Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


terça-feira, 25 de outubro de 2011

Reconstrução mamária melhora bem-estar após câncer de mama

Procedimento melhora estado psicológico e social além da vida sexual

Depois da masectomia, mulheres que passam pela reconstrução mamária usando tecido de seu próprio abdômen experimentam um significante ganho psicológico, social e de bem-estar sexual depois da cirurgia. A conclusão é de uma pesquisa publicada no periódico Cancer, da American Cancer Society.

Para chegar a esta conclusão, pesquisadores da University of Toronto, Canadá, junto ao Memorial Sloan Kettering Cancer Center, Estados Unidos, analisaram 51 mulheres que passaram por reconstrução mamária entre junho de 2009 e novembro de 2010. Durante os procedimentos, os cirurgiões usaram pele do abdômen para reconstruir os seios. As mulheres participantes completaram questionários antes da cirurgia. Depois de três semanas do procedimento, responderam a mais perguntas, e o mesmo aconteceu depois de três meses.

Ao final da análise, essas mulheres relataram melhoras significantes no âmbito psicológico, social e sexual logo após três semanas da cirurgia. Apesar desse bem-estar, elas continuaram a experimentar pioras no bem-estar físico, em especial na região abdominal - de onde foi tirada a pele usada no procedimento - depois de três meses.

Os resultados podem ser úteis para sobreviventes do câncer de mama que estão considerando a reconstrução mamária.

Reconstrução da mama possibilita a recuperação da auto-estima
A mama é um dos símbolos da identidade feminina. A sua extração para tratar o câncer de mama significa muito, tanto do ponto de vista físico quanto psicológico para a mulher. Portanto, a sua reconstrução é de suma importância para que a paciente recupere a auto-estima, auxiliando, assim, o tratamento do câncer e o restabelecimento do convívio social.

Em pacientes submetidas à mastectomia, o objetivo maior da cirurgia reconstrutora é a reabilitação estética, retirando da paciente o estigma do câncer e da mutilação. O retorno à condição física pré-câncer é fundamental neste processo e a morbidade da retirada da musculatura não é desprezível. A microcirurgia e os retalhos perfurantes constituem mais uma opção para as mulheres mastectomizadas pela menor agressão à parede abdominal e pelo retorno mais precoce às atividades habituais pré-operatórias. A ponderação entre estas vantagens e os riscos inerentes à complexidade do procedimento deve ser aventada, colocando-se assim a melhor opção de tratamento e reabilitação.

O tipo de cirurgia para reconstrução da mama varia de acordo com o tamanho e localização do tumor biótipo da paciente e o volume da mama. Pacientes magras e com mama contralateral pequena apresentam melhores condições para reconstrução da mama com expansor de pele e posterior colocação de prótese de silicone. Em mulheres obesas ou com mama contralateral grande, a reconstrução pode ser feita com expansor e prótese de silicone de maior volume ou com tecidos do abdômen ou das costas, com ou sem próteses.

Grande parte das cirurgias reconstrutoras são realizadas simultaneamente à retirada do tumor câncerígeno. Dessa forma, diminui-se o tempo de internação e a reabilitação social é beneficiada. Quando a reconstrução é imediata, a paciente não precisa conviver com a mutilação parcial ou total do seio, a mastectomia. A experiência se torna menos traumática.

Reconstrução da aréola e do mamilo
Muitas vezes, a aréola e o mamilo também são retirados durante a mastectomia. Sua reconstrução se realiza, geralmente, entre 2 e 3 meses depois que se reconstruiu a mama. A reconstrução do mamilo é feita, na maioria das vezes, com parte do mamilo da outra mama, cartilagem da orelha ou com a pele da própria mama reconstruída. A escolha vai depender do tamanho do mamilo contra-lateral e das condições locais da pele. A aréola normalmente é reconstruída a partir da pele situada na região interna das coxas, que tem grande quantidade de melanina ou através de tatuagem. Cabe ao cirurgião plástico avaliar as condições da pele e da técnica utilizada para reconstruir o mamilo e a aréola.

Direito assegurado
A cirurgia de reconstrução da mama é assegurada pelo Sistema Único de Saúde, SUS, desde 1999. Os procedimentos cobertos incluem o implante da prótese de silicone. A saúde suplementar também prevê a cirurgia plástica reconstrutiva da mama, após tratamento para retirada de câncer para os contratos celebrados após 1998.

Fonte Minha Vida

Quarto de motel esconde perigos para a saúde

Quarto de motel
Lençol, toalhas e até a banheira são focos para o contágio de DSTs

Você já pensou nos riscos que um quarto de motel pode representar para sua saúde? Quando a temperatura esquenta, pouca gente pensa nisso. Mas o risco de contrair, principalmente, uma doença sexualmente transmissível DST existe. Para se ter ideia, alguns vírus, como o HPV, por exemplo, podem sobreviver por até sete dias em uma superfície. ?Se os cuidados com a higiene não estiverem totalmente alinhados, as chances de contaminação são enormes. Banheiras e lençóis podem guardar uma grande quantidade de vírus, que podem gerar desde problemas mais simples como a candidíase até os mais sérios como o HPV ?, explica o médico mastologista do Hospital A.C.Camargo, Levon Badiglian Filho.

O administrador de empresas Renato conta que pode comprovar como a má higienização de um estabelecimento é capaz de provocar danos ao organismo. "Um dia depois de passar a noite em um quarto de motel comecei a sentir coceiras na região genital. Fiquei quase uma semana sofrendo com o problema, sem saber o que estava acontecendo. Depois de uma consulta com o urologista, descobri que havia contraído chato (uma espécie de piolho que se fixa nos pelos pubianos)".

De acordo com o professor Antonio Carlos Morilha, especialista do Guia de Motéis e colaborador da revista Moteleiro, os cuidados com o quarto do motel devem ser colocados em primeiro plano. "As toalhas devem ser esterilizadas e todo o quarto deve ser desinfetado, como banheiras, sauna e cadeiras. Assim, os riscos de contaminação são nulos e os adeptos podem ficar tranquilos", explica. "O cliente que perceber algo errado deve informar imediatamente a recepção, além de se informar sobre todos os cuidados com a higiene do motel".

Raio-X do quarto
De acordo com o médico do A.C. Camargo, a primeira atitude é prestar atenção nos pequenos detalhes do lugar que você frequenta. "Fazem parte das medidas de segurança procurar estabelecimentos que apresentem o mínimo exigido de condições higiênicas, observar a aparência da fachada externa (que pode dizer muito sobre o ambiente interno), além de desconfiar de preços muito baixos", explica Levon. Outros sinais podem estar invisíveis aos olhos, por isso que os cuidados devem ser redobrados. "Devemos analisar todos os objetos que entrem em contato com a mucosa e principalmente com os órgãos genitais. Principalmente, aqueles que sejam de difícil esterilização, como banheiras e bancos, já que muitos vírus e bactérias causadores de doenças são bastante resistentes", diz o mastologista. "Alguns micro-organismos sobrevivem em superfícies inertes e secas por um longo período de tempo, como o gonococo (causador da gonorreia), que permanece ativo de 1 a 3 dias e o HPV, até 7 dias" .

Há quem prefira levar para o motel um pouco de álcool para desinfetar o local como forma de se precaver. Mas será que essa é a solução mais indicada? "O álcool em gel a 70% é ótimo para eliminar qualquer vestígio de vírus. Mas, vale lembrar que essa é obrigação dos estabelecimentos, e se a pessoa faz isso é por que não confia no padrão de limpeza do motel", explica o mastologista.

Os campeões de contaminação
Banheira: marcas de ferrugem ou de manchas são sinais de má higiene. A melhor opção é não usar e desistir do estabelecimento.

Assento sanitário: existem motéis que apresentam um lacre de higienização; esses são os mais confiáveis. Mesmo assim, observe se houve a limpeza, caso contrário, avise a recepção e procure outro lugar.

Toalhas:
as toalhas devem ser brancas e não podem apresentar nenhum indício de manchas. Prefira os estabelecimentos que usem o processo de esterilização e mande as toalhas ensacadas individualmente.

Lençol: mesmo uma manchinha pequena indica que a limpeza não foi realizada da maneira correta. Se a sujeira ainda está lá, os vírus também podem estar.

Piscina: antes de mergulhar, preste atenção na cor e no cheiro da água. Qualquer fator incomum precisa ser levado em consideração.

Cadeiras: os bancos e cadeiras precisam estar limpos e secos, e mesmo se tudo estiver em ordem prefira colocar a toalha antes de sentar-se.

Fonte Minha Vida

Orgasmo feminino chega mais rápido com masturbação

Conversar claramente com o parceiro e apostar nas preliminares também ajudam

Na hora da relação sexual, atingir o orgasmo ainda é uma grande dificuldade para boa parte das mulheres. Dados da Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo apontam que 18,2% das brasileiras recebem o diagnóstico de anorgasmia (ausência de orgasmo) e 5,2% de inibição sexual generalizada, que aponta para problemas de excitação durante as relações sexuais.

Mas, por que chegar ao clímax é assim tão complicado? De acordo com a terapeuta sexual Tânia das Graças Mauadie Santana, coordenadora do Centro de Referência e Especialização em Sexologia (Cresex), o que mais acarreta problemas é o lado psicológico da mulher. "A grande maioria dos diagnósticos de distúrbios sexuais é de natureza psicológica, social ou cultural. Somente 13% das pacientes têm problemas de natureza orgânica, como alterações hormonais ou distúrbios originados por alguma doença", explica. 

OrgasmoA falta do orgasmo faz muitas mulheres acreditarem que são frígidas pelo fato de não chegarem ao orgasmo. Mas nem sempre é esse o motivo, já que a frigidez se caracteriza quando a mulher não apresenta nenhum desejo sexual. "Na realidade, ela não chega ao orgasmo porque não tem vontade alguma de fazer sexo. Outra característica do problema é a falta de lubrificação vaginal", diz o ginecologista.

Chegando lá
Ter paciência e conhecer o próprio corpo pode ser um grande passo para conseguir alcançar o clímax. "As mulheres, em geral, apresentam uma demora maior quando o assunto é chegar ao orgasmo, isso é fisiológico", explica o ginecologista e obstetra Edilson Ogeda, do Hospital Samaritano. "Os homens são mais rápidos, mas a relação sexual vai muito além da penetração, que normalmente é o que leva ao orgasmo masculino", diz ele. "Todo o preparo prévio, seja o clima romântico, as preliminares ou as carícias são fundamentais para que as mulheres cheguem ao orgasmo com mais facilidade", diz ele. Mas não é só isso.

OrgasmoMuitas vezes, pequenas atitudes podem agilizar o processo. A consultora de RH, Renata, diz que só resolveu o problema depois de reconhecer o que a fazia sentir prazer. "Namorava há mais de dois anos e nunca tinha chegado ao orgasmo. Então, resolvi procurar ajuda de um especialista, que sugeriu que eu me tocasse para conhecer melhor meu corpo, além de conversar abertamente com meu namorado. Segui seus conselhos e consegui me soltar mais na cama, e, consequentemente, o orgasmo apareceu", diz.

Outras alternativas
Para facilitar a chegada ao orgasmo, é preciso conhecer o corpo feminino, e isso vale tanto para os homens quanto para as próprias mulheres. A masturbação é uma aliada, quando o assunto é chegar ao clímax, e a mulher pode usar o artifício em diversas ocasiões. "A mulher pode se masturbar sozinha, seja para reconhecer o corpo ou para sentir prazer, mas também pode usar o método durante as relações sexuais para provocar a excitação", diz o especialista.

Dicas para atingir o orgasmo com mais facilidade
- Converse com o seu parceiro

- Não se prenda só ao orgasmo, aproveite as preliminares

- Toque seu próprio corpo

- Fale o que você deseja na hora do sexo

- Esqueça os problemas e aproveite o momento

Como reconhecer que você teve um orgasmo
- Podem acontecer contrações involuntárias da plataforma orgástica (parte externa da vagina)

- O clitóris fica ereto e sensível ao toque

- Os lábios vaginais ficam inchados e podem ficar mais escuros

- A respiração, a pressão sanguínea e os batimentos cardíacos aumentam

- Perde-se o controle muscular voluntário, podendo ocorrer diversas contrações de músculos, do rosto, braços e pernas

- Segundos depois do orgasmo, pode aparecer uma sensação de relaxamento e tranquilidade 

Fonte Minha Vida

Dor no ciático não some apenas com remédio

Ele alivia a inflamação, mas é preciso corrigir a postura e cuidar do peso

As dores no ciático estão mais comuns do que resfriado. Difícil encontrar quem nunca tenha sofrido com as dores nas costas e nas pernas, sendo obrigado a ficar de repouso por dias. Estimativas mundiais indicam que 90% da população sofre ou vai sofrer com o problema em alguma fase da vida. "Excesso de peso e má postura são dois fatores que contribuem para o crescimento do número de pacientes com inflamação no nervo ciático", afirma o médico Wajih Abud Hares, diretor Técnico do Hospital San Paolo.

Na entrevista que você lê a seguir, o especialista ensina como lidar com as dores, fala das situações em que a cirurgia é a solução e comenta a eficácia dos tratamentos complementares, como RPG e acupuntura.

Como identificar a dor no ciático?
A dor pode ser sentida como um entorpecimento, uma pontada ou uma queimação. Às vezes, começa gradualmente, piora durante a noite, e é agravada pelos movimentos. A dor ciática também pode causar formigamento, parestesias (baixa sensibilidade) ou fraqueza nos músculos da perna afetada, antes de cursar com as fisgadas e a dor intensa.

Pessoas com idade mais avançada são mais sujeitas ao problema? Por quê?Sim , até por terem forçado a coluna ao longo dos anos. Com o passar do tempo, os discos intervertebrais perdem a capacidade de absorção de impacto, tornando-se mais facilmente alvo de lesões e causando distúrbios na mecânica da coluna vertebral; inclusive pela perda de água (elemento natural e primordial para a manutenção dos discos intervertrebrais). Afetam ainda a distribuição de peso na coluna, lesando estruturas como as articulações intervertebrais e os ligamentos. Estas como parte do processo de defesa contra a agressão, tendem a se hipertrofiarem (são os chamados bicos de papagaio). O aumento das articulações e dos ligamentos que fazem parte da formação do canal medular acaba por diminuir o diâmetro do canal, levando a compressão da medula espinal ou da raiz dos nervos, com a possível compressão da medula espinhal ou das raízes que originam os nervos.

Em quais situações a cirurgia é indicada?Há três indicações geralmente aceitas para uma intervenção cirúrgica:

- A indicação mais comum é a de pacientes sem alívio satisfatório da dor ciática através do tratamento com medicação. A cirurgia só é indicada a pacientes que sofrem com os sintomas há mais de um mês e que venham mantendo repouso absoluto na cama por, pelo menos, uma semana (sem melhora).

- Recorrência de episódios de dor lombar e ciática que impedem o paciente de levar uma vida normal.

- Pacientes com fraqueza significativa em algum músculo da perna ou do pé devem ser operados precocemente.

- "Síndrome da cauda eqüina" (perda parcial ou total da função urinária, intestinal e sexual devido à compressão da região lombar conhecida por cauda eqüina). Identificada pelo médico esta condição requer cirurgia de urgência para evitar seqüelas permanentes.

As técnicas cirúrgicas evoluíram muito, os riscos estão minimizados, mas eles ainda existem. Pode haver até a piora do quadro, por ocorrência de fibrose e outros distúrbios. Nos casos cirúrgicos, a recuperação ocorre em média de quatro a seis meses e envolve além da cirurgia a fisioterapia pós-operatória.

Qual a importância de tratamentos auxiliares, como RPG?
Não se indica o RPG na fase dolorosa, por causa da dificuldade em se mexer. Todo o tratamento auxiliar, incluindo o RPG, é coadjuvante e soma esforços para a melhora e adequação de vida do paciente com problemas de coluna.

Que outros tratamentos existem para aliviar o problema?
Na ordem teríamos inicialmente o uso dos analgésicos e antiinflamatórios, a acupuntura (que se mostrou bastante útil como tratamento) e a RPG. Do aspecto preventivo, o aprendizado do uso da coluna vertebral, a postura correta, o combate ao excesso de peso (obesidade), a prática de exercícios e evitar carregar peso demais também são indicados. Não se recomenda massagem na fase aguda e, sempre, é preciso muito cuidado em massagem e manipulação sobre a região das vértebras sem orientação médica e acompanhamento.

Em quanto tempo o tratamento dá resultados, normalmente?
O tratamento, em média, leva de 7 a 14 dias para apresentar resultados. Alguns pacientes, no entanto, demoram até três meses. E há casos com melhora após um ano e meio. Hoje uma pequena parcela é indicada a cirurgia, sendo a tendência mundial de cada vez operar-se menos e tratar mais.

Algum exercício é proibido para pacientes com inflamação no nervo?
Os exercícios com carga e de esforços, antes do fortalecimento da musculatura paravertebral, estão proibidos. No lugar deles, deve prevalecer o treino de baixo impacto e a hidroginástica.

O sobrepeso pode causar ou agravar inflamação no ciático? Por quê?Sim, porque submete os discos intervertebrais ao esforço, além de haver a sobrecarga dos ligamentos e da musculatura paravertebral.

Quais exames são necessários para o diagnóstico correto?
O exame físico e a observação de sinais clínicos já seriam suficientes, no entanto para o melhor entendimento e condução dos casos, a Radiologia, a Tomografia Computadorizada e a Ressonância Magnética podem ajudar.

Por que, geralmente, a dor acontece só de um lado da perna?A dor unilateral é mais freqüente porque os "pinçamentos" tendem a acontecer de um lado da coluna, por desvio ou escorregamento do disco.

Qual a relação entre a hérnia de disco e a inflamação no ciático?Uma boa parte dos casos de dor ciática está relacionada com a hérnia discal, porém não é a única causa, temos os casos de artrite da coluna, as fraturas, os traumas e outros processo infecciossos.

No caso das mulheres, os saltos devem ser evitados? E como deve ser o colchão da cama?Os saltos altos, assim como a ausência de salto, prejudicam a coluna porque modificam a curvatura natural dela. Os saltos devem ter de 2,5cm a 3cm para oferecer conforto. O colchão deve ser firme, não duro, e preencher os espaços das curvaturas naturais da coluna, cuidado com a altura do travesseiro e evite dormir de bruços (posição que força a região lombar).

A dor chega a ser incapacitante?
Na fase aguda a dor é incapacitante, impedindo a locomoção. Em algumas vezes, os movimentos da perna são travados e a flexão da coluna é impedida, o que determina o repouso absoluto.

Fonte R7

Médicos cobrem prédio em SP para protestar contra baixos salários

predio apm medicos 700x525
Profissionais programaram suspensão no atendimento em 21 Estados

A sede da APM (Associação Paulista de Medicina) em São Paulo foi coberta com a bandeira do Brasil nesta terça-feira (25) para protestar contra baixos salários e más condições de trabalho no hospitais do SUS (Sistema Únido de Saúde).
Médicos de ao menos 21 Estados programaram para hoje paralisações no atendimento a pacientes pelo SUS para protestar por melhores salários e melhores condições de trabalho.

A manifestação atinge as consultas e exames eletivos marcados com antecedência, que devem ser remarcados – procedimentos de emergência devem ser feitos normalmente.
De acordo com o CFM (Conselho Federal de Medicina), a expectativa é que metade dos 195 mil médicos que trabalham no SUS participem do movimento.

A suspensão dos atendimentos ocorrerá nos seguintes Estados: Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia e Sergipe.
O 2º vice-presidente do CFM, Aloísio Tibiriçá Miranda, diz em nota que o objetivo do movimento é “chamar a atenção das autoridades para a necessidade de mais recursos para a saúde, melhor remuneração para os profissionais e melhor assistência à população”.

– Faremos o que todo brasileiro gostaria de estar fazendo: dar um basta nas precariedades do SUS.

Segundo os organizadores da paralisação, a média do salário-base do médico que se submete a uma jornada de 20 horas semanais de trabalho, sem considerar gratificações, é de R$ 1.946,91, oscilando de R$ 723,81 a R$ 4.143,67 dependendo da unidade da federação.

A Fenam (Federação Nacional dos Médicos) defende um piso salarial de R$ 9.188,22. Há ainda falta de leitos hospitalares - entre 1990 e 2008, o país teria perdido 188.845 leitos.

Fonte R7

Correr ouvindo música melhora a perfomance

corrida musica 300x225
Corredor tem sensação de que é possível praticar a atividade mais rápido e por mais tempo

A música está para a corrida assim como a água está para matar a sede.

Correr sem ela é praticamente impraticável para a maioria dos atletas.
Alguns cientistas acreditam que a música pode ajudar a performance dos movimentos e aumentar o desempenho do corredor.

Estudos demonstram que a música reduz em 10% a intensidade do exercício. De acordo com cientistas, ela bloqueia alguns estímulos internos que tentam chegar ao cérebro, como mensagens sobre fadiga enviadas para músculos e órgãos.

Quando há esse bloqueio, a percepção de esforço do corredor é reduzida e se tem a sensação de que é possível correr mais rápido e por mais tempo. Fora isso, é provado que a música eleva aspectos positivos do humor, como entusiasmo e felicidade.

Já aspectos negativos como tensão, cansaço e confusão são dissipados.

Uma música agitada faz o atleta se esforçar mais e melhorar seu rendimento. O ritmo também colabora para diminuir o cansaço e aumentar a resistência muscular, proporcionando mais prazer.

Fonte R7

Estudo mostra que falta de higiene bucal ajuda a dificultar a gravidez

Problema na gengiva desencadeia reações que prejudicam funcionamento normal do corpo

Nem todas as dificuldades para engravidar estão relacionadas aos órgãos reprodutores femininos.
Um estudo australiano aponta a falta de higiene bucal com uma das responsáveis em ajudar a dificultar a mulher a engravidar.

A falta de higiene bucal causa uma doença chamada periodontal, que se caracteriza pela inflamação na gengiva.

Quando não é tratada, ela desencadeia várias reações que prejudicam o funcionamento normal do corpo. A ela já foi atribuída o surgimento de doenças cardíacas, diabetes tipo 2 e até a baixa qualidade de esperma nos homens.

O estudo concluiu que mulheres com gengivas doentes demoram até sete meses para engravidar. Os pesquisadores australianos analisaram mais de 3.000 mulheres com inflamação no sangue proveniente da gengivite e concluiu que elas tinham dificuldade para gerar filhos.

Fonte R7

Bioativos encontrados em algas vermelhas podem ser usados no tratamento de câncer

Pesquisadores identificaram substâncias com potencial farmacêutico em algas marinhas coletadas no litoral paulista


Algas vermelhas coletadas em costões rochosos de Ubatuba, no litoral norte de São Paulo, podem fornecer extratos bioativos com potencial farmacêutico para o tratamento de câncer e doenças causadas por fungos e bactérias.

Pesquisadores da Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (USP), isolaram 63 metabólitos secundários nas algas vermelhas. O farmacêutico Rafael de Felício, que defendeu sua dissertação de mestrado sobre o tema, explica que metabólitos primários são aqueles essenciais para a sobrevivência do organismo, enquanto os secundários exercem funções específicas para cada organismo, como proteção contra fungos, predadores e competidores, além de feromônios sexuais.

— É comum vermos estudos envolvendo a identificação de metabólitos primários, tais como açúcares, polissacarídeos, proteínas e aminoácidos, mas estudos envolvendo a descoberta de novos metabólitos secundários são escassos para certos organismos — explica o farmacêutico.

O pesquisador estima que o desenvolvimento de protótipos farmacêuticos a partir das substâncias identificadas pode levar pelo menos 10 anos.

Fonte Zero Hora

Facebook pode alterar estrutura do cérebro, aponta estudo

Voluntários com uma grande lista de amigos na rede social demonstraram ter estruturas maiores e mais densas em três áreas do cérebro


Redes sociais como o Facebook alteram a maneira como nos relacionamos com a sociedade. E essas alterações acontecem também dentro do cérebro, segundo um estudo que em breve será publicado na revista científica Proceedings of the Royal Society B. Segundo os autores da pesquisa, voluntários colocados em um escâner tridimensional demonstraram ter estruturas maiores e mais densas em três áreas do cérebro quando vinculados a uma grande lista de amigos no Facebook, em comparação com outros que tinham poucos amigos online.

As três áreas são todas relacionadas com a capacidade de socialização.

— O sulco temporal superior e o giro temporal médio estão associados à percepção social, do olhar das outras pessoas ou de pistas sociais advindas de expressões faciais — explicou o cientista Ryota Kanai, da Universidade College de Londres (UCL).

A terceira área, o complexo entorrinal, estaria associada com a memória para rostos e nomes.

Dois anos atrás, a neurocientista Susan Greenfield, da Universidade de Oxford, causou polêmica sobre o impacto das redes digitais nos jovens. Segundo ela, a mente do século 21 seria quase infantilizada, caracterizada por curtos instantes de atenção, sensacionalismo, incapacidade de enfatizar e um senso de identidade instável.

Geraint Rees, professor de neurociências da UCL, disse que o novo estudo trouxe à tona questões-chave relativas a esta controvérsia. Entre elas, se o tamanho da área de socialização no cérebro nos leva a fazer mais amigos, se esta área é alterada pelas redes sociais na internet ou se esta relação é inócua. Para Rees, que liderou a pesquisa, este enigma de causa e efeito só poderá ser resolvido com estudos posteriores.
Fonte Zero Hora

Bebês que não se alimentam de leite materno podem ter problemas para evacuar

Confira as dicas do gastropediatra Ivo Prolla para mães que estão em dúvida sobre o melhor tipo de leite a adotar nesta situação


A dúvida de uma mãe, narrada ao blog Meu Filho, rendeu muita discussão. Ela não aguentava mais o sofrimento da filha para evacuar, e a bebê também não queria mais saber da fórmula infantil receitada pelo pediatra. O leite de caixinha aparecia como salvador. O bebê passou a mamar mais, a evacuar com regularidade e sem sofrimento. O gastropediatra Ivo Prolla afirma ser comum que bebês que não se alimentem de leite materno tenham constipação, caracterizada por fezes duras (em bolinhas ou volumosas), associada à dor, a esforço e à redução de evacuações (menos de quatro vezes por semana). Veja as principais dicas do especialista:

Ideal para... o terneiro
Para algumas mães e avós, o leite de vaca ainda é a melhor opção, tanto como fonte alimentar quanto para regularizar o intestino. Na verdade, o leite de vaca é a melhor opção quando o ser em questão é o bebê terneiro, e não o humano. Ele é riquíssimo em gorduras e proteínas e seus nutrientes não contemplam as necessidades do bebê para o padrão de crescimento humano (mais lento que o do terneiro), nem visam à proteção contra doenças da nossa espécie. O leite de vaca não contém a gordura necessária à perfeita maturação do sistema nervoso infantil, além de impor "sobrecarga" aos rins devido ao excesso de proteínas.

Acalma, mas...
É claro que o leite de vaca parece acalmar um bebê que chora. Ele faz com que bebês que "mamam toda hora no seio" durmam várias horas seguidas. O que não é falado é que a composição proteica e de gorduras do leite de vaca desencadeia a formação de uma "pasta" no estômago, de lenta digestão. O bebê fica literalmente "embuchado" por horas a fio. Eles engordam mais rápido. E quem é que não gosta de ver um bebê bem gordinho, tipo de propaganda de fraldas? Todo mundo, exceto nós, médicos, que sabemos que esse ganho de peso é devido ao alto teor proteico do leite de vaca (três vezes maior que o materno), e que este "bebê gordinho" terá mais chance de se tornar um adolescente e/ou adulto obeso e de apresentar diabetes e doenças cardiovasculares quando adulto.
As consequências

Bebê "alimentado" com leite de vaca apresenta risco de alergia à beta-lactoglobulina (proteína altamente alergênica, presente no leite de quase todos os mamíferos, exceto no humano), de desidratação hipertônica (pelo excesso de "sal", sem ingestão de água), de anemia (por perda crônica e microscópica de sangue nas fezes), e de rebaixamento do quociente de inteligência no futuro (devido à carência de ferro).

Fonte Zero Hora

Evitar muito tempo em frente à TV ou computador ajuda na prevenção da obesidade infantil

Saiba o que é preciso cuidar no estilo de vida dos pequenos para evitar que eles fiquem acima do peso


Cuidados com a alimentação e incentivo a atividades físicas ajudam a prevenir a obesidade infantil. Para o endocrinologista Rogério Friedman, o aumento do número de crianças com excesso de peso tem relação direta com o estilo de vida dos pequenos.

— A alimentação é cada vez mais rica em alimentos calóricos, comida industrializada, salgadinhos, refrigerantes. E o sedentarismo cresce. As crianças ficam cada vez mais em frente de alguma tela, seja da TV, seja do computador — critica.

A pediatra Christiane Araujo Chaves Leite, doutora pela Universidade Federal de São Paulo, destaca a dificuldade no tratamento do excesso de peso, que depende de uma questão de educação e hábito. Evitar alimentos com muitos condimentos e sal ou ricos em açúcar ajuda. A médica salienta que os cuidados devem começar pela mãe, ainda na gestação:

— O filho de uma mãe que fica obesa durante a gravidez ou um bebê que apresenta excesso de peso pode desenvolver uma memória em seu corpo que vai acompanhá-lo por décadas.

No Rio Grande do Sul, a Secretaria Estadual da Saúde, por meio da Política de Alimentação e Nutrição (PAN), trabalha para prevenir a obesidade infantil. Em seus núcleos espalhados pelo Estado, o órgão tem técnicos que desenvolvem com os municípios atividades para modificar os hábitos das famílias gaúchas.

— Precisamos fazer a cozinha de casa funcionar mais, evitar os lanches, introduzir arroz integral, frutas e verduras na alimentação das crianças. São ações para combater problemas no futuro — salienta o nutrólogo Paulo Henkin, coordenador do PAN.

Fonte Zero Hora

Campanha alerta para prevenção do aneurisma de aorta abdominal

Doença silenciosa que atinge a principal artéria do corpo é fatal em 50% dos casos


Silencioso e geralmente assintomático, o aneurisma de aorta abdominal mata 90% daqueles que não tiveram chance ou tempo de serem diagnosticados previamente. Para alertar a população sobre essa doença grave e praticamente desconhecida, foi criada a Semana Estadual de Combate e Prevenção do Aneurisma da Aorta, que ocorre até sábado.

Principal artéria do corpo humano, a aorta distribui sangue para todo o organismo. Nasce no coração, desce pelo tórax e abdômen, bifurcando-se em duas artérias, uma para cada membro inferior. Seu diâmetro normal é de 2cm. Quando algum ponto da aorta torna-se mais frágil, aumenta de calibre, dando origem a uma dilatação. Ao atingir o diâmetro de 3cm ou mais, está instalado o aneurisma.

Quanto mais o tempo passa, mais o aneurisma infla e tem chance de estourar. Como a pessoa não sente dor, acaba descobrindo a lesão quase sempre por acaso, quando são solicitados exames de imagem para investigar outro problema de saúde.

— Se a aorta rompe, é fatal em 50% dos casos. Desses, cerca de 40 a 50% morrem antes de chegar no hospital, outros 40% têm óbito pós-operatório. Se o grupo de risco, pessoas acima de 60 anos, fizer check-up vascular, anualmente, as mortes serão reduzidas — alerta o cirurgião cardiovascular Eduardo Keller Saadi.

Por causa da gravidade, foi sugerida a inserção da campanha no calendário oficial do Estado, por meio de lei. Em conversas com o deputado, hoje secretário estadual de Saúde, Ciro Simoni, Saadi relatou a sua preocupação com a terceira idade. Conforme o IBGE, essa faixa da população passou de 4,3% dos habitantes em 2000 para 5,8% em 2010.

— O objetivo da lei é que se criem ações permanentes para que a população se informe sobre esse mal, do qual muitos sofrem mas não sabem, pois não dói, mas pode ser fatal. É importante que as pessoas saibam que existe prevenção e tratamento eficazes — explica o cirurgião cardiovascular Saadi.

Secretário diz que semana ajudará a reduzir mortes
A programação contará com palestras, distribuição de cartilhas informativas e realização de exames gratuitos para rastreamento.

Para o autor da lei, a criação da semana de alerta é fundamental para a diminuição dos índices de mortalidade.

— A ação se propõe a sensibilizar a população para os aneurismas da aorta e divulgar os principais fatores de risco desta doença grave, permitindo assim aumentar o número de diagnósticos precoces. Além da promoção de saúde, deve-se considerar a economia para os cofres públicos. Serão evitados gastos com internações e medicamentos, medidas extremas, tardias e pouco eficazes no caso de aneurisma da aorta, já que, se diagnosticada precocemente, a doença tem cura — justifica o secretário.

Saiba mais sobre o aneurisma de aorta abdominal
O aneurisma da aorta abdominal ocorre quando o grande vaso sanguíneo que fornece sangue ao abdômen, à pélvis e às pernas se torna estranhamente maior ou fica inchado. Aneurismas da aorta abdominal envolvem alargamento, alongamento ou inchaço da aorta. Há diversas causas para a ocorrência deles, mas a mais comum resulta de doença aterosclerótica. Conforme a aorta fica progressivamente maior ao longo do tempo, há uma maior chance de ruptura.

A causa exata é desconhecida, mas os fatores de risco para o desenvolvimento de um aneurisma da aorta incluem fumo, pressão e colesterol altos, ser do sexo masculino, e ter mais de 60 anos, ter enfisema, obesidade ou histórico familiar.

Os aneurismas geralmente não apresentam sintomas. Caso se expanda rapidamente, rompa (rompimento do aneurisma) ou se houver sangramento pelas paredes dos vasos (dissecção aórtica), os sintomas podem se desenvolver de forma repentina. Os sintomas da ruptura incluem dor no abdômen ou nas costas, pele fria e úmida, náusea e vômitos e frequência cardíaca acelerada.

O aneurisma da aorta figura como 13ª causa de mortes entre todas no mundo e a 10ª entre homens com mais de 55 anos. O Brasil não tem levantamentos atualizados, mas os índices de ocorrências não devem ser muito diferentes dos registrados nos Estados Unidos, onde são diagnosticados cerca de 200 mil casos/ano, sendo que 15 mil apresentam alto risco de morte por ruptura.

Como evitar a aterosclerose e a hipertensão:
— Alimentação balanceada
— Evitar o excesso de peso
— Praticar atividade física
— Não fumar
— Não abusar do consumo de sal
— Controlar as taxas de colesterol e triglicerídios

Programação

O que:
Semana Estadual de Combate e Prevenção do Aneurisma da Aorta
Quando: até sábado
Onde: Hospital Mãe de Deus (Rua José de Alencar, 286)
Inscrições: www.maededeus.com.br. Os primeiros 100 inscritos com idade acima de 60 anos ganham senha para ecografias gratuitas de rastreamento.
Informações: (51) 3230-2034

Fonte Zero Hora

Sobrepeso triplica chances de hipertensão em crianças

Alan Pedro / Agencia RBS

Obesidade infantil preocupa por crescer em proporções alarmantes e pela capacidade de resultar em doenças


Uma nova pesquisa desenvolvida nos Estados Unidos adverte: o risco de hipertensão triplica em crianças com sobrepeso ou obesidade. Por quase cinco anos, especialistas da Universidade de Indiana monitoraram 1,1 mil pequenos, com idade média de 10 anos no começo do estudo. O fruto do trabalho está na publicação Hipertensão, da Associação Americana do Coração.

Os dados ganharam espaço na imprensa internacional por tratarem de uma questão que tira o sono de pais, estudiosos e autoridades. A obesidade infantil preocupa, por crescer em proporções alarmantes e pela capacidade de resultar em doenças não transmissíveis como diabetes do tipo 2 e problemas cardiovasculares.

Na pesquisa, que acompanhou o índice de massa corpórea (IMC), que leva em conta o peso e a altura do indivíduo, 14% das crianças obesas ou com sobrepeso já eram pré-hipertensas ou hipertensas. Entre os pequenos com peso normal, a taxa ficou em 5%.

— O aumento da pressão arterial na infância define o palco para a pressão arterial elevada na idade adulta — destaca Wanzhu Tu, especialista que liderou o trabalho.

As conclusões reforçam a necessidade de combater um problema que se alastra pelo mundo. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 42 milhões de crianças com idade inferior a cinco anos brigam com a balança. No Brasil o avanço dos números também preocupa.

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) indicam que, desde a década de 1970, o percentual de crianças de cinco a nove anos acima do peso mais do que triplicou. Já no Rio Grande do Sul, a Secretaria Estadual da Saúde acompanha um universo de cerca de 200 mil crianças de famílias que participam do programa Bolsa Família. De zero a sete anos, a taxa acima do peso é de 10%, chegando a 30% em faixas que vão dos 10 aos 19 anos.

— A probabilidade uma criança obesa ser um adulto obeso é de 75%. Por isso, é importante prevenir desde cedo — alerta o médico Rogério Friedman, do serviço de endocrinologia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre e professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

O que fazer
:: Cuidados com a alimentação e incentivo à prática de atividades físicas (leia mais na página 3) ajudam a prevenir a obesidade infantil. Em alguns casos, as crianças podem desenvolver problemas como aumento de pressão arterial e dos níveis de colesterol e triglicerídeos. Na adolescência e na idade adulta, as chances de novas complicações aumentam.

— Estudos recentes demonstraram que o dano provocado pela pressão alta, como alargamento do coração, endurecimento das veias e alterações nas funções mentais, pode começar ainda na infância — afirmou Bonita Falkner, da Thomas Jefferson University, da Filadélfia, em entrevista à CNN.

Excesso de peso no Brasil
:: Ano 1975
- Meninos: 10,9%
- Meninas: 8,6%

:: Ano 1989 
- Meninos: 15%
- Meninas: 11,9%

:: Ano 2009
- Meninos: 34,8%
- Meninas: 32%

* Números relativos a crianças de cinco a nove anos de idade

Fonte: IBGE

Fonte Zero Hora

Portugal: Enfermeiros vão substituir médicos nos centros de saúde

O Governo quer alargar as competências dos enfermeiros para fazer face à falta de médicos de família. Conta hoje o jornal i que os enfermeiros vão ter tarefas de médicos nos centros de saúde

O Governo vai resolver o problema da falta de médicos de família nos cuidados primários dando mais competências aos enfermeiros, avança o jornal i.

Neste momento há 5478 especialistas em medicina geral e familiar nos centros de saúde e noutras unidades de proximidade do SNS, menos mil do que seria desejável.

Segundo um estudo da Administração Central do Sistema de Saúde sobre as necessidades actuais e futuras de médicos no SNS, a que o i teve acesso, o cenário não vai melhorar e obriga a uma outra solução.

Só este ano aposentam-se 196 médicos de família.

Fonte Diário de Notícias

Portugal: Vacina e quimio travam cancro do pulmão


Vacina e quimio travam cancro do pulmãoAvanço da progressão do tumor poderá ser travado através da combinação da vacina com tratamentos de quimioterapia.

Os primeiros testes de uma nova vacina para combater o cancro do pulmão apresentam resultados promissores. Segundo os investigadores que conduzem o ensaio, a vacina, administrada na fase de quimioterapia, estimula o sistema imunitário para atacar o tipo de cancro do pulmão mais comum.

Recorde-se que, só em Portugal, segundo dados de 2008, morrem anualmente 3500 pessoas com cancro do pulmão. Além disso, 3600 novos casos são detectados todos os anos.

Fonte Diário de Notícias

Portugal: Alfredo da Costa fecha e Estefânia retoma partos

A maior maternidade do País pode fechar em Janeiro, à semelhança dos hospiatis Curry Cabral e Pulido Valente. O DN apurou que esta será a proposta que um grupo de peritos vai fazer ao Governo, que irá tomar a decisão final em 2012. Abertura do hospital de Loures é um dos argumentos.

Há mais de um mês que os médicos das várias unidades ouvem rumores sobre o que de facto vai ser feito, mas há diversas teorias a circular. Na Estefânia, grávidas e mães recentes ouvem dos profissionais que a urgência e o bloco de partos, que praticamente só dava resposta a casos de risco, voltam ao activo a partir de Janeiro.

Fonte Diário de Notícias

Portugal: Equipa de socorro deixou cair maca do motociclista Simocelli

O socorro ao piloto italiano Marco Simocelli, que domingo morreu durante o Grande Prémio da Malásia, está a gerar polémica. Um vídeo captado após o acidente mostra a maca a cair durante o transporte do piloto para a ambulância. Veja o vídeo.

As imagens reforçam a onda de indignação que o socorro de Marco Simocelli na pista do Grande Prémio da Malásia suscitou. Fabio Ventura, um especialista do serviço de emergência italiano, criticou "a forma inadequada como o piloto foi evacuado da pista".


"Num acidente deste tipo, a ambulância devia ter saído para a pista para assistir Simocelli", escreve Ventura, numa carta aberta ao diário "La Repubblica".

Depois de analisar as imagens, Fabio Ventura diz, ainda, que o piloto de 24 anos foi "transportado de forma inadequada". E lembra, que o "médico deve avaliar a condição do piloto para, se necessário, evacuar com o máximo de cuidado, protegendo sempre a coluna e imobilizando o pescoço".

A forma como o capacete do piloto se soltou, na sequência do acidente, está também a ser investigado e a gerar polémica.

Fonte Jornal de Notícias

Portugal: Diabéticos temem mais restrições

Os doentes com diabetes temem que o corte de 710 milhões de euros no orçamento do Ministério da Saúde para 2012 possa comprometer a prestação de cuidados pelo Serviço Nacional de Saúde (SNS) e agravar a factura mensal, em alguns casos já bastante pesada, relativamente aos medicamentos que lhes permitem ter uma melhor qualidade de vida.

"Uma pessoa com diabetes precisa de acompanhamento médico permanente. Se a comparticipação diminuir ou se os medicamentos passarem a ser mais caros, vai haver um grande impacto na nossa vida. Estamos muito apreensivos", garante João Valente Nabais, de 43 anos, diabético há 30 anos e presidente eleito da Federação Internacional da Diabetes – Europa.

Sendo esta uma patologia crónica, cuja prevalência aumenta com a idade e pode potenciar o desenvolvimento de complicações, tais como hipertensão arterial, cegueira ou acidentes vasculares cerebrais, o seu impacto socioeconómico é significativo.

De acordo com o Relatório do Observatório Nacional da Diabetes de 2010, relativo ao ano de 2009, cada doente com diabetes custa ao Estado 1543 euros, o que equivale a uma despesa de 850 milhões de euros anuais. Para este montante contribuem os gastos com consultas de várias especialidades, exames, tratamentos, medicamentos e internamentos.

A verificar-se a contenção dos gastos nesta área, os doentes temem que "o País tenha de pagar essa factura no futuro, porque o grande peso da diabetes é o tratamento das complicações a ela associadas".

Para José Luís Medina, presidente da Sociedade Portuguesa de Diabetologia, a solução poderá estar na aposta na "prevenção da doença e das suas complicações".

DISCURSO DIRECTO
"APARECEM 20 A 25 MIL NOVOS CASOS POR ANO": Luís Gardete Correia, Presidente da Associação Protectora dos Diabéticos de Portugal

Correio da Manhã – A população portuguesa tem um bom conhecimento acerca desta doença ?
Luís Gardete Correia – Em Portugal há cerca de um milhão de pessoas com diabetes, das quais 350 a 400 mil desconhecem que têm a doença. Só quando vão a alguma consulta de rotina e o médico detecta um indicador é que tomam conhecimento do seu estado de saúde.

– O diagnóstico é feito numa fase tardia?
– Em média, o diagnóstico da diabetes do tipo 2, que representa 90 por cento dos casos de diabetes, demora entre quatro a cinco anos. No entanto, apesar de o doente não saber que tem diabetes, a doença está em evolução.

– Os dados mais recentes apontam para o aumento da incidência desta doença?
– Estima-se que anualmente apareçam entre 20 a 25 mil novos casos de diabetes do tipo 2 na população portuguesa. É um número preocupante.

Fonte Correio da Manhã

Portugal: Adolescentes com problemas respiratórios e digestivos


Doenças dos aparelhos respiratório e digestivo são as principais causas de internamento hospitalar de jovens com menos de 18 anos, afirmou na manhã desta terça-feira o ministro da Saúde, Paulo Macedo.

Paulo Macedo falava na sessão de abertura do Fórum Gulbenkian da Saúde,subordinado ao tema “Labirintos da Adolescência”, que decorre atéamanhã na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa.

O ministro salientou a importância dos jovens desenvolverem actividadespromotoras de hábitos de vida saudáveis. “O Governo está empenhado emacções de combate ao consumo de álcool e tabaco junto dos jovens”,afirmou Paulo Macedo.

Emílio Salgueiro, do Colégio da Especialidade de Psiquiatria da Ordemdos Médicos e moderador do fórum, afirmou ao CM que a “maioria dos jovenssão saudáveis e não necessita recorrer a serviços de saúde”.

Contudo,sublinhou, é na fase da adolescência que os jovens experimentam drogas.“Muitos adolescentes experimentam haxixe e marijuana mas não ficam‘agarrados’.

No entanto, há alguns, poucos, que após o consumodesenvolvem quadros psicóticos”, afirmou Emílio Salgueiro.

Fonte Correio da Manhã

Portugal: Médico espancado em orgia com casal


Médico seduzido por jovem casal em bar gay acaba espancado e roubado dentro de sua casa.

Fonte Gorreio da Manhã

Portugal: IGAS abre investigação a alegada limitação de acesso da diálise

A Inspecção-Geral das Actividades da Saúde (IGAS) abriu um processo de investigação à situação denunciada pelo Sindicato Independente dos Médicos (SIM) de que uma empresa estará a limitar o acesso da diálise a portadores de hepatite B.

Fonte do Ministério da Saúde revelou à Lusa que o processo de investigação foi instaurado após o SIM ter enviado para a IGAS documentação “sobre a empresa NephroCare e a sua comunicação sobre limitação futura de diálise aos portadores de vírus Hepatite B”, segundo informação disponibilizada pelo sindicato no seu site.

O SIM afirma ter em seu poder “cópias de ofícios endereçados pela empresa NephroCare, com sede em Lisboa, dirigida às Administrações Regionais de Saúde (ARS) do Algarve, Centro, Lisboa e Vale do Tejo e Norte” referente à “desativação da sala de diálise afeta ao tratamento de doentes portadores do vírus da hepatite B".

Segundo o SIM, estão em causa clínicas de hemodiálise no Algarve, a de Faro, no Centro, as de Coimbra, Guarda e Viseu, em Lisboa, as do Lumiar e do Barreiro e no Norte as de Ponte da Barca, Braga, Gaia, Feira e Maia.

O sindicato refere que os ofícios, que serão “assinados pelo presidente do conselho de administração, Ricardo Adolfo Carballo da Silva, e pelo vogal António José de Castro Guerreiro” destinam-se “a informar que a partir de novembro os portadores de vírus da hepatite B, ali clara e nominalmente listados, devem ver as ARS a diligenciar para a sua transferência para unidades de hemodiálise alternativa”.

“Esta medida, absolutamente louca do ponto de vista ético e técnico, tem por base a contenção de custos a que as empresas de diálise se auto-submeteram após a redução de preço compreensivo imposto por Despacho recente”, acusa o SIM.

Fonte Destak

Portugal: Novos presidentes das ARS tomam hoje posse em Lisboa

Os cinco novos presidentes das administrações regionais de saúde (ARS) do Norte, Centro, Lisboa, Alentejo e Algarve tomam hoje posse numa cerimónia em Lisboa.

 
Para presidir à ARS Norte, o Governo escolheu Luís Castanheira Nunes, que terá como vogais Ponciano de Oliveira e Rui Afonso Cernadas.

Pela ARS Centro toma posse José Azenha Tereso, tendo como vogais Fernando Lopes de Almeida e Luís Mendes Cabral.

À frente da administração de Lisboa e Vale do Tejo ficará Luís Cunha Ribeiro, que terá na sua equipa Luís Pisco e Pedro Ventura Alexandre.

José Robalo toma posse como presidente da ARS Alentejo e terá como vogais no conselho diretivo António Graça Lopes e Paula Ribeiro Marques.

A ARS do Algarve passa a partir de hoje a ser administrada por Gildásio Martins dos Santos e pelos vogais Ana Maria Costa e Miguel Lopes Madeira.

A tomada de posse destes novos dirigentes é hoje ao final da manhã em Lisboa e contará com a presença do ministro da Saúde, Paulo Macedo.

Fonte Destak

Paralização na Saúde: Médicos do SUS fazem protesto por melhores salários em todo o País

Pelo menos em 21 Estados os atendimentos eletivos, como consultas e exames, estão paralisados. Trabalhos de urgência são realizados normalmente

Em protesto contra os baixos salários e por melhores condições de trabalho, os médicos deixam de atender nesta terça-feira serviços marcados no Sistema Único de Saúde (SUS) em 21 Estados – Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia e Sergipe. A paralisação vai durar 24 horas. Os médicos garantem a manutenção do atendimento de urgência e emergência aos pacientes.

No Piauí, a suspensão vai valer três dias. Em Santa Catarina e São Paulo, algumas unidades de saúde devem parar o atendimento por algumas horas. No Distrito Federal, em Mato Grosso do Sul, no Paraná, Rio de Janeiro, Tocantins e em Roraima, estão previstas apenas manifestações e atos públicos.

O movimento nacional é liderado pela Associação Médica Brasileira (AMB), Federação Nacional dos Médicos (Fenam) e pelo Conselho Federal de Medicina (CFM). Dos 195 mil médicos que trabalham no SUS, a estimativa é que 100 mil deixem de atender. Os médicos reivindicam mais financiamento para a saúde pública, reajuste salarial e melhores condições de trabalho, como aumento no número de leitos nos hospitais.

Para o vice-presidente do CFM, Aloísio Tibiriçá, os salários defasados têm desestimulado os profissionais a ingressar na rede pública. As entidades médicas calculam que o salário médio pago a um médico do SUS é de R$ 1,9 mil por 20 horas de trabalho semanais. A categoria estipula um piso de R$ 9,6 mil.

Os médicos defendem também, pelo menos, dobrar o montante de dinheiro destinado pelos governos federal, estaduais e municipais ao sistema público de saúde. As entidades são contrárias ao projeto de regulamentação da Emenda 29, aprovado pela Câmara dos Deputados, que define percentuais mínimos de repasse à saúde pela União, pelos estados e municípios.

O projeto obriga, por exemplo, a União a repassar à saúde pública valor equivalente ao previsto no Orçamento do ano anterior mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB) daquele ano. No entanto, os médicos defendem o texto original de regulamentação, que destinava 10% das receitas correntes brutas da União para as ações de saúde, um acréscimo de aproximadamente R$ 31 bilhões ao orçamento anual da pasta.

“O projeto da Câmara não acrescenta nenhum centavo para a saúde”, disse Tibiriçá à Agência Brasil. O projeto tramita agora no Senado. A categoria queixa-se ainda da falta de leitos nos hospitais. De acordo com a organização do movimento, 20 Estados têm número de unidades de terapia intensiva (UTIs) inferior à média nacional, que é de 1,3 leito por 10 mil habitantes.

Nos Estados onde haverá paralisação, serão suspensos os exames, as consultas, as cirurgias e outros procedimentos agendados com antecedência. “Estamos fazendo [o movimento] com toda a responsabilidade. É um compromisso com a saúde do povo brasileiro”, disse o presidente da Fenam, Cid Carvalhaes.

Fonte IG

Concurso Prefeitura de Porto Velho (RO) 2011

Disponível o edital nº. 001/2011 para realização de concurso público na Prefeitura de Porto Velho, Estado de Rondônia. O processo seletivo de Porto Velho visa o preenchimento de 958 vagas mais cadastro reserva de nível fundamental, médio/técnico e superior.A remuneração é de até R$ 6.583,92.

Do total de vagas para cada cargo e as vagas que vieram a surgir durante o prazo de validade do Concurso Público, 10% ficarão reservadas aos candidatos portadores de deficiência.

Cargos

Agente Comunitário de Saúde, Médico, Psicólogo, Farmacêutico, Assistente Social, Engeneheiro, Recepcionista, Técnico Agrícola, entre  outros.

Inscrição

As inscrições serão realizadas em duas modalidades:
Via internet: de 00h00min do dia 21 de novembro de 2011 até às 23h59min do dia 21 de dezembro de 2011, podendo ser efetivada no site www.consulplan.net,  e
Via presencial: de 21 de novembro de 2011 a 21 de dezembro de 2011 (exceto sábados, domingos e feriados), nos seguintes endereços:
Distrito de Calama, na Escola General Ozório, Rua São José, s/nº, Bairro São José;
Distrito de São Carlos, na Rua Padre Chiquinho, s/nº, Centro;
Distrito de Extrema, na Rua Abunã, nº 208, ao lado da Clínica Santa Inês;
Distrito de Vista Alegre do Abunã, na Rua João Batista Bortoloso, nº 3226, Centro;
Distrito de União Bandeirantes, na Escola Municipal de Ensino Fundamental 3 de Dezembro, Rua Brasília, s/nº, Setor 2;
Jacy Paraná, na Rua José Salé ao lado da praça, Bairro Nova Jacy Paraná.
Conforme o nível de instrução exigido para cada cargo, as taxas de inscrição serão nos seguintes valores:
Nível fundamental: R$ 30,00;
Nível médio: R$ 40,00;
Nível superior: R$ 60,00.

Provas

As provas escritas objetivas de múltipla escolha serão realizadas no município de Porto Velho/RO, com data inicialmente prevista para o dia 15 de janeiro de 2012, das 09h00min às 12h00min e das 14h30min às 17h30min, o local de realização da prova escrita, para o qual deverá se dirigir o candidato, será divulgado a partir de 09 de janeiro de 2012 no quadro de avisos da Prefeitura Municipal e no site www.consulplan.net.
Os gabaritos oficiais preliminares das provas objetivas serão divulgados na Internet, no site www.consulplan.net, a partir das 16h00min do dia subsequente ao da realização da prova escrita.

Validade

O prazo de validade do concurso público será de 2 anos, contados da data de publicação da homologação de seu resultado final no Diário Oficial do Município de Porto Velho, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período, a critério da Administração.

Saiba mais

Concurso Prefeitura de Diadema - SP 2011

A Prefeitura de Diadema, Estado de São Paulo, está com as inscrições abertas para o concurso público nº 002/2011, destinado ao provimento de cargos de nível médio. A Universidade Municipal de São Caetano do Sul – Coordenadoria de Apoio a Instituições Públicas – CAIP/USCS foi a instituição que ficou responsável pela realização do certame.

As 04 vagas abertas são para o cargo de Educador Social, cujo salário é de R$ 1.796,87, para cumprimento de uma horária de 40h semanais. Vale lembrar que o certame está também aberto para candidatos portadores de deficiência, com a cota de 5% das vagas.

As inscrições ao Concurso serão realizadas exclusivamente no site da CAIPIMES (www.caipimes.com.br), por meio do Formulário de Inscrição via internet, até o dia 11 de novembro de 2011, observado o horário de Brasília.

A taxa de inscrição será de R$ 40,00 e deverá ser paga até o dia 11 de novembro de 2011.

As provas serão aplicadas na data prevista de 04 de dezembro de 2011, em locais e horários a serem divulgados. A divulgação dos gabaritos das provas objetivas será no dia 08 de dezembro de 2011.

O prazo de validade do concurso público será de 02 anos, contado da data da sua homologação, podendo ser prorrogado, a critério da Administração, uma única vez e por igual período.

Concurso Prefeitura de Cordilheira Alta (SC) 2011

Em Santa Catarina, mais um município abriu edital para concurso público. Trata-se da Prefeitura de Cordilheira Alta, que realizar certame (edital 001/2011) selecionar 14 novos servidores, que ocuparão funções de nível fundamental e superior, com remuneração de até R$ 4.906,0.

Cargos

Motorista, Operador de Máquinas, Agente Comunitário de Saúde, Controlador Interno, Médico, Professor, Orientador de Atividade Pedagógica e Supervisor Escolar.

Inscrição

As inscrições estarão abertas somente a partir de 31 de outubro, prolongando-se até 13 de dezembro de 2011, das 13h30 às 17h30, com exceção aos sábados, domingos e feriados, devendo ser feita junto a Prefeitura de Cordilheira Alta, sito a rua Celso Tozzo, 27, centro, no Município de Cordilheira Alta (SC).  
As taxas de inscrições são de R$ 50,00 (nível fundamental) e R$ 150,00 (nível superior).

Prova

Para avaliar os candidatos, será aplicada prova escrita, provavelmente, no dia 08 de janeiro de 2012, na cidade de Cordilheira Alta, das 08:30 às 11:00 horas, em local a ser definido.
O gabarito oficial das questões será divulgado na data provável de 09 de janeiro de 2012, às 13:30,junto ao mural da Prefeitura Municipal e site www.pmcordi.sc.gov.br.

Validade

Para todos os efeitos legais, o concurso em pauta tem validade de 01 ano, a contar da data de publicação da homologação do seu resultado final com a respectiva classificação. Mas pode ser prorrogado por igual período, a critério do Poder Executivo Municipal.

Concurso Prefeitura de Goianira - GO 2011

Em Goianira, município pertencente ao Estado do Goiás, foi publicado edital para realização de concurso público (Nº 01/2011). O certame, que está sob a responsabilidade técnica e operacional do  Instituto Cidades - IC, será constituído de Provas destinadas a selecionar 1.315 novos funcionários, que irão reforçar o quantitativo de servidores permanentes da Prefeitura, servindo também para a formação de um banco de reserva de aprovados.

Assim, das 1.315 vagas, 221 serão para nomeação imediata e as 1.094 restantes para formar cadastro de reserva, em cargos de todos os níveis de ensino, com salários de até R$ 1.768,32, mais gratificações paralelas, de 20% a 50% sobre o vencimento básico. A carga horária a ser cumprida varia entre 30, 40 e 44h semanais, de acordo com o cargo.

Cargos: Professor, Agente administrativo, Monitor (CMEI), Fiscal de tributos, Fiscal de posturas, Fiscal avaliador, Fiscal de meio ambiente, Técnico previdenciário, Motorista, Agente de endemias, Agente comunitário de saúde, Auxiliar de serviços gerais, Gari, Operador de patrol, Mecânico de máquinas pesadas,  Borracheiro, Merendeira, Cozinheira (hospitalar), Vigilante, Coveiro e Eletricista de baixa tensão.

Inscrições: As inscrições serão efetuadas pela internet, no site www.institutocidades.org.br, até às 23 horas e 59 minutos do dia 27 de novembro de 2011.

Taxas: As taxas de inscrição variam de R$ 30,00, para cargos de nível fundamental incompleto; R$ 40,00, para nível fundamental completo; R$ 60,00, para nível médio e de R$ 70,00, para nível superior.

Provas: As Provas serão aplicadas na data prevista de 15 de janeiro de 2012 nos turnos da manhã (09:00 h) e tarde (14:00 h), em locais e horários a serem divulgados.

Validade: O prazo de validade do Concurso, que é de 02 anos, prorrogável por igual período, a contar da data de homologação do Concurso.

Saiba mais

Prefeitura de Rolim de Moura - RO abre processo seletivo

A Prefeitura de Rolim de Moura, Estado de Rondônia, através do Instituto Exatus, publicou edital de processo seletivo nº 004/2011. Serão preenchidas 22 vagas para cargo de Agente Comunitário de Saúde com salário de R$ 545,00, por jornada de 40 horas semanais.

Para concorrer, o candidato deverá ter o ensino Fundamental e deverá residir na área a qual concorre (Boa Esperança, Cidade Alta I, Centro Norte, Albert Sabin, Jardim Tropical, São Cristóvão/Centro Sul, Nova Estrela e Zona Rural).

Os interessados deverão fazer suas isncrições até o dia 7 de novembro de 2011, no site www.institutoexatus.com. A taxa de inscrição será de R$ 15,00. Os candidatos que não tiverem acesso à internet poderão se inscrever no Posto de Atendimento do Instituto Exatus, que funcionará na Prefeitura Municipal de Rolim de Moura, que fica na Avenida João Pessoa, nº. 4478, centro, das 7h30 às 13h30.

A avaliação dos candidatos será realizada por meio de prova objetiva com 40 questões, sobre português, matemática e atualidades.

A prova está prevista para ser realizada no dia 20 de novembro de 2011, iniciarão às 8hs e terminarão às 11hs (horário local), em locais a serem definidos pelos organizadores do concurso público.

A divulgação dos locais de realização da prova será no dia 16 de novembro de 2011 está previsto para ser divulgado edital de homologação das inscrições (contendo a relação dos candidatos inscritos, nome das escolas e as salas de aula em que farão suas provas), nos murais da Prefeitura de Rolim de Moura, no mural do Instituto Exatus e no endereço eletrônico www.institutoexatus.com.

Os gabaritos com as respostas corretas estão previstos para serem divulgados no dia 21 de novembro de 2011, nos murais da Prefeitura de Rolim de Moura, no mural do Instituto Exatus e no endereço eletrônico www.institutoexatus.com.

O processo seletivo tem validade de 02 anos a partir da publicação do resultado final, podendo ser prorrogado uma vez por igual período a critério da Administração.

Concurso Prefeitura de Pontalina - GO 2011

Abertas as inscrições para o concurso nº 01/2011 da Prefeitura de Pontalina, no Estado de Goiás, destinado ao preenchimento de 14 vagas efetivas e formação de um cadastro de reserva técnica de 28 oportunidades, para provável convocação futura. Desse total, está prevista ainda a reserva de 5% das vagas abertas e as que forem criadas para os portadores de necessidades especiais.

As inscrições - somente via internet no site www.itco.org.br - serão realizadas até 23 horas e 59 minutos do dia 11 de novembro de 2011, observado o horário oficial de Brasília/DF.

As taxas de participação são de R$ 20,00, R$ 30,00, R$ 65,00, R$ 80,00, R$ 120,00, R$ 160,00 e R$ 300,00, valores que dependem do cargo pretendido.

Há chances para os cargos de Enfermeiro, Médico (a) Anestesiologista, Médico (a) Hemoterapeuta, Médico (a) Pediatra, Médico (a) Plantonista, Médico (a) PSF, Nutricionista, Atendente de Farmácia, Técnico (a) em Enfermagem. O maior salário oferecido, de R$ 6.688,20, é para a função de Médico do PSF.

As provas objetivas para os cargos de Enfermeiro, Médico Hemoterapeuta, Médico Anestesista, Médico PSF e Nutricionista serão realizadas no dia 11 de dezembro de 2011, no horário das 09:00 às 12:00 horas e para os cargos de Médico Plantonista, Medico Pediatra, Atendente de Farmácia e Técnico em Enfermagem serão realizados no dia 11 de dezembro de 2011, no horário das 14:00 às 17:00 horas.

Os locais serão previamente divulgados no site da organizadora ITCO (www.itco.org.br). A duração da prova será de 03 (três) horas, já incluído o tempo para preenchimento do cartão de respostas.

O Concurso Público de Pontalina tem prazo de validade de 02 (dois) anos, prorrogável uma única vez por igual período, a contar da data de homologação do certame, a critério da Prefeitura Municipal de Pontalina-Go.