Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


quarta-feira, 3 de julho de 2013

Oito formas de incluir o leite na dieta

menina bebendo leite de pijamas - Foto: Getty Images
Uma ótima maneira de consumir o leite é antes de dormir
Bebida é ideal após a atividade física ou mesmo antes de dormir
 
Desde o peito materno até o cafezinho da tarde, o leite é um alimento que merece estar presente no cardápio em todas as idades.
 
Por ser fonte de cálcio, vitamina A, vitamina D e outros nutrientes, a bebida ajuda a prevenir doenças como osteoporose e hipertensão.
 
No entanto, são tantas as formas de consumir que muitas vezes há dúvidas se ela realmente cabe na dieta.
 
Pensando nisso, conversamos com especialistas para saber os melhores jeitos para consumir esse alimento. 
 
homem bebendo leite - Foto: Getty ImagesPrefira sempre o desnatado
O leite integral possui muita gordura e pode aumentar os níveis de colesterol, podendo ser consumido apenas até os dez anos de idade, de acordo com a nutricionista Raquel Maranhão, da Clínica BeSlim, no Rio de Janeiro. "Na verdade, por causa do aumento dos casos de obesidade infantil, esse tipo de leite tem sido cada vez menos indicado até mesmo para as crianças", explica. O melhor é investir versão desnatada, que é mais saudável e rica nos mesmos nutrientes. 
                   
mulher bebendo leite depois da atividade física - Foto: Getty ImagesApós os exercícios
Beber leite com chocolate depois dos exercícios ajuda a construir músculos, reduzir a gordura e melhorar o desempenho, de acordo com uma pesquisa realizada na Universidade do Texas, nos Estados Unidos. Os especialistas explicam que o leite de baixa gordura misturado ao chocolate tem a combinação certa de carboidratos e proteínas. "Ele é eficaz para repor o estoque de açúcares do músculo e interromper o processo de degradação muscular, auxiliando na plena recuperação do atleta", explica a nutricionista Ariane Longo, da Gastro Obeso Center, em São Paulo.

Além disso, um estudo realizado pela Universidade do Canadá constatou que mulheres que bebem dois copos grandes de leite após a sua rotina de musculação podem ganhar mais massa muscular e perder mais gordura do que as mulheres que bebem energéticos. 
 
menina bebendo leite de pijamas - Foto: Getty ImagesAntes de dormir
Outra ótima maneira de consumir o leite é antes de dormir. "O alimento é fonte de triptofano, um aminoácido precursor da serotonina, que é o hormônio responsável por baixar os níveis de estresse do corpo, preparando-o para o sono", diz Raquel Maranhão. Além disso, a temperatura morna do leite ajuda o corpo a relaxar. A nutricionista recomenda adoçar o leite com mel, carboidrato simples que facilita a absorção de triptofano. Um copo de leite desnatado adoçado com uma colher de sopa de mel tem em média 150 calorias.   
 
leite com biscoitos - Foto: Getty ImagesLeite somente nas pequenas refeições
Apesar de ser muito saboroso e rico em nutrientes, o leite deve ser consumido de preferência em refeições mais leves, como café da manhã ou lanche da tarde. "Essa bebida pode prejudicar absorção de alguns nutrientes presentes em grandes refeições, como o ferro dos vegetais folhosos", explica a nutricionista Ariane. Ela conta que o contrário também pode acontecer: cálcio e outros nutrientes do leite podem não ser bem aproveitados pelo organismo por conta de outros alimentos do almoço e do jantar.   
                   
vitamina de morango - Foto: Getty ImagesFaça uma vitamina
Nada mais gostoso do que tomar uma deliciosa vitamina, não é? Segundo Ariane Longo, leite com frutas no café da manhã é uma ótima pedida, pois dá energia e fornece uma série de nutrientes. "Vale incluir tanto frutas como cenoura, beterraba e outros legumes", afirma a nutricionista. Converse com um nutricionista para saber melhor a quantidade de cada ingrediente de acordo com o seu consumo diário de calorias. 
 
leite com canela - Foto: Getty ImagesLeite com canela
"A canela tem ação antimicrobiana, ajuda no controle da glicemia, diminui os níveis de triglicérides e colesterol, facilita a digestão e melhora a circulação sanguínea", diz a nutricionista Ariane. Os nutrientes da canela não são perdidos quando misturados ao leite e deixam a bebida com um sabor especial. "No entanto, o leite não pode estar muito quente, pois a canela em altas temperaturas perde grande quantidade de suas propriedades", adverte a profissional.  
 
mulher bebendo leite - Foto: Getty ImagesAliviando cólicas
Uma pesquisa feita pela Universidade de Ciências e Tecnologia da Jordânia revela que o consumo de leite pode amenizar os sintomas da cólica menstrual. A pesquisa avaliou a reação de 127 estudantes universitárias e mostrou que as mulheres que consumiram de três a quatro porções por dia de leite e derivados apresentaram uma redução acentuada nas dores, comparadas às mulheres que não consumiam nenhuma porção. "Uma justificativa para essa ação é a presença do cálcio no leite, que pode desempenhar um papel importante no controle da atividade neuromuscular", explica a nutricionista Raquel.   
 
sopa de palmito - Foto: Getty ImagesAcrescente leite na sopa
Que tal deixar a sua sopa mais cremosa? "Além de deixar o caldo mais encorpado, o leite agrega mais nutrientes ao prato, tornando a refeição ainda mais saudável", explica Ariane Longo. Evite, porém, misturar a bebida com vegetais, pois ela prejudica a absorção do ferro presente nesses alimentos. "Nada de incluir o leite em sopas de espinafre ou de escarola, por exemplo", alerta a nutricionista.  
 
Fonte Minha Vida

Endermologia elimina a celulite

Geralmente a endermologia é aplicada por esteticista com
formação técnica ou fisioterapeutas
Tratamento estético usa vácuo e massagem para combater o aspecto de "casca de laranja"  
 
A endermologia é uma massagem profunda obtida a partir da associação de vácuo, gerado por uma bomba, com manobras de massagem feitas com a técnica de "palpação e rolamento", propiciada por ventosas ou cabeçotes adequados.

A técnica surgiu na França entre as décadas de 1970 e 1980, com aparelhos tecnicamente inferiores aos que existem hoje, e chegou ao Brasil há pelo menos 20 anos. Hoje existem vários modelos e marcas de aparelhos que fazem a endermologia.

Sinônimos para a endermologia
Endermoterapia e Vacuoterapia.

Como é feita a endermologia?
"O aparelho massageia o corpo por meio de sucção", explica a dermatologista Geana Lima, especialista em medicina estética. "Ele é composto por dois rolinhos que, ao deslizar sobre a pele, melhoram a circulação local e ajudam na eliminação de toxinas". É massageado todo o corpo - braços, pernas e barriga - sobre o trajeto dos vasos linfáticos, no sentido do gânglio linfático. Nas pernas, os movimentos são ascendentes: da perna até a fossa poplítea (parte posterior do joelho), da coxa até a virilha. Na barriga o movimento deve ser feito em direção à virilha e nos braços em direção às axilas. 
 
Ação da endermologia
A endermologia age ativando o sistema linfático, a partir da drenagem dos líquidos feita pelo aparelho, e estimulando o tecido conjuntivo - o colágeno, que fica localizado na derme, a camada mais profunda da pele - a produzir fibroblastos, células que ajudam a dar o aspecto de firmeza à pele. Há também atuação sobre o tecido adiposo: "a endermologia consegue quebrar algumas células de gordura em processo de envelhecimento", explica a dermatologista Ursula Metelmann, membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia. A endermologia faz ainda uma esfoliação que elimina as células mortas e devolve à pele o seu brilho natural.
 
Quem pode aplicar a endermologia
Geralmente a endermologia é aplicada por esteticista com formação técnica ou fisioterapeutas. Como este não é um tratamento estritamente médico, muitas vezes os pacientes não passam por consulta médica. No entanto, a dermatologista Ursula explica que o médico dermatologista pode determinar o grau de celulite e indicar o melhor tratamento para o caso com mais precisão.
 
Indicações da endermologia
"A principal indicação é o combate à celulite, mas ela também pode ser aliada em casos de gordura localizada, na remoção de cravos, na drenagem linfática, na atenuação de cicatrizes e rugas e em cuidados com a pele antes e depois de cirurgia plástica", explica a dermatologista Geana.
 
Preparação para a endermologia
A pele deve estar limpa e deve ser evitada a depilação com cera, que pode machucar e sensibilizar a pele, pelo menos dois dias antes da sessão de endermologia. Para o procedimento, é indicado o uso de uma roupa específica, o fato corporal, que dá maior aderência do aparelho à pele e ajuda no seu deslizamento. Segundo a dermatologista Geana, pode também ser feita a aplicação de óleos de massagem para facilitar o deslizamento do aparelho. 
 
Tempo de duração da endermologia
Cada sessão de endermologia, que trabalha o corpo todo, dura cerca de 35 minutos.                                                               

Número de sessões necessárias de endermologia
São necessárias em média seis sessões para que sejam vistos os resultados, mas há casos em que são necessárias até 10 sessões. Elas devem ser feitas cerca de duas vezes por semana: no mínimo uma vez por semana e no máximo a cada dois dias. Depois de conquistados os resultados, ela deve ser feita uma sessão por mês para manutenção e, em casos mais graves, de 15 em 15 dias.
 
Resultados da endermologia
Os resultados da endermologia podem ser definitivos, principalmente em graus mais leves. "Em graus mais avançados, como o grau 4, pode haver a necessidade de agregar outros tratamentos, como a subcisão - método cirúrgico que age sobre o tecido fibrótico da celulite", explica Ursula Metelmann. Mas, mesmo em casos mais amenos, caso persistam fatores como a hereditariedade, alimentação desequilibrada, tabagismo, sedentarismo, uso de pílulas anticoncepcionais e tratamentos de reposição hormonal, a eliminação definitiva da celulite pode se tornar mais difícil.
 
Complicações da endermologia
Geralmente, o procedimento não gera dor, no entanto, em casos em que a celulite é mais grave, pode não haver circulação local adequada, e, consequentemente, uma sensação dolorosa. Além disso, podem surguir hematomas, sausados pela massagem profunda. Nesse caso, deve ser evitada a exposição ao sol, que pode causar manchas.O problema regride espontâneamente.

 
Contraindicações da endermologia
Como a endermologia aumenta a circulação sanguínea, algumas doenças podem ser incompatíveis com o tratamento, como trombose, doenças infecciosas e progressivas, cancro, problemas de coração, infecções agudas ou inflamações, problemas respiratórios, problemas nos rins, hepatite, diabetes e problemas circulatórios. Também não se recomenda o tratamento a mulheres grávidas.
 
Preço médio da endermologia
O preço é muito variável a depender do estado, cidade ou até mesmo do bairro onde você vai comprar este procedimento. Em geral uma pacote com 10 sessões custa 800 reais*.

*Valores pesquisados em maio de 2013, sujeitos a alterações.
 
Tratamentos associados à endermologia
Como a endermologia deve ser feita, pelo menos, em dias alternados, a drenagem linfática pode ser feita no intervalo, acelerando os resultados. A drenagem linfática ajudará a diminuir medidas e celulite, eliminando os líquidos retidos. A utilização de equipamentos de ultrassom, infravermelho e radiofrequência também pode estar associada com o objetivo de melhorar o contorno corporal. 

Fontes
- Dermatologista Geana Lima, dermatologista especializada em medicina estética (CRM: 99005)

- Dermatologista Ursula Metelmann, membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (CRM: 92449)
 
Por Minha Vida

Asma: esclareça dúvidas sobre medicamentos que tratam a doença

mulher usando a bombinha de asma - Foto: Getty Images
Os broncodilatadores servem para aliviar uma crise
de asma, mas não a previne
Broncodilatadores não evitam as crises e são apenas uma parte do tratamento
 
Segundo o Ministério da Saúde, a doença mata cerca de 2,5 mil pessoas por ano. De acordo com as Diretrizes da Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia para o Manejo da Asma, estima-se que existam mais de 22 milhões de asmáticos no Brasil. Anualmente, ocorrem cerca de 160 mil internações pela doença no país, sendo a quarta causa de hospitalizações no Brasil. Esse número pode diminuir se a asma for controlada corretamente, não só melhorando o ambiente em que o paciente vive, como ministrando os medicamentos adequados - em sua maioria oferecida gratuitamente pela rede pública de saúde.

Para entender como funcionam os remédios para asma, é preciso ter em mente que o pulmão do asmático é diferente de um pulmão saudável. "É como se os brônquios do paciente fossem mais sensíveis, mais inflamados, e reagissem ao menor sinal de irritação", explica o pneumologista Roberto Rodrigues Junior, do Laboratório Exame, em Brasília.
 
Se pensarmos em uma pessoa sem a doença, ela sofrerá uma falta de ar quanto estiver exposta a grandes irritações, como a fumaça de um incêndio. "Diante desse quadro, o organismo da pessoa identifica os agentes irritantes e faz com que a musculatura que existe em volta do brônquio se contraia, fechando o órgão e impedindo que o ar contaminado entre nos pulmões", diz o pneumologista Roberto.
 
O mesmo processo acontece com um paciente que tem asma, só que os gatilhos para causar uma irritação nos brônquios são bem menos graves, como a poeira. Por isso é importante que ele faça um tratamento adequado e medicamentoso, tanto para controlar uma crise quanto para evitar que elas aconteçam.
 
Quer entender melhor? Veja abaixo o que dizem os nossos especialistas: 
 
mulher usando a bombinha de asma - Foto: Getty ImagesOs broncodilatadores ajudam a tratar a asma?
Não, os broncodilatadores servem para aliviar uma crise de asma, mas não a previne. Durante uma crise de asma, você tem o fechamento dos brônquios, impedindo a entrada de ar nos pulmões. Os broncodilatadores servem justamente para relaxar essa musculatura dos brônquios, permitindo que o ar entre nos pulmões novamente. "Essas medicações tem início de ação rápido, gerando um alívio imediato do paciente", explica o pneumologista Roberto Rodrigues Junior, do Laboratório Exame, em Brasília. Há broncodilatadores de curta duração (entre quatro a seis horas de ação) e de longa duração (de 12 a 24 horas de ação), mas nenhum desses é um tratamento preventivo. "É necessário um medicamento que diminua a inflamação dos brônquios, fazendo com ele não se irrite tão facilmente", diz Roberto. "São esses medicamentos que evitam as crises, em vez de aliviá-las quando já aconteceram, que ajudam a tratar efetivamente a asma."
 
criança fazendo inalação - Foto: Getty ImagesComo funcionam os medicamentos de uso contínuo para tratar a asma?
As medicações de uso contínuo servem para minimizar a sensibilidade e a inflamação as quais os brônquios da pessoa asmática estão sujeitos, fazendo com que os pulmões reajam com menos intensidade aos agentes irritantes, como poeira e ácaros. "Diferente dos broncodilatadores, que apenas revertem o quadro de contração do brônquio, os medicamentos contínuos funcionam para evitar que essas reações aconteçam."
 
enfermeira segurando uma seringa - Foto: Getty ImagesExiste mais de um tipo de medicação?
Sim, existem diferentes remédios para tratar a asma, que podem ser ministrados por diversas vias. Os mais utilizados são os corticoides, que podem ser aplicados por inalação ou via oral. "No entanto, os medicamentos orais são evitados no caso da asma, pois qualquer remédio quando ingerido vai para a nossa corrente sanguínea, chegando a todas as partes do corpo em vez de apenas nos pulmões, aumentando o risco de efeitos colaterais", lembra o pneumologista Roberto. Por via inalatória, os corticoides são absorvidos somente pelos pulmões, tratando o problema de forma localizada. As inalações são feitas com inaladores portáteis, por meio de sprays ou em forma de pó, que é inalado por meio de um instrumento próprio. O tempo de ação pode ser de quatro, doze ou 24 horas, e o espaço entre as inalações varia conforme esse intervalo. De acordo com o especialista, 95% dos casos de asma podem ser controlados com o uso de corticoides.

O montelucaste e a teofilina são medicamentos ministrados apenas por via oral, e podem ser encontrados em forma de comprimidos, xaropes ou sachês. "O montelucaste irá reduzir o processo inflamatório dos pulmões e raramente é usado de forma isolada, sendo associado ao uso de corticoides", explica o pneumologista Roberto. As doses e intervalos de utilização do montelucaste variam conforme o caso e a associação de medicamentos que está sendo feita. Já a teofilina funciona principalmente como broncodilatador, mas possui efeito anti-inflamatório, sendo também associada aos corticoides. O medicamento deve ser ministrado a cada 12h, e as doses também variam conforme o paciente. "Lembrando que para qualquer medicamento ministrado por via oral, o melhor é que sejam doses pequenas." Há também o omalizumabe, que é um medicamento injetável. De acordo com o pneumologista Roberto, essa droga diminui a resposta das células inflamatórias do pulmão, fazendo com ele fique menos "estressado".

O omalizumabe é aplicado em média a cada 15 ou 20 dias, e pode ser muito eficaz para os casos em que as medicações não estão surtindo efeitos significativos. Ele também pode ser associado aos corticoides inalatórios, mas não é uma regra.  
 
vários remédios - Foto: Getty ImagesA escolha do medicamento varia conforme o grau da doença?
Sim. Os medicamentos orais e o omalizumabe são indicados apenas para casos mais graves da asma, que não foram estabilizados apenas com o uso de broncodilatadores ou corticoides por meio inalatório. "Por isso é importante não ignorar os sintomas se eles persistirem e conversar com seu médico, a fim de encontrar um tratamento mais efetivo", alerta o alergista Clóvis Eduardo Santos Galvão, presidente da Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia da regional São Paulo. 
 
homem segurando um broncodilatador - Foto: Getty ImagesExiste algum risco em associar essas medicações contínuas com os broncodilatadores?
Nenhum, e inclusive é uma prática que deve ser adotada. Os medicamentos contínuos servem para deixar o quadro mais estabilizado possível, diminuindo ao máximo o número de crises e, por consequência, a necessidade dos broncodilatadores. "No entanto, se mesmo com o uso da medicação a pessoa ainda sofre crises ocasionais, é importante estar com o broncodilatador em mãos", ressalta o alergista Clóvis.
 
mãe e filha - Foto: Getty ImagesOs remédios podem ser usados por pacientes de qualquer idade?
Sim, com exceção do injetável omalizumabe, cuja idade mínima é de seis anos. Segundo os especialistas, para todos os outros casos são ministradas doses ou associações diferentes conforme a idade, inclusive bebês. "A maioria dos novos medicamentos, quando chegam ao mercado são indicados somente para maiores de 18 anos, e após estudos de segurança eles podem ser liberados para pacientes maiores de 12 anos, e então para as faixas etárias menores", afirma o alergista Clóvis. 
 
mulher em consulta médica - Foto: Getty ImagesComo eu sei que estou precisando de um medicamento contínuo?
 Se você usa o broncodilatador várias vezes ao dia, é um sinal de que a sua asma está descontrolada e precisa de outras medicações. "O maior risco de uma pessoa que tem várias crises e usa apenas o broncodilatador corre é o de mascarar uma crise mais grave", alerta o pneumologista Roberto. Isso pode fazer com que você subestime a intensidade do quadro, ignorando sua gravidade e vindo a sofrer consequências alarmantes, como uma asfixia, pois o broncodilatador somente pode não dar conta da crise. "Pessoas que usam ou usaram o broncodilatador mais do que três ou quatro vezes em um único dia devem procurar um pronto socorro ou ligar para seu médico, a fim de buscar formas de tratamento da doença como um todo, não apenas da crise."
 
médico escrevendo uma receita - Foto: Getty ImagesUma vez que o quadro está controlado, o paciente pode suspender a medicação?
 Sim, mas tudo vai depender do paciente e da opinião do médico. Se ele perceber que o asmático está apresentando melhoras, a tendência é diminuir a dose da medicação, até que, em alguns casos, passe a ser necessário apenas o broncodilatador para as crises ocasionais. "No entanto, é de extrema importância que esse acompanhamento seja feito pelo médico, e o paciente nunca deve deixar de tomar a medicação por conta própria", ressalta o pneumologista Roberto.  
 
Fonte Minha Vida

Preço de novos medicamentos anti-HIV reduz expectativa de vida de soropositivos

Ampliar a oferta de tratamento para HIV e manter as pessoas em tratamento por toda a vida vai depender da redução dos preços dos novos medicamentos
        Foto: Sheila Shettle/MSF
Ampliar a oferta de tratamento para HIV e manter as pessoas
 em tratamento por toda a vida vai depender da redução
dos preços dos novos medicamentos
A conclusão é de relatório apresentado pelos Médicos Sem Fronteiras na conferência da Sociedade Internacional de Aids
 
O preço dos antirretrovirais (ARVs) de primeira e segunda linhas para tratar o HIV estão caindo devido ao aumento da concorrência com os genéricos, mas os produtos mais recentes continuam caros. A afirmação está no relatório anual ~Untangling the Web of ARV Price Reductions (Desembaraçando o nó da redução de preços dos antirretroviarais), divulgado, nesta terça-feira (2), pela organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF) na conferência da Sociedade Internacional de Aids (IAS) em Kuala Lumpur.

"É bom que os preços dos principais medicamentos para HIV continuem a cair, à medida que mais empresas de genéricos competem pelo mercado, mas os novos medicamentos ainda estão muito caros" , disse ~Jennifer Cohn, diretora médica da Campanha de Acesso a Medicamentos de MSF. " MSF e outros provedores de cuidados precisam de novos tratamentos para pessoas que já ~esgotaram todas as outras opções, mas as patentes mantêm os preços fora de alcance. Nós precisamos também estar atentos à entrada de novos e melhores medicamentos no mercado nos próximos anos, já que vamos precisar deles rapidamente."

Com a chegada de novas fontes de qualidade garantida no último ano, o melhor preço possível de uma combinação de primeira linha de uma pílula diária (tenofovir/lamivudina/efavirenz) baixou 19% desde o último ano (de US$172 para US$139 por pessoa, por ano), sendo que alguns países chegaram a preços até mais baixos quando ~compraram em grandes quantidades. Da mesma forma, à medida que novos concorrentes produtores de genéricos surgiram, os preços de dois medicamentos essenciais utilizados no tratamento de segunda-linha atazanavir/ritonavir e lopinavir/ritonavir baixaram. Cada um ficou cerca de 28% mais barato no último ano. A combinação de segunda-linha mais acessível (zidovudina/lamivudina + atazanavir/ritonavir) passou a custar US$303 por ano. Isso representa uma queda de 75% no preço do tratamento de segunda-linha desde 2006. No entanto, atualmente, o menor preço de tratamento de segunda-linha equivale a mais que o dobro do custo do tratamento de primeira linha.~

Mas para os medicamentos novos contra o HIV, incluindo novas classes de ARVs, como os inibidores da integrase, a concorrência genérica é bloqueada, em grande parte, devido às patentes. Como resultado, são muito mais caros. O melhor preço possível para um regime de tratamento especial para casos em que o tratamento de segunda-linha (raltegravir+etravirina_darunavir+ritonavir) fracassou fica em US$2.006 por ano nos países mais pobres quase 15 vezes o preço do tratamento de primeira linha. Países que não têm acesso a tais preços estão pagando muito mais. Tailândia e Jamaica, por exemplo, pagam US$4.760 e US$6.570, respectivamente, somente pelo novo medicamento darunavir; o Paraguai paga US$7.782 pela etravirina; e a Armênia paga US$13.213 pelo raltegravir um dos três ou quatro medicamentos que são necessários para todo um regime de tratamento.

Assegurar o preço acessível de novos medicamentos é também uma prioridade. Especialistas em HIV ressaltam que medicamentos novos e mais toleráveis, como o inibidor de integrase dolutegravir, podem, no futuro, ser utilizados em tratamentos de primeira ou segunda-linha melhorados, o que faz o acesso a esses novos medicamentos ainda mais urgente.

Novos medicamentos com preços acessíveis
" Ampliar a oferta de tratamento para HIV e manter as pessoas em tratamento por toda a vida vai depender da redução dos preços dos novos medicamentos" , afirma Arax Bozadjian, farmacêutico de HIV da Campanha de Acesso a Medicamentos de MSF. " Hoje, não há opções de genéricos com a qualidade garantida para a maioria dos novos medicamentos para HIV. Os preços em países de renda per capita média também são uma grande preocupação. Os termos dos acordos para as licenças voluntárias existentes não são bons o suficiente; na maioria deles não consta termos orientados pelas demandas da saúde pública e a maioria dos países de renda média são excluídos, o que limita seu tão necessário acesso aos regimes de tratamento."

Foi graças às oposições às patentes de produtores de genéricos na Índia que foi possível baixar o preço das combinações de primeira e segunda linhas, à medida que novos produtores entraram no mercado. Com o crescente patenteamento dos novos medicamentos para HIV em países com considerável capacidade de produção de genéricos, como a Índia, será crítico encontrar soluções para reduzir os preços. Os pedidos por patentes devem ser questionados quando não estiverem de acordo com os critérios de patenteabilidade do país, como foi reafirmado pela Suprema Corte da Índia, quando de sua decisão negando o pedido da Novartis, em abril de 2013. Quando as patentes impedem o acesso, licenças compulsórias devem ser concedidas para proteger os interesses da saúde pública. A primeira licença compulsória na Índia foi concedida em 2012 para um medicamento contra o câncer que foi considerado inacessível, e medidas similares devem ser tomadas para superar a barreira dos altos preços dos medicamentos para HIV.

" Em nossa clínica em Mumbai, mais e mais pessoas precisam dos novos e caros medicamentos para HIV, mas nós não temos como custeá-los no longo prazo, nem o governo" , conta Leena Menghaney, coordenadora da Campanha de Acesso a Medicamentos de MSF na Índia. " Os países precisam combater os altos preços dos medicamentos, garantindo que patentes infundadas não sejam concedidas e que licenças compulsórias sejam liberadas quando medicamentos estejam com preços fora do alcance, para que versões genéricas mais acessíveis possam ser feitas."

Um segundo relatório divulgado hoje por MSF na conferência, Putting HIV Treatment to the Test (Testando o tratamento de HIV), avalia o preço dos testes de carga viral de HIV. Esse teste é a melhor ferramenta para monitoramento do tratamento de HIV em países desenvolvidos, já que comparado tanto com o monitoramento clínico quanto imunológico, pode detectar de forma mais rápida e precisa o momento em que a pessoa está tendo problemas ~para aderir ao tratamento e precisam de aconselhamento adicional ou, de fato, estão vivenciado o fracasso de seu tratamento. As novas diretrizes para tratamento divulgadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) recomendam o uso regular do monitoramento da carga viral em países em desenvolvimento.

Preço e complexidade, até o momento, têm dificultado a implementação dessas tecnologias em países em desenvolvimento.

" O objetivo de todos os programas de tratamento de HIV deveria ser a supressão do vírus pelos antirretrovirais, para que as pessoas tenham níveis indetectáveis do vírus em seu sangue" , explica a Dra. Cohn. " O teste de carga viral é a melhor forma de manter as pessoas em tratamento à base da combinação de primeira linha de medicamentos para HIV pelo tempo que for possível e de alterar o regime para novos medicamentos apenas daqueles que realmente precisam. Com o preço do tratamento de segunda-linha em queda, este é o momento de começar a testar a carga viral das pessoas para garantir que elas estejam seguindo tratamentos que funcionem para elas, ao invés de aguardar até que seja tarde demais e elas adoeçam novamente ou morram
 
Fonte isaude.net

Novo exame genético para câncer de mama ajuda a evitar quimioterapia

Conhecido como PAM50, o novo teste mostrou ser tão eficaz quanto o atual Oncotype DX, com custo mais baixo
 
Novo teste genético para uma das formas mais comuns de câncer de mama vai ajudar os médicos a realizarem uma triagem mais definitiva das pacientes que têm necessidade de passar pela quimioterapia.

Equipes do The Institute of Cancer Research e do The Royal Marsden NHS Foundation Trust e Queen Mary University of London descobriram que o teste chamado PAM50 produz melhor informação à longo prazo do que os métodos atuais para determinar se o câncer de mama pode ser reincidente.

Cerca de 80% dos casos de câncer de mama são diagnosticados com receptor de estrogênio positivo (ER +). As mulheres com este subtipo podem ser tratadas com terapia hormonal, mas, para algumas casos, o risco de reincidência em10 anos leva à quimioterapia.

Atualmente, um teste chamado Oncotype DX (1) pode avaliar a probabilidade de recidiva do câncer de mama, mas o custa mais de £ 2 mil por paciente. O novo teste é mais simples e pode ser realizado no local do exame.

O estudo
Os cientistas avaliaram o RNA em amostras de tecido retiradas de pacientes 940 com ER + comparando a pontuação do exame PAM50, que analisa 50 genes relacionados com o câncer de mama, com o teste Oncotype DX, e com um teste chamado IHC4.

O teste PAM50 forneceu informações de mais longo prazo para os médicos que os testes Oncotype DX e IHC4, sendo tão eficaz como outros testes na identificação de mulheres com baixo risco de recorrência.

Segundo Mitch Dowsett, professor de Bioquímica Endocrinologia no The Institute of Cancer Research "nosso estudo descobriu que o teste PAM50 é mais eficaz do que outros métodos de fornecimento das informações para excluir pacientes com câncer de mama da quimioterapia e tem potencial de ser feito mais rapidamente."

 
Fonte isaude.net

Câmara dos Deputados aprova arquivamento do projeto da "cura gay"

Plenário arquivou a proposta a pedido do próprio autor do texto.
Foto: Luis Macedo / Câmara dos Deputados
Plenário arquivou a proposta a pedido do próprio autor do texto
O projeto derrubaria resolução do Conselho Federal de Psicologia que proíbe a realização de terapias para alterar oientação sexual
 
A Câmara dos Deputados aprovou, no ínicio da noite desta terça-feira (2), o requerimento para retirada de tramitação do projeto conhecido como projeto da " cura gay" (Projeto de Decreto Legislativo - PDC 234/11). Com a aprovação do requerimento, apresentado pelo próprio autor da proposta, deputado João Campos (PSDB-GO), a matéria será arquivada e não poderá ser reapresentada este ano.

O projeto derruba a aplicação de dispositivos de uma resolução do Conselho Federal de Psicologia (CFP), em vigor desde 1999, que proíbe os profissionais de participarem de terapias para alterar a orientação sexual e de tratar a homossexualidade como doença.

Segundo os dois dispositivos que seriam derrubados pelo projeto dizem que " os psicólogos não colaborarão com eventos e serviços que proponham tratamento e cura das homossexualidades" . Em seguida, que " os psicólogos não se pronunciarão, nem participarão de pronunciamentos públicos, nos meios de comunicação de massa, de modo a reforçar os preconceitos sociais existentes em relação aos homossexuais como portadores de qualquer desordem psíquica" .

O deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ) criticou a manobra para o arquivamento do projeto, com o argumento de que se fosse votado e rejeitado o mérito, outro projeto semelhante só poderia ser apresentado na próxima legislatura, que começa em 2015.

Para o presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), " o projeto é preconceituoso, é inconveniente, é inoportuno. E esta Casa não gostaria de vê-lo aprovado."

Restrições profissionais
Segundo João Campos, estas orientações do Conselho Federal de Psicologia " restringem o trabalho dos profissionais e o direito da pessoa de receber orientação profissional" .

Na avaliação do deputado, com esta resolução o Conselho extrapolou o seu poder de regulamentar e usurpou competência do Poder Legislativo, " incorrendo em abuso de poder, com graves implicações no plano jurídico-constitucional" .

João Campos sustenta que o decreto legislativo constitui instrumento apropriado para promover a sustação, tendo em vista que o Conselho Federal de Psicologia é entidade vinculada ao Poder Executivo.

Com informações da Agência Câmara
 
Fonte isaude.net

Homens superestiman interesse por atividade sexual mais que as mulheres

De acordo com os pesquisadores, as pessoas podem preencher as lacunas em sua memória usando os estereótipos de gênero para projetar as experiências que deveriam ter tido
De acordo com os pesquisadores, as pessoas podem preencher
as lacunas em sua memória usando os estereótipos de gênero
para projetar as experiências que deveriam ter tido
Pesquisa levantou a lembranças de atividades sexuais para medir os efeitos das doenças crônicas na vida dos pacientes
 
Tanto homens como mulheres superestimaram seu interesse na atividade sexual em pesquisa que analisou as lembranças do último mês em comparação com relatórios diários. Mas foram os homens que mais abusaram do direito de aumentar as lembranças sobre o desemprenho sexual no período.

De acordo com os pesquisadores, as pessoas podem preencher as lacunas em sua memória usando os estereótipos de gênero para projetar as experiências que deveriam ter tido. Por exemplo, um homem pode supor que, por ser homem, ele deve ser constantemente interessado em sexo e, portanto, acaba relatando um interesse maior do que realmente apresentou.

Além do gênero, também afetaram a confiabilidade das lembranças o estado de humor momento das resposta, assim como o tema relatado. Os pesquisadores recrutaram 101 homens e 101 mulheres para preencher inquéritos on-line sobre a sua saúde sexual, incluindo interesse em sexo, nível de atividade, desconforto ou disfunção, e satisfação. Mais da metade dos participantes estavam sendo tratados para doenças crônicas, como câncer, hipertensão, artrite, depressão ou diabetes. O resto dos participantes não estavam em tratamento para qualquer condição particular. Eles completaram as avaliações on-line diárias de sua função sexual durante 30 dias consecutivos, além de um único questionário online, que indagou sobre suas lembranças das atividades do mês anterior no 30º dia.

O estudo surgiu da necessidade de encontrar a melhor forma para medir os efeitos de doenças crônicas e seus tratamentos na saúde sexual das pessoas, disse o autor, Kevin P. Weinfurt, professor de psiquiatria e ciências comportamentais na Universidade de Medicina de Duke e membro do Duke Clinical Research Institute. " Sabemos que esses efeitos podem complicar a vida dos pacientes e atrapalhar seus relacionamentos."

Em contextos clínicos e de pesquisa, os pacientes são frequentemente convidados a recordar a atividade sexual realizada no mês anterior como uma maneira de controlar efeitos colaterais de certos medicamentos ou tratamentos, ou os efeitos da própria doença. No entanto, a confiabilidade e a validade dessas informações depende de como as pessoas podem relatar suas experiências durante este período de tempo.

O levantamento faz parte de um esforço para desenvolver medidas da função sexual e satisfação para o Patient-Reported Outcomes Measurement Information System (PROMIS® ) , um recurso desenvolvido pelo National Institutes of Health para disponibilizar índices médios ao público de saúde mental, física e social. As medidas podem ser utilizadas para avaliar muitos aspectos de pacientes que funcionam como terminais em estudos clínicos de tratamentos e seus efeitos colaterais.

" Ao longo dos anos, nossas entrevistas com pacientes ajudaram-nos a compreender a incrível carga das doenças crônicas sobre o funcionamento sexual e os relacionamentos íntimos" , completou Weinfurt .
 
Fonte isaude.net

Morte de mulheres por overdose de analgésicos sobe 400% nos EUA

Mortes por overdose de analgésico entre as mulheres vêm subindo de forma mais acentuada do que entre os homens desde 1999
Mortes por overdose de analgésico entre as mulheres
vêm subindo de forma mais acentuada do que entre
 os homens desde 1999
A faixa etária de maior risco para abusos é de 25 a 45 anos, mas os maiores índices de morte estão entre mulheres de 45 e 54 anos
 
Cerca de 18 mulheres morrem todos os dias de overdose de analgésico nos EUA e, para cada morte, 30 mulheres são encaminhadas às unidades de pronto atendimento pelo mesmo motivo. São mais de 6.6 mil mortes registradas somente em 2010. Cerca de 48 mil desde o ínicio da pesquisa, em 1999.

" As overdoses ocasionadas por analgésicos controlados são um problema sub-reconhecido e crescente, principalmente para as mulheres," afirma relatório do Centro de Prevenção e Controle de Doenças (CDC) dos Estados Unidos. O levantamento, divulgado nesta terça-feira (2), mostra que o número de óbitos em 2010 foi cinco vezes maior que em 1999.

Embora os homens ainda sejam a maioria nesta estatística, com mais de 10 mil mortes em 2010, a diferença entre homens e mulheres está diminuindo a cada ano.

Segundo o CDC, as mortes por overdose de analgésico entre as mulheres vêm subindo de forma mais acentuada do que entre os homens desde 1999. No período da pesquisa atual, o percentual de aumento no número de mortes foi de mais de 400% entre as mulheres em comparação com 265% em homens. Esta variação está intimamente relacionada ao aumento da prescrição desses medicamentos durante a última década.

De acordo com o estudo, a faixa etária de maior risco para abuso dos medicamentos é de 25 a 45 anos, mas as mulheres com idades entre 45-54 correm o maior risco de morte por overdose. As estatísticas mostram, ainda, que os analgésicos estão envolvidos em um a cada dez suicídios de mulheres.

Ainda segundo o levantamento, os medicamentos para o tratamento da dor e da doença mental têm riscos e benefícios. No caso das mulheres, 7 em cada 10 mortes ocasionadas por drogas controladas incluem os analgésicos. Mas as mulheres também são mais propensas que os homens a morrer de overdose por medicamentos para problemas de saúde mental, como antidepressivos. Os antidepressivos e benzodiazepínicos (ansiolíticos ou drogas do sono) levam mais mulheres do que homens para serviços de emergência. Medicamentos de saúde mental podem ser especialmente perigosos quando misturados com analgésicos e/ou álcool.

As recomendações para os profissionais de saúde são de eles devem reconhecer, primeiro, que as mulheres estão em risco de overdose por analgésico. Partindo desta premissa, os médicos devem seguir as orientações para a prescrição, incluindo rastreamento e monitoramento de abuso de substâncias e problemas de saúde mental. O CDC indica, ainda, o uso do monitoramento de medicamentos sujeitos a receita médica para identificar os pacientes que podem estar obtendo ou usando indevidamente os analgésicos.

 
Fonte isaude.net

Prefeitura de Queimados - RJ

A Prefeitura de Queimados, Rio de Janeiro, realiza concurso para provimento de 41 vagas e formação de cadastro de reserva

Inscrições:
De 13 de junho a 9 de julho pelo www.cepuerj.uerj.br

Valor:
R$ 90,00.

Cargos e vagas:
Nível Superior: Assistente Social (2), Cirurgião-Dentista (2), Contador (1), Enfermeiro - 24 horas (4), Enfermeiro - 40 horas (CR), Farmacêutico (2), Fisioterapeuta (2), Médico Clínico Geral - 20 horas (3), Médico Clínico Geral - 40 horas (CR), Médico Geriatra (1), Médico Ginecologista/ Obstetra (3), Médico Neurologista (1), Médico Neuropediatra (1), Médico Oftalmologista (3), Médico Ortopedista (3), Médico Pediatra (3), Médico Psiquiatra (3), Médico Reumatologista (CR), Médico Urologista (2), Médico-Cirurgião Geral (1), Nutricionista (2), Psicólogo (2).

Provas:
Haverá Prova Objetiva e Prova de Títulos

Prefeitura de Nova Viçosa - BA

A Prefeitura de Nova Viçosa, Bahia, realiza concurso para provimento de 91 vagas

Inscrições:
Até 7 de julho pelo www.msmconsultoria.com.br

Valor:
R$ 34,00 a R$ 100,00.

Remuneração:
R$ 678,00 a R$ 9.368,00

Cargos:
Ensino Superior - Professor I, Professor II de Artes, Geografia, História, Inglês, Matemática, Filosofia e Língua Portuguesa, Enfermeiro PSF, Enfermeiro, Enfermeiro CAPS, Ginecologista Obstetra, Odontólogo PSF e Médico PSF;
Ensino Médio - Secretário Escolar, Auxiliar de Enfermagem e Auxiliar de Gestão;
Alfabetizado/Fundamental - Auxiliar de Serviços Gerais, Auxiliar de Serviços Gerais (Vigia), Auxiliar Administrativo, Condutor de Veículos de Urgência (SAMU), Recepcionista e Motorista.

Provas:
Provas objetivas: 21 de julho

Prefeitura de Nova Araçá - RS

A Prefeitura de Nova Araçá, Rio Grande do Sul, realiza concurso para provimento de 10 vagas

Inscrições:
Até 7 de julho pelo www.objetivas.com.br 
Valor:
R$ 30,00 a R$ 50,00

Cargos:
Ensino Superior - Contador, Médico Clínico Geral, Médico Generalista, Pedagogo, Professor de Educação Infantil, Professor de Educação Física e Espanhol;
Ensino Médio - Monitor de Educação Infantil e Técnico de Enfermagem;
Ensino Fundamental - Operador de Máquinas e Operário.

Remuneração:
R$ 998,76 a R$ 9.971,36

Provas:
Haverá prova objetiva, prova prática e prova de títulos

Prefeitura de Caçador - SC

A Prefeitura de Caçador, Santa Catarina, realiza processo seletivo para preenchimento de 42 vagas

Inscrições:
Até 25 de julho, pelo www.iobv.com.br.

Cargos:
Médicos e Odontólogo.

Remuneração:
R$ 3.322,30 a R$ 11.002,00

Provas:
Haverá provas objetivas e provas de títulos.

Instituto de Infectologia Emílio Ribas - SP

O Instituto de Infectologia Emílio Ribas, São Paulo, realiza seleção para preenchimento de vagas para Médicos

Inscrições:
4 a 19 de julho de 2013

Cargos:
Hemoterapia e Hematologia

Remuneração:
A partir de R$ 2650,00

Seleção:
Haverá análise curricular

Hospital Ipiranga - SP

O Hospital Ipiranga, São Paulo, realiza concurso para provimento de 1 vaga

Inscrições:
Até 3 de julho de 2013

Cargo:
Médico I, Especialidade Dermatologia

Remuneração:
A partir de R$ 2.650,00

Seleção:
Haverá avaliação curricular.

Fundação de Ensino de Contagem - Funec/MG

A Fundação de Ensino de Contagem (Funec), Minas Gerais, realiza seleção para preenchimento temporário de 6 vagas

Inscrições:
Entre 3 e 29 de julho pelo www.contagem.mg.gov.br/concursos

Valor:
R$ 35,00.

Cargos:
Professores de Educação Básica (PEB 2) de Ensino Médio nas áreas de Análises Clínicas, Farmácia, Logística e Química.

Remuneração:
R$ 1.902,01

Provas:
Prova objetiva: 11 de agosto

Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo - Coren/SP

O Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo (Coren-SP) realiza concurso para preenchimento de 2 vagas para a Subseção de São José do Rio Preto.

Inscrições:
Até 5 de julho, na avenida Alberto Andaló, nº. 3764, Vila Redentora

Cargos:
Agentes Administrativos

Remuneração:
R$ 2.547,00

Seleção:
Haverá análise dos títulos

Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte - RN

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte - RN realiza concurso para provimento de vagas

Inscrições:
De 10 de junho a 8 de julho de 2013 pelo www.concursosfcc.com.br.
 
Valor:
R$ 68,00, R$ 89,00 ou R$ 98,00

Cargos e vagas:
Nível Superior: Analista Legislativo (10), Arquitetura (1), Analista de Sistema (3), Biblioteconomia (2), Enfermagem (2), Engenharia Civil (1), Jornalismo (1), Medicina - Clínica Geral (2), Psicologia (2), Assessoria Técnica do Controle Interno (1);

 Nível Médio: Técnico Legislativo (43), Operador de Som (3), Programador (5), Taquigrafia (5), Técnico em Hardware (4).

Remuneração:
R$ 2.609,48 a R$ 17.025,00

Provas:
Haverá provas objetivas, de redação, Estudo de Caso e Taquigrafia

Concurso Prefeitura de Silveirânia - MG

A Prefeitura de Silveirânia, no Estado de Minas Gerais, publicou edital de concurso público nº. 01/2013. O certame tem como objetivo o preenchimento de 33 vagas para profissionais de níveis fundamental, médio e superior, por salários de até R$ 2.801,56 e jornada de trabalho de 30 ou 40 horas semanais.
 
Cargos: auxiliar de serviços gerais, encarregado de praça e jardins, responsável pelo cemitério municipal, operário braçal, pedreiro, pintor, motorista, operador de máquinas, auxiliar de escritório, professor, encarregado do departamento pessoal, recepcionista, técnico administrativo, auxilar de veterinária, técnico de enfermagem, enfermeiro, farmacêutico bioquímico, fisioterapeuta, psicólogo, assistente social, contador, supervisor pedagógico e professor em educação física.
 
As inscrições deverão ser efetuadas pela internet, no site www.legitimusassessoria.com.br, no período de 26 de agosto a 29 de setembro de 2013 e presencial na sede da Prefeitura Municipal.
 
A taxa de inscrição varia entre R$ 18,96 a R$ 84,04, de acordo com o cargo.
 
O processo seletivo consistirá de provas objetivas, práticas e de julgamento de títulos.
 
As provas objetivas serão realizadas provavelmente no dia 20 de outubro de 2013, em locais e horários a serem divulgados na sede da Prefeitura de Silveirânia, em locais públicos do município e no site - www.legitimusassessoria.com.br, a partir do dia 08 de outubro de 2013.
 
As provas práticas serão aplicadas na data provável de 03 de novembro de 2013, em locais e horários que serão divulgados a partir do dia 29 de outubro de 2013, na sede da Prefeitura de Silveirânia, em locais públicos do município e no site - www.legitimusassessoria.com.br.
 
O gabarito provisório para a conferência do desempenho dos candidatos será publicado pela comissão de concurso até o 2º dia útil após a realização das provas no quadro de avisos da Prefeitura e através do site www.legitimusassessoria.com.br.
 
O prazo de validade do concurso será de dois anos, a contar da data de sua homologação, podendo ser prorrogado, uma vez, por igual período, a critério do Prefeito de Silveirânia.

Prefeitura de Sandovalina (SP) abre processo seletivo

A Prefeitura de Sandovalina, no estado de São Paulo, está realizando processo seletivo regido pelo edital nº. 002/2013. O certame visa preencher 04 vagas de nível médio para o cargo de Agente de controle de Vetores. A remuneração pode chegar a R$ 678,00.
 
Ficam reservadas 5% das vagas às pessoas portadoras de necessidades especiais.
 
Inscrição
As inscrições, no valor de R$ 32,00, serão realizadas no site www.consesp.com.br, até o dia 05 de julho de 2013.
 
Prova
As provas objetivas serão realizadas no dia 14 de julho de 2013, às 14h30, em locais a serem divulgados por meio de edital próprio que será afixado no local de costume da Prefeitura, por meio de jornal com circulação no município e do site www.consesp.com.br, com antecedência mínima de 3 dias.
 
O gabarito oficial será disponibilizado no site www.consesp.com.br, entre às 13h e às 18h da segunda-feira subsequente à data da aplicação da prova e permanecerão no site pelo prazo de 2 dias.
 
Validade
A validade do processo seletivo será de 3 meses, contado da homologação final dos resultados, podendo haver prorrogação por igual período, a critério da administração.

Prefeitura de Parobé (RS) tem inscrições prorrogadas

A Prefeitura de Parobé, no estado do Rio Grande do Sul, publicou edital n° 017/2013 de processo seletivo, objetivando a contratação de 04 Psicopedagogos e 01 profissional habilitado a prestar atendimento à Crianças com Deficiência  Visual, por prazo determinado, para desempenhar as funções no âmbito da Secretaria Municipal de Educação.

As vagas providas são para cargos de níveis médio e superior, com salários de até R$ 1.522,52 por carga horária de 20 e 30 horas semanais.
 
As inscrições foram prorrogadas e serão realizadas até o dia 05 de julho de 2013, das 13h30min às 17h30min, junto a Secretaria Municipal de Educação, sito à Rua Fernando Saft, 285, Centro, Parobé - RS.

O certame será realizado mediante de Prova de Avaliação de Títulos, através da pontuação dos Títulos apresentados, em uma escala de zero a cinquenta pontos.

O resultado final dos Candidatos classificados será divulgado no prazo de até três dias, mediante afixação no Quadro Mural Oficial da Prefeitura Municipal de Parobé/RS.

Prefeitura de Urupema (SC) abre vagas

A Prefeitura de Urupema, Estado de Santa Catarina, lançou os editais nºs. 01 e 02/2013 para realização de processo seletivo e concurso público. A seleção será  executada pela empresa clicksolucoesinteligentes e destina-se na contratação de 15  profissionais para cargos de níveis fundamental, médio e superior. O salário varia entre R$ 678,00 a R$ 12.802,67 por jornada de trabalho de 10, 20, 30 e 40 horas semanais.
 
São reservadas às pessoas portadoras de necessidades especiais, 5% das vagas, por cargo oferecido, cujas atribuições sejam compatíveis com a deficiência de que são portadoras.

Cargos
Agente Comunitário de Saúde, Técnico em Saúde Bucal, Técnico em Enfermagem, Técnico em Informática, Enfermeiro, Nutricionista, Assistente Social, Médico e Odontólogo.
 
Inscrição
As inscrições estarão abertas do dia 05 de julho à 05 de agosto de 2013, somente via internet, pelo site www.clicksolucoesinteligentes.com.br.

A taxa de inscrição é de R$ 30,00 (nível fundamental), R$ 50,00 (nível médio) e R$ 80,00 (nível superior).
 
Prova
A prova escrita está prevista para ser aplicada no dia 25 de agosto de 2013, com duração máxima de 3 horas e duração mínima de 1 hora, das 9h às 12h, em local a ser divulgado no edital de homologação das inscrições.
 
Os gabaritos das provas escritas serão disponibilizados no mural interno da Prefeitura Municipal e nos sites www.cidademaisfriadobrasil.com.brwww.urupema.sc.gov.br e www.clicksolucoesinteligenes.com.br, a partir do dia 26 de agosto de 2013.

Prefeitura de Natividade da Serra (SP) realiza processo seletivo

A Prefeitura de Natividade da Serra, no estado de São Paulo, abriu edital N° 033/2013 de processo seletivo, com a intenção de ocupar 19 vagas para profissionais de níveis fundamental, médio e superior, com salários de até R$ 2.129,57, em carga horária de 30 e 44 horas semanais.

As vagas são para os cargos de Enfermeiro, Assistente Social, Farmacêutico, Auxiliar de Enfermagem, Motorista e Assistente Administrativo.

As inscrições seguem abertas até o dia 05 de julho de 2013, no horário das 08:00 às 11:30 e de 12:30 às 16:00 horas, na sede da Prefeitura Municipal de Natividade da Serra, no Departamento de Tributos, situada à Rua José Fernandes da Silva nº 28, centro, Natividade da Serra - SP. As taxas variam de R$ 15,00 a R$ 20,00 de acordo com o cargo escolhido.

As provas serão aplicadas na data prevista de 14 de julho de 2013, às 09:00 horas, na Escola EMEF "Isabel Cristina de Menezes Menecucci" (Anexo a Escola EE "Figueira de Toledo"), na Rua Cel. José Lopes Figueira de Toledo - Centro - Natividade da Serra - SP

O gabarito e resultado oficial da prova serão divulgados no site www.natividadedaserra.sp.gov.br.

O prazo de validade do certame é de 06 meses, podendo ser prorrogado por igual período se houver interesse da administração.

Concurso Liquigás Distribuidora 2013

A Liquigás, empresa que atua no engarrafamento, distribuição e comercialização de Gás Liquefeito de Petróleo, disponibilizou seu  novo edital de processo seletivo público (nº 1/2013). Sob a responsabilidade da  Fundação Cesgranrio, o certame visa preencher 136 vagas e formar banco de reservas para ocupação de vagas futuras em cargos de níveis fundamental, médio e superior.
 
A inscrição deverá ser efetuada, no período entre 04 e 22 de julho de 2013, na página da FUNDAÇÃO CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br), mediante o pagamento de valores entre R$ 30,00 e 60,00, dependendo do cargo pretendido. O edital e demais informações encontram-se no mesmo endereço eletrônico.
 
Cargos e salários básicos
O processo seletivo público será constituído de provas objetivas e discursivas, além de outras etapas, a serem aplicadas aos cargos, conforme especificações e diferenciações expostas no edital.
 
As oportunidades para quem possui nível fundamental são para os cargos de Ajudante de carga/ descarga I, Conferente I e Oficial de produção I. Para esses cargos, a remuneração básica pode chegar a R$ 1.247,91. Quem possui nível médio pode disputar as chances Assistente administrativo I, Ajudante de motorista granel I, Motorista de caminhão granel I, Oficial de manutenção I elétrica, Oficial de manutenção I eletrônica, Oficial de manutenção I mecânica, Técnico(a) de instalações I, Técnico(a) de projetos I Edificações, Técnico(a) de projetos I Eletromecânica, Técnico(a) de segurança do trabalho I. O salário básico é de até R$ 2.257,11.
 
As vagas de nível superior são para os cargos de Engenheiro(a) júnior - Civil, Engenheiro(a) júnior - Elétrica, Engenheiro(a) júnior - Especialização em Meio Ambiente, Engenheiro(a) júnior - Especialização em Segurança do Trabalho, Engenheiro(a) júnior - Mecânica, Engenheiro(a) júnior - Telecomunicações, Profissional júnior - Administração, Profissional júnior - Auditoria, Profissional júnior - Ciências Contábeis, Profissional júnior - Ciências Econômicas, Profissional júnior - Comunicação Social, Profissional júnior - Direito, Profissional júnior - Tecnologia da Informação - Análise de Sistemas e Profissional de vendas - júnior. Esses cargos podem ter remuneração básica de até R$ 4.086,41.
 
Os profissionais contratados poderão atuar nos seguintes polos de trabalho: Amapá, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.
 
Provas e resultado
As provas objetivas para todos os cargos e a prova discursiva exclusivamente para o cargo de Profissional Júnior - Direito serão aplicadas provavelmente em 25 de agosto de 2013, com divulgação dos gabaritos um dia depois.
 
O Exame de Capacitação Física, apenas para os cargos de Ajudante de Carga/Descarga I e de Oficial de Produção I, será realizado nos dias 02 e 03 de novembro de 2013.
 
A divulgação e homologação do resultado final (para todos os cargos, exceto para o cargo de Profissional de Vendas

Júnior nos polos de trabalho dos estados do Ceará, Maranhão, Minas Gerais, Paraná, e Rio de Janeiro e do Distrito

Federal) será feita provavelmente no dia 21 de novembro de 2013.