Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


sexta-feira, 27 de abril de 2012

Venda de remédios em supermercado é alvo de críticas

O setor de farmácias e drogarias reagiu negativamente à aprovação anteontem, pelo Senado, de uma medida provisória que libera a venda de remédios que não precisam de receita em supermercados, armazéns e empórios.

"A medida é um grave risco à saúde do consumidor", avaliou Sérgio Mena Barreto, presidente da Abrafarma (Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias).

"Se os supermercados querem vender remédios, eles podem abrir farmácias", disse.

Para o bioeticista Volnei Garrafa, da Universidade de Brasília, a aprovação da venda de remédios fora da farmácia é um "retrocesso".

"Em países com sistema de saúde rigoroso, como alguns na Europa, as vendas são nas farmácias, que contam com farmacêuticos o tempo todo."

Para ele, a medida foi "importada" de países como os EUA, que permitem a venda de medicamentos sem prescrição em supermercados.

"Mas no Brasil temos uma disparidade socioeducacional muito grande. As pessoas poderiam acabar trocando a compra de frutas por vitaminas em cápsulas", disse.

Na opinião do presidente do Conselho Federal de Farmácia, Walter da Silva Jorge João, a liberação representa uma "irresponsabilidade".

"O Brasil já tem um dos mais altos índices de automedicação do mundo. Com certeza, essa medida só irá agravar esse quadro", avalia.

Segundo ele, a quantidade de vítimas de intoxicações e efeitos adversos de medicamentos não recomendados pode aumentar perigosamente. "O que representa, além de mais internações, elevação nos gastos públicos com saúde", completa.

"Contrabando"
A Folha tentou contato com o deputado Sandro Mabel (PMDB-GO), relator do projeto na Câmara e no Senado. A assessoria de imprensa do político informou que ele está viajando e não poderia falar com a reportagem.

A proposta de venda de remédios em supermercados foi inserida em um texto que tratava originalmente da desoneração de produtos para portadores de necessidades especiais. A ação foi classificada como "contrabando" entre alguns parlamentares.

A proposta surpreendeu até quem é do setor. "Não conhecíamos essa discussão", disse Aurélio Saez, da Abimip (Associação Brasileira da Indústria de Medicamentos Isentos de Prescrição).

O texto agora será encaminhado para sanção da presidente Dilma Rousseff.

Fonte Folhaonline

Plano mensal: siga estas 30 dicas e fique longe da hipertensão

Dados do Ministério da Saúde apontam que a hipertensão atinge 22,7% dos brasileiros em idade adulta. Em idosos, essa porcentagem é ainda maior - 59,7% da terceira idade sofre com hipertensão no Brasil. Responsável por 40% dos infartos, 80% dos acidentes vascular cerebral (AVC) e 25% dos casos de insuficiência renal terminal, a hipertensão é uma doença silenciosa, que precisa de cuidados para vida toda.

A nefrologista Kátia Ortega, da Sociedade Brasileira de Hipertensão, afirma que a obesidade e o sedentarismo são os principais fatores de riscos para a doença. "No entanto, existem diversas hábitos e condições de saúde que podem contribuir para o quadro", diz. O cuidado para prevenção e controle da doença é diário. Confira abaixo a estratégia numa lista de 30 dica para combater a doença:

1.Verifique a sua pressão
A Sociedade Brasileira de Hipertensão recomenda que mesmo quem não sofre de hipertensão precisa ficar atento e aferir (medir) a pressão ao menos uma vez por ano, ajudando na prevenção e tratamento da doença. O ideal é que a pressão arterial esteja abaixo de 120x80, sendo mais do que isso considerado de risco.

2.Observe seu histórico Familiar
Segundo o estudo realizado pela Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, mais de 80% das pessoas com hipertensão possuem histórico familiar da doença. "Verificar a incidência da hipertensão e outros membros da família pode ajudar a pessoa a manter os bons hábitos desde cedo, se prevenindo contra uma doença que muitas vezes não apresenta qualquer sintoma", afirma o cardiologista Ivan Clordovil, do Instituto Nacional de Cardiologia.

3.De olho na cintura!
Controlar o peso é o primeiro passo para prevenir e tratar a hipertensão. Além disso, pessoas com uma circunferência abdominal acima do recomendado usualmente apresentam resistência à insulina. "Para o organismo manter os níveis de glicose no sangue normais, é necessário um excesso de produção de insulina, contribuindo para elevar a pressão arterial", afirma o cardiologista Willian. De acordo com o médico, a circunferência máxima admitida como normal para mulheres é 88 centímetros e para homens 102 centímetros.

4.Reduza o consumo de sal pela metade
Segundo o cardiologista Ivan Cordovil, do Instituto Nacional de Cardiologia, o brasileiro come aproximadamente o dobro do que deveria de sal, alimento que é principal fonte de sódio, um dos vilões da pressão alta. "Alguns alimentos já tem quantidades de sal, por conta disso a recomendação é acrescentar apenas três gramas de sal às nossas refeições por dia", diz.

O cardiologista Ivan explica que uma colher rasa de café tem aproximadamente um grama de sal, podendo ser usada como medida - duas colheres no almoço e uma no jantar, por exemplo. "O uso excessivo de sal levará a um aumento do sódio na pressão sanguínea, que vai reter o liquido presente sangue, aumentando a produção de liquido pelo organismo e consequentemente elevando a pressão arterial", explica Ivan Cordovil. Para reduzir o consumo de sal, opte por temperos naturais nas refeições como ervas e azeite de oliva.

5.Pratique exercícios físicos
A atividade física é essencial para o controle da pressão arterial. "Praticar uma hora de exercício cinco dias por semana já é capaz de reduzir peso e baixar a pressão arterial sistólica - é a pressão máxima do ciclo cardíaco, e ocorre quando o coração bombeia o sangue para o corpo", explica o membro do Instituto Nacional de Cardiologia Ivan Cordovil. Ele conta que a prática de atividade física libera substâncias vaso dilatadoras, que auxiliam no controle da pressão. "Podem ser exercícios aeróbicos, musculação, qualquer atividade que tire o indivíduo do sedentarismo e respeite seus limites, de acordo com a idade e condições físicas."

6.Procure dormir melhor
Pessoas que sofrem com distúrbios do sono, principalmente a apneia, tem mais chances de sofrer com hipertensão arterial e insuficiência cardíaca congestiva, ou seja, o coração não consegue bombear o sangue para o resto do corpo. O odontologista especialista em apneia Fausto Ito, membro da Associação Brasileira do Sono, explica que a passagem do ar pela faringe fica obstruída durante o episódio de apneia e, por causa disso, o organismo libera adrenalina como reação de defesa. "Em resposta à descarga de adrenalina, os vasos sanguíneos se contraem e há menos espaço para o sangue circular, aumentando a pressão", diz.

7.Cuidado com o uso de medicamentos
Existem diversos remédios que podem aumentar a pressão arterial. De acordo com o cardiologista Alexandre Murad Neto, da clínica Delboni, em São Paulo, antidepressivos, anticoncepcionais orais, anti-inflamatórios, corticoides, sibutramina e dilatadores nasais são alguns exemplos de medicamentos que alteram a pressão arterial. "Por isso é de extrema importância que se consulte um médico antes de começar a tomar qualquer tipo de medicamento", afirma.

8.Estresse
Situações de estresse ocasionam o aumento momentâneo da pressão arterial, como resposta às sobrecargas físicas e emocionais do indivíduo. O cardiologista Willian Esteves, do Hospital Vera Cruz, conta que alguns dados apontam que o estresse psicológico crônico tem influência no desenvolvimento de hipertensão. "Porém, é necessária a presença de outros fatores de risco para desenvolvimento da hipertensão que coexistem com o estresse, como o sedentarismo e a obesidade."

9.Diabetes
Diabetes e hipertensão arterial são duas alterações clínicas que costumam caminhar em conjunto. O cardiologista José Luiz conta que é comum ocorrerem alterações vasculares nas pessoas com diabetes, com interferência na função renal do paciente. "Esse descontrole leva a descompensação da pressão arterial e piora as situações clínicas", diz. Além disso, a resistência à insulina favorece a entrada de sódio nos vasos sanguíneos, aumentando a pressão arterial. "Por isso, manter níveis de glicemia adequados previne as alterações vasculares do paciente, com resultados benéficos para a hipertensão", completa José Luiz.

10.Consumir mais amêndoas e nozes
Por serem boas fontes de magnésio, amêndoas e nozes atuam como vasodilatadores (capacidade de aumentar os vasos sanguíneos), auxiliando no controle da pressão arterial. Outras fontes de magnésio são verduras como couve e escarola, legumes, como beterraba e mandioca, e cereais como aveia, cevada e arroz integral.

11.Evite exagerar no consumo de álcool
O consumo excessivo de álcool irá sobrecarregar o fígado e produzirá substâncias semelhantes à adrenalina, que tem como função aumentar a pressão arterial. "Para quem gosta de beber, a ingestão de bebida alcoólica deve ser moderada. O limite considerado adequado é de 30g de álcool, o que corresponde a 600 ml de cerveja, 250 ml de vinho ou 60ml de destilados". Lembrando que o consumo moderado de vinho, principalmente o tinto, pode até mesmo contribuir para a estabilização da pressão arterial, trazendo benefícios ao nosso organismo.

12.Consuma mais alimentos ricos em potássio
Esse nutriente age estimulando a eliminação do sódio presente no corpo, diminuindo a retenção de líquidos e a pressão arterial. Dessa forma, alimentos ricos em potássio são muito recomendados para hipertensos ou pessoas no grupo de risco para hipertensão. "O potássio está presente no inhame, no feijão preto, na abóbora, na cenoura, no espinafre, no maracujá, na laranja, na banana e em diversos outros alimentos", explica a nutricionista Cátia Medeiros, da clínica Espaço Nutrição.

13.Coma mais frutas e vegetais
Segundo a nefrologista Kátia, as frutas e os vegetais são os melhores amigos de quem quer prevenir a hipertensão. "Eles contribuem para uma dieta balanceada, rica em nutrientes e pobre em gorduras saturadas (frituras) e açúcar, diminuindo os riscos de obesidade, principal fator de risco para a hipertensão", afirma.

14.Consuma mais cereais integrais
Eles reduzem as chances de diabetes, previnem o câncer, ajudam a manter o peso e ainda são grandes combatentes da hipertensão. Motivos não faltam para incluir cereais integrais, como farelo de aveia e gérmen de trigo, na sua dieta. "O grande mérito desses alimentos é a concentração de magnésio, que estimula a dilatação dos vasos sanguíneos, reduzindo a retenção de líquidos", explica Cátia Medeiros.

15.Coma mais alho
Pesquisadores da Universidade de Adelaide (Austrália) concluíram que o consumo de alho pode ajudar a controlar e prevenir a hipertensão tanto quanto medicamentos para esse fim. Isso porque o alho contém diversos elementos que auxiliam a dilatação dos vasos sanguíneos, reduzindo a pressão e facilitando a circulação do sangue.

16.Coloque as proteínas vegetais no prato
Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Medicina de Northwestern, em Chicago (EUA), revelou que o ácido glutâmico, encontrado nas proteínas vegetais - como a soja, lentilha, grão de bico e feijão -, tem alto poder de redução da pressão arterial. Foram observadas mais de 4.600 pessoas de meia-idade que ingeriram quantidades distintas de alimentos compostos por ácido glutâmico. A conclusão é de que o ácido glutâmico combinado com demais aminoácidos interfere diretamente na pressão arterial por reduzir e ajudar no metabolismo do sal no organismo.

17.Opte por carnes magras
Não é necessário eliminar a carne no cardápio para prevenir ou controlar a hipertensão. Porém, a nefrologista Kátia Ortega explica que é importante optar por carnes mais magras, como peixes, frango e cortes magros de carne vermelha, como filé mignon e músculo. "Fazer escolha saudáveis ajuda a diminuir o acúmulo de gordura, prevenindo contra obesidade e consequentemente contra a hipertensão", diz.

18.Reduza o consumo de gordura saturada e açúcar
Para ajudar a diminuir o peso e o risco de hipertensão, a membro da Associação Brasileira de Hipertensão Kátia Ortega recomenda ficar longe do açúcar e das gorduras saturadas. "Cortar as calorias vazias de alimentos processados, doces e refrigerantes contribui para a perda de peso e diminui os níveis de sódio em nosso sangue", diz.

19.Seja mais otimista
A Universidade de Michigan comprovou por meio de um estudo que manter o bom humor e o otimismo contribui não só para baixar a pressão arterial, como também ajuda a preservar nossa saúde por completo. Os estudiosos acompanharam adultos acima dos 50 anos e pediram para eles escolherem um número de 1 a 16 para definir seus níveis de bom humor. Após dois anos de estudo, os pesquisadores descobriram que cada ponto a mais se traduzia em uma queda de 9% no risco de a pessoa sofrer doenças cardiovasculares. Os pesquisadores acreditam que o otimismo pode ajudar a baixar os hormônios do estresse, aumentar a imunidade e promover comportamentos de estilo de vida positivos, como tomar vitaminas e exercício, hábitos que mantem nosso corpo longe da hipertensão. 

20.Aposte nas frutas vermelhas
Uma pesquisa publicada no American Journal of Clinical Nutrition comprova que os flavonoides das frutas vermelhas são capazes de oferecer proteção contra a hipertensão. A equipe de cientistas estudou 134 mil mulheres e 47 mil homens durante um período de 14 anos e descobriu que o consumo de frutas como mirtilo, framboesa, amora e morango reduziu o risco de desenvolver a doença em 10%. "As atividade antioxidante proporcionada por essas frutas também nos protege contra os efeitos do envelhecimento, que estão associados aos radicais livres", explica a nutricionista Mayumi Shima, do Hospital Albert Einstein.

21.Corte os cigarros
A complicação cardiovascular decorrente do cigarro afeta até mesmo o fumante passivo. Pesquisadores do Departamento de Cardiologia do Hospital Erasme e a Univesité Libre de Bruxelles, na Bélgica, comprovaram que respirar as substâncias do cigarro afetam várias funções do sistema vascular arterial - e mesmo quando já não há mais fumaça no ar. Segundo a nefrologista Kátia, essa elasticidade traz danos para a manutenção de uma pressão arterial saudável, além de poder evoluir para outros problemas, como o AVC.

22.Consuma mais fontes de vitamina D
Um estudo realizado pela Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, revelou que 20% dos casos de hipertensão em mulheres estão associados a baixos níveis de vitamina D no organismo. Mas não são apenas as mulheres que se beneficiam, os homens também. Isso se dá porque a vitamina D é a principal responsável pelo controle do enrijecimento das artérias, e a falta desse nutriente faz com que o organismo precise trabalhar três vezes mais para manter seu equilíbrio circulatório, o que gera um aumento na pressão. A vitamina D pode ser encontrada em alimentos como a manteiga, gema de ovo e fígado, mas sua principal fonte é a luz solar.

23.Inclua mais leite e derivados no cardápio
Esses alimentos não podem ficar de fora da dieta de pessoas com hipertensão por conta das suas altas quantidades de cálcio. Segundo Cátia Medeiros, esse nutriente atua na diminuição da pressão sanguínea, uma vez que estimula a eliminação de sódio. "A grande vantagem desses alimentos é o fato de pequenas porções apresentarem grande concentração do mineral", afirma. A nutricionista ainda recomenda que sejam consumidas as versões desnatadas e com baixo teor de gordura, como o queijo branco.

24.Pratique a meditação
O National Institutes of Health fez vários estudos durante 20 anos para entender os efeitos da Meditação Transcendental (MT) e outras técnicas sobre doenças cardiovasculares. Os estudos, no geral, apontaram que essa técnica pode relaxar os vasos sanguíneos, ajudando no tratamento de hipertensão, reduzir a síndrome metabólica, combater aterosclerose e prevenir ataques cardíacos e derrames.

25.Pratique a Ioga
De acordo com pesquisadores na Índia, a prática regular de ioga pode melhorar a sua saúde do coração. Os pesquisadores descobriram que a ioga melhora o controle da pressão arterial e da frequência cardíaca, o que é benéfico para um coração saudável.

26.Coma mais chocolate amargo
De acordo com um estudo feito na Universidade de Harvard (EUA), as substâncias antioxidantes presentes no cacau podem ajudar a relaxar as artérias e melhorar o fluxo sanguíneo para o coração em até 4%. Porém, a nutricionista Cátia afirma que é preciso estar alerta: muitos chocolates vêm com adição de açúcar e gordura. "O melhor a fazer é apostar no chocolate amargo, que tem cerca de 70% de cacau.".

27.Trabalhe menos horas por dia
Um recente estudo britânico publicado no Annals of Internal Medicine descobriu que trabalhar mais de 10 horas por dia pode aumentar o risco de hipertensão em mais de 60%. Por isso, se você tem que trabalhar longas horas, é importante manter um estilo de vida saudável e monitorizar regularmente a sua pressão arterial e os níveis de colesterol para manter a saúde em dia. Outra sugestão é passar mais tempo com os amigos e familiares - um estudo da Universidade da Califórnia descobriu que adultos solitários são mais propensos a desenvolver doença cardiovascular do que aqueles que regularmente passam tempo com os amigos ou entes queridos.

28.Dê atenção ao ovário policístico
A síndrome dos ovários policísticos deve ser acompanhada, pois trata-se de uma doença endocrinológica que, se não for controlada, gera alterações do metabolismo dos açúcares, aumentando a concentração sanguínea. "Dessa forma, as pacientes podem ter um risco maior de desenvolver diabetes e hipertensão", explica o cardiologista José Luiz Cassiolato, do Hospital 9 de Julho. Além disso, ele afirma que cerca de 50% das mulheres com síndrome dos ovários policísticos tem obesidade, que é um fator de risco para o desenvolvimento da hipertensão arterial.

29.Mulheres precisam dar mais atenção para a menopausa
Ao atingir a menopausa, a mulher deixa de produzir o estrogênio, hormônio que protege os vasos sanguíneos e ajuda a prevenir alterações vasculares. "Com a falta desse hormônio e perda desse fator protetor, as mulheres passam a ter mais rigidez dos vasos, o que contribui para a hipertensão arterial", explica a nefrologista Kátia Ortega, da Sociedade Brasileira de Hipertensão.

30.Previna a constipação
Um estudo publicado no American Journal of Medicine descobriu que mulheres que sofrem com prisão de ventre no período pós-menopausa têm um maior risco de hipertensão e doença cardíaca do que aquelas que tinham um intestino regular. Os pesquisadores dizem que a constipação não é o que aumenta o risco, mas os fatores associados a esse mal, como uma dieta pobre em fibras e uma vida sedentária. Os especialistas recomenda a prática de exercícios, o consumo de alimentos ricos em fibras e a ingestão de dois litros de água por dia.

Fonte Minha Vida

Espumantes fazem bem à saúde

Bebida ajuda na digestão e no combate à pressão alta

Um estudo da Universidade de Reading, do Reino Unido, chegou a conclusão que beber espumante com moderação faz bem à saúde. Além disso, a bebida também tem baixo índice calórico. Segundo os pesquisadores, isso se deve ao fato dos espumantes serem produzidos por vinhos tintos, que contêm em sua fórmula os polifenóis, que ajudam na liberação do óxido nítrico. Este promove o relaxamento dos vasos evitando a aterosclerose.

Os médicos recomendam o consumo dos espumantes feitos com o vinho tinto, justamente por essas propriedades. Além disso, vinhos são diuréticos e ajudam na função pulmonar. Os espumantes também são ricos em potássio, magnésio e gás carbônico, melhorando a digestão e no combate à pressão alta.

Fonte R7

Michael J. Fox banca pesquisa de franceses sobre Parkinson

mjfox
As provas serão realizadas em centros clínicos de Baltimore e Los Angeles

A fundação Michael J. Fox patrocinará um teste clínico sobre um inibidor do laboratório francês Sanofi para o tratamento de Parkinson, informaram nesta quinta-feira as duas empresas.

Segundo um comunicado oficial, a fundação Michael J. Fox - criada pelo ator de mesmo nome diagnosticado com Parkinson - patrocinará o teste clínico para avaliar a segurança e tolerância do remédio "AVE 8112" em afetados pela doença neurodegenerativa e crônica.

A nota ainda informa que "todos os dados e resultados gerados no teste clínico serão propriedade da fundação e compartilhadas com Sanofi".

As provas serão realizadas em centros clínicos de Baltimore e Los Angeles, nos Estados Unidos.

Ao ator Michael J. Fox, de 50 anos, foi diagnosticado com a doença em 1991. Sete anos depois, passou por uma operação cirúrgica no cérebro para reduzir os tremores que sofria.

O Parkinson, a segunda doença neurodegenerativa mais frequente em maiores de 65 anos depois do alzheimer, se caracteriza, entre outros sintomas, por tremores, rigidez muscular, lentidão e dificuldade para iniciar movimentos e problemas de estabilidade e coordenação.

Fonte R7

Norte e Nordeste têm a maior redução de filhos na última década

Censo do IBGE aponta que regiões, que tinham as médias mais altas, desaceleraram

A média de filhos por família caiu na primeira década do século 21, indo de 2,38 em 2000 para 1,90 em 2010, segundo censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Mas, dessa redução, o número mais significativo é das regiões Norte e Nordeste, que tinham os maiores números.

Em 2000, a média do Norte era de 3,16 filhos por família, a maior do Brasil. Agora, em 2010, a contagem foi de 2,47 — queda de 21,8%. No entanto, a região ainda tem a maior média.

Já o Nordeste teve a maior queda do Brasil, de 23,4%. Na medição anterior, a média era de 2,69. Agora, foi de 2,06.

As outras regiões também tiveram redução, todas caindo para menos de dois filhos por família: o Sul foi de 2,24 para 1,78 (menos 20,6%); o Sudeste foi de 2,10 para 1,70 (menos 19%); e o Centro-Oeste caiu de 2,25 para 1,92 (queda de 14,5%).

Na medição por Estado, a menor média do censo de 2010 foi a de 1,67, de São Paulo, encostada na do Rio de Janeiro, de 1,68. A mais alta foi do Acre, com 2,82.

Fecundidade
Já a medição de fecundidade teve um dado interessante: mulheres têm ficado menos grávidas do que ficavam na faixa entre 15 e 29 anos, enquanto a média cresceu para mulheres após os 30 anos.

Ou seja, as mulheres estão ficando grávidas cada vez mais tarde.

Em 2000, as taxas eram: de 15 a 19 anos, 18,8%; de 20 a 24 anos, 29,3%, de 25 a 29 anos, 24,3%; de 30 a 34 anos, 15,8%; de 35 a 39 anos, 8,5%; de 40 a 44 anos, 2,8%; de 49 a 49 anos, 0,4%.

Agora, na medição de 2010, as taxas foram: de 15 a 19 anos, 17,7%; de 20 a 24 anos, 27%, de 25 a 29 anos, 24%; de 30 a 34 anos, 18%; de 35 a 39 anos, 9,9%; de 40 a 44 anos, 3%; de 49 a 49 anos, 0,5%.

Todas as médias cresceram dos 30 anos para frente, enquanto todas diminuíram dos 30 anos para trás.

Fonte R7

Mexicana mãe de trigêmeos está grávida de nove bebês

Ela deve dar à luz no dia 20 de maio

Uma mexicana está grávida de nove bebês – seis meninas e três meninos – foi apresentada no canal Televisa, do México, nesta quinta-feira, segundo a agência de notícias Reuters.

Karla Vaness Prerez já é mãe de trigêmeos, de acordo com o site britânico Daily Mail. Ela mora em Coahuila, fronteira com o Texas, e está sendo tratada em um hospital de Saltillo, capital do Estado.

A gestante passou por tratamento de fertilidade para gravidez múltipla e deve dar à luz no dia 20 de maio, segundo a agência local de notícias Notimex. Ela ainda não escolheu o nome das crianças.

— Ainda é muito cedo para pensar nos nomes dos bebês. Primeiro eu espero que as dê tudo certo.

Se tudo ocorrer bem, o parto deve ser um doa maiores nascimentos múltiplos que se tem notícia em todo o mundo.

Em 2009, uma mulher da Califórnia chamada Nadya Suleman deu à luz a oito bebês e chamou a atenção da imprensa mundial.

Fonte R7

Consumo de café pode reduzir o câncer de pele

As mulheres são as maiores beneficiadas, diz pesquisa

Pesquisas feitas em ratos concluíram que o consumo diário de café reduz o risco de câncer de pele, o basalioma. O estudo foi comandado por cientistas americanos e publicado em revistas científicas dos Estados Unidos. A explicação é que a cafeína age como uma espécie de unguento, diminuindo assim o risco de câncer de pele.

A pesquisa descobriu que as mulheres são as maiores beneficiadas com a cafeína na prevenção do câncer de pele. Mulheres que bebiam mais de três xícaras de café por dia corriam 20% menos risco de desenvolver carcinoma de célula basal, em comparação com as que bebiam menos de uma xícara de café em um mês. Já os homens não são tão beneficiados com a cafeína, concluíram os estudiosos.

Os que consomem café têm apenas 9% de risco em comparação às mulheres. Segundo os médicos, embora o carcinoma basocelular seja uma forma menos letal da doença e que raramente é fatal, esse câncer de pele possibilita o desenvolvimento de outros tipos da doença.

Fonte R7

Nozes evitam problemas no coração

Ela reduz taxas de colesterol e a formação de coágulos no sangue

Consumida nos países frios, a noz aparece sempre no Brasil na época de Natal. Geralmente são desprezadas e servem apenas para enfeitar as bem servidas mesas natalinas. No entanto, pesquisas recentes apontam o seu poder no combate a problemas do coração.

Um estudo americano garante que a ingestão de uma noz por dia reduz em até 65% o risco de doenças cardíacas. A noz tem o poder de reduzir as taxas de colesterol e a formação de coágulos no sangue, além de ter ação anti-inflamatória. Além disso, a noz também traz em sua fórmula fósforo, potássio e pouco sódio, que fortalecem o músculo cardíaco. Antioxidantes como a vitamina E o selênio também são encontrados na fruta largamente consumida na China, pois a nogueira, árvore que origina a noz, é natural da Ásia.

Fonte R7

Levedo de cerveja ajuda a desintoxicar o organismo

Rico em vitaminas do complexo B, auxiliam os sistemas digestivos e nervosos

Fermento natural usado na fermentação da cereja, o levedo de cerveja também promove muitos benefícios ao organismo. Por ser rico em vitaminas do complexo B e sais minerais, ele ajuda no sistema imunológico e auxilia o fígado a desintoxicar o organismo. Em sua fórmula são encontrados também vitamina A, sais minerais como cromo, zinco, cálcio, ferro, fósforo e selênio.

O levedo é rico em vitaminas do complexo B, que auxiliam os sistemas digestivos e nervosos. A levedura também ajuda a recompor a flora intestinal auxiliando ao bom funcionamento do intestino e, assim, auxilia organismo a eliminar as toxinas do organismo beneficiando a beleza da pele. Seus nutrientes beneficiam o tratamento da acne, eczema e psoríase. A levedura de cerveja pode ser consumida em pó, adicionada a alimentos crus ou cozinhados, polvilhada sobre saladas, caldos, frutas e iogurtes.

Fonte R7

Estudo mostra que comer frutas vermelhas pode retardar o declínio cerebral

Descobertas têm implicações significantes para saúde pública, diz médica

Mulheres que consomem grande quantidade de blueberries (mirtilo) e morangos sofrem um declínio mental causado pela idade mais lento em comparação com mulheres que consomem poucas frutas ricas em flavonoides, afirma um estudo americano divulgado nesta quinta-feira (26).

Baseados em uma pesquisa com mais de 16 mil mulheres que responderam a questionários regulares sobre seus hábitos de saúde de 1976 a 2001, os resultados mostram que as que comiam mais dessas frutas atrasaram o declínio cognitivo em até 2,5 anos.

A cada dois anos de 1995 a 2001 os pesquisadores mensuraram as funções mentais de pessoas com mais de 70 anos, de acordo com o estudo publicado nos Anais de Neurologia.

Elizabeth Devore, médica do Hospital Brigham and Women e da Escola de Medicina de Harvard em Boston, Massachusetts, explica a conclusão do estudo.

— Fornecemos as primeiras evidências epidemiológicas de que as berries [frutas vermelhas] podem atrasar o avanço do declínio cognitivo em mulheres idosas. Nossas descobertas têm implicações significantes para a saúde pública, já que aumentar a ingestão de frutas vermelhas é uma modificação bastante simples para testar a proteção da cognição em adultos mais velhos.

Devore acrescenta que as descobertas são de importância particular para a população idosa, que está crescendo.

O número de americanos com 65 anos ou mais aumentou 15% de 2000 a 2010, de acordo com o censo dos Estados Unidos.

Robert Graham, médico do Hospital Lenox Hill, em Nova York, que não estava envolvido no estudo, disse que comer mais frutas vermelhas é uma boa ideia para pessoas de qualquer idade.

— Muitos estudos epidemiológicos, como este, acrescentam à pesquisa científica básica que as propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias das frutas vermelhas têm um papel benéfico no declínio cognitivo relacionado à idade. Eu aconselharia todos os meus pacientes, de qualquer idade, a comer mais frutas vermelhas. As berries são uma forma fácil, nutritiva e deliciosa de preservar a função cerebral.

Flavonoides são oxidantes encontrados em frutas vermelhas, maçãs, frutas cítricas, chá, vinho tinto e cebolas, e pesquisas anteriores mostraram que podem reduzir o risco de doenças cardíacas, diabetes e câncer.

Nancy Copperman, diretora de iniciativas de saúde pública do Sistema de Saúde Judaico de North Shore-Long Island, em Nova York, comenta a pesquisa.

— O atual estudo mostra que mulheres que consumiram mais flavonóides, especialmente frutas vermelhas, tiveram um declínio cognitivo mais lento com o passar do tempo do que mulheres com menor ingestão. Aumentar nosso consumo de frutas e vegetais é uma das melhores formas de viver uma vida saudável.

Fonte R7

Espanha faz descoberta que pode ajudar no combate ao vírus da Aids

Medicamento deve impedir que o vírus se alastre pelo corpo

Pesquisadores da Espanha anunciaram uma descoberta que vai ajudar no combate ao vírus da Aids.

A descoberta vai ajudar a criar um medicamento que vai impedir que o vírus se alastre pelo corpo.

 
 
Fonte R7

Falta gestão de riscos contra erros médicos

Ausência de estrutura física e humana culmina em mau atendimento. As condições degradantes em que trabalham os profissionais, inclusive pela excessiva carga horária, favorece erros, segundo especialista

Nos últimos dias sucessivos problemas envolvendo erros em hospitais brasileiros foram noticiados pela mídia. Esses acidentes trazem como causa algo mais do que o erro humano. A máxima da Organização Mundial da Saúde (OMS) no sentido de que “é mais arriscado e perigoso ir a um hospital do que andar de avião” pode ser ilustrada por casos recentes que provocaram mortes e graves ferimentos a pacientes brasileiros.

Como justificar que uma criança receba um ácido usado para cauterização de verrugas (ácido tricloroacético) em lugar de sedativo? Somente no primeiro trimestre desse ano, três bebês foram vítimas do mesmo erro: ministraram leite na veia ao invés de soro.

Não se pode tratar como coincidência outro fato: no Distrito Federal, ar comprimido em lugar de oxigênio seria a causa da morte de 13 pacientes que permaneceram no leito em que foi verificado o defeito na tubulação, a qual estava invertida.

Um evento que causou alarde foram denúncias presentes em mensagens trocadas por médicos de um hospital no Rio de Janeiro. Nos e-mails, os profissionais tratam das seguintes ações: uma peça cirúrgica esquecida em paciente; a orientação para a rápida ocupação de leitos na UTI, a fim de evitar transferências externas; comentam o adiamento de cirurgias por falta de material e; o isolamento inadequado de paciente com doença infecciosa, o que poderia o ocasionar a disseminação da patologia entre os pacientes.

De forma intencional ou acidental – não cabe aqui julgar o mérito – o vazamento de informações referentes ao atendimento deste hospital no Rio de Janeiro trouxe um holofote para um problema diário, grave e que se escancarava – inclusive ao poder público – sem iniciativas que atenuassem as dificuldades daqueles profissionais de saúde.

Sem a pretensão de eleger um “bode expiatório”, pode-se afirmar que cuidados mínimos poderiam ser tomados pela simples identificação de medicamentos, utilizando cores distintas e locais distintos de armazenamento. De toda sorte, parece-nos descabido que somente o técnico em enfermagem, enfermeiro ou médico sejam punidos exemplarmente. Talvez esses profissionais envolvidos em acidentes diários dentro dos estabelecimentos de saúde devessem também ser tratados como vítimas, porque o são.

Da mesma forma, impossível dizer que apenas o setor público apresenta deficiências. Mas, é fato que são necessárias reformas sanitárias. O gerenciamento de riscos é uma condição sine qua non em saúde.

Esses são casos recentes ilustram a máxima da OMS no sentido de que milhões de pessoas morrem de infecções hospitalares epor erros médicos no mundo. Liam Donaldson, o representante para os pacientes da ONU junto à OMS, referiu que, quando alguém entra em qualquer hospital do mundo, “há 10 por cento de probabilidades de ser vítima de um erro médico e, destes, um em cada 300, acaba por morrer”. Vê-se, portanto, que os problemas na área da saúde não são exclusividade do Brasil.

É essencial a melhoria das condições dos trabalhadores do setor: ausência de estrutura física e humana culmina em mau atendimento dos usuários dos serviços de saúde. Evidente que as condições degradantes em que trabalham os profissionais, inclusive pela excessiva carga horária necessária garantir sua renda mensal, não são positivas para qualquer um dos envolvidos na prestação dos serviços: o prestador e o paciente.

*Sandra Franco, consultora jurídica especializada em Direito Médico e da Saúde, membro efetivo da Comissão de Direito da Saúde e Responsabilidade Médico Hospitalar da OAB/SP e Presidente da Academia Brasileira de Direito Médico e da Saúde
*Nina Neubarth, advogada na Sfranco Consultoria Jurídica em Direito Médico e da Saúde, especialista em Direito Público

Fonte SaudeWeb

Empresa lança a primeira linha de probióticos em sachês do Brasil

Produto tem o objetivo de melhorar a absorção de nutrientes, atuando na produção de vitaminas e colaborando para uma menor incidência de alergias

A empresa Top Therm, que atua no mercado de iogurtes brasileiros, está lançando o Top Flora, o primeiro probiótico em sache do Brasil.

Na definição da OMS (Organização Mundial de Saúde), probióticos são microorganismos vivos que geram benefícios à saúde de quem os consome. Exatamente por isso, os probióticos hoje são amplamente conhecidos como “bactérias do bem”.

Nas últimas décadas, esses produtos passaram a ser cada vez mais estudados pela ciência, figurando como um dos ingredientes funcionais de alimentos saudáveis.

De acordo com a empresa, o produto também tem o objetivo de melhorar a absorção de nutrientes, atuando na produção de vitaminas e colaborando para uma menor incidência de alergias.

Fonte SaudeWeb

Dois institutos já podem dar selo do Inmetro a próteses mamárias

Instituto Nacional de Tecnologia (INT) e o Instituto Falcão Bauer de Qualidade (IFBQ) já estão autorizados a fornecer os selos do Inmetro aos produtos que forem aprovados nos exames

O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) registrou nesta quarta-feira (25) dois institutos que poderão aprovar os testes de segurança e qualidade nas próteses mamárias. O Instituto Nacional de Tecnologia (INT) e o Instituto Falcão Bauer de Qualidade (IFBQ) já estão autorizados a fornecer os selos do Inmetro aos produtos que forem aprovados nos exames.

No fim de março, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu a venda de próteses mamárias que não tivessem o selo do Inmetro. Como ainda não havia ninguém autorizado a fornecê-lo, a comercialização do produto está suspensa desde então.

Os dois organismos que receberam a autorização nesta quarta já faziam testes em camisinhas e luvas cirúrgicas. Eles foram beneficiados por uma portaria do Inmetro do último dia 10, que autorizava os examinadores destes dois produtos a trabalharem também com as próteses mamárias.

A autorização específica de cada instituto, no entanto, dependia da manifestação formal junto ao Inmetro e da assinatura de um termo de compromisso. O INT e o IFBQ cumpriram estas exigências e receberam a autorização, por meio de portarias publicadas no Diário Oficial da União desta quarta.

Como já era previsto pela portaria anterior, a permissão é provisória e vale por seis meses a partir desta quarta. Ao fim deste período, eles precisarão de uma autorização definitiva e específica para as próteses mamárias para que os testes continuem.

As próteses passarão por testes mecânicos, biológicos e químicos nos laboratórios do Inmetro. Entre outros pontos, as análises tentarão detectar em microscópio se os produtos possuem metais pesados, como cádmio, chumbo e mercúrio, danosos à saúde.

Fonte SaudeWeb

Como fixar os médicos no interior?

Para o onselho Federal de Medicina, a solução está na Carreira de Estado

“Para garantir a fixação do médico em regiões longínquas é necessário a criação de uma carreira de Estado aos moldes da magistratura”, defendeu o presidente do Conselho Federal de Medicina (CFM), Roberto d’Avila, durante audiência pública, nesta terça-feira (24), na qual se discutiu a interiorização de médicos. A iniciativa para o debate foi dos senadores Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) e Paulo Davim (PV-RN).

Pesquisa recente do CFM apontou que 72% dos médicos brasileiros estão concentrados nas regiões Sul e Sudeste. Roberto d’Avila lembrou que uma das lutas dos Conselhos de Medicina é proteger a sociedade do mal profissional. Neste contexto, o presidente do CFM criticou a abertura de escolas médicas sem necessidade social, sem hospitais-escola e corpo docente qualificado; e a possibilidade de se revalidar automaticamente diplomas de estrangeiros que não foram aprovados no programa Revalida. “Vimos que nos últimos dez anos as escolas médicas dobraram o número, mas isso não foi suficiente para garantir profissionais no interior. A revalidação de diplomas sem avaliação coloca em risco a saúde da população”, disse.

O presidente eleito do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), Wilson Alecrim, informou que o tempo médio de permanência do médico nos postos de trabalho no Brasil é um pouco mais de 2,5 anos. Para ele, a distribuição igualitária de profissionais em todo o território brasileiro também depende da criação de uma carreira de Estado, com flexibilização de horário, auxílio transporte e alimentação, moradia, boas condições de trabalho, plano de cargos e salários e vinculo empregatício.

Financiamento
Na avaliação do vice-presidente da Associação Médica Brasileira (AMB), Jorge Carlos Machado Curi, a causa fundamental do problema de distribuição de médicos no Brasil está relacionada ao financiamento deficitário. Para ele, a participação do governo federal no financiamento da saúde pública deve aumentar. Ele ressaltou que também a periferia de grandes metrópoles tem déficit de médicos, que não se fixam nos postos de trabalho por falta de condições.

Comissão conjunta do Senado e Câmara, sugeriu o representante do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), José Enio Duarte, poderia discutir o financiamento da saúde. Para ele, o assunto deve ser tratado com os gestores municipais. “Não podemos mais postergar. Cada um fala uma coisa e a população não tem a assistência médica de qualidade”, protestou.

Carência
O déficit de médicos, disse o representante do Ministério da Saúde, Fernando Antonio Menezes da Silva, inclui outros fatores, como afastamento da atividade em determinadas fases da vida profissional. Ele ressaltou que, atualmente, há mais mulheres médicas do que homens. Na fase reprodutiva, elas se afastam da profissão. Já entre os homens, observou, o afastamento se dá para ocuparem cargos de gestão.

O representante da Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas, Antônio Evandro Melo de Oliveira, ressaltou que as medidas adotadas para resolver o problema não podem ser emergenciais e provisórias. Na opinião dele, é preciso encontrar medidas de longo prazo que atendam às necessidades da população, de modo que sejam arregimentados profissionais de forma permanente e dentro da legalidade.

Tema
Devida a grade repercussão do tema, a Comissão de Assuntos Sociais (CAS) realizará seminário para discutir medidas que levem médicos a se fixarem no interior do Brasil. A sugestão foi apresentada pelo senador Humberto Costa (PT-PE). Para o senador, financiamento e problemas de gestão comprometem o atendimento à saúde. Em sua avaliação, a solução depende de ações específicas, a serem implantadas a partir do quadro de carências, levando em conta o mercado e a regulação.

Na avaliação de Vanessa Grazziotin, o seminário deve contar com a participação da sociedade e das entidades médicas. Durante a realização da audiência no Senado, observou a senadora, estudantes de medicina do Amazonas realizavam manifestação contra projeto de lei de sua autoria (PLS 15/2012) que propõe a revalidação automática de diplomas estrangeiros para profissionais de saúde exercerem a medicina no estado. Os estudantes consideram uma “invasão de seu mercado”, disse a senadora.

Vanessa Grazziotin ressaltou que 30% dos médicos que atuam no Amazonas são estrangeiros, muitos sem registro no território brasileiro. Ela garantiu que a intenção não é trazer médicos incompetentes e nem ocupar o lugar dos brasileiros. No entanto, ponderou, há uma carência desses profissionais em localidades em que brasileiros se recusam a trabalhar, o que penaliza a população.

Fonte SaudeWeb

ONA atinge 300 certificações válidas

O volume de instituições com certificação vigente é bem maior nos estados do Sudeste, seguidos pela região Sul. Veja balanço

Prestes a completar 13 anos de atividades, a Organização Nacional de Acreditação (ONA) alcançou a marca de 300 certificações válidas em todo o País. O número envolve instituições em 19 estados brasileiros e São Paulo é o que apresenta maior quantidade de serviços de saúde certificados, aparecendo também como o primeiro em quase todos os tipos de organizações acreditadas pelo Sistema Brasileiro de Acreditação SBA/ONA. No

Estado de SP são 69 hospitais, 27 laboratórios, 3 serviços de atenção domiciliar, 3 seviços de nefrologia ou terapia renal substitutiva, 17 serviços de hemoterapia, 28 serviços de ambulatório ou pronto atendimento, 2 serviços de diagnóstico por imagem, radioterapia ou medicina nuclear, 2 serviços de manipulação, 1 de processamento de roupas para serviços de saúde e 2 programas de saúde e prevenção de riscos.

A Bahia lidera nos serviços de nefrologia e terapia renal substitutiva, com 5 organizações certificadas. Minas Gerais, por sua vez, ocupa o primeiro lugar nas certificaçoes dos serviços de diagnóstico por imagem, radioterapia ou medicina nuclear, com 6 certificações vigentes e é o segundo estado brasileiro com o maior número de serviços acreditados pelo Sistema Brasileiro de Acreditação – ONA.

O volume de instituições com certificação vigente é bem maior nos estados do Sudeste (São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro são os três primeiros do ranking), seguidos pela região Sul (com 30 instituições certificadas, somando Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul). No Norte o Estado do Pará se destaca, com 4 hospitais acreditados, 1 laboratório e 1 ambulatório e serviço de pronto atendimento certificados.

Os Estados do Nordeste com serviços acreditados (Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Sergipe e Rio Grande do Norte) somam juntos 21 certificações vigentes, enquanto o Centro-Oeste tem 12 instituições acreditadas pelo SBA/ONA, considerando o Distrito Federal, Goiás e Mato Grosso.

O processo de acreditação SBA/ONA é realizado atualmente através de sete IACs – Instituições Acreditadoras Credenciadas: DNV (Det Norske Veritas); DICQ (Sistema Nacional de Acreditação Ltda); FCAV (Fundação Carlos Alberto Vanzolini); GL (Germanischer Lloyd Certification); IAHCS (Instituto de Acreditação Hospitalar e Certificação em Saúde); IPASS (Instituto Paranaense de Acreditação de Serviços em Saúde); e IQG (Instituto Qualisa de Gestão).

Fonte SaudeWeb

Pfizer e Sanofi querem exportar genéricos para a América Latina

Decisão foi tomada após as duas empresas ganharem espaço dentro do mercado brasileiro com a aquisição de laboratórios nacionais, diz Valor Econômico

Depois de ganharem espaço no mercado de genéricos no Brasil com a aquisição de laboratórios nacionais, a americana Pfizer e a francesa Sanofi-Aventis começam a levar seus medicamentos produzidos no país para América Latina. As informações são do jornal Valor Econômico.

A Sanofi já deu início à sua estratégia para exportar seus genéricos com a marca Medley para México. O próximo passo será a Venezuela. A Pfizer estuda fazer o mesmo com os seus remédios produzidos pela Teuto.

A regionalização dos medicamentos genéricos produzidos pelas multinacionais no Brasil deverá crescer. Segundo o presidente da Sanofi-Aventis no Brasil e América Latina, Heraldo Marchezini, o fenômeno da classe média não ocorre apenas no Brasil e América Latina. Ele ressalta que o objetivo é regionalizar a marca Medley para a América Latina.

Segundo reportagem do Valor, a marca Medley já tem presença na Colômbia. E diz que pretendem lançar no México, pois já há um processo em curso, e também na Venezuela. A empresa também analisa países da América Central.

Com a aquisição do laboratório Medley no fim de 2009, a Sanofi-Aventis tornou-se líder na produção de genéricos do Brasil. Seguindo a mesma estratégia, a Pfizer, que perdeu a patente de medicamentos, como o Viagra (combate à disfunção erétil) e o Lipitor (combate ao colesterol elevado), adquiriu, em outubro de 2010, 40% do laboratório Teuto, instalado em Anápolis (GO), para fazer sua estreia mundial em genéricos. A Pfizer tem o direito de preferência para adquirir os outros 60% da companhia a partir de 2014 e tudo indica que a companhia deverá exercer esse direito, uma vez que os resultados dessa aliança neste primeiro ano têm sido satisfatórios.

A estratégia da Pfizer de levar os medicamentos genéricos produzidos pela Teuto para os países da América Latina ainda está em estudos, mas deverá se concretizar nos próximos meses.

De acordo com o diretor de negócios de produtos, Adilson Montaneira, as exportações a partir do Brasil são um investimento mais barato do que comprar uma fábrica nesses países para produzir genéricos.

Um ano depois de completar a aquisição de 40% da Teuto, a multinacional americana começou a colher os frutos dessa operação. Desde outubro do ano passado, a Teuto passou a comercializar as versões genéricas do Viagra e do Lipitor, dois dos principais “blockbusters” (campeões de venda) da americana. A Teuto colocou no mercado o Tantrix (sildenafil, sob a marca Wyeth) e Viasil (sildenafil, sob a marca Teuto); novas versões do Viagra, e o Zarator (atorvastatina, sob a marca Wyeth) e Lipthal (atorvastatina sob a marca Teuto), representando o Lipitor.

A Teuto colocou no mercado sua primeira molécula desenvolvida em parceria com a Pfizer. O laboratório lançou o Cicloxx (meloxicam), medicamento similar que disputa participação em um mercado importante, o de anti-inflamatórios que, no Brasil, movimenta R$ 1,2 bilhão/ano e 100 milhões de unidades vendidas. O Cicloxx é o primeiro de uma série de outros produtos Teuto que passarão a fazer parte do portfólio da Pfizer.

Até outubro, a companhia pretende colocar no mercado até seis novos medicamentos novos, voltados para dor e sistema nervoso central. Neste ano, serão investidos R$ 40 milhões para ampliar a produção na Teuto.

Nos últimos meses, a Pfizer também tem investindo fortemente na divulgação de seus medicamentos maduros. Com essa estratégia de reposicionamento de produtos e diminuição de preços, os resultados forma surpreendentes, segundo Montaneira. Um dos exemplo é o Zoloft (combate a depressão), cujas vendas cresceram 130% de 2010 para 2011. O antibiótico Zitromax subiu 58% no mesmo período. Além disso, a prescrição desses e outros medicamentos maduros voltaram a crescer.

Fonte SaudeWeb

Comissões vão discutir a formação de médicos no Brasil

De acordo com o deputado Eleuses Paiva, não há escasses de médicos no Brasil e sim desigualdades regionais, vínculos precários de emprego, baixo salário e más condições de trabalho

A Comissão de Seguridade Social e Família vai realizar seminário junto com a Comissão de Assuntos Sociais do Senado Federal para discutir a necessidade de formação de um número maior de médicos, bem como, ingresso de médicos estrangeiros ou brasileiros formados em universidades no exterior.

Estudo realizado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) mostra que, ao contrário do que se pensa, não há escassez de médicos no Brasil. Os números indicam que o volume de profissionais da categoria cresceu, percentualmente, quase o dobro do que a população brasileira entre 2000 e 2009.

A iniciativa do debate, ainda sem data marcada, é do deputado Eleuses Paiva (PSD-SP). De acordo com o parlamentar, a existência de postos de trabalho não ocupados e a escassez de médicos em certas especialidades nas regiões remotas e periféricas de grandes cidades, não significa que o número de médicos é insuficiente. Ele afirma que já existem 188 cursos de medicina no País, que formam por ano aproximadamente 23 mil médicos.

“A carência de médicos é localizada e tem relação com múltiplos fatores: desigualdades regionais, vínculos precários de emprego, baixo salário, más condições de trabalho, falta de segurança e falta de uma carreira de estado para a profissão”, acrescenta Paiva.

Revalidação de diplomas
Segundo deputado, com relação aos diplomas estrangeiros, em 2010, o Ministério da Educação aplicou, ainda em formato piloto, o novo modelo de revalidação de diplomas estrangeiros. Ele afirma que, em 2011, com o Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos expedidos por Universidades estrangeiras, 677 pessoas estavam inscritas no processo e apenas 65 terão seus diplomas revalidados, o que demonstra a desqualificação desses formandos.

“Muitos brasileiros vão para essas faculdades principalmente em países latino- americanos, na esperança de ter uma boa formação. Infelizmente encontram salas lotadas, infraestrutura deficiente”, afirma Paiva.

Por isso, explica o deputado, não há outro caminho, senão exigir e comprovar a qualidade do ensino, garantir condições dignas de trabalho e remuneração compatíveis com a formação e a responsabilidade profissional, além de criar a carreira de estado para os médicos do SUS e especialmente na atenção básica e nos locais de difícil acesso.

Fonte SaudeWeb

Nove OSs querem gerenciar UPAs no Rio de Janeiro

Entidades poderiam apresentar até sete lotes de documentos, cada um contendo propostas de trabalho para três ou quatro UPAs. Veja quais são as candidatas

Nesta última sexta-feira (20), foram entregues os envelopes com as propostas de nove Organizações Sociais (OSs) para gerenciamento das Unidades de Pronto-Atendimentos da Secretaria de Estado de Saúde. As entidades poderiam apresentar até sete lotes de documentos, cada um contendo propostas de trabalho para três ou quatro UPAs. Cada proposta deve conter plano de gestão para a unidade requerida e relação de preços para prestação dos serviços (como, por exemplo, gastos com insumos e recursos humanos, entre outros).

As entidades que apresentaram as propostas foram: Associação Marca para Promoção e Serviços; Instituto Data Rio para Administração Pública; Hospital Maternidade Teresinha de Jesus; Instituto Nacional de Desenvolvimento Social e Humano; Instituto dos Lagos Rio; Instituto Sócrates Guanaes; Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde; Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina; Viva Comunidade.

A seleção da organização social é baseada em um cálculo que congrega melhor preço e qualidade dos serviços. Agora, uma Comissão de Seleção de OSs tem até 10 dias úteis para analisar as propostas. Ao final desse prazo, será anunciada a entidade vencedora para cada UPA.

Fonte SaudeWeb

Humor: A cirurgia foi um sucesso

Prefeitura Municipal de Florestal - MG

A Prefeitura Municipal de Florestal, Minas Gerais, realiza concurso para provimento de vagas.

Inscrições:
De 28 de maio a 8 de junho, na Rua Ezequiel Fraga, nº. 100, Centro ou pelo www.inedes.com.br/concurs

Valor:
De R$ 40,00 a R$ 80,00.

Cargos:
Nível Superior: Enfermeiro (1), Médico Cardiologista (1), Médico Clínico Geral (7), Médico Ginecologista (1), Médico Neurologista (1), Médico Ortopedista (1), Médico Pediatra (1), Médico Psiquiatra (1), Professor Educação Básica (5);
Nível Médio: Agente Administrativo (2), Almoxarife (1), Auxiliar de Enfermagem (2), Encarregado de contabilidade (1), Encarregado de Pessoal (1), Fiscal de Obras (1), Fiscal de Tributos (1), Técnico de Enfermagem (2), Técnico em Raio X (1);
Nível Fundamental: Auxiliar Administrativo (1);
Nível Alfabetizado: Cantineira (2), Eletricista (1), Faxineiro (2), Gari (2), Monitora (4), Motorista (1), Operador de Máquinas: Patrol, Retroescavadeira e Pá Carregadeira (3), Operário (8).

Provas:
Prova Objetiva: 16 e/ou 17 de junho
Haverá prova Prática para Motorista e Operador Máquina
o

Prefeitura Municipal de Buriti Alegre - GO

A Prefeitura Municipal de Buriti Alegre, Goiás, realiza concurso para preenchimento de vagas

Inscrições:
Até 13 de maio, pelo www.institutocidades.o.

Valor:
R$ 48,00, R$ 70,00 e/ou R$ 100,00

Remuneração:
De R$ 622,00 a R$ 1.500,00

Provas:
Prova objetiva: 20 de maio
Haverá prova de títulos para Professor.

Cargos:
Fundamental - Auxiliar de Serviços Gerais, Eletricista, Merendeira, Motorista CNH D, Operador de Máquina - IV e Pedreiro;
Médio - Agente de Arrecadação e Fiscalização, Assistente Educacional, Agente Administrativo, Escriturário III, Escriturário IV, Fiscal de Tributos, Fiscal de Posturas e Obras IV, Fiscal de Vigilância Sanitária e Técnico em Higiene Dental;
Superior - Assistente Social, Professor Nível III e Professor de Educação Física
rg.br

Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Pernambuco - IFPE

O Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE) realiza concurso para provimento de 2 vagas para Professor Substituto no Campus de Ipojuca.

Inscrições:
Até 2 de maio, na Coordenação de Gestão de Pessoas do Campus de Ipojuca, Rodovia PE 60, km 14.

Valor:
R$ 50,00.

Áreas:
Programa de Saúde no Trabalho, Fundamentos de Atendimento Pré Hospitalar, Patologia Ocupacional, Ergonomia Aplicada e Pressões Hiperbáricas.

Remuneração:
R$ 1.645,96

Provas:
Haverá análise de títulos e prática

Concurso Prefeitura de Santa Mercedes - SP

Regido pelo edital n° 001/2012, a  Prefeitura de Santa Mercedes, Estado de São Paulo, está promovendo concurso público e  processo seletivo para ocupação de 05 vagas mais cadastro de reserva, subdivididas em cargos de níveis fundamental, médio e superior.
Há oportunidades para os cargos de Motorista, Auxiliar de Agente Administrativo, Monitor, Farmacêutico e Monitor de Informática, com salários variados de R$ 823,14 e R$ 1.645,47 para carga horária de 24 a 40h semanais.
As inscrições serão feitas exclusivamente via internet (site http://www.consesp.com.br/) no período de 29 de abril a 10 de maio de 2012. As taxas variam de R$ 27,00 R$ 37,00 e R$ 60,00 de acordo com o cargo.
As provas serão realizadas provavelmente no dia 03 de junho de 2012, às 8h, em locais a serem divulgados através de Edital próprio que será afixado no local de costume da Prefeitura, através de jornal com circulação no município e através do site http://www.consesp.com.br/ com antecedência mínima de 3 dias. As provas práticas serão realizadas em data, locais e horários a serem divulgados através do Edital que publicará o Resultado das provas objetivas (escritas).
O gabarito oficial e a prova objetiva (teste de múltipla escolha), serão disponibilizados no site http://www.consesp.com.br/, à partir das 18h da segunda-feira subsequente à data da aplicação da prova e permanecerão no site pelo prazo de 2 dias úteis.
A validade do certame será de até 2 anos, contado da homologação final dos resultados, podendo haver prorrogação por igual período, a critério da Administração.

Prefeitura de Fraiburgo (SC) lança edital para Agente de Saúde

A Prefeitura de Fraiburgo, Estado de Santa Catarina, lançou edital (nº 0016 de 20 de abril de 2012) de processo seletivo visando o preenchimento de várias vagas na área da saúde do município. Serão ofertadas vagas de nível fundamental para o cargo de Agente Comunitário de Saúde, com salário de até R$ 622,00 e carga horária de 40 horas semanais.
Há vagas para os Bairros Vila Salete, São Cristovão, Santa Monica e Linha Baia 1, Rio Mansinho/ Fischer, Assentamento Campina do Cerro, Butiá Verde, Butiá Verde – Setor I.
As inscrições serão realizadas até o dia 04 de maio de 2012, no horário das 08:30 as 11:30 horas e das 14:00 às 17:00 horas, em dia de expediente (excetuados sábados, domingos, feriados e pontos facultativos), na Secretaria de Administração e Planejamento, Departamento de Gestão de Pessoal de Fraiburgo, localizada na Av. Rio das Antas, 185, Centro, CEP 89.580-000.
O processo seletivo será constituído de prova de títulos.

Concurso Prefeitura de Jaguarão - RS

A Prefeitura de Jaguarão, Estado do Rio Grande do Sul, está com inscrições abertas para o concurso público 001/2012 destinado ao preenchimento de 61 vagas mais cadastro de reserva. A organização da seleção será feita pela empresa Pontua Prestação de Serviços em Concursos Ltda, que celebrou contrato com a Administração para este fim.
As oportunidades são para os profissionais de níveis fundamental, médio e superior, com salários variados de R$ 584,38 a R$ 1.971,22.

Cargos
As oportunidades são para os cargos de Advogado, Agente Administrativo, Agente Comunitário de Saúde, Atendente de Consultório Dentário, Auditor de Controle Interno, Contador, Engenheiro Agrônomo, Engenheiro Civil, Farmacêutico, Mecânico, Médico Clínico Geral, Médico Psiquiatra, Operário/Serviços Gerais, Pedreiro, Professor Área II Ensino Fundamental – Área Educação Artística, Professor Área II Ensino Fundamental – Área Educação Física, Professor Área II Ensino Fundamental – Área Língua Espanhola, Professor Área II Ensino Fundamental – Área Língua Portuguesa, Professor Área II Ensino Fundamental – Área Matemática, Professor Área II Ensino Fundamental – Séries Iniciais, Professor Área Técnico Profissionalizante – Área Agronomia, Psicólogo Clínico, Técnico em Edificações, Técnico em Enfermagem e Técnico Rural Agrícola.

Inscrições
As inscrições via internet poderão ser realizadas até às 24h00min do dia 10 de maio de 2012, pelo site http://www.pontuaconcursos.com.br/.

Taxas
R$ 30,00 e R$ 40,00 para cargos de nível fundamental;
R$ 50,00 para nível médio;
R$ 70,00 para nível superior.

Provas e Gabaritos
As provas objetivas serão realizadas provavelmente no dia 27 de maio de 2012, para todos os cargos, em locais e horários que serão divulgados, no Painel de Publicação da Prefeitura e em caráter meramente informativo, nos sites http://www.pontuaconcursos.com.br/ e http://www.jaguarao.rs.gov.br/. O gabarito preliminar será divulgado, no primeiro dia útil após a realização da prova objetiva e, ao término da análise dos recursos, será divulgado o gabarito definitivo.

Validade
A validade do concurso público será de 2 anos a partir da data da publicação da homologação da classificação final, podendo ser prorrogado.

Prefeitura de Garopaba (SC) abre processo seletivo

Aberto edital N° 0014/2012 de processo seletivo da Prefeitura de Garopaba, Estado de Santa Catarina. A seleção oferece 01 vaga mais cadastro de reserva para Enfermeiro de nível superior. O salário é de até R$ 1.838,60 e a carga horária de 40h semanais.
As inscrições serão recebidas até o dia 11 de maio de 2012, das 14h às 18h, na Secretaria Municipal de Saúde de Garopaba, situada na Rua Antônio José Botelho- Prédio do ESF, Centro, em Garopaba/SC.
O processo seletivo será  constituído de: somatório de pontos da entrevista, contagem de títulos e da experiência comprovada, os quais deverão constar do curriculum vitae de forma detalhada com a identificação dos títulos e especialmente do conteúdo e da carga horária dos cursos de aperfeiçoamento.
A aplicação e avaliação da entrevista serão realizadas por banca de três profissionais com experiência na área, na sede da Secretaria Municipal de Saúde, situada Rua Antônio José Botelho - Prédio do ESF, A Centro, em Garopaba/SC, data, horário e local a ser divulgada pela Secretaria Municipal de Saúde no DOM/SC, http://www.diariomunicipal.sc.gov.br/, e em locais de fácil acesso após finalizadas as inscrições.                              

Prefeitura de Fraiburgo - SC abre vagas para médicos

Ainda dá tempo de se inscrever no processo seletivo ACT - nº 0015 do município catarinense de Fraiburgo, que oferece várias vagas de nível superior. O certame visa atender as necessidades temporárias de excepcional interesse público, para preenchimento de vagas na área da saúde do município, para o ano de 2012.
As vagas são para Médico Clínico Geral - PSF 40 horas e Médico Clínico Geral 20 horas, com remuneração de até R$ 11.010,80.
As inscrições serão realizadas até o dia 02 de maio de 2012, no horário das 08:30 as 11:30 horas e das 14:00 às 17:00 horas, em dia de expediente, na Secretaria de Administração e Planejamento, Departamento de Gestão de Pessoal de Fraiburgo, localizada na Av. Rio das Antas, 185, Centro, CEP 89.580-000.
O processo seletivo será constituído de prova de títulos.

Concurso Prefeitura de Cariacica - ES abre 660 vagas

Foram publicados os editais 01 e 02/2012 para a realização do concurso público da Prefeitura de Cariacica, Estado do Espírito Santo. São ofertadas 660 vagas para funções dos ensinos fundamental, médio, técnico e superior.

Oportunidades

Para quem tem o nível fundamental poderá concorrer às chances de agente de saúde ambiental, auxiliar administrativo, auxiliar de consultório dentário e auxiliar de veterinária.

Quem tem o nível médio pode concorrer nos cargos de agente administrativo, educador social, fiscal municipal de serviços fiscal - sanitário, fiscal municipal de serviços - obras e posturas, regente e agente de trânsito.

No nível técnico, as vagas são para técnico em defesa civil, técnico municipal de nível médio (agrícola, edificações, higiene dental, informática, técnico em contabilidade e técnico de enfermagem).

Já para o nível superior, são ofertadas vagas nas funções de analista municipal de nível superior (administração, arquitetura/urbanismo, arquivologista, assistente social, auditor, bibliotecário, ciências da computação, comunicação social, contador, economista, economista doméstico, engenheiro agrônomo, engenheiro ambiental, engenheiro civil, engenheiro elétrico, engenheiro químico, engenheiro sanitário, farmacêutico, fonoaudiólogo, nutricionista, odontólogo, odontólogo - cirurgia geral oral menor, odontólogo - cirurgia geral plantonista, odontólogo - endodontia, odontólogo - paciente especial, odontólogo - periodontia, odontólogo - prótese dentária, sistema de informações geográficas, terapeuta ocupacional, turismo), fiscal de tributos municipais - fiscalização tributária (2), médico cardiologista, médico clínico geral, médico dermatologista, médico do trabalho, médico endocrinologista, médico geriatra, médico ginecologista, médico pediatra, médico pneumologista, médico psiquiatra, médico reumatologista, médico socorrista, médico urologista, médico veterinário, médico veterinário (saúde pública) e médico veterinário (vigilância sanitária).
Os salários oferecidos variam entre R$ 645,77 e R$ 2.001,04, em jornadas de 20 a 40 horas semanais.

Como se inscrever

As inscrições serão realizadas até o dia 02 de maio de 2012, nos endereços eletrônicos www.fafipa.org/concurso e http://www.cariacica.es.gov.br/. O candidato poderá efetuar inscrição para mais de um cargo, desde que a prova objetiva seja em períodos distintos, devendo observar os períodos de aplicação da prova objetiva (manhã e tarde) estabelecido nas Tabelas 2.1 dos Editais de Concurso Público nº 01/2012 e 02/2012.

Para participar, é preciso pagar uma taxa de inscrição de acordo com o nível de escolaridade, sendo R$ 40,00 para nível fundamental, R$ 55,00 para nível médio e R$ 80,00 para nível superior.

Seleção dos candidatos

A prova objetiva será aplicada na cidade de Cariacica e/ou Vitória na data provável 27 de maio de 2012, em horário e local a ser informado.

O gabarito preliminar e o caderno de questões serão divulgados em 27 de maio de 2012, após as 20h, nos endereços eletrônicos www.fafipa.org/concurso e http://www.cariacica.es.gov.br/.

O prazo de validade do Concurso Público será de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.

Concurso Bauru: Prefeitura publica edital

A Prefeitura de Bauru, Estado de São Paulo, através da Secretaria Municipal da Administração, vai contratar dois Especialistas em Saúde, para ocupar a função de Médico - Radiologista,  através de concurso público. Vale lembrar que 5% das vagas serão destinadas a portadores de necessidades especiais. O salário será de até R$ 7.123,20, com carga horária entre 24 e 40 horas semanais.
A inscrição, no valor de R$ 30,00, será realizada exclusivamente pela internet, através do site http://www.bauru.sp.gov.br/, das 9h00min. do dia 21 às 16h00min do dia 31 de maio de 2012 (horário de Brasília/DF).     
Os candidatos serão avaliados através de uma prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, na data prevista 17 de junho de 2012, com duração de 03 horas. A data, local e horário para realização da prova objetiva serão publicados no edital de convocação no diário oficial do município de Bauru, em 12 de junho de 2012.
Os títulos deverão ser entregues na data, local e horário designados para a realização da prova objetiva, os quais serão publicados oportunamente através do edital de convocação no diário oficial do município de Bauru.
Os gabaritos serão divulgados provavelmente no dia 19 de junho de 2012.
O prazo de validade do Concurso Público será de 02 anos, a contar da data de sua Homologação, podendo ser prorrogado por igual período, de acordo com a necessidade da administração pública.

Concurso Prefeitura de Serra Alta (SC)

A Prefeitura de Serra Alta, Estado de Santa Catarina, realizará concurso público para preenchimento de vagas em seu quadro de funcionários. A cidade fica localizada no oeste catarinense e tem 3.285 habitantes de acordo ao censo IBGE 2010.
São oferecidas 06 vagas em vários cargos de nível fundamental, nível médio e nível superior, com remuneração de até R$ 1.587,60. A organização ficará por conta do Instituto de Cadastro e Pesquisas S/S Ltda - INCAPEL.
Cargos
As chances são para os cargos de Nutricionista, Auxiliar de Serviços Gerais, Motorista e Operador de Máquinas.
Inscrições
As inscrições serão efetuadas exclusivamente via internet, no endereço eletrônico http://www.incapel.com.br/, no período compreendido entre as 08h do dia 30 de abril e 14h59min do dia 29 de maio de 2012.
Taxas
Do valor da taxa de inscrição:
Para os cargos de Ensino Superior: R$ 100,00;
Para os cargos de Ensino Fundamental: R$ 30,00;
Para os cargos de Alfabetização: R$ 30,00.
Provas, Gabaritos e Validade
As provas objetivas serão realizadas provavelmente no dia 10 de junho de 2012, das 8h as 12h, no Centro Municipal de Educação, Rua Duque de Caxias, nº. 530, Centro, Cidade de Serra Alta/SC. O gabarito preliminar será publicado no 1º dia útil após a realização da prova objetiva, no Mural do Poder Executivo Municipal de Serra Alta, no sítio do Município http://www.serraalta.sc.gov.br/ e no sítio da empresa http://www.incapel.com.br/.
O concurso público terá validade de 2 anos, a contar da data da publicação da homologação do resultado final com a respectiva classificação.

Concurso Prefeitura de Campo Mourão - PR

Já se encontram disponíveis no site da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento da Universidade Estadual de Londrina (FAUEL) os editais de abertura de concurso e processos seletivos na Prefeitura Municipal de Campo Mourão, Paraná. Juntos, eles oferecem 41 vagas mais cadastro de reserva técnica, para diversas funções nos níveis alfabetizado, fundamental, médio e superior.
Nível Alfabetizado:
coveiro (01), jardineiro (01), zeladora (01)
Nível Fundamental:
Auxiliar de saúde bucal (04), auxiliar de consultório dentário (01), auxiliar de próteses (02), escriturário (05), agente comunitário de saúde (20)
Nível Médio e Técnico:
Atendente de farmácia (01), caixa (01), protético (02), fiscal municipal (cadastro de reserva)
Nível Superior:
Médico (08), médico ginecologista (02), médico pediatra (04)
Salários:
O valor de cada vencimento está subordinado ao cargo a ser exercido e fica entre as cifras de R$ 690,00  R$ 8.000,00.
Inscrições
As inscrições serão realizadas de 25 de abril a 23 de maio de 2012, por meio do site da organizadora  http://www.fauel.org.br/. O valor da taxa de inscrição será de R$ 35,00 para ambos os cargos.
Seleção dos candidatos
O concurso e processo seletivo úblicos consistirá da avaliação de conhecimentos, mediante a aplicação de Prova Objetiva, de acordo com a especificidade da função, em conformidade com o estabelecido nos editais. A data prevista nos editais para que ocorra a aplicação da prova objetiva é o dia 24 de junho de 2012 na referida cidade de Campo Mourão, Paraná. Os horários e locais dos concursos serão divulgados através de editais a serem lançados no site da organizadora.
Resultados finais e validade
A classificação final dos candidatos será publicada nos sites http://www.fauel.org.br/ e http://www.campomourao.pr.gov.br/, e Órgão Oficial do Município de Campo Mourão, Para efeitos de contagem desse período, será considerada a data da publicação e homologação dos resultados finais, mas a vigência de cada concurso/processo poderá ser estendida por semelhante período, dependendo dos critérios da Administração Municipal.

Concurso Prefeitura de São Miguel do Passa Quatro (GO)

A Prefeitura de São Miguel do Passa Quatro, Estado de Goiás, publicou resumo do edital Nº. 001/2012 para realização de processo seletivo visando o preenchimento de 05 vagas para o cargo de Agente Comunitário de Saúde.

As inscrições serão realizadas até o dia 11 de maio de 2012, das 08:00 às 11:00 e das 13:00 às 17:00 horas, na sede da Prefeitura de São Miguel do Passa Quatro/GO, situada na Praça Sebastião Gonçalves da Silva, nº 697, Centro.

Maiores informações na sede da Prefeitura Municipal.