Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


sábado, 3 de dezembro de 2011

Na China, casos de HIV cresce mais rápido entre idosos

As autoridades de saúde do governo chinês aproveitaram o Dia Mundial de Luta Contra a Aids --comemorado no dia 1º-- para fazer um alerta sobre o rápido aumento do vírus HIV em uma faixa etária que até o momento não havia recebido muita atenção, a terceira idade.

Segundo um estudo do Centro de Controle e Prevenção de Doenças da China, publicado ontem, o número de soropositivos acima dos 60 anos no país subiu de 483 em 2005 para 3031 em 2010, representando 8,9% do total, quando há meia década eram 2,2%.

De acordo com o responsável de prevenção da Aids da instituição, Wu Zunyou, entrevistado pela agência oficial "Xinhua", muitos idosos que contraem a Aids são homens aposentados, muitos deles viúvos, que recorrem à prostituição e não usam preservativos.

"Devido à melhora das condições de vida e de saúde pública, o período de atividade sexual dos idosos se prolongou", o que fez com que a terceira idade se consolidasse como grupo de risco, explicou Wu.

Números do Ministério da Saúde chinês indicam que no país há 780 mil soropositivos, dos quais 154 mil desenvolveram a doença.

Neste ano, as mortes por Aids subirão para 28 mil no país, o que representa uma redução de 60% em relação a 2010.

As próprias autoridades reconhecem, no entanto, que os números oficiais podem ser muito menores que os reais --organizações internacionais falam de milhões de infectados na China-- já que, devido ao desconhecimento da doença, muitas pessoas são portadoras do HIV e não sabem. Em algumas regiões, principalmente as rurais, a doença é um tabu que alguns escondem.

Cerca de 60% dos casos na China são transmitidos por relações sexuais --as autoridades continuam indicando os homossexuais como um grupo de alto risco--, com progressiva queda de contágios por consumo de drogas e transfusões realizadas de forma inadequada (principal causa do aumento do vírus nos anos 1980 e 1990).

O diretor-executivo da Unaids (órgão das Nações Unidas para a Aids), Michel Sidibé, ressaltou em entrevista à "Xinhua" que a China apresentou bons progressos na redução dos casos de Aids entre o grupo dos consumidores de drogas, e que é nessa área que a comunidade internacional pode prestar maior colaboração.

Já os especialistas locais afirmam que o país pode ajudar com as pesquisas que faz para usar a milenar medicina tradicional chinesa no tratamento de pacientes.

Com esse objetivo, foi criado em 2004 um Centro de Tratamento e Prevenção da Aids com medicina tradicional chinesa, que tratou 17 mil pacientes e também realizou programas na África Ocidental, uma das regiões do mundo mais castigadas pela doença.

"A medicina tradicional chinesa teve um papel muito importante em aliviar sintomas (da Aids) como febre, fadiga, tosse e perda de apetite", afirmou o subdiretor do centro, Wang Jian, que defende que o desenvolvimento das células infectadas nos pacientes tratados é mais lento.

Fonte Folhaonline

Rio registra recorde de doações de órgãos para transplantes

O Rio registrou neste ano um recorde de 110 doações. Em 2010, o PET (Programa Estadual de Transplantes), da Secretaria de Saúde, registrou 80 e, em 2007, apenas 67.

O recorde anterior era de 2004, com três doações a menos do que o atual.

Rim, fígado e córnea são os órgãos mais doados e, também, os mais demandados. Já o número de doações de coração, pulmão e pâncreas é bem reduzido, devido, principalmente, à condição físiológica dos doadores.

Segundo a secretaria, desde abril de 2010, quando o governo estadual criou o programa, uma série de medidas foi adotada para ampliar a captação e o número de transplantes.

Uma delas foi firmar parcerias com particulares. Atualmente, 29 hospitais e clínicas têm convênios com a secretaria.

A comunicação de disponibilidade de órgãos e a logística de transporte também melhoraram.

"As doações passaram a ser mais bem organizadas no estado. Hoje, temos o Disque Transplantes - 155, uma sede própria e podemos contar com helicópteros e carros para transportar nossa equipe e os órgãos doados", disse o coordenador do programa, Eduardo Rocha.

O coordenador informou que, nos próximos meses, serão criadas as organizações de procura de órgãos no estado. Cada organização será formada por equipes especializadas na identificação, manutenção, captação de órgãos e tecidos para transplantes e em entrevistas familiares.

Fonte Folhaonline

Opnião: “Impacto das fusões de planos de saúde para o consumidor”

Para o articulista muitos usuários enfrentaram dificuldades para obter informações claras sobre a nova forma de prestação de serviços e agendar consultas e procedimentos junto à operadora

O mercado de saúde suplementar tornou-se um dos mais lucrativos do país devido à precariedade do sistema público brasileiro e à falta de políticas capazes de satisfazer a demanda da população por tratamentos cada vez mais complexos e caros.

O enriquecimento das empresas que atuam no setor de planos de saúde foi evidenciado pela recente declaração da Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde), afirmando que 15 operadoras filiadas tiveram lucro líquido, no ano de 2010, de aproximadamente 15 bilhões de reais.

Esse constante crescimento no lucro deu início a uma série de fusões e aquisições, notadamente para fortalecer algumas empresas e torná-las mais competitivas. O exemplo mais nítido é a Amil, que, em aproximadamente dois anos, adquiriu outras grandes operadoras e hospitais, como a Medial Saúde, a Amesp, o Hospital Nove de Julho, e, recentemente, a Lincx Assistência Médica.

Ocorre que essas aquisições e fusões vêm causando diversos transtornos aos consumidores, que têm seus direitos básicos desrespeitados. Muitos usuários enfrentaram dificuldades para obter informações claras sobre a nova forma de prestação de serviços e agendar consultas e procedimentos junto à operadora; tiveram redução da rede credenciada em razão de sucessivos descredenciamentos de hospitais, clínicas, laboratórios e médicos e, em casos absurdos, os planos foram cancelados, pois não eram clientes vantajosos para a nova empresa.

Isso deriva, seguramente, da péssima atuação da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), que se limita a apenas autorizar a transação entre as empresas, mas não fiscaliza o cumprimento das obrigações contratuais assumidas por elas com os consumidores.

Atitudes como essa ferem a ordem econômica brasileira, pois segundo o artigo 170 da Constituição Federal, ela tem como princípio, além da livre concorrência – que assegura o direito das empresas adquirirem ou fundirem-se com outras –, a defesa do consumidor.

Vale ressaltar que a defesa do usuário, além de ser um dos princípios da ordem econômica é, ainda, direito fundamental também previsto na Constituição Federal, portanto, destinado a protegê-lo enquanto pessoa, e, por consequência, atender ao princípio da dignidade do cidadão, um dos fundamentos do Estado Democrático brasileiro. Ou seja, a possibilidade legal das grandes empresas de planos de saúde em adquirirem ou fundirem-se com outras operadoras não pode, em hipótese alguma, ofender qualquer direito do consumidor, inclusive aos já adquiridos durante o vínculo contratual.

A proteção do consumidor deveria ser, aliás, o princípio norteador da atuação da ANS, quando autoriza a fusão ou aquisição de empresas. Todavia, em razão da inércia da Agência, o consumidor deve contar com a eficiência e ativismo do Poder Judiciário para impedir lesões aos seus direitos.

Rafael Robba é bacharel em direito pela Universidade Santo Amaro (UNISA), especializado em Responsabilidade Civil na Área da Saúde pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), membro da Comissão de Defesa do Consumidor da OAB/SP e membro do Vilhena Silva Advogados.

Fonte SaudeWeb

PR: Cinquenta médicos pedem descredenciamento da Unimed

Categoria estaria insatisfeita com a remuneração praticada pelo plano de saúde. Desligamento ainda não se tornou oficial, pois a empresa tem o prazo de 30 a 60 dias para analisar a situação

Dos 50 cirurgiões cardiovasculares cooperados da Unimed, 40 deles já entregaram suas cartas de descredenciamento. Os dados são da Cooperativa dos Cirurgiões Cardiovasculares do Paraná (Coopcardio) e mostram a insatisfação da categoria com a remuneração praticada pelo plano de saúde.

De acordo com o site O Diário, o presidente da cooperativa, Marcelo Freitas informou que os cinco médicos de Londrina, Arnaldo Akio Okino, Gualter Pinheiro Junior, Kengo Baba, Alexandre Noboru Murakami e Celso Otaviano Cordeiro já comunicaram sua decisão. O desligamento ainda não se tornou oficial, pois a empresa tem o prazo de 30 a 60 dias para analisar a situação. Além disso, a Coopcardio continua as negociações, o que ainda pode frear a saída em massa.

No início desta semana, foi entregue a contraproposta dos profissionais à Unimed. Freitas diz que o ponto fundamental é que essa discussão aconteça em todas as unidades da Unimed. Ele afirma que é necessário criar um mecanismo que englobe todas elas por conta das necessidades, das reivindicações dos cirurgiões que são as mesmas em todo o Estado.

Além de defender que todas as praças da empresa absorvam o possível resultado das negociações, a luta pela recomposição salarial continua. De acordo com Freitas, o preço pago pela Unimed é bastante defasado em relação ao próprio SUS. E afirma que os profissionais estão pedindo uma recomposição diferente para cada procedimento.
Por exemplo, o de ponte de safena, que é o mais realizado, atualmente uma equipe de quatro ou cinco profissionais ganha R$ 1.200. O reajuste foi colocado em R$ 10.000 com escalonamento durante um ano e meio até chegar a R$ 15,000.

Freitas disse ainda que os baixos preços praticados afetam inclusive a formação de novos profissionais. Segundo ele, nos últimos anos, o Ministério da Educação cortou 75% das bolsas de residência para a área, devido à baixa procura.

O Ministério Público continua acompanhando a negociação para garantir que o atendimento à população não seja paralisado, fato descartado pelo presidente da Coopcardio.

Para Freitas, independente de haver acerto ou não, o interrompimento não será feito. “Nosso rompimento é contra o sistema de remuneração”, defendeu. Sobre o sucesso de um possível acordo, Freitas é ponderado. “Depois de um ano e meio de silêncio, a coisa tomou rumo, mas dizer que existe uma convicção de acordo ainda não é possível”, comentou.
Caso o descredenciamento em massa seja efetivado, é obrigação do plano de saúde garantir que o paciente seja atendido e tenha à disposição o procedimento cirúrgico. Caso o usuário se sinta prejudicado, ele pode ligar para a Agência Nacional de Saúde pelo 0800 701 9656 ou denunciar o caso ao Ministério Público.

Fonte SaudeWeb

Siemens lança biomarcador para diagnosticar Alzheimer

Aguardando aprovação para 2012, a substância será quantificada por um software e facilitará o diagnóstico

A Siemens Healthcare adiantou ao Saúde Web, durante o RSNA 2011, que aguarda a aprovação de um biomarcador desenvolvido para o diagnóstico do mal de Alzheimer, que afeta mais de 30 milhões de pessoas no mundo. Sem mencionar o nome e composição do biomarcador, a CEO da Unidade de Imagem Molecular da Siemens, Britta Fünfstück, informou que a substância será quantificada por um software, facilitando o diagnóstico da doença.

“Isso será um grande avanço para a medicina nuclear, inclusive para o Brasil”, diz Britta.

A estimativa para os próximos 20 anos é de que o número de doentes de Alzheimer e outras demências similares irá dobrar, chegando a 65,7 milhões em 2030 em todo o mundo, segundo estudo divulgado pela ADI (Alzeimer”s Disease International). Ainda segundo a pesquisa, esse número deve triplicar em 40 anos, totalizando 115,4 milhões em 2050.

No Brasil, as mortes por Alzheimer passaram de 1.343 em 1999 para 7.882 em 2008, um aumento superior a 500%, segundo estudo da Academia Brasileira de Neurologia (ABN). A demora no diagnóstico correto e o acesso aos remédios adequados dificultam o tratamento.

Fontge SaudeWeb

Entenda o Programa Hospital Domiciliar

Projeto da prefeitura municipal de São Paulo tem o objetivo é desospitalizar em tempo adequado os pacientes com perfil para internação domiciliar, evitando hospitalização desnecessária

A prefeitura municipal de São Paulo lançou mão de uma nova estratégia para ampliação de leitos e do atendimento no sistema de saúde pública: o Programa Hospital Domiciliar. Dividido em duas modalidades, atendimento e internação, os projetos ainda têm custo de 40% a 60% menor do que as versões tradicionais.

O objetivo é desospitalizar em tempo adequado os pacientes com perfil para internação domiciliar, evitando hospitalização desnecessária, reduzindo as taxas de reinternação, minimizando os riscos de complicações clínicas, como infecção hospitalar, além de permitir uma melhor integração do paciente com a família. A prefeitura trabalha com uma estimativa de que 70% das doenças são passíveis de tratamento em âmbito domiciliar.

Implantado desde junho de 2008, o Prohdom está presente em cinco hospitais de administração direta – Hospital Municipal Dr. Cármino Caricchio, Hospital Municipal Professor Dr. Alípio Correa Neto, Hospital Municipal Tide Setúbal, Hospital Municipal Ignácio de Proença Gouveia, Hospital Municipal Fernando Mauro Pires da Rocha – e em três administrados por Organizações Sociais de Saúde – Hospital Municipal Dr. Moysés Deutsch, Hospital Municipal Vereador José Storopolli, Hospital Municipal.

De acordo com o assistente técnico do Prohdom, Reynaldo Bonavigo Neto, o atendimento domiciliar está bem consolidado nas oito unidades supracitadas. Já a internação domiciliar está implantada totalmente nos hospitais gerenciados por OS, porém ainda em fase de implantação nos equipamentos de administração direta.

Apesar do programa, aplicado por meio de Portaria, estar em andamento, faltava maior legitimidade, avalia Neto. Por este motivo, o prefeito Gilberto Kassab sancionou, no final de setembro, o Projeto de Lei 15.447/11 regulamentando o atendimento domiciliar, que agora deve se estender para aos outros dez hospitais da rede municipal.

A meta é oferecer 30 vagas por equipe para Internação Domiciliar (UID), com média de permanência de 30 dias, e 200 vagas por equipe para Atendimento Domiciliar (UAD), com média de permanência de 180 dias.

Nessa proporção, a prefeitura estima a geração de 450 leitos de Internação Domiciliar para os hospitais e 6,6 mil vagas na modalidade de Atendimento Domiciliar. Para isso, nove unidades do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) serão direcionadas ao programa e R$ 3 milhões mensais devem custear o serviço.

Atualmente, há, em média, 80 pacientes por mês sendo beneficiados pelas três equipes de internação domiciliar. Esse número, porém, é flutuante, uma vez que diariamente ocorrem altas e novas admissões.

“Com isso, traça-se um novo e ousado plano de tratamento aos pacientes que, até então, permaneciam por período prolongado submetidos à internação hospitalar. E, mais do que isso, traça-se um novo olhar ao paciente, que será assistido e preparado para a reinclusão domiciliar, familiar e pela comunidade”, conclui Neto.

Fonte SaudeWeb

Hospital Santa Isabel vai aumentar em 58% o número de leitos

Em janeiro do próximo ano, vai inaugurar um prédio de 11 andares com 48 consultórios tipo office, que funcionarão de forma rotativa

O Hospital Santa Isabel – HSI vai aumentar o número de leitos em 58,5%, passando dos atuais 144 para 246 leitos. A ativação de todos os andares da nova Unidade Jaguaribe, inaugurada no ano passado, e a conclusão da reforma da Unidade Veridiana deve culminar com as comemorações dos 40 anos da instituição, em 2012.

O Hospital Santa Isabel é a unidade particular e de convênios médicos do completo hospitalar da Santa Casa de São Paulo e já investiu cerca de R$ 50 milhões no HSI.

Em janeiro do próximo ano, vai inaugurar um prédio de 11 andares com 48 consultórios tipo office, que funcionarão de forma rotativa, ou seja, os especialistas poderão utilizar um mesmo consultório ao longo do dia

O novo edifício estará ligado ao HSI – Unidade Jaguaribe. Segundo o diretor da instituição, Laércio Martins o médico ou o paciente que precisar ir de um prédio ao outro poderá transitar como se estivesse em um mesmo ambiente.

Desde a inauguração, o HSI Jaguaribe vem ampliando os seus índices de ocupação, que atualmente estão entre 75% e 80%, com cerca de 500 cirurgias eletivas por mês.

Martins diz que esses números são positivos, já que dessa forma é possível manter uma ocupação satisfatória, proporcionando aos clientes conforto e atenção adequados.

Ele diz ainda que o crescimento do Santa Isabel é sustentado. E ressalta que a instituição está em expansão, mas dentro de um planejamento bem traçado, para que a unidade esteja sempre com esse patamar de ocupação

O HSI Jaguaribe inaugurou, esse mês, um andar com 9 novos leitos de UTI; um restaurante para atendimento ao público que utiliza o hospital, em uma parceria com a Rede Dona Deôla; e um posto avançado da Associação Paulista de Medicina – APM – para conveniência dos médicos que utilizam a unidade. Além do Centro de Diagnóstico com exames laboratoriais e de imagem, que funciona desde o ano passado.

O hospital acaba de firmar parcerias com três laboratórios de anatomia patológica (Salomão & Zoopi, Diagnostika e Locus) e com três novas operadoras de saúde (Caixa Econômica Federal, Central Nacional da Unimed e um plano especial da Amil para atendimento à Magistratura).

O diretor médico, Frederico Carbone diz que o hospital tem condições de atendimento em todos os níveis de complexidade.

Fonte SaudeWeb

Usuários vão avaliar qualidade das internações hospitalares

A partir da segunda quinzena de dezembro, todos os pacientes da rede hospitalar públicas receberão, em casa, uma carta-resposta para que avaliem o atendimento recebido

O Ministério da Saúde lançou nesta quarta-feira (30) uma nova ferramenta de ouvidoria para receber sugestões, críticas e até mesmo denúncias de usuários internados nos hospitais do Sistema Único de Saúde (SUS). A partir da segunda quinzena de dezembro, todos os pacientes da rede hospitalar públicas receberão, em casa, uma carta-resposta para que avaliem o atendimento recebido.

A correspondência, enviada em uma parceria do ministério com os Correios, terá porte-pago, ou seja, seu retorno não terá nenhum custo para o usuário do SUS.

Ao receber a carta, o paciente poderá avaliar a qualidade e a agilidade do atendimento prestado e denunciar se foi vítima de algum abuso ou irregularidade, como a cobrança de procedimentos nos hospitais do SUS.

“Estamos criando mais este meio de comunicação entre o cidadão e o ministério, com a expectativa de usarmos o retorno dado pelos usuários para aperfeiçoar o atendimento”, destaca o ministro da Saúde, Alexandre Padilha.

Em todo o país, o SUS interna cerca de um milhão de pessoas por mês. Com o envio das cartas, que será permanente, serão gerados relatórios de avaliação do atendimento. Em caso de irregularidades, serão desencadeados processos de auditoria para averiguar se houve desvio de recursos ou má aplicação de verba pública.

Transparência – Além do questionário para a avaliação do paciente, a Carta SUS trará dados como a data da entrada no hospital, o dia da alta e o motivo da internação. O usuário poderá conferir se os dados estão corretos e correspondem ao serviço prestado de fato e conhecerá o custo total da internação.

Os endereços serão obtidos nos formulários de Autorização para Internação Hospitalar (AIH), instrumentos utilizado pelo Ministério da Saúde para avaliar as ações e serviços do SUS. A AIH integra o Sistema de Informação Hospitalar, que fornece os dados de quais e quantos procedimentos hospitalares foram realizados e os recursos repassados aos estados e municípios para pagamento ao hospital, com regras e critérios pactuados. Portanto, o formulário é instrumento essencial para a gestão dos hospitais e controle de gastos públicos.

Ouvidoria ativa – O Ministério da Saúde está aprimorando os mecanismos de comunicação direta com o cidadão para aperfeiçoar o atendimento e ampliar a transparência do SUS. Neste ano, o telefone da ouvidoria foi simplificado: dos antigos dez dígitos, passou a responder pelo 136, de mais fácil memorização e uso pela população. O serviço é gratuito, de telefone residencial, público ou celular.

Até outubro de 2011, o Disque-Saúde já recebeu mais de 3,2 milhões de ligações e disseminou 6 milhões de informações. Os temas que geraram maior número de ligações foram o Programa Farmácia Popular (24,2%), tabagismo (23%) e Aids (10,1%).

Fonte SaudeWeb

Quanta Diagnóstico e Terapia adquire tomógrafo para avaliação do coração

Aparelho tem capacidade para realizar todas as modalidades de exames de tomografia e angiotomografias vasculares

A Quanta Diagnóstico e Terapia inaugura, o Serviço de Tomografia com o novo aparelho Philips iCT sp 128, com a tecnologia Idose4 , que permite redução da dose de radiação em até 70% no exame sem perda da qualidade de imagem e diagnóstico.

Segundo o cardiologista Marcello Zapparoli outros equipamentos também possuem tecnologias para redução de radiação, mas esta metodologia é a mais avançada hoje.

De acordo com ele, o aparelho tem capacidade para realizar todas as modalidades de exames de tomografia e angiotomografias vasculares. Um dos principais focos da clínica será a tomografia cardíaca, incluindo a angiotomografia coronariana, que avalia a anatomia das artérias coronárias.

De acordo com o cardiologista Rodrigo Cerci o equipamento faz imagem de 128 secções transversais, com as quais o médico pode obter mais detalhes e um diagnóstico preciso de obstrução das artérias coronarianas.

Zapparoli diz que o exame é indicado quando o médico precisa avaliar a anatomia das artérias coronárias, mas não está totalmente convencido da necessidade de um cateterismo.

Ele afirma que a angiotomografia coronariana é mais rápida, indolor e evita o cateterismo em pacientes que tem sintomas de angina não esclarecidos ou alterações discretas em outros exames como a cintilografia.

Cerci aponta que em cerca de 30% dos cateterismos realizados o resultado é normal ou não tem a necessidade de outros tratamentos invasivos como a angioplastia. E ressalta que nesses casos, o ideal seria a realização da angiotomografia, que é um exame não invasivo, ao contrario do cateterismo, que além de ser invasivo, esta associado a um maior risco de complicações.

“O cateterismo é um exame muito importante, mas deve ser reservado para pacientes com indicações precisas, e que podem obter o maior benefício do exame”, salienta o cardiologista.

Fonte SaudeWeb

MPOG autoriza contratação de 533 temporários no Ministério da Saúde

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) publicou na quarta-feira, dia 09 de novembro a Portaria Interministerial nº 479/2011 que autoriza ao Ministério da Saúde (MS) a realização de Processo Seletivo Simplificado para contratação temporária de 533 novos profissionais temporários. Os selecionados e contratados deverão atuar no MS até 30 de junho de 2012 e as despesas com as contratações ficarão sob a responsabilidade do próprio Ministério da Saúde. Do total de vagas anunciadas, 171 serão para funções de Nível Superior e 362 para atribuições de Nível Médio.
Com essas contratações, o MS deverá extinguir 589 postos de trabalho terceirizados, que estão, segundo a Portaria, "em desacordo com a legislação vigente".

Concurso Prefeitura de Lagoinha - SP

A Prefeitura de Lagoinha, cidade do Estado de São Paulo, acaba de publicar edital de concurso público com intuito de preencher 17 vagas e formar cadastro de reserva em cargos de todos os níveis de ensino. A jornada de trabalho varia de 24 a 40 horas semanais e a remuneração é de até R$ 3.682,86.
Cargos do concurso de Lagoinha

Nível Alfabetizado -Auxiliar de Serviços Gerais, Coveiro, Mecânico, Merendeira, Motorista, Padeiro, Servente e Tratorista;

Nível Fundamental Completo - Agente Comunitário de Saúde - PSF e Eletricista;

Nível Médio Completo - Auxiliar de Enfermagem, Coordenador de Patrimônio, Secretário de Escola, Técnico Contábil, Técnico de Enfermagem e Técnico de Informática;

Nível Superior Completo - Enfermeiro, Médico Plantonista e Professor de Educação Especial.
Inscrição

As inscrições serão feitas exclusivamente via internet, no site da empresa CONSESP - www.consesp.com.br - entre 23 de novembro a 11 de dezembro de 2011.

O valor da taxa de inscrição varia de R$ 25,00 a R$ 59,00, de acordo com o cargo escolhido.
Provas

As provas serão realizadas no dia 08 de janeiro de 2012, nos horários descritos no edital, em locais a serem divulgados através de Edital próprio que será afixado no local de costume da Prefeitura, através de jornal com circulação no município e através do site www.consesp.com.br, com antecedência mínima de 3 (três) dias.

Já as provas práticas serão realizadas em data, locais e horários a serem divulgados através do Edital que publicará o Resultado das provas objetivas (escritas).

O gabarito oficial e a prova objetiva (teste de múltipla escolha) serão disponibilizados no site www.consesp.com.br, a partir das 18h da terça-feira subsequente à data da aplicação da prova e permanecerão no site pelo prazo de 3 (três) dias.
Validade

A validade do presente Concurso Público será de 2 anos, contados da homologação final dos resultados, podendo haver prorrogação por igual período, a critério da Administração.

Saiba mais

Concurso Hospital Universitário da USP

O Hospital Universitário da Universidade de São Paulo está com concurso público aberto para o preenchimento de 20 vagas na carreira de Técnico de Enfermagem. Haverá formação de reservas para as vagas que vierem a surgir, bem como fica assegurada a reserva legal de uma vaga às pessoas portadoras de deficiência. O salário é de R$ 3.026,54.

A inscrição deverá ser realizada pela internet até 16 horas do dia 9 de dezembro de 2011, mediante acesso ao site www.sistemas.usp.br/marteweb. A taxa de inscrição será de R$ 46,00.

O concurso público constará das seguintes etapas:

- 1ª Prova de Múltipla Escolha (eliminatória);
- 2ª Prova Dissertativa/Prática (eliminatória).

A Prova de Múltipla Escolha terá a duração de 2 horas e será realizada em data, horário e local a serem comunicados oportunamente mediante publicação no Diário Oficial do Estado de São Paulo.

O candidato deverá comparecer ao local designado, com 15 minutos de antecedência, munido de caneta esferográfica de tinta azul ou preta , documento original de identificação com foto e comprovante de inscrição/comprovante de pagamento da taxa de inscrição.

É de inteira responsabilidade do candidato acompanhar os comunicados e demais publicações referentes a este concurso público através do Diário Oficial do Estado de São Paulo

O concurso terá validade de 6 meses a contar da data da Publicação do Despacho de Homologação no Diário Oficial do Estado de São Paulo, podendo, a critério da Universidade de São Paulo, ser prorrogado por igual período.

Concurso Prefeitura de Capela de Santana (RS) 2011

A cidade de Capela de Santana, no Rio Grande do Sul, situada a 54 km da Capital, Porto Alegre, publicou edital (nº. 001/2011) de concurso público oferecendo 76 vagas de nível fundamental, médio e superior. Os salários variam entre R$ 531,24 e R$ 4.430,55.
Aos deficientes físicos é assegurado o direito de inscrição no presente concurso para os cargos cujas atribuições sejam compatíveis com a deficiência de que são portadores, assegurada a reserva de 10% das vagas.

Cargos

Advogado, Agente Comunitário de Saúde, Agente de Combate às Endemias, Atendente de Educação Infantil, Auditor de Controle Interno, Auxiliar de Saúde Bucal, Dentista, Enfermeira, Fiscal Ambiental, Fiscal Tributário, Médico, Professor, Secretário de Escola, Técnico em Contabilidade, Técnico em Enfermagem, Tesoureiro e Visitador do Programa Primeira Infância Melhor - PIM.

Inscrição

O período de inscrições começa no dia 22 de novembro, prosseguindo até 05 de dezembro de 2011, na Prefeitura de Capela de Santana, sito a Av. Cel. Orestes Lucas, nº 2335, centro, Capela de Santana/RS, em dias úteis, das 08h30min às 11h30min e das 14h00min às 17h00min. Após o dia 01 de dezembro o horário das inscrições será das 07h30min até as 13h30min.
Como taxa de participação, será cobrado o valor de R$ 30,00 para candidatos aos cargos de nível fundamental. Já candidatos às funções de nível médio e superior pagarão uma taxa entre R$ 45,00 a R$ 60,00, respectivamente.

Prova

A prova escrita do concurso será aplicada em local, dia e horário a serem afixados no mural da Prefeitura de Capela de Santana e no site www.idrhconcursos.com.br.

O gabarito preliminar da prova será publicado até o segundo dia útil após a realização das provas, no site www.idrhconcursos.com.br e no mural da Prefeitura de Capela de Santana/RS.

Validade

O concurso terá validade por 2 anos a partir da data de homologação dos resultados, prorrogável por mais 2 anos, a critério da administração da Prefeitura de Capela de Santana.

Saiba mais

Concurso Prefeitura de Campestre da Serra (RS) 2011

A Prefeitura de Campestre da Serra, Estado do Rio Grande do Sul, publicou o edital nº. 001/2011, que fixa as condições de realização e de participação no concurso público da cidade. Com o certame, a Administração Municipal pretende repor 18 empregos públicos vagos, em todos os níveis de escolaridade, com remuneração de até R$ 6.188,67 e carga horária entre 20 e 44 horas semanais.
Às pessoas com deficiência, é assegurado o direito de inscrição no presente concurso, para os cargos cujas atribuições sejam compatíveis com a deficiência de que são portadores, num percentual de 10% das vagas para cada cargo do total das vagas oferecidas.

Cargos

Agente Comunitário de Saúde, Assistente Social, Auxiliar de Administração, Calceteiro, Farmacêutico, Fonoaudiólogo, Médico, Motorista, Operário, Professor de Computação, Técnico Agrícola e Técnico de Enfermagem.

Inscrição

Serão via internet e poderão ser realizadas até o dia 16 de dezembro de 2011, pelo site www.objetivas.com.br.

Taxas

Nível fundamental: R$ 20,00;
Nível médio: R$ 40,00;
Nível superior: R$ 60,00.

Prova

A prova escrita, para todos os cargos será aplicada na data provável de 29 de janeiro de 2012, no município de Campestre da Serra, em local e horário a serem divulgados quando da homologação das inscrições em 06 de janeiro de 2012.
A prova prática poderá ser aplicada na mesma data da prova escrita ou em data a ser informada por edital específico.

Validade

O concurso terá validade de até 2 anos a partir da data de homologação dos resultados, prorrogáveis por mais 2 anos, a critério da Administração Municipal.

Saiba mais

Prefeitura de Arroio do Sal - RS lança edital

A Prefeitura de Arroio do Sal, Estado do Rio Grande do Sul, abriu inscrições para realização de processo seletivo (nº. 003/2011 e 004/2011) para contratações temporárias de profissionais da Secretaria Municipal de Saúde e na Secretaria Municipal de Obras e Transportes. Os salários variam entre R$ 683,94 e R$ 1.252,94.

A seleção acontece para que sejam preenchidas 69 vagas em todos os níveis de escolaridade, nas funções:
Secretaria Municipal de Saúde: Médico Clinico Geral, Médico Ginecologista, Médico Urologista, Médico Psiquiatra, Médico Pediatra, Dentista, Enfermeiro, Enfermeiro Responsável Técnico, Técnico de Enfermagem, Motorista “D”, Fiscal Epidemiológico e Agente Epidemiológico.
Secretaria Municipal de Obras e Transportes: Operador de Máquinas, Pedreiro, Serviços Gerais de Obras/Serviços e Vigia.

Inscrição

As inscrições serão recebidas gratuitamente e encaminhadas para a Comissão designada, junto à sede do Município, no protocolo da Prefeitura, sito à rua Alegrete, 111, no período compreendido entre às 8:30h às 11:30h e 13:30h às 18:00h nas segundas e sextas feiras, e das 13:00h às 19:00h nas terças, quartas e quintas-feiras.
As inscrições referentes à Secretaria Municipal de Saúde serão realizadas até o dia 08 de dezembro de 2011 e as referentes à Secretaria Municipal de Obras e Transportes até o dia 03 de dezembro de 2011.
O currículo profissional deverá ser preenchido pelo candidato nos moldes do Anexo II do Edital 001/2011 DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 003/2011, publicado no site oficial da Prefeitura - www.arroiodosal.rs.gov.br, no item Seleção Pública, seção Licitações.

Prova

O processo seletivo será constituído de prova de títulos.

Validade

O prazo de validade do presente processo seletivo será de um ano, prorrogável, uma única vez, por igual período.

Concurso Prefeitura de Alto Alegre (RS) 2011

A Prefeitura de Alto Alegre, Estado do Rio Grande do Sul, publicou edital (nº. 006/2011) para realização de concurso público. O concurso de Alto Alegre está oferecendo 08 vagas mais cadastro reserva de nível fundamental, médio e superior, com remuneração de até R$ 5.475,25 e carga horária entre 12 e 44 horas semanais.
Às pessoas com deficiência, é assegurado o direito de inscrição no presente concurso, para os cargos cujas atribuições sejam compatíveis com a deficiência de que são portadores, num percentual de 5% das vagas para cada cargo, do total das vagas oferecidas.

Cargos

Agente Comunitário de Saúde, Agente de Controle Interno, Farmacêutico Generalista, Fonoaudiólogo, Médico, Operador de Máquinas e Motorista.

Inscrição

As inscrições serão realizadas até o dia 16 de dezembro de 2011, de segunda à sexta-feira, em dias úteis, das 8h às 11h30min e das 13h30min às 16h30min, na Prefeitura Municipal, sito na rua Recreio, nº 233, Alto Alegre/RS.
As taxas de inscrições são de R$ 40,00 (nível fundamental e médio) e R$ 80,00 (nível superior).

Prova

A prova escrita, para todos os cargos será aplicada na data provável de 21 de janeiro de 2012, no Município de Alto Alegre/RS, em local e horário a serem divulgados quando da homologação das inscrições em 07 de janeiro de 2012.

Validade

O concurso terá validade de até 2 anos a partir da data de homologação dos resultados, prorrogável por mais 2 anos, a critério do município de Alto Alegre/RS.

Emater/RS-Ascar lança edital de processo seletivo

Estão abertas, desde terça-feira (22/11) até o dia 15 de dezembro de 2011, as inscrições para o Processo Seletivo 2011 da Emater/RS-Ascar. A seleção destina-se à formação de cadastro reserva para 41 cargos de níveis fundamental, médio, técnico e superior, com salários de R$ 1.135,09 a R$ 2.831,58. “Esse Processo Seletivo será regionalizado e esperamos a participação de, aproximadamente, 30 mil pessoas”, avalia o gerente de Recursos Humanos, Décio Cotrin. Confira o Edital.

As inscrições podem ser realizadas via internet, na página da Objetivas Concursos (www.objetivas.com.br) até ás 23h59min do dia 15 de dezembro. O valor é de R$ 65,00 para os cargos de nível superior e de R$ 35,00 para os cargos de nível fundamental, médio e técnico. O pagamento deverá ser efetuado com o boleto bancário impresso em qualquer agência bancária até o dia seguinte ao término das inscrições (16/11).

A prova escrita, para todos os cargos será aplicada em 15 de janeiro de 2012, em Porto Alegre, em local e horário a serem divulgados depois da homologação das inscrições, em 30 de dezembro. O edital completo e demais informações relativas às etapas do processo seletivo estão disponíveis nos sites da Objetivas Concursos e da Emater/RS-Ascar (www.emater.tche.br).

Para todos os cargos, o processo seletivo constará de primeira etapa, prova escrita de caráter eliminatório/classificatório, com questões objetivas, de múltipla escolha, compatíveis com o nível de escolaridade, com a formação acadêmica exigida e com as atribuições dos cargos. A segunda etapa consiste de avaliação psicológica, de caráter eliminatório. Serão considerados aprovados em primeira etapa e habilitados à etapa seguinte os candidatos que obtiverem 50% ou mais na nota final da prova escrita.

As possíveis vagas estão distribuídas na classificação de: Regionalizado (vagas abertas em uma das regiões administrativas da entidade); Qualquer Unidade de Classificação (em qualquer município do Estado); Porto Alegre – Escritório Central. As eventuais vagas Regionalizado e Qualquer Unidade de Classificação não estão vinculadas a nenhum município específico dentro do âmbito do escritório regional. O candidato deverá estar ciente de que a contratação poderá se dar em qualquer das cidades componentes da Regional escolhida no ato da inscrição ou de outras regionais da Ascar, caso opte pela listagem estadual, de acordo com as necessidades da Instituição.

Cargos e funções

Nível Fundamental: Motorista

Nível Médio e Técnico: extensionista rural de Nível Médio em Agropecuária; Classificador; Social; Assistente Administrativo I; Assistente Administrativo I – Contabilidade; técnico em Enfermagem do Trabalho; Informática; Segurança do Trabalho

Nível Superior: técnico científico Analista de Sistemas; Biblioteconomia; Desenvolvimento Agroindústrial; Engenheiro de Segurança de Trabalho; Jornalista; Médico do Trabalho; Relações Públicas; extensionista rural Nível Superior Engenheiro Agrônomo; Engenheiro Agrícola/Ambiental/Florestal; Médico Veterinário; extensionista rural social em Administração; Biologia; Ciências Contábeis; Ciências Jurídicas e Sociais; Ciências Sociais ou Sociologia; Economia; Farmácia; Nutrição; Pedagogia; Psicologia; Turismo; tecnólogo em Administração Rural; Agricultura Familiar e Sustentabilidade; Alimentos; Desenvolvimento Rural; Gestão Agroindustrial; Gestão Ambiental; Agroindústria; Fruticultura; Horticultura; Recursos Pesqueiros.

Assessoria de Imprensa Emater/RS-Ascar
Jornalista Taline Schneider

Saiba mais

Concurso Prefeitura de Portão (RS) 2011

Em Portão, cidade do Rio Grande do Sul, há dois certames abertos, com início do período de inscrições marcado para o dia 05 de dezembro de 2011. Trata-se do concurso público nº. 139/2011 e do processo seletivo nº. 140/2011, os quais - juntos - estão oferecendo 04 vagas de nível superior para o cargo de Médico, com remuneração de até R$ 8.800,00 e carga horária entre 10 e 40 horas semanais.

Inscrição

A inscrição será somente via internet, por link específico para este fim, no endereço eletrônico www.unars.com.br, começando no dia 05 e finalizando no dia 19 de dezembro de 2011.
As taxas de inscrição variam entre R$ 80,00 e R$ 120,00.

Prova

A prova escrita está prevista para 07 de janeiro de 2012, às 9:00 horas, na Escola Municipal de Ensino Fundamental Antônio José de Fraga, na Rua São Pedro, nº 280, Estação, Portão/RS.
O gabarito preliminar será divulgado na data provável de 09 de janeiro de 2012, a partir das 15h no painel de publicações da Prefeitura Municipal, no site www.unars.com.br.

Validade

O concurso será válido por 02 anos, a contar da data de homologação do resultado final, prazo este que poderá ser prorrogado uma vez, por igual período, mediante decreto do executivo municipal, nos termos da constituição federal.

Concurso Prefeitura de Arari - MA

A Prefeitura de Arari, Estado do Maranhão, lançou edital de concurso público destinado ao provimento de várias vagas. A realização do concurso será de responsabilidade do Instituto Azimuth de Tecnologia e Processamento da Informática LTDA.
Serão oferecidas 121 vagas para cargos de todos os níveis escolares com salários variados entre R$ 545,00 e R$ 593,54, para carga horária de 20 e 40h semanais. Das vagas destinadas a cada cargo, pelo menos 5% serão reservadas para portadores de deficiência, na forma do Decreto n.º 3.298, de 20 de dezembro de 1999.
Cargos
Para cargos de nível fundamental as vagas são de Agente de Portaria, Auxiliar de Lavanderia, Auxiliar Operacional de Serviços Diversos e Vigia.

Quem tem nível médio pode concorrer às vagas de Professor I, Agente Administrativo, Agente de Campo (Desenv. Rural), Agente de Controle de Endemias, Agente de Vigilância Sanitária, Auxiliar de Biblioteca, Orientador Social do PETI, Recreador, Técnico Agrícola, Técnico de Laboratório, Técnico em Enfermagem, Técnico em Meio Ambiente e Técnico em Radiologia.
Candidatos que já concluíram o ensino superior podem disputar as vagas de Professor Nível II – História, Professor Nível II - Língua Portuguesa, Professor Nível II – Matemática e Professor Nível II – Música.
Inscrições
As inscrições serão realizadas exclusivamente via internet, no endereço eletrônico concurso.institutoazimuth.com.br, exatamente até 23 horas e 59 minutos do dia 23 de dezembro de 2011, observado o horário oficial de funcionamento do expediente bancário.
Taxas de inscrição
Varia de R$ 45,00 para cargos de nível fundamental; R$ 55,00 para nível médio e R$ 75,00 para nível superior.
Provas
As provas serão realizadas na cidade de Arari-MA,com duração de 04 horas, na data prevista de 29 de janeiro de 2012.
Os locais de realização das provas objetivas serão publicados a partir do dia 20 de dezembro de 2011, no quadro de avisos da Prefeitura Municipal de Arari, situada na Avenida Dr. João da Silva Lima, s/n – Centro, no quadro de avisos do Instituto Azimuth, localizado na Rua Casemiro Carvalho nº 241, São Francisco, São Luís/MA, e no endereço eletrônico concurso.institutoazimuth.com.br.
Gabaritos
Os gabaritos preliminares oficiais das provas objetivas serão divulgados até 48 horas do dia subseqüente ao da realização das provas e divulgados também no endereço eletrônico concurso.institutoazimuth.com.br.

Validade
O prazo de validade do concurso público será de 02 anos, contados a partir da publicação oficial da homologação do Resultado Final, podendo ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da Prefeitura Municipal de Arari.

Saiba mais

Prefeitura de Zé Doca (MA) abre processo seletivo

A Prefeitura de Zé Doca, Estado do Maranhão, publicou edital (nº. 01/2011) para realização de processo seletivo visando o preenchimento de 40 vagas de nível fundamental para o cargo de Agente Comunitário de Saúde. O salário é de até R$ 545,00 e carga horária de 40 horas semanais.
Serão, na forma de lei, preferencialmente destinadas 10% das vagas a Portadores de Necessidades Especiais.

Inscrição

As inscrições, no valor de R$ 25,00, serão processadas presencialmente, até o dia 20 de janeiro de 2011, na Secretaria Municipal de Saúde, situada na rua Duque de Caxias, N.º 2.200, Centro, Telefone (98) 3655-3376, nos dias úteis, no horário das 08:00h às 12:00h e das 14:00h às 18:00h.

Prova

A realização das provas do certame está prevista para ocorrer no dia 29 de janeiro de 2012, na cidade de Zé Doca-MA, no horário das 08:00h às 11:00h, em locais disponibilizados no mural da Prefeitura de Zé DocaMA e no endereço eletrônico www.institutoludus.com.br.

O gabarito das provas objetivas será divulgado no segundo dia útil a data da aplicação das provas, a partir das 18:00h no site www.institutoludus.com.br, bem como serão disponibilizados no mural da Prefeitura de Zé Doca.

Validade

O prazo de validade de 02 anos, podendo ser prorrogado, a critério da administração pública, por igual período, a contar da data de sua homologação.

Remédio contra doença de Chagas terá versão pediátrica

Uma medida simples vai representar um grande avanço no combate à doença de Chagas em crianças. Depois de 40 anos sendo oferecido unicamente em dose para adultos, o benznidazol, principal remédio utilizado no tratamento, será produzido em versão pediátrica, podendo ser administrada inclusive em recém-nascidos.

A autorização para produção será publicada pela Anvisa (Agencia Nacional de Vigilância Sanitária) no dia 12. O anúncio da novidade foi feito hoje pelo secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Carlos Gadelha, durante a 4ª Reunião de Parceiros da iniciativa Medicamentos para Doenças Negligenciadas (DNDi).

A apresentação tradicional do medicamento é na forma de comprimidos com 100 mg do princípio ativo. A partir de agora será oferecido também na forma de pó solúvel com 12,5 mg. A produção está a cargo do Laboratório Farmacêutico do Estado de Pernambuco (Lafepe), único produtor desse medicamento em todo o mundo.

De acordo com a médica especializada em medicina tropical Lucia Brum, da organização Médicos Sem Fronteiras, a nova apresentação da droga vai contornar um dos maiores problemas para o tratamento de crianças, que era a necessidade de fracionar o comprimido para adulto. "Esse procedimento ocasionava falhas terapêuticas de dosagem que muitas vezes comprometem a eficácia do tratamento."

Brum destaca a importância do foco em crianças. "Quanto mais precoce o diagnóstico, mais efetivo é o tratamento." No caso de bebês nascidos com a doença transmitida pela mãe, por exemplo, o remédio é capaz de eliminar o parasita em até 90% dos casos tratados no primeiro ano de vida.

Em comunicado, o presidente do Lafepe, Luciano Vasquez, informou que o remédio "será oferecido a preço de custo para todas as instituições públicas de saúde, incluindo o Ministério da Saúde do Brasil, além de organizações não governamentais e instituições filantrópicas".

A doença de Chagas é causada pelo parasita Trypanosoma cruzi e tem entre seus principais sintomas lesões cardíacas e no trato digestivo. Transmitida principalmente pelo inseto conhecido como barbeiro, acomete principalmente populações que vivem em condições inadequadas de moradia. Com políticas de prevenção contra o vetor, no entanto, a transmissão de mãe para filho vem sendo considerada a forma mais importante forma de disseminação da doença. A DNDi estima que nasçam por ano mais de 14 mil bebês infectados.

Ainda segundo a organização, atualmente existem no mundo entre 8 milhões e 10 milhões de pessoas infectadas, que resultam em 12 mil mortes por ano.

Fonte Folhaonline

Tipo sanguíneo AB está associado a maior risco de AVC

Tipo sanguíneo: alguns são mais propensos
 do que outros a terem AVC, diz pesquisa
Pessoas com certos tipos de sangue podem estar em risco elevado de acidente vascular cerebral, sugere um novo estudo

Os pesquisadores analisaram dados de quase 62 mil mulheres que participaram do Estudo de Saúde das Enfermeiras e cerca de 28.000 homens do Health Professionals Follow-up Study. Os participantes foram acompanhados por 20 ou 26 anos.

Durante esse período, homens e mulheres com sangue tipo AB tiveram um aumento de 26% no risco de acidente vascular cerebral (AVC) em comparação com aqueles com sangue tipo O.

Nas mulheres, o tipo B também foi associado a um risco 15% mais elevado de acidente vascular cerebral em comparação com as mulheres da mesma idade com o tipo O. Associação semelhante não foi encontrada em homens.

"O grupo sanguíneo AB mostrou associação mais consistente com acidente vascular cerebral", disse o autor do estudo Dr. Qi Lu, professor assistente de medicina na Harvard Medical School e professor assistente de nutrição da Harvard School of Public Health em Boston.

No entanto, apesar de o estudo ter descoberto uma associação entre o tipo de sangue e AVC, ele não conseguiu provar a relação de causa e efeito. O estudo foi divulgado durante apresentação da American Heart Association, reunião anual em Orlando, Flórida.

Tipos sanguíneos
As pessoas podem ter um dos oito tipos de sangue possíveis, que diferem pela presença (ou ausência) de certos antígenos, que são parte do sistema imunológico. Do grupo de estudo, 43% tinham sangue conhecido como doador universal de células vermelhas, o tipo O; 36% tinham tipo A; 13% tinham o tipo B e 7,5% tinham AB. Outro antígeno, o fator Rh, determina se o sangue é positivo ou negativo.

Comentando o estudo, Larry Goldstein, diretor do Centro de cursos da Duke University e porta-voz da American Heart Association, disse que ninguém sabe por que os tipos de sangue podem acrescentar risco de acidente vascular cerebral.

“É possível que o tipo sanguíneo influencie algum outro fator que leva ao AVC”, observou ele.

"É difícil saber se há uma relação direta ou se o tipo de sangue é um marcador para outra coisa", disse Goldstein.

"Por exemplo, talvez haja algum outro fator genético que está junto com o tipo de sangue ou que é associado a esse tipo de sangue que podem afetar o risco de AVC."

No estudo, os pesquisadores levaram em conta a idade, tabagismo e níveis de atividade física, mas outros fatores não foram considerados como níveis de colesterol ou diabetes, que também poderiam influenciar o risco de acidente vascular cerebral, Goldstein acrescentou.

Um estudo publicado recentemente na revista The Lancet descobriu que o sangue tipo O pode oferecer alguma proteção contra ataques cardíacos. Mas outras pesquisas não têm mostrado de maneira consistente uma associação, Goldstein destacou.

Pesquisas futuras vão olhar para o risco de AVC e tipo de sangue a fim de tentar descobrir o mecanismo biológico que possa explicar a associação, acredita Qi.

Fonte IG

Treinos mais longos dão resultado mais rápido?

Treinar por longos períodos não traz resultados para quem não é atleta
Em quem não é atleta, treinos longos podem causar estresse muscular e aumentar o risco de lesões. Saiba mais

João Paulo Marques Dias, sócio proprietário e professor da Gaia Fitness + Sports Assessoria Esportiva, em São Paulo (SP):

Treinos de duas horas podem ser indicados para ganho de performance e maiores benefícios, mas em casos extremamente específicos e por períodos pequenos.

Esse tipo de estratégia geralmente é recomendada para atletas e indivíduos bem treinados (desde que orientados e monitorados por profissionais experientes). Mas em indivíduos pouco ou mediamente treinados, sessões tão longas de exercícios não terão efeito.

Nesses alunos, treinos muito extensos podem provocar uma queda significativa dos estoques de glicogênio no sangue e um grande stress muscular que, muitas vezes, junto com com exercícios mal executados, acarretam lesões graves tanto na musculatura quanto em tecidos passivos (ligamentos, tendões articulações).

De qualquer forma, se uma pessoa quiser fazer um treino longo, de quase duas horas, a recomendação é não apostar em atividades muito intensas e exercícios com bastante peso. Ou seja: pegue mais leve.

Para a maioria dos alunos, uma boa sessão de treino indicada pelo ACSM (American College of Sports Medice) deve conter exercícios aeróbicos, de resistência e flexibilidade, que durarão aproximadamente 1 hora e 15 minutos.

Mas, antes de iniciar as atividades físicas, não esqueça: procure um professor ou personal trainer e veja quais as características do treino mais importantes para você. Apenas esses profissionais podem avaliar todas as variáveis e adequá-las às suas atuais possibilidades para que possa atingir os seus objetivos.

Fonte IG

Combatendo a secura na boca

Hidratação: beber água regularmente ajuda a combater a secura bucal
Problema pede investigação com um profissional de saúde. Veja como atenuá-lo

Boca seca é um desconforto comum. Quando ele se torna crônico, pode ser a indicação de um problema grave de saúde. Por isso, é importante investigar a origem do problema.

O Instituto Nacional de Pesquisas Dentais e Craniofaciais oferece dicas para combater casos ocasionais de boca seca:

- Tenha à mão água e bebidas sem açúcar para beber regularmente

- Evite bebidas que contenham cafeína, que pode levar à secura bucal

- Estimule a salivação com goma de mascar ou balinhas sem açúcar

- Evite consumir álcool ou fumar

- Se a secura bucal parece estar relacionada ao uso de alguma medicação, informe seu médico e converse com ele sobre ajustar a dose ou mudar para algum remédio diferente

- Ao dormir, utilize um umidificador no quarto

Fonte IG

Chiclete sem açúcar ajuda a manter a saúde bucal

Goma de mascar eleva a salivação e pode combater a formação de cáries

As bactérias presentes na boca são responsáveis pela formação de placa dentária, cáries e desgaste do esmalte dos dentes. Elas se alimentam de açúcar, o grande vilão das bocas saudáveis.

Mascar chiclete sem açúcar, no entanto, pode ajudar a manter sua saúde bucal. A Associação Americana de Dentistas menciona os possíveis benefícios da goma de mascar sem açúcar:

- A mastigação ajuda a impulsionar a produção de saliva, que lava os ácidos responsáveis por danificar os dentes. Aumento da saliva eleva a quantidade de cálcio e fosfato – ambos fortalecem o esmalte do dente

- Chicletes sem açúcar contém edulcorantes – tais como o aspartame, sorbitol ou manitol, e não contribuem para a formação de cáries

Fonte IG

Pilates também é remédio

Modalidade pode ser uma alternativa ao tratamento de problemas respiratórios, ortopédicos e neurológicos

Para dores, analgésicos ou fisioterapia. A recomendação parece lógica para quem sofre com problemas na coluna cervical ou agulhadas diárias e intermitentes na lombar. A matemática da dor, entretanto, nos últimos anos, ganhou um potencial fator de cura.

Incorporado gradualmente ao receituário médico, o pilates deixa o âmbito restrito ao fitness e passa a ser usado como alternativa no tratamento de problemas ortopédicos, neurológicos e respiratórios.

A modalidade existe desde a Primeira Guerra Mundial. Na época, seu significado limitava-se a um dos sobrenomes do alemão Joseph Pilates, precursor da atividade. A proposta trabalha a idéia de consciência corporal.

“Exercícios lentos e bem executados promovem equilíbrio do organismo e ajudam a eliminar a dor.”, explica Silvia Gomes, diretora da Aliança Brasileira de Pilates (ABRAP) e dona de um estúdio de pilates que leva seu nome, em São Paulo.

Na contramão do analgésico, a técnica, segundo Silvia, tem um efeito duradouro e educativo. “Quando bem fundamentado, os exercícios ensinam a organizar e ativar a musculatura para estabilizar a coluna. É por esse motivo que a dor óssea ou muscular, não é apenas aliviada, mas na maioria das vezes, curada. Uma vez entendida pelo aluno, é possível incorporar a técnica ao cotidiano.”

Os resultados, na visão da especialista, podem ser sentidos logo após as primeiras aulas. “Tenho centenas de alunos com casos de dor. Na grande maioria das vezes, o sintoma forte, agressivo, melhora após a segunda aula.”

Os efeitos poderosos são conseguidos por meio de aparelhos robustos, elásticos e bolas de plástico enormes, utilizadas para realizar exercícios diferenciados que a técnica propõe. No caso da lombalgia crônica, Silvia explica que o treino estimula a mobilidade da caixa torácica, alonga os músculos que estão entre as costelas e desperta o volume tridimensional do corpo. O trabalho combina respiração, movimento, flexibilidade e força. “Ensinamos como respirar adequadamente e qual a movimentação ideal para mobilizar as vértebras e as costelas.”

Embora a modalidade não imponha limites de idade para a prática, a profissional alerta que é preciso conhecer o histórico, os objeitvos e as possíveis doenças ou restrições de cada aluno. Em seu estúdio, ela revela que já tratou pessoas com complicações sérias, provocadas por exercicios executados sem cuidados por outros profissionais.

"Em um exercicio simples de massagear o corpo do aluno com o bolão de plástico o instrutor pode quebrar a coluna cervical de um aluno que tenha osteoporose. Já vi isso acontecer muitas vezes. A técnica é séria, não pode ser realizada por qualquer um, exige capacitação."

Comprovação científica
Depois de arrebatar marombeiros, sedentários e doloridos, a modalidade começa a ganhar embasamento científico e endossa seu valor terapêutico. A fisioterapeuta da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Camila Pinhata Rocha, analisou os efeitos do pilates no tratamento da lombalgia crônica e fundamentou sua tese de doutorado no assunto.

Para comparar resultados, a pesquisadora tratou um grupo de mulheres com eletroterapia, um aparelho usado pela fisioterapia para trabalhar a dor, e outro conjunto de pacientes recebeu sessões semanais de pilates.

A escrevente judiciária Núbia Maria Medeiros Feltre, de 40 anos, foi uma das 36 mulheres sedentárias, com crises severas de dor na lombar, que não faziam o uso de medicamentos, a participar do estudo desenvolvido por Camila.

Núbia foi submetida a três sessões semanais de pilates, durante cinco semanas. O resultado, para ela, foi surpreendente e rápido. “Eu já tinha tentado aliviar o problema com sete sessões de fisioterapia, mas sem sucesso. Após esse teste, melhorei minha postura, e não sinto mais dores. Tive um ganho enorme em postura e qualidade de vida.”

Os dados foram satisfatórios em ambos os grupos pesquisados. Camila explica, porém, que os pacientes que utilizaram o aparelho voltaram a ter problemas pouco tempo após o término da pesquisa, efeito que não foi sentido pelo grupo que freqüentou as aulas de pilates. “A eletroterapia não dá condição muscular, consciência corporal que o pilates promove. A dor não é tratada, apenas amenizada.”

Asma e impotência
A gama de atuação da modalidade é ampla e curiosa. A fisioterapeuta da Unicamp revela resultados positivos em pacientes com asma e bronquite. “A atividade trabalha corpo e mente, pede que o aluno conheça o corpo, aprenda a respirar corretamente e promove condicionamento cardiovascular”.

Silvia Gomes comenta que muitos atletas, após sofrerem um processo cirúrgico ou um lesão grave, recorrem ao pilates em busca de reabilitação. O trabalho foca um fortalecimento muscular e permite que o esportista volte a praticar a modalidade em pouco tempo. “Montamos um treino que atenda a necessidade e respeite os limites de cada aluno. A variedade de aparelhos e exercícios é enorme e evolutiva.”

Aprender a relaxar e contrair os músculos de maneira mais eficiente eleva a qualidade de vida pessoal e sexual. Segundo os profissionais, a técnica pode ajudar a combater a impotência sexual, no caso dos homens, e dar firmeza ao períneo feminino. Silvia revela que os exercícios trabalham o assoalho pélvico, estimulam a ativação do transverso do abdome, conhecido como o cinturão de força do corpo. “O aluno aprende a sensibilizar essa região. O movimento é muito pequeno, é preciso aprender a relaxar para conseguir contrair e sentir os benefícios."

Fonte IG

Sinais da hérnia de disco

Alguns hábitos corriqueiros podem piorar as dores nas costas. Fique atento

O disco vertebral pode virar uma hérnia quando há uma pressão excessiva nos nervos existentes nesta parte da coluna.

A dor pode afetar as pernas, os pés e os quadris caso a hérnia esteja na parte mais próxima à região lombar. Já a hérnia de disco no pescoço causa dores na parte superior das costas e nos ombros.

A Enciclopédia ADAM (uma das mais importantes da medicina) indica que os sintomas dolorosos da hérnia de disco podem piorar após algumas situações corriqueiras. Fique atento e veja se não é hora de procurar um médico:

- Depois que você passa um longo período sentado ou parado

- Durante a noite

-Quando você ri, tosse ou espirra

- Quando você anda, mesmo que em uma curta distância

-Quando você inclina as costas para trás

Fonte IG

Carreira: Boa postura melhora "sensação de poder"

Costas retas e braços abertos trazem mais autoestima e, consequentemente, mais confiança

Novo estudo mostra que a maneira como nos sentamos e ficamos de pé pode afetar a forma como nos sentimos em relação a nós mesmos.

Pesquisadores da Kellogg School of Management at Northwestern University em Illinois constataram que universitários que assumiram uma postura mais “expansiva” – com os braços estendidos e uma perna casualmente cruzada sobre o joelho – tiveram melhor pontuação em variáveis que mediram a sensação de poder, o pensamento abstrato e a vontade de entrar em ação do que seus colegas que assumiram uma postura mais “constrita”, com as mãos posicionadas embaixo das coxas, ombros caídos e pés bem juntos.

Em três experimentos diferentes, a equipe de pesquisa demonstrou que a postura física mais expansiva – especificamente, em posições que “abrem” o corpo, ocupando o espaço – pode provocar maior sensação de poder em um indivíduo, fazendo com que ele se sinta em uma posição hierárquica superior – como se fosse o patrão, por exemplo.

“Pesquisas anteriores demonstraram basicamente que existem diversas formas de fazer aumentar nossa sensação de poder”, disse Li Huang, que está se preparando para um doutorado na universidade e um dos autores do estudo.

“Basicamente, constatamos que a postura, e não o papel desempenhado por um indivíduo, é o fator que determina se o mesmo está pronto ou não para entrar em ação”, disse Huang.

Segundo dados do estudo, publicado na edição de janeiro da revista especializada Psychological Science, a vontade de agir e a habilidade de pensar de forma abstrata são critérios estabelecidos em pesquisas para calcular o poder.

O estudo
Entre 57 e 77 homens e mulheres participaram de cada um dos experimentos. Huang diz que, no geral, os resultados foram bastante semelhantes para os dois sexos.

Os participantes do estudo tiveram de assumir, aleatoriamente, a função de empregador ou empregado antes de participar de diversas atividades. Eles foram informados que deveriam dar ou seguir instruções nas posições de patrão ou empregado, respectivamente, ao mesmo tempo em que tentariam solucionar um problema. O impacto da função versus postura foi então calculado em uma série de outras atividades.

Em um dos experimentos, os participantes foram colocados em posturas expansivas e constritas, em seguida tiveram de completar fragmentos de sete palavras com a primeira palavra que tivessem em mente. Eles foram pontuados somente pelas palavras relacionadas ao poder. Aqueles que foram colocados em posturas expansivas antes do teste obtiveram pontuação mais alta.

Em outro experimento, os participantes tiveram de decidir entre tirar ou não uma carta em uma partida de blackjack e tiveram de identificar objetos parcialmente escondidos em gravuras fragmentadas. O ato de tirar uma carta foi pontuado como a vontade de agir. A identificação de objetos escondidos foi uma medida do pensamento abstrato. Nos dois casos, aqueles que assumiram uma postura expansiva obtiveram melhor pontuação.

Em um terceiro experimento, os participantes tiveram de se lembrar de uma ocasião na qual estavam em situação de controle ou de um incidente no qual estavam submetidos ao controle de alguém. Em seguida, eles tiveram de decidir se entrariam ou não em ação em três cenários diferentes - dentre eles, deixar o local de uma queda de avião em busca de ajuda ou juntar-se a um movimento para libertar alguém de uma encarceramento injusto. Embora as lembranças de situações de poder ou subordinação não tenham tido efeito significativo nas escolhas dos participantes, os pesquisadores constataram que aqueles que assumiram uma postura mais expansiva mais uma vez foram mais propensos a entrar em ação.

O estudo mostra que, tanto no caso de seres humanos como de animais, a expansividade corporal parece ser evolucionariamente inerente ao poder, tendo assim um forte efeito no comportamento.

“Nossa tendência é pensar que o poder está baseado no papel de um indivíduo na sociedade ou em uma organização. O mais fascinante nestes resultados sobre a relação postura e poder em comparação à posição de poder de um indivíduo é que a postura tem um impacto muito maior sobre o poder psicológico”, disse Amy J.C. Cuddy, professora assistente da Harvard Business School.

“Essa constatação e bem impactante”, complementou a professora, que também ministra um curso sobre poder psicológico, persuasão e influência na Harvard e também já realizou uma pesquisa sobre os efeitos da postura.

Sua pesquisa, citada no estudo, demonstrou que as posturas de poder alteram funções do sistema endócrino. Ela diz que os níveis de testosterona subiram tanto nos homens quanto nas mulheres, enquanto que o nível de cortisol (o hormônio do estresse) caiu depois que os participantes foram colocados em posturas “expansivas”.

“Não estamos tentando criar machos alfa ou Gordon Gekkos”, disse Cuddy, referindo-se ao agressivo protagonista de filme Wall Street. “Ir a uma entrevista e tentar dominar a situação, ou deferir o tempo todo, não é uma atitude recomendável. Em situações como essa, o esperado é que o candidato mostre autoconfiança e entusiasmo”, ela explicou.

Com os dados do novo estudo em mãos, pode ser que gerentes frustrados com o cargo assumido ou pessoas em busca de emprego queiram melhorar a postura antes de se candidatar a um novo emprego nestes tempos de vacas magras.

Cuddy diz: “A postura é uma solução simples e elegante de aumentar a sensação de poder”.

Fonte Delas

Empinar demais o bumbum prejudica a coluna

O bumbum durinho e empinado é sonho de consumo de muitas mulheres. Para isso, há quem malhe sem dó a região. Até aí, tudo bem, desde que os exercícios sejam bem orientados

Glúteos torneados ou avantajados não representam problemas – o perigo está em forçar a região lombar para dar aquela realçada nas curvas. Por isso, mulheres como as dançarinas Andressa Soares (a Mulher Melancia) e Renata Frisson (a Mulher Melão) devem ter cuidado tanto com a malhação em excesso (que pode levar à síndrome do bumbum sarado) como com a postura no dia a dia.

A curvatura na região lombar, chamada de lordose, é normal e todo mundo a tem. “O homem ganhou curvas nas regiões cervical, torácica e lombar quando saiu da condição de quadrúpede e virou bípede”, explica o médico Rogério Teixeira, ortopedista da unidade Morumbi do Hospital São Luiz, em São Paulo. Mas quando esse ângulo é muito acentuado, você sai do eixo e passa a ter hiperlordose, que pode trazer sérios problemas à coluna.

“Toda vez que você exacerba a curva lombar, diminui o espaço entre as vértebras. Isso aumenta as chances de dores nas costas, dor no nervo ciático e até hérnia de disco”, alerta o fisioterapeuta Carlos Wiering, especialista em RPG, ergonomia e esporte, de São Paulo.

E além de problemas físicos, o ato de empinar o bumbum pode trazer problemas estéticos. “Quanto maior a hiperlordose, mais difícil fica de ‘encaixar’ o abdome, daí que a barriga fica saliente. Tudo o que é forçado pode parecer ‘propaganda enganosa’. O melhor é melhorar o volume glúteo com um treino bem feito e não usar a lombar para isso”, argumenta Wiering.

“O uso constante de salto alto e a gestação também podem provocar hiperlordose, porque mudam o centro de gravidade da mulher, forçando a região lombar. Assim como exercícios em excesso, que podem desequilibrar a musculatura da área”, ressalta Teixeira.

O tratamento da hiperlordose passa pelo reequilíbrio postural. “Em casos mais simples, podem ser recomendados exercícios abdominais e de alongamento da lombar”, diz Wiering. Reforço muscular, exercícios de fisioterapia, RPG e Pilates também estão na lista de indicações.

Para voltar ao alinhamento correto e estabilizar o paciente, o tratamento prevê entre 25 e 35 sessões. “Em cada sessão a pessoa ganha mais alinhamento e a postura vai ficando melhor. Mas se ela voltar aos maus hábitos, o problema pode reaparecer”, finaliza o fisioterapeuta.

Fonte Delas

Mulheres são as maiores vítimas de dores nas costas

Entre as razões estão uso de salto alto, tamanho exagerado das mamas, sedentarismo e estresse

Tantas obrigações familiares, pessoais e profissionais, dão aquela sensação de estar “carregando o mundo nas costas”.

E isso tem um custo: dores, que podem ir de simples desconfortos a enfermidades incapacitantes.

“Estatísticas têm mostrado que as mulheres são as que mais apresentam queixas de dores nas costas, especialmente acima dos 45 anos”, afirma o ortopedista Adalto Lima, membro titular da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) e chefe do serviço de ortopedia e traumatologia do Hospital Badin e do Hospital Israelita Albert Sabin, do Rio de Janeiro.

Vários fatores influenciam o aparecimento do problema e podem levar a maior ou menor gravidade. Entre as principais razões estão o uso constante de saltos altos, má postura em situações do dia a dia, falta de atividade física, gravidez, doenças e estresse.

“O corpo humano tem um eixo que vai da cabeça ao centro da bacia. A utilização do salto alto favorece o desalinhamento desse eixo, sobrecarregando a coluna. E quanto maior ele for, mais o quadril se pronuncia para trás. A curto prazo isso pode gerar dores lombares e se a coluna for exposta diariamente a esse esforço, pode sofrer um desgaste maior, gerando problemas mais graves no futuro, como uma hérnia de disco", alerta o neurocirurgião especializado em coluna Marcelo Perocco, membro titular da Academia Brasileira de Neurocirurgia, de São Paulo.

Quem tem os seios naturalmente volumosos ou quem exagera no tamanho da prótese de silicone também pode sofrer desconforto lombar.

“O volume e o peso das mamas fazem o tórax se projetar para frente, desalinhando a coluna”, reforça Lima. Se for essa a causa da dor nas costas, é preciso fazer uma avaliação médica para verificar a necessidade de reforço muscular, uso de sutiãs adequados e até cirurgia de redução mamária ou adequação da prótese de silicone.

A obesidade e a inatividade física são outros problemas que agravam as dores nas costas. “Uma coisa puxa a outra: o aumento de peso muitas vezes inibe a pessoa de fazer exercícios, o que só contribui com os quilos a mais. A obesidade é um dos mais frequentes desencadeadores de dores nas costas”, completa o ortopedista do Rio de Janeiro.

O mal ainda pode estar relacionado a doenças como osteoporose, fibromialgia, artrite e artrose – patologias mais frequentes no sexo feminino. Nesses casos, é preciso ficar atenta para que a doença seja investigada e não apenas as dores sejam tratadas.

Até o estresse emocional pode atingir as costas femininas, ao provocar tensão, contração muscular e descarga de substâncias nocivas que irritam a musculatura e provocam dor. Da mesma forma, a má postura em situações do dia a dia, como sentar diante do computador ou assistir televisão no sofá, pode levar ao desconforto lombar.

O ideal, de acordo com Perocco, é a mulher conhecer e entender as necessidades de seu corpo, evitando situações que causem dor.

"A prática de exercícios físicos e fortalecimento muscular, além de alimentação saudável, visando o controle de peso, redução do estresse, boa postura e exames periódicos podem ajudar a evitar os problemas”, aconselha.

“Não é normal sentir dor. Diante de manifestações dolorosas – incômodo constante, que piora com o passar do tempo e que limita seus movimentos – procure um médico”, finaliza Lima.

Fonte IG