de março de 2015 (horário de Brasília).
 
O candidato deverá efetuar o pagamento da importância referente à inscrição no valor de R$ 35,00 para cargo de nível médio e R$ 50,00 para vagas que exigem o nível superior. Os boletos poderão ser pagos em qualquer agência bancária ou nas casas lotéricas até o dia 06 de março de 2015.
 
O edital de convocação para as provas objetivas, contendo os locais e horários de prestação das provas, será publicado na data provável de 17 de março de 2015, no jornal que publica os atos oficiais do município de Araras - SP, e no site da Faperp.

As provas serão realizadas no município de Araras, exceto no caso de indisponibilidade de locais suficientes e/ou adequados, situação que ocasionará a realização em outras localidades, sendo os custos com deslocamento de responsabilidade do candidato.

O concurso terá prazo de validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período, uma única vez, a critério da Administração Municipal. O mesmo passará a valer a partir da data de publicação de sua homologação.

Prefeitura de São José do Povo - MT promove processo seletivo (Último dia!)

Por meio do edital nº 001/2015, a Prefeitura de São José do Povo, no Mato Grosso, comunica que estão abertas as inscrições de processo seletivo para admissão de profissionais de nível superior, aptos a assumirem os cargos de professor pedagogo e dentista. Os salários ofertados aos aprovados são de R$ 1.145,79 e R$ 2.253,45, respectivamente. Já a jornada semanal de trabalho é de 20 e 40 horas, conforme cargo pleiteado.
 
As inscrições serão realizadas até quinta feira, dia 5 de fevereiro de 2015, na Secretaria de Educação, situada à Rua José Fragelli, s/nº, Centro. O horário de atendimento será das 8h às 11h e das 13h às 17h, mediante taxa de R$ 35,00.
 
A seleção será feita através de avaliação de títulos. O resultado será divulgado no mural da Prefeitura.
O processo seletivo será válido por seis meses, podendo ser prorrogado por igual período.
 
O edital foi publicado no Jornal Oficial Eletrônico dos Municípios do Estado de Mato Grosso, no dia 3 de fevereiro de 2015 e pode ser acessado através do link: http://www.diariomunicipal.com.br/amm-mt/, com código identificador: 63286ECC.

Concurso Prefeitura de Santo Antônio do Leste - MT

A Prefeitura de Santo Antônio do Leste, no estado do Mato Grosso, divulgou o edital de concurso público nº 001/2015, visando suprir 31 vagas e ainda formar cadastro de reservas para preencher cargos de níveis fundamental, médio e superior. A remuneração prevista para os contratados vai de R$ 788,00 a R$ 12.731,20, e a carga horária a ser desempenhada pode ser de 30 a 40 horas semanais, a depender da função.
 
As oportunidades são para os cargos de agente de saúde ambiental, assistente social, auxiliar administrativo, auxiliar de consultório dentário, auxiliar de laboratório, enfermeiro, farmacêutico/bioquímico, fiscal de tributos, fiscal de obras e postura, fiscal sanitário, fisioterapeuta, mecânico, medico, nutricionista, odontólogo, operador de máquinas pesadas, professor nível B, professor indígena, psicólogo, técnico em enfermagem e técnico em higiene bucal.
 
As inscrições serão aceitas até o dia 09 de março de 2015, na sede da Prefeitura de Santo Antônio do Leste, situada à Rua A, Jardim Santa Inês, no horário compreendido das 08h30 às 11h e das 13h às 16h30.
 
O valor da taxa de inscrição para cargos de nível superior é de R$ 100,00, nível médio R$ 50,00 e nível fundamental R$ 30,00.
 
Os candidatos serão avaliados por provas objetiva, prática e de títulos, de acordo com o cargo pretendido.
 
A prova objetiva provavelmente será aplicada no dia 12 de abril de 2015, com início às 08h, sendo que o local será divulgado quando da publicação do edital de homologação das inscrições.
 
O gabarito oficial da prova objetiva será divulgado a partir das 17h do primeiro dia útil após a realização da referida prova, nos sites: www.santoantoniodoleste.mt.gov.br e www.klcconcursos.com.br.
 
A validade do concurso público, que está sob a responsabilidade da empresa KLC – Consultoria em Gestão Pública Ltda., será de dois anos, contados da homologação final dos resultados, podendo haver prorrogação por igual período.

Prefeitura de Joinville - SC realiza processo seletivo

A Prefeitura de Joinville, no estado de Santa Catarina, tornou público o edital de processo seletivo nº 001/2015, visando preencher cargos de nível fundamental em seu quadro de funcionários.
 
São oferecidas 263 vagas de Agente Comunitário de Saúde, cujo salário é de R$ 1.143,55. O contratado cumprirá carga horária mensal de 220 horas.
 
Será reservado o percentual de 5% das vagas aos candidatos com deficiência, desde que as atribuições do cargo pretendido sejam compatíveis.
 
As inscrições podem ser feitas até o dia 05 de março de 2015, através do site www.sociesc.org.br/concursos. O valor da taxa de inscrição é de R$ 23,59.
 
A prova objetiva está prevista para ser aplicada no dia 22 de março de 2015. O local e horário serão divulgados antecipadamente.
 
O gabarito preliminar da prova objetiva será disponibilizado no site www.sociesc.org.br/concursos até as 24h do dia de aplicação das provas.
 
O processo seletivo, que será executado pela empresa SOCIESC, terá validade de dois anos, a contar da data do ato de homologação do resultado para o cargo/lotação, podendo ser prorrogado por igual período.

Processo seletivo SESC - DF

O Serviço Social do Comércio do Distrito Federal (SESC/DF) lançou o edital nº 001/2015 de processo seletivo, a fim de formar reserva técnica de profissionais de todos os níveis de escolaridade, para futuras contratações em diversos cargos.
 
As ofertas são para operador de piscina, assistente social, auxiliar técnico/administrativo, cozinheiro, instrutor de dança, médico (clínico geral, ginecologista, oftalmologista, pediatra e do trabalho), porteiro, professor (artes, educação física e física), salva vidas, técnico em contabilidade e nutricionista. Os aprovados farão jus a remunerações que variam de R$ 6,96 por hora a R$ 5.085,00 mensal. As jornadas de trabalho vão de 20 a 44 horas semanais.
 
As inscrições estão abertas e podem ser realizadas até o dia 10 de fevereiro de 2015, através do site: www.sescdf.com.br, com taxa de R$ 35,00 a R$ 60,00.
 
Os participantes serão avaliados mediante prova objetiva, prevista para ser aplicada no dia 8 de março de 2015, em turno matutino, a partir das 9h; e vespertino, com início às 14h; em local a ser informado. Estima-se que a divulgação do gabarito ocorra no dia seguinte à prova. Também haverá provas especificas, de acordo com as funções. Mais informações podem ser obtidas no site do SESC.
 
O processo seletivo será válido por um ano, a partir da data de publicação do resultado final, ou até a contratação de todos os candidatos classificados, podendo haver prorrogação por período semelhante.

Fundação do ABC divulga edital de processo seletivo

Sob o edital nº 01/2015, organizado pela empresa GSA Consultoria e Pesquisas em Instituições Públicas S/C LTDA., a Fundação do ABC tornou pública a realização de processo seletivo. O intuito é preencher 36 vagas efetivas e formar cadastros de reserva para o ocupação futura de outras 46, todas em cargos de agente comunitário de saúde.
 
Para participar do certame, os interessados têm que ter ao menos o nível fundamental de ensino. O salário oferecido é de R$ 1.014,00, em cumprimento à jornada semanal de 40 horas. Os aprovados trabalharão nas UBSs/ESFs do município de Rio Grande da Serra, interior de São Paulo.
 
Atenção ao prazo de inscrição, pois termina no próximo domingo, dia 8 de fevereiro. É cobrada taxa de R$ 20,00.
 
Será aplicada prova objetiva ainda esse mês, provavelmente no dia 22 de fevereiro. A lista de convocação é aguardada para a próxima quarta feira, dia 11, e o gabarito certamente será divulgado no dia posterior à sua realização. Os classificados nessa primeira etapa serão chamados para participar da dinâmica de grupo. Estima-se que o resultado final seja publicado no dia 6 de março de 2015, pela organizadora.
 
A validade do processo seletivo será de um ano, a contar da data de sua homologação no Diário Oficial do Estado de São Paulo, podendo haver prorrogação, por período semelhante.

Prefeitura de Maurilândia - GO lança edital de processo seletivo

A Prefeitura de Maurilândia, no estado de Goiás, através da empresa Sigma Consultoria e Pesquisas Ltda., lançou o edital n° 02/2015, anunciando a realização de processo seletivo de provas, através do qual pretende preencher 35 vagas em cargos de Agente Comunitário de Saúde - ACS e Agentes de Combates a Endemias- ACE, ambas funções exigem do candidato ao menos o nível fundamental de ensino. O salário oferecido é de R$ 1.014,00 e carga horária é de 40 horas semanal.

O processo seletivo visa selecionar 20 candidatos para ocupar função pública de Agente Comunitário de Saúde - ACS e 15 para ocupar função pública de Agente de Combate a Endemias – ACE, além da formação de cadastro de reserva, para a Secretaria Municipal de Saúde.

As inscrições serão realizadas pela internet, no endereço eletrônico (www.sigmapesquisas.com.br), no período compreendido entre as 10h do dia 06 de março até as 23h59 do dia 25 de março de 2015, observado o horário de Brasília. A taxa é de R$ 70,00.

As provas serão aplicadas na cidade de Maurilândia/GO, na data provável de 26 de abril de 2015. Em caso de indisponibilidade de locais adequados ou suficientes na cidade de realização das provas, estas poderão ser realizadas em outras localidades próximas.

O local, a sala e o horário de realização das provas serão disponibilizados no site da Sigma, a partir de 10 de abril de 2015.

Este processo seletivo terá a validade de dois anos, podendo ser prorrogado uma vez por igual período.

Prefeitura de Valparaíso de Goiás - GO realiza seleção de estagiários

A Prefeitura de Valparaíso de Goiás, através do Instituto Euvaldo Lodi (IEL), abriu 175 vagas imediatas e outras 335 de cadastro reserva para estágio. O comunicado foi feito através do edital nº 001/2015 de processo seletivo, que visa a admissão de estudantes dos ensinos médio e superior, nas áreas de Administração, Ciências Contábeis, DRH e Pedagogia.
 
O estágio será remunerado com bolsa auxílio no valor mensal de R$ 474,60 e R$ 542,40, conforme grau de escolaridade. Também haverá auxílio transporte no valor de R$ 88,00. A jornada semanal a ser cumprida pelo estudante é de 30 horas.
 
Os interessados deverão se apressar, pois as inscrições terminam no próximo sábado, 7 de fevereiro, via endereço eletrônico: www.sitedoestagio.com.br.
 
A seleção será por análise de documentos, os quais deverão ser entregues nos dias 6 e 7 de fevereiro de 2015, na Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos, situada à Rua 01, Quadra 07, Lote A, Bairro São Bernardo, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30.
 
É provável que o resultado seja publicado ainda nesse mês, no dia 13, após as 14h, nos murais da Prefeitura e da Secretaria e no seguinte endereço eletrônico: http://www.sitedoestagio.com.br.
 
A vigência do estágio será de até 12 meses, com chance de prorrogação, por igual período.

Concurso Prefeitura de Paulista - PB

A Prefeitura de Paulista, no estado da Paraíba, divulgou o edital de concurso público nº 001/2014. O objetivo é a contratação de 31 profissionais de nível fundamental, médio e superior, sendo 07 desses portadores de necessidades especiais. A remuneração prevista vai de R$ 724,00 a R$ 8.000,00, a depender da função a ser desempenhada.
 
As vagas são para os cargos de Agente de Vigilância Sanitária, Auxiliar de Serviços Gerais, Condutor Socorrista do SAMU, Coveiro, Fiscal de Obras, Motorista, Agente Comunitário de Saúde, Técnico de Enfermagem, Tradutor e Intérprete de Libras, Engenheiro Civil, Médico, Tratorista, Odontólogo e Psicólogo. A jornada de trabalho é 40 horas semanal, independentemente da função.
 
As inscrições foram prorrogadas e serão aceitas até o dia 06 de fevereiro de 2015, através do site www.funvapi.com.br.
 
O valor da taxa de inscrição é de R$ 40,00, para os candidatos a cargos de nível fundamental; R$ 60,00, para os inscritos em vagas que exigem o nível médio; e de R$ 80,00 para quem cocorre funções de nível superior.
 
A prova objetiva provavelmente será aplicada no dia 01 de março de 2015, em local e horário que serão divulgados através do site www.funvapi.com.br.
 
O concurso público, que está sob a responsabilidade da FUNVAPI - Fundação Vale Do Piauí, terá validade de dois anos, passando a valer a partir da data de publicação de sua homologação. Antes de expirar esse prazo, o poder público poderá, se tiver interesse, prorrogá-lo por igual período.