Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Tudo sobre candidíase: Sintomas, tratamento e como se prevenir

Cuidar da saúde é algo extremamente essencial, sobretudo, do ponto de vista preventivo, entretanto, mesmo aplicando a filosofia preventiva, é importante saber que ninguém está livre de doenças e, por isso mesmo, todos devem ficar atentos ao menor sinal de enfermidades.
 
Buscando sempre orientar os leitores que desejam saber um pouco mais sobre saúde, trazemos periodicamente uma série de informações orientadas ao assunto, e nesse artigo em especial, falaremos sobre a Candidíase.
 
A candidíase é uma infecção normalmente causada pelo fungo Candida albicans, ele age de modo a inflamar área que afeta, geralmente, genitália feminina.
 
Apesar de ser considerada por muitos como uma DST (Doença Sexualmente Transmissível), o fato é que a Candidíase não é propagada exclusivamente através das relações sexuais, podendo ser transmitida através de qualquer tipo de contato. O fungo causador da doença, normalmente se desenvolve quando seu hospedeiro está com as condições de defesa baixa e escolhe a região genital pelo fato dela ser por natureza, quente e úmida, entretanto, há casos em que ele acaba se alojando no trato digestivo, vindo posteriormente a contaminar também a área genital.
 
Embora poucas pessoas saibam, a boca é outra das regiões onde o fungo pode se alojar, é esse tipo de doença que quando ocorre em bebês é chamada de “Sapinho”.
 
Sintomas da Candidíase
A mulher deve ficar sempre em alerta quanto ao ardor vulvovaginal e aparecimento de inchaço nessa região, entretanto, o sintoma mais acentuado no início da doença tende a ser a coceira.
 
Outros sintoma da doença são:
  • Corrimento esbranquiçado, grumoso e sem cheiro, algo que lembra leite talhado,
  • Dores ao ter relações sexuais ou ao urinar, e
  • Quaisquer outros incômodos constantes, como dores, ardores ou coceiras.
Vale ressaltar que todo e qualquer sintoma, deve ser precedido de tratamento médico especializado, a fim de obter o diagnóstico correto do problema.
 
Tratamento para a Candidíase
O tratamento para a doença é simples e indolor, e geralmente é feito através de creme vaginal e medicamento de uso oral, que geralmente é receitado não só à mulher, mas para o casal (caso a mulher tenha uma vida sexual ativa), a regra é válida mesmo que o parceiro não apresente sintomas da doença, afinal trata-se de uma doença passiva de contágio via relação sexual.
 
Higiene intima ajuda a evitar a Candidíase
Parece uma dica simples, mas o fato é que uma higiene bem feita pode ser extremamente útil para evitar a doença, o problema é que de acordo com uma pesquisa feita com 422 médicos, somente 3% das mulheres pedem orientação sobre como fazer a higiene pessoal corretamente, pelo que, muitas delas não a fazem de maneira satisfatória.
 
Veja 4 passos para uma boa higienização
 
1 – As regiões por onde o sabonete deve ser espalho são virilha, vulva, parte interna e externa dos pequenos lábios, jamais use qualquer tipo de cosmético na parte interna da vagina.
 
2 – Cuidado para não exagerar na limpeza, a lavagem tem que ser breve e com movimentos suaves para não irritar a região. Ao fazer a higiene o ideal é lavar primeiro a vagina e só depois a região anal, isso ajuda evitar contaminação.
 
3 – O sabonete ideal para a região intima são aqueles com PH ácido, e devem ser hipoalergênicos, estes não devem conter substâncias capazes de desequilibrar a flora natural. Vale a pena também evitar os sabonetes que faz muita espuma, eles podem remover a camada protetora da pele.
 
4 – Ao final da higienização deve-se evitar secar com toalha, o melhor é usar toalha de papel descartável, elas reduzem os riscos de contaminação por fungos e bactérias, uma vez que, absorvem melhor a umidade.
 
Clickgratis

Ministro da Saúde repassa 363 ambulâncias do Samu a 199 cidades

Anuncio foi feito na solenidade em celebração aos dez anos de existência do Samu 192
 
O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, anunciou nesta quinta-feira (5), a transferência de 363 novas ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) para 199 cidades de 18 Estados. O anunciou foi feito na solenidade em celebração aos dez anos de existência do Samu 192, em Tatuí, na região de Itapetininga (SP).

De acordo com o Portal da Saúde, o ministério aplicou R$ 50 milhões na aquisição do transporte. Além dessa importância, serão transferidas verbas complementares para o custeamento dos veículos, de R$ 35,8 milhões anuais. A ação faz parte da Política Nacional de Atenção às Urgências. Dessa forma, procura assegurar o atendimento e o deslocamento de emergência para os pacientes.

“— Demos um passo importante no dia de hoje com as novas ambulâncias que estamos distribuindo. É uma medida que representa nosso compromisso em interiorizar os serviços existentes no SUS (Sistema Único de Saúde). As novas ambulâncias, com tração 4x4, vão para locais de difícil acesso, fazendo com que o socorro possa chegar com mais facilidade e rapidez”.
 
O coração do Samu está em Tatuí, pois aqui é o local onde são fabricados os veículos”, afirmou. Os governos de Estados agraciados - e números de ambulâncias recebidas - são: Bahia (59); Pernambuco (53); Goiás (45); Minas Gerais (39); Pará (36); Rondônia (21); São Paulo (21); Paraíba (19); Ceará (19); Maranhão (10); Paraná (8); Rio de Janeiro (8); Rio Grande do Sul (7); Amazonas (5); Rio Grande do Norte (5); Santa Catarina (4); Piauí (2), e Tocantins (2).
 
R7

Como fazer a Dieta dos Pontos

A dieta dos pontos é de grande utilidade pra quem quer dar aquela emagrecida, porém não consegue comer apenas saladas e comidas integrais
 
A dieta dos pontos é uma dieta mais liberal, onde você pode comer de tudo, mas sabendo que cada alimento contém um determinado ponto, daí vem o nome. Ela é muito recomendada por nutricionistas, pelo fato de não ser uma dieta maluca onde você come apenas um alimento ou você deixa de comer tudo.
 
Aprenda agora como fazer corretamente a dieta dos pontos, para que você obtenha resultados satisfatórios.
 
1. Como funciona a dieta dos pontos – A dieta dos pontos segue uma linha de pensamento onde você pode comer de tudo, porém de maneira moderada e certa. O diferencial desta dieta para as outras é que ela te libera pra comer de tudo sem a culpa, e não faz mal porque não é daquelas dietas que você só pode comer um alimento especifico por dia, ou que você só pode comer salada.
 
2. Calculando os pontos – A dieta se inicia a partir do calculo feito para descobrir quantos pontos diários você possui, e esse cálculo envolve o sexo, o peso, a faixa etária, o perfil de exercícios que você executa e a sua altura.
 
3. Tabela de pontos – Como já foi dito antes, cada tipo de alimento possui um ponto e os mesmos estão distribuídos em uma tabela, para que você possa consultar. Existem alimentos que vão de 0 pontos como as verduras, temperos e bebidas simples sem açúcar, até alimentos que alcançam valores maiores do que 80, como os docês, lanches, e massas. Existe a preocupação também da contagem de pontos em alimentos fritos e a milanesa, alimentos fritos devem ser multiplicados os pontos por 3 e alimentos à milanesa por 4. Veja uma tabela de pontos.
 
 
4. No dia-a-dia – Com o numero de pontos diários já anotado e com a tabela de pontos em mãos, a etapa de agora é seguir a dieta. Para que a mesma funcione, procure dividir os pontos conforme a quantidade de refeições por dia, e anotá-los conforme vão sendo gastos. Lembrando que as refeições principais devem ser todas feitas. Para a dieta dar certo é necessário que não sejam economizados os pontos em um dia para serem gastos em outros, se você tem 470 pontos pra gastar em um dia e você gastar apenas 450, os outros 20 serão eliminados e não repostos em outro dia. Procure fazer exercícios, com isso você ganhará mais pontos no dia ou seja, se no dia você fez uma caminhada de 30 minutos, acrescente mais 20 pontos nos seus pontos diários, porém eles devem ser gastos no dia em que foi realizado o exercício, nada de guardar pra depois.
 
5. Gordura trans – A gordura trans, conhecida também como gordura hidrogenada faz muito mal à saúde, e tira-la da sua dieta ajudará ainda mais no seu sistema de pontos, fazendo com que você perca peso mais rápido. Para isso, fique de olho na referencia de gordura trans que vem na tabela de valores do alimento atrás do rótulo. Para eliminar essa gordura da sua dieta é preciso traçar uma meta de quantidade de gordura trans que deve ser ingerida no dia. Portanto, na sua folha de anotações de alimentos gastos diariamente, desenhe um quadrado e divida-o em quatro partes.
 
Se o alimento possuir até 0,5 grama dessa gordura, preencha um quadrado. Se tiver entre 0,6 e 1 grama de trans, preencha dois quadrados. Se tiver entre 1,1 e 1,5 grama de trans, preenche três quadrados. E por fim, se tiver mais de 1,6 grama de trans, preencha todos os quadrados. Essa será a sua cota de trans diária, e evitar o preenchimento de todos os quadrados é uma ótima opção. Se não houver a indicação do valor de trans no rótulo, use a medida de um quadrado, ou seja, 0,5 grama.
 
A dieta dos pontos é muito eficaz e você terá resultados bem rápidos se segui-la de maneira correta.
 
Lembre-se que o organismo precisa receber alimentos de 3 em 3 horas, e que a ordem da quantidade de alimentos por refeições é na ordem decrescente, ou seja, no café da manhã você deve ter mais alimentos para a correria do dia, e na janta você deve comer menos porque você não fará mais nada depois dessa refeição.
 
Como Fazer

Susan Boyle revela que sofre de síndrome de Asperger

03.12.2013/RAY TAMARRA / GETTY IMAGES
 NORTH AMERICA / AFP
Espécie de autismo, síndrome de Asperger afeta a interação social
 
A cantora escocesa Susan Boyle, que ganhou fama em 2009 após participar do programa de calouros Britain's Got Talent, revelou sofrer de síndrome de Asperger, uma espécie de autismo.
 
Em entrevista publicada neste domingo (8) no site do jornal The Observer, Susan, de 52 anos, confessou que foi diagnosticada com Asperger há um ano e que se sente "aliviada" e "relaxada" por saber da doença.
 
A cantora explicou que, quando criança, foi diagnosticada erroneamente com um dano cerebral por complicações ao nascer.
 
— Foi um diagnóstico incorreto quando era uma menina. Me disseram que tinha um dano cerebral. Eu sempre soube que era um 'rótulo' injusto. Agora entendo melhor o que estava errado e me sinto aliviada e um pouco mais relaxada comigo mesma.
 
A cantora fez sucesso poucas semanas após causar grande impacto entre os espectadores quando interpretou no programa a música I Dreamed a Dream, mas sua fama foi conturbada em algumas ocasiões por um comportamento volátil e explosivo.
 
A síndrome de Asperger afeta a interação social, e os que sofrem da doença têm problemas de comunicação.
 
Ao explicar sua visita ao médico no ano passado, a cantora disse: "Fui procurar o diagnóstico de um especialista escocês. Ninguém me disse o que fazer. Pensei que tinha uma doença mais séria, pois não me comportava bem".
 
Durante sua visita ao especialista, Susan foi submetida a uma série de exames simples, que mostraram, além da doença, que seu coeficiente intelectual está acima do nível médio, fato que não tem relação com a síndrome de Asperger.
 
A cantora admitiu que a síndrome não mudará sua vida, pois se trata de uma situação com a qual terá "que conviver".
 
EFE/R7

Mau humor pode ser sinal de doença. Saiba identificar

Especialista diz tem distimia se sente desmotivado e demonstra
 sentimentos negativos e impaciência
De acordo com dados da OMS, a distimia atinge 3% da população mundial
 
O mau humor não é apenas um problema que atrapalha a convivência social. Quando é muito frequente pode se tratar de uma doença que precisa de tratamento. Chamado distimia, o distúrbio psicológico atinge 3% da população mundial, o que significa cerca de 180 milhões de pessoas no mundo, segundo dados da OMS (Organização Mundial de Saúde).
 
De acordo com Myriam Durante, psicoterapeuta holística e presidente do IPOM (Instituto de Pesquisa e Orientação da Mente), por desconhecimento, o mau humor acaba sendo subestimado e não enfrentado como uma doença.
 
— Por acreditar que se trata de um traço de personalidade, quem padece desse distúrbio acaba se acostumando a ser mal humorado e passa a achar normal viver irritado ou aborrecido.
 
Além do mau humor, quem tem distimia, segundo a psicoterapeuta, se sente desmotivado e demonstra sentimentos negativos e impaciência. Os principais sintomas da doença são: mau humor, desânimo, tristeza, pessimismo, baixa autoestima, falta de energia, dificuldades para dormir e se alimentar de maneira saudável, uso de álcool ou drogas.
 
— Quem tem distimia não consegue ver o lado bom das coisas. Coloca defeito em tudo, não sabe lidar com imprevistos, se sente injustiçado, leva tudo para o lado pessoal e parece que carrega um grande peso nas costas. Não sabe rir dos problemas e das situações que fogem ao seu controle, sofrendo muito quando algo em seu planejamento não dá certo.
 
A psicoterapeuta alerta que a doença não pode ser subestimada. Quem apresenta mau humor com muita frequência corre um risco 30% maior de desenvolver depressão ou algum tipo de fobia.
 
Também há um grande risco da pessoa se envolver com drogas ou álcool, na busca ilusória de acabar com a irritação.
 
— O importante é, quando perceber um quadro geral da doença, procurar ajuda médica para diagnosticar o distúrbio. Em muitos casos a ajuda de um bom psicoterapeuta já é capaz de curar a doença. Em outros, mais graves, é necessário também o uso de medicamentos. Praticar atividades físicas que liberam endorfina e serotonina também ajudam a melhorar o humor, além de aumentar a autoestima.
 
R7

Dengue será ameaça a turistas na Copa?

Um especialista da Universidade de Oxford chamou a atenção para as chances de ocorrência de surtos de dengue durante a Copa do Mundo e colocou três cidades do Nordeste sob alerta: Fortaleza, Salvador e Natal.
 
Em uma coluna na revista científica Nature, o pesquisador britânico Simon Hay defende que o Brasil deveria fazer campanhas de alerta aos turistas sobre os riscos da doença e aumentar as medidas de controle.
 
O alerta foi publicado na mesma semana em que novos dados divulgados pelo governo revelaram que o número de mortes por dengue no Brasil praticamente dobrou - de 292 em 2012, para 573 entre janeiro e outubro deste ano (96% a mais). Os casos graves também tiveram elevação, de 3.957 para 6.566 (um aumento de 65% em relação ao ano passado). Em 2010 foram registradas 638 mortes e 16.758 casos graves.
 
De 1.315 cidades avaliadas, 682 (51%) não estão em nível satisfatório de contenção do mosquito Aedes aegypti (transmissor do vírus da dengue). Do total, 157 estão em situação de risco e 525 em alerta.
 
Em resposta ao artigo da Nature, o Ministério da Saúde disse à BBC Brasil que 'em junho e julho, meses em que serão realizados os jogos da Copa do Mundo 2014, as taxas de incidência da doença mostram baixa transmissão na região Nordeste, não havendo evidências de que, durante a realização dos jogos, possam ocorrer epidemias de dengue nas cidades-sede'.
 
O secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa, disse durante a semana que o país 'nunca teve epidemia em junho e julho' e que as medidas de combate à dengue são permanentes. Ele também chegou a afirmar que o 'pesquisador não deve conhecer bem dengue e no Reino Unido pode não haver muita gente com a experiência que adquirimos no Brasil'.
 
Polêmica
É justamente esta informação que o artigo destaca, que enquanto no Sul e no Sudeste os meses de junho e julho são épocas de seca, no Nordeste o clima é outro, tratando-se de um período de chuvas, o que poderia favorecer a proliferação do mosquito.
 
'O professor Simon Hay é um nome muito respeitado em todo o mundo no estudo da dengue. De fato, a curva de chuvas no Nordeste é diferente do resto do país, e os jogos da Copa do Mundo vão coincidir com esse período. Acho que serve como alerta e cabe agora a essas três cidades intensificar as ações de prevenção', diz Rafael Freitas, pesquisador especialista em dengue da Fundação Oswaldo Cruz, no Rio de Janeiro.
 
Freitas acredita que além de comunicar turistas, tanto brasileiros quanto estrangeiros, o governo deveria investir tempo e recursos para conscientizar a população local, com antecedência, já que a eliminação de pontos de água parada ainda é a forma mais eficaz de combate à transmissão do vírus.
 
'Poderíamos investir mais mesmo no controle do mosquito. Mesmo que ele (Simon Hay, autor do artigo publicado na Nature) estivesse errado, não perderíamos nada. Precaução não faz mal a ninguém'.
 
Oliver Brady, do Departamento de Zoologia da Universidade de Oxford, que participou, juntamente com Simon Hay, de um estudo - também publicado na Nature - sobre riscos da dengue no mundo a partir de um mapeamento dos casos da doença em 2010, disse à BBC Brasil que o nível de transmissão no Sul e Sudeste será baixo, mas que em Fortaleza, Natal e Salvador estará no pico.
 
'Mas nós também precisamos destacar que trabalhamos com médias anuais. Prever a situação real da dengue em junho e julho é como prever o tempo, e mudanças sutis em padrões sazonais meteorológicos podem colocar algumas cidades sob risco maior ou menor', explica.
 
Perspectiva e medidas
Embora seja um assunto familiar no Brasil e em quase cem outros países onde há incidência da doença (em outros climas tropicais na América Latina, África e Sudeste Asiático), a dengue é pouco conhecida entre turistas estrangeiros, principalmente europeus e norte-americanos.
 
'Isto significa que a Fifa, as autoridades brasileiras e os patrocinadores da Copa do Mundo precisam usar sua influência e experiência para informar sobre os riscos e as medidas de proteção que os torcedores deveriam tomar', diz Simon Hay no artigo da Nature.
 
Para ele, entre elas estão: optar por acomodação com mosquiteiros, telas e ar-condicionado; aplicar inseticidas nos quartos; usar calças e camisas de manga comprida (sobretudo de manhã cedo e no fim da tarde, quando a chance de ser picado pelo mosquito é maior); e aplicar repelente sobre as roupas e a pele.
 
Já nas cidades, o britânico defende o combate agressivo ao mosquito nos meses e semanas anteriores ao Mundial, por meio da eliminação de pontos de água parada e aplicação de inseticidas específicos das áreas em torno dos estádios, conhecidos no Brasil como 'fumacê'.
 
O Ministério da Saúde informou à BBC Brasil que não só manterá o programa permanente de combate à doença como, a exemplo do que já ocorreu durante a Copa das Confederações, implementará ações específicas nas cidades-sede.
 
Segundo o governo, a estratégia visará 'à eliminação de criadouros do vetor [mosquito] com ênfase nos estádios/arenas, Fan Fests (os telões em áreas abertas com exibição ao vivo dos jogos), exibições públicas, centros de treinamento, rede hoteleira, aeroportos e seus entornos. Em locais de grande circulação de viajantes nacionais e internacionais (hotéis, rodoviárias, portos, aeroportos), haverá intensificação de ações de comunicação e prevenção, bem como referências para atendimento médico. Além disso, há processos contínuos de capacitação para garantir um atendimento de qualidade aos pacientes com dengue'.
 
Verbas, Rio e 'alarmismo'
Tal qual o número de mortes, os investimentos do Ministério da Saúde no combate à dengue também dobraram em relação ao ano passado. O órgão anunciou a liberação de R$ 363,3 milhões (contra R$ 173,3 milhões em 2012).
 
Deste montante, seis Estados em situação mais preocupante receberão as maiores verbas: São Paulo (R$ 49,1 milhões), Minas Gerais (R$ 40,9 milhões), Rio de Janeiro (R$ 32,2 milhões), Bahia (R$ 29,3 milhões), Pará (R$ 24,8 milhões) e Maranhão (R$ 20,4 milhões).
 
Apesar de apresentar a menor infestação do mosquito da dengue dos últimos oito anos, a cidade do Rio de Janeiro ainda está sob 'alto risco', ao lado de outros dez municípios do Estado.
 
Para Alexandre Chieppe, superintendente de Vigilância Epidemiológica e Ambiental da Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro, é 'óbvio que o Brasil tem problemas com a dengue, e o Rio também tem características climáticas que favorecem a proliferação da doença'. Mas ele ressalta que 'não há motivos para preocupação no ano que vem', e argumenta que a capital fluminense está habituada a receber turistas e se preparar para isso.
 
'Não é a primeira vez que o Rio recebe eventos de grande porte. Temos o réveillon, carnaval, tivemos a Jornada Mundial da Juventude, com quase 2 milhões de pessoas. Estamos em reuniões com o COL [Comitê Organizador Local] há três anos. Temos aqui um protocolo de notificação imediata, assim que um paciente abre quadro de febre, monitora-se e informa-se toda a rede para casos de malária, dengue, febre amarela', diz.
 
'Vamos distribuir panfletos e há um plano específico, operativo de Copa, quanto a estoques de insumos e controle do vetor. Esse alarmismo não leva a nada. Temos programas bem estruturados', afirma, em relação ao artigo publicado na revista Nature.
 
Os organizadores do estudo dizem que não querem convencer ninguém a deixar de ir à Copa, e admitem que o sistema de saúde brasileiro tem uma 'forte capacidade de vigilância de doenças'.
 
'O Brasil está numa posição forte de liderança internacional da ação contra a dengue. Trazer este assunto à tona, no contexto da Copa do Mundo, apresenta uma boa oportunidade de fazer um chamado para uma resposta mais internacional à esta doença tropical global em ascensão', diz Oliver Brady, da Universidade de Oxford.
 
BBC Brasil/R7

Como motivar colaboradores a terem hábitos mais saudáveis?

Doenças crônicas impõe mudança urgente na forma de encarar saúde nas empresas, diz psicólogo americano James Prochaska, criador do modelo transteórico
 
Por mais bem intencionada que uma organização possa ser ao implementar políticas de gestão da saúde, há uma barreira muito difícil de vencer: a resistência dos próprios funcionários. Uma vez que não se trata de impor obrigações – e fazê-lo pode ser justamente o caminho mais curto para o fracasso -, convencer os colaboradores a efetivamente adotarem hábitos mais saudáveis, reduzindo por consequência as despesas corporativas com saúde, pode ser um desafio gigantesco.
 
É preciso antes de tudo entender que um programa deste tipo precisa considerar, entre os indivíduos, diferentes estágios de propensão à mudança. Se em uma ponta estão aqueles resistentes à ideia de abandonar o cigarro, se alimentar melhor ou praticar exercícios, na outra estão os doentes crônicos buscando formas de aliviar a dor, ou então atletas amadores que precisam apenas manter os bons hábitos já adotados.
 
Lidar com essa multiplicidade de perfis é justamente o objetivo do modelo transteórico de mudança de comportamento, idealizado pelo norte-americano James Prochaska. Professor de psicologia comportamental e diretor do Centro de Pesquisa em Prevenção do Câncer da Universidade de Rhode Island, nos EUA, o especialista esteve no Brasil em setembro* para uma palestra sobre o TTM (sigla em inglês para o Transtheoretical Model of Behavior Change).
 
“Se realmente queremos mudar o sistema de saúde temos que tirar a doença do centro, não só em termos de prevenção, mas também de gestão”, explicou o psicólogo a uma plateia formada principalmente por profissionais de recursos humanos. Nos EUA, segundo ele, cerca de 60% do montante gasto pelas empresas com a saúde de seus colaboradores é consequência direta de comportamentos de risco.
 
Evitar o agravamento deste quadro é justamente o objetivo do TTM, consagrado no livro Mudar para Melhor (no original, Changing for Good), obra mais conhecida de Prochaska – autor e coautor de mais de 250 publicações defendendo o método, que vem sendo aprimorado desde o fim da década de 1970. O modelo busca fazer uma leitura da propensão que cada indivíduo tem para adotar um comportamento mais saudável, provendo assim estratégias para fazê-lo migrar entre os chamados “estágios de mudança” .
 
E não se trata apenas de tabaco, gordura ou sedentarismo. Segundo Prochaska, os maiores índices de sucesso do método são observáveis na prevenção da depressão e no gerenciamento do estresse. Os resultados também são positivos para pessoas com doenças crônicas. “Os números [obtidos por meio do estudo] podem ser trabalhados para prevenção e gestão de condições clínicas. Queremos que os gestores sejam capazes de fazer benchmarking”, afirmou o autor.
 
Combater estes males ganha particular importância em nossos tempos. Desde a Grande Depressão de 1929 as pessoas nunca sofreram tanto nos EUA, apontou Prochaska. A crise econômica, aliada ao impulso de satisfação por meio do consumo, levou a um quadro de depressão endêmica no país.
 
Observações feitas em um grupo de adultos americanos no estágio conhecido como Preparação, após 18 meses de intervenção seguindo o modelo TTM, mostraram que 62% deles foram capazes de gerenciar seus níveis de estresse. Pacientes com depressão grave ou moderada (classificados no estágio de Contemplação ou Pré-contemplação) inseridos no programa responderam melhor ao tratamento. Aqueles com a doença em estágio inicial evitaram a evolução da doença.
 
Apesar dos números positivos, não são poucos as controvérsias sobre o método criado por Prochaska. Estudiosos questionam a metodologia para medição dos resultados, e alegam que os mecanismos de intervenção para mudança comportamental podem não produzir os resultados esperados. Para o psicólogo, no entanto, os resultados são corretos e contrariam interesses poderosos. “A indústria farmacêutica raramente investe em mudanças. Se eles tem um medicamento para tratar o problema, vão lançá-lo”, salientou.
 
Papel das empresas
“Como a maioria das pessoas não está pronta para tomar uma atitude, elas precisam ser empurradas”, sentenciou o psicólogo aos gestores que acompanharam sua palestra. A posição é compartilhada pela endocrinologista e líder da área de clientes da AxisMed, Ana Cláudia Rocha Pinto. A empresa do grupo Telefônica utiliza o modelo de Prochaska na prestação de serviços de saúde preventiva.
 
Para a médica, trata-se de um desafio antigo, porém urgente. “Pessoas ainda morrem por questão de comportamento, e os custos estão galopantes. As empresas não estão atingindo os resultados que gostariam”, refletiu a gestora, chamando atenção para a necessidade de novas abordagens diante do alto índice de doenças crônicas e da baixa aderência dos pacientes às recomendações médicas.
 
Os impactos estratégicos deste cenário sobre as empresas é um desafio. Como controlar os custos se boa parte deles é indireto e difícil de calcular? O emprego massivo da tecnologia pode ser a resposta.
 
“Há evidências de que a telemedicina e as tecnologias associadas podem trazer resultados positivos. Já existem uma série de aplicativos móveis que as pessoas usam para melhorar suas vidas. É um novo paciente, que se responsabiliza e tem independência, e que certamente vai precisar de um novo sistema de saúde”, ponderou Ana Cláudia.
 
O que se sabe sobre esse sistema, reiterou o presidente da Axismed, Fábio de Souza Abreu, parafraseando Prochaska, é que “o paciente estará no centro, e não as doenças”. As empresas, neste contexto, podem ser um agente de mudança importante na medida em que, na busca pela redução do absenteísmo, adquirem consciência sobre a gestão da saúde populacional. “São essas pessoas que vão promover as mudanças”, apontou o CEO, referindo-se aos profissionais de recursos humanos.
 
Conheça os estágios do método de James Prochaska:
 
1. Pré-contemplação, ou não pronto:
Pessoas que não pretendem tomar uma atitude em um futuro próximo, e não acreditam que seu comportamento atual possa ser um problema;
 
2. Contemplação, ou ficando pronto:
Nesse estágio o indivíduo reconhece que tem um comportamento problemático, e começa a pensar sobre prós e contras de suas ações;
 
3. Preparação, ou pronto:
Quando a pessoa pretende tomar uma atitude em um futuro imediato, e já está caminhando rumo a uma mudança concreta;
 
4. Ação:
Neste estágio o indivíduo já tomou uma atitude drástica e modificou substancialmente seus hábitos, de modo a adquirir um comportamento mais saudável;
 
5. Manutenção:
Após a mudança, as pessoas adquirem a capacidade de manter os novos hábitos e trabalham para não ter recaídas;
 
6. Terminação:
A tentação do indivíduo em retornar aos velhos hábitos chega a zero diante da certeza dos resultados do novo comportamento.

* Organizado pela AxisMed e pela Associação Brasileira de Recursos Humanos de São Paulo, com apoio da Aliança para a Saúde Populacional (ASAP), a palestra ocorreu na capital paulista no último dia 13 de setembro
 
SaudeWeb

Brasil terá base de dados de referência para biovigilância

Notify Library será lançada nesta segunda-feira e reunirá casos emblemáticos de eventos adversos em sangue, tecidos, células e órgãos
 
Será lançado nesta segunda-feira (9), em Brasília, um banco de dados que reúne casos considerados emblemáticos de eventos adversos na área de sangue, tecidos, células e órgãos. A Notify Library terá casos documentados e disponíveis para pesquisa que serão úteis ao trabalho da vigilância sanitária e para àqueles que atuam no setor.
 
A ferramenta é resultado do trabalho do Centro Nacional de Transplante da Itália e já reúne mais de 900 casos relacionados ao uso de células, doações de órgãos e reprodução assistida, entre outros. A expectativa é que o Notify ajude os profissionais de saúde envolvidos na investigação e prevenção de eventos adversos.
 
O evento faz parte do III Encontro Global de Biovigilância da OMS – Projeto NOTIFY, que este ano acontece no Brasil dos dias 7 a 9 de dezembro. O evento reúne representantes de autoridades estrangeiras de saúde, autoridades reguladoras nacionais, centros de controle de epidemiologia e doenças, sociedades científicas e profissionais da área de Produtos Médicos de Origem Humana (MPHO) e a OMS.
 
A programação do evento pode ser vista no site da Anvisa.
 
SaudeWeb

Projeto da USP leva atendimento médico a penitenciária

Iniciativa leva alunos de medicina para prestar assistência em ginecologia e obstetrícia a cerca de 350 detentas em Ribeirão Preto (SP)
 
Ainda é cedo quando os alunos chegam à penitenciária feminina de Ribeirão Preto, onde aproximadamente 350 mulheres cumprem pena por diferentes tipos de crimes. Ao contrário do que acontece quando entram em um hospital, lá é preciso primeiro passar por uma rigorosa revista. Dos habituais instrumentos de trabalho, apenas o jaleco, o estetoscópio, uma caneta e o crachá de identificação do hospital são permitidos.
 
Acompanhados por uma supervisora de ensino, os estudantes de medicina têm uma importante missão: prestar atendimento nas áreas de ginecologia e obstetrícia às presas, o que inclui a realização de exames como papanicolau e avaliação de mamas para detecção precoce de possíveis casos de câncer.
 
“No começo é estranho porque é totalmente diferente da nossa realidade. Atendemos presos no hospital, mas nunca havíamos atendido essas pessoas na própria penitenciária”, relata Patrícia de Souza Pinto, estudante do 5º ano do curso de medicina.
 
A iniciativa é pioneira no Brasil. Começou de forma isolada com o trabalho simultâneo de dois docentes da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP; um deles, a professora Carolina Sales Vieira Macedo, do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia, desenvolvendo trabalho com grupo de estudantes do 5º ano. “Em 2011, acontecia a reformulação curricular do curso de medicina e uma das propostas era levar o aluno à comunidade, ou seja, descentralizar o ensino.
 
Estávamos justamente procurando por outros cenários onde os alunos pudessem aprender. Em uma de minhas visitas à penitenciária estadual feminina, onde voluntariamente prestava orientações às presas, observei 300 mulheres, uma sala de atendimento e faltando quem? Médico! Então, nesse momento, pensei que seria muito interessante o aluno da USP ter contato com uma realidade que não faz parte do seu dia a dia. Ele ajudaria aquela comunidade e também seria ajudado, não só na sua formação médica, mas também na humanística”.
 
Constatar a importância de colocar em prática um projeto que pudesse atender esta demanda e contribuir para uma formação mais completa do aluno foi o primeiro passo para que a disciplina se tornasse obrigatória. Atualmente, todos os alunos do 5º ano do curso de medicina da FMRP prestam atendimento na penitenciária feminina quando passam pelo Internato em Saúde da Mulher I. Eles são divididos em grupos de dois alunos e realizam os atendimentos sempre às segundas e terças-feiras.
 
“Foi a primeira disciplina nacional em que o estudante começa a perceber como o paciente confinado se comporta, quais as doenças mais comuns numa penitenciária, desmistificar que é seguro trabalhar dentro de uma penitenciária, que as pessoas que estão ali privadas de liberdade nos tratam muito bem. Hoje tem médico que não quer nem ir porque tem medo, acha que não vai ser bem tratado ou que o ambiente não é seguro”, afirma a professora.
 
Projeto semelhante é desenvolvido por um colega de Carolina, o professor Antonio Pazin Filho, do Departamento de Clínica Médica e coordenador da Unidade de Emergência (UE) do Hospital das Clínicas da FMRP. Desta vez, o trabalho é realizado na penitenciária masculina de Ribeirão Preto, com importante apoio, desde o início, da professora Luciane Loures, do Departamento de Medicina Social.
 
“Nós tínhamos muitos pacientes presidiários que eram trazidos para a UE. Um dia, chegou um com uma escolta, com metralhadora, e eu fiquei preocupado com a segurança dos outros pacientes porque se aquilo disparasse, nós teríamos um acidente. Aí eu questionei o capitão da PM e ele me disse que era necessário trazer os presos ao hospital porque na penitenciária não tinha médico”.
 
A afirmação chamou a atenção do professor, que decidiu visitar a penitenciária. Lá descobriu que, apesar de não disponibilizar condições ideais, havia medicamentos e condições de trabalho para atendimento médico no local, além, claro, de oferecer mais segurança do que um posto de saúde. O argumento para que isso não fosse realizado era a falta de interesse de médicos, que tinham receio de trabalhar em presídios.
 
“Resolvemos então criar uma disciplina optativa para alunos do 4º ano, que se chama Medicina de Confinamento, e o interesse dos estudantes foi muito bom. No ano passado, oferecemos duas vezes e, dos 100 alunos do 4º ano da faculdade, 30 fizeram”, comemora o professor.
 
Vantagens
Muitas são as vantagens destas iniciativas, tanto para os presos quanto para os alunos. O processo de transferência de detentos para atendimento em hospitais envolve custos e alguns transtornos para ambas as partes. Para que um preso seja levado a um posto de saúde, por exemplo, são necessários, pelo menos, policiais para escolta e uma viatura, os quais poderiam estar atendendo outros casos. Há também o risco relacionado à segurança dos demais pacientes que se encontram nestes ambientes de saúde. Atualmente, uma das maiores dificuldades para tratamento de população encarcerada é a locomoção. Muitas vezes, eles faltam ao retorno não porque querem, mas porque não há escolta para levá-los.
 
“Se o médico estiver lá, se a equipe de saúde estiver lá, você consegue um atendimento local e só vai tirar da penitenciária os casos de maior complexidade”, argumenta a professora Carolina. Com orgulho, Pazin destaca o valor atribuído aos médicos pelos presos. “Somos tratados como anjos dentro do presídio. Eles têm vários códigos próprios e, quando tem rebelião, o pessoal da saúde é o primeiro a ser liberado, porque eles sabem que a gente está indo lá para ajudar e que nada do que eles fizerem ou nos contarem vai ser usado contra eles”.
 
Por outro lado, os alunos também são beneficiados pela iniciativa, uma vez que têm contato com uma realidade diferente da qual estão acostumados, tendo a oportunidade de aprender com problemas frequentes a essas pessoas, como tuberculose, sífilis, sangramentos ou tensão pré-menstrual, intervindo de maneira efetiva, sempre com base no contexto dos pacientes. “Muitas vezes, presas queixam de corrimento, mas não sabem fazer a higiene íntima. Também fazemos check up específico de cada idade dentro da penitenciária. O mesmo roteiro de exames que a gente faria em uma mulher dentro do HC, por exemplo, a gente faz na penitenciária”, afirma Carolina.
 
Futuro
Diante dos bons resultados alcançados, a intenção é ampliar o projeto, envolvendo um maior número de alunos e pacientes. Uma das propostas, ainda em discussão, é utilizar a telemedicina como forma de expandir o atendimento. “Se você tiver um médico lá dentro e puder contar com orientação médica externa, do hospital, seria possível atender por telemedicina”, afirma Pazin.
 
A iniciativa poderia evitar as transferências de presos que tanto atrapalham a rotina da penitenciária e do hospital e, em alguns casos, inviabilizam o atendimento por falta de efetivo.
 
Para Carolina, “o que fazemos é algo pioneiro. A USP prestando serviço à comunidade encarcerada e a população encarcerada servindo de campo de ensino e assistência para a Universidade de São Paulo. Se pudermos ampliar, seria ótimo”.
 
SaudeWeb

País está fora das cadeias globais em saúde

O Brasil será em 2014 o sexto maior mercado consumidor de equipamentos hospitalares, segundo estimativas do ex ministro da Saúde, José Gomes Temporão.

 Mas ainda assim não tem uma indústria competitiva e enfrenta a dificuldade de uma balança comercial desfavorável, em torno de US$ 2,5 bilhões no ano passado. De acordo com diagnóstico feito pelo Centro Brasileiro de Relações Internacionais (Cebri), apresentado em seminário realizado ontem em São Paulo, falta uma política industrial do setor que insira o País nas cadeias globais.

 O potencial do Brasil de desenvolver essa indústria está diretamente ligado ao fato de ser o único país com mais de 100 milhões de habitantes com um sistema universal de saúde em que as compras para aparelhar hospitais e laboratórios são feitas pelo governo. A coordenador executiva do Cebri, Adriana Queiroz, diz que o País fez um excelente plano para o setor de medicamentos, mas, na questão de máquinas e equipamentos, a política industrial focada em um prêmio para a indústria nacional não se adequa.

 Hoje, o governo, para incentivar as multinacionais a se instalarem no País paga um prêmio de preferência de até 25% para o produto nacional. Ou seja, os equipamentos com 60% de conteúdo nacional podem ser até esse porcentual mais caros. Na visão do Cebri, o governo deveria dar prioridade a determinados tipos de maquinário para se adaptar à principal característica do setor que é a cadeia global.

 Durante o seminário, o ex-embaixador do Brasil Rubens Barbosa criticou justamente o fato de o País hoje não estar negociando acordos bilaterais importantes com Estados Unidos ou União Europeia onde, segundo ele, é onde se está decidindo padrões e tecnologia.

O Estado de São Paulo

Prefeitura de Sacramento - MG publica edital de processo seletivo

A Prefeitura de Sacramento, no estado de Minas Gerais, através da empresa Exame Auditores & Consultores Ltda, lançou edital de processo seletivo nº. 02/2013, com o objetivo de contratar 49 profissionais por tempo determinado, sendo uma vaga separada para contratação de candidato com necessidade especial. As chances são para profissionais de nível alfabetizado até os de nível superior, por salários até R$ 1.308,86.

As oportunidades são para os cargos de agente comunitário de saúde, agente de combate às endemias, apoiador de oficinas, auxiliar administrativo I de escola, auxiliar de multimeios didáticos, auxiliar de serviços gerais de escola, bibliotecário, educador físico, instrutor de oficinas, motorista e demais cargos.

As inscrições deverão ser realizadas pelo www.exaeconsultores.com.br, no período de 18 de dezembro de 2013 a 05 de janeiro de 2014.

Aos candidatos com dificuldade de acesso à internet, será disponibilizado Atendimento Presencial na Sede da Prefeitura Municipal de Sacramento, situada à Praça Monsenhor Saul Amaral, nº 512, Centro, CEP 38190-000, Sacramento/MG.

As provas serão aplicadas na data prevista de 19 de janeiro de 2014, às 9h, em locais e horários a serem divulgados. A divulgação do gabarito provisório da prova objetiva de múltipla escolha será na data prevista de 21 de janeiro de 2014, às 14h.

O prazo de validade do certame é de 01 ano.

Concurso Prefeitura de Redenção - PA 2013/2014

A Prefeitura de Redenção, no estado do Pará, em parceria com o Instituto de Desenvolvimento Social Ágata, abriu edital de concurso público n° 001/2013, com o objetivo de preencher 853 vagas para profissionais de níveis fundamental completo e incompleto, médio e superior. Os salários podem chegar a R$ 2.640,00.
 
Cargos
Para quem tem o nível fundamental incompleto e completo há chances nos cargos de auxiliar de serviços gerais, agente de infraestrutura operacional, carpinteiro, encanador, marceneiro, merendeira, operador de máquinas leves e pesadas, pedreiro, pintor, soldador, vigilante, eletricista predial, mecânico, motorista, agente de apoio administrativo, agente de combate à endemias e condutor de veículos de urgência e emergência.

No nível médio concluído, as ofertas são para agente de suporte educacional, agente de vigilância sanitária, agente municipal de trânsito, agente técnico administrativo, agente tributário, atendente de consultório odontológico, facilitador de oficina, fiscal ambiental, fiscal de inspeção municipal, fiscal de obras e postura, fiscal de transporte, fiscal de tributos, orientador social, regente de banda, regente de coral, professor magistério, supervisor de divisão de lazer, técnico agrícola, técnico agropecuário, técnico em aquicultura, técnico em contabilidade, técnico em edificação, técnico em enfermagem, técnico em higiene bucal, técnico em informática, técnico em laboratório, técnico em manutenção de consultório, técnico em piscicultura, técnico em prótese dentária, técnico em radiologia, técnico em refrigeração, técnico em segurança do trabalho, técnico em topografia e técnico em zootecnia.

Profissionais com formação de nível superior poderão optar por cargos como o de arquiteto, assistente social, auditor fiscal,  bibliotecário, biomédico, bucomaxilofacial, cirurgião dentista, contador, edondotista, educador físico, enfermeiro padrão, engenheiro agrônomo, engenheiro ambiental, engenheiro civil, engenheiro elétrico, engenheiro em segurança do trabalho, engenheiro florestal, engenheiro químico, engenheiro sanitarista, farmacêutico bioquímico, fisioterapêuta, fonoaudiólogo, gestor ambiental, médico anestesista, médico auditor, médico cardiologista, médico cirurgião geral, médico clínico geral, médico dermatologista, médico do trabalho, médico gastro, médico ginecologista, médico hematologista, médico infectologista, médico neurocirurgião, médico obstetra, médico otorrinolaringologista, médico pediatra, médico pneumologista, médico regulador, médico traumato ortopedia, médico veterinário, ortodontista, periodontista, procurador jurídico, protesista, psicólogo, técnico em suporte alimentar, terapêuta ocupacional, zootecnista, professor de artes, professor de ciências, professor de dança, professor de educação física, professor de espanhol, professor de geografia, professor de história, professor de informática, professor de língua inglesa, professor de música, professor de língua portuguesa, professor de matemática, professor de religião, professor de teatro, professor pedagogo educação infantil, professor pedagogo educação especial, técnico em suporte pedagógico e pedagogo.
 
A jornada de trabalho é de 40 horas semanais para todos os cargos, exceto para os cargos de Professor – PII que é de 100 horas/mês e para os cargos com determinação legal diferenciada.
 
Inscrições e Taxas
O período de inscrições seguirá de 17 de dezembro de 2013 a 17 de janeiro de 2014, através do www.institutoagata.com.br. As taxas variam de R$ 30,00 a R$ 55,00, de acordo com o cargo escolhido.
 
Provas
Os candidatos serão avaliados por prova objetiva de múltipla escolha, que será realizada provavelmente no dia 09 de fevereiro de 2014, no Município de Redenção/PA, em locais e horários a serem divulgados.

A documentação comprobatória dos Títulos para os cargos de Nível Superior deverá ser entregue no período de 05 a 07 de fevereiro de 2014, nos seguintes locais: Rua Guarantã, nº 600, Vila Paulista, Redenção/PA, no horário de 08h às 14h (no protocolo da Prefeitura) ou entregar na sede do Instituto Ágata, localizada à Rua Santo Antônio, nº 432 (10º andar - sala 1013), Bairro: Campina, CEP: 66.010-090 - Belém/PA ou enviá-lo via SEDEX, com postagem até o dia 07 de fevereiro de 2014, para a sede do Instituto Ágata.

O resultado preliminar da prova objetiva de múltipla escolha está previsto ser divulgado no dia 25 de fevereiro de 2014, juntamente com o Resultado da Prova de Títulos, e a divulgação do Resultado Final está prevista ser divulgado no dia 07 de março de 2014, no quadro de avisos da Prefeitura e por meio do site www.institutoagata.com.br.
 
Validade
O prazo de validade do certame será de dois anos.

IDTECH abre processo seletivo

O Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano – IDTECH abriu processo seletivo nº. 002/2013, tendo como objetivo o preenchimento de 210 vagas de trabalho, sendo 10 para Enfermeiros e 200 para Técnicos em Enfermagem, para atuarem nas Unidades e Serviços do Hospital Alberto Rassi – HGG. Os salários podem chegar a R$ 3.118,22 por jornada de trabalho de 36 horas semanais.

As inscrições serão recebidas de forma presencial e gratuita, no período de 09 a 13 de dezembro de 2013, na sede do IDTECH, situada à Rua 01, nº 60 – Setor Oeste, Goiânia/GO, CEP 74.115-040.

O processo seletivo será composto de Avaliação Curricular, Dinâmica de Grupo e Entrevistas Técnicas.

A avaliação curricular está prevista para ser realizada no período de 16 a 20 de dezembro de 2013. Já a dinâmica de grupo será realizada provavelmente nos dias 06 e 07 de janeiro de 2014.

A entrevista técnica será realizada na data provável de 13, 14 e 15 de janeiro de 2014.

O resultado preliminar será divulgado, por ordem alfabética, a partir das 18 horas do dia 17 de janeiro de 2014, no site www.idtech.org.br.

A validade do processo seletivo será de 09 de dezembro de 2013 a 09 de dezembro de 2014, prorrogáveis todos os seus termos e condições pelo período de mais 1 ano a critério exclusivo do IDTECH.

Concurso Prefeitura de Itaobim - MG

A Prefeitura de Itaobim, estado de Minas Gerais, lançou o extrato do edital n° 001/2013, de concurso público, destinado ao provimento de vagas para profissionais de níveis fundamental, médio e superior. 
 
As chances são para os cargos de Auxiliar de Serviços Gerais, Servente Escolar, Servente de Pedreiro, Pedreiro, Mecânico, Motorista, Operador de Máquinas Leves e Pesadas, Motorista de Ambulância, Agente Administrativo, Assistente de Saúde, Auxiliar de Educação, Técnico em Higiene Dental, Professor P1 e P2, Pedagogo e Odontólogo.
 
As inscrições serão realizadas no período de 18 de fevereiro a 20 de março de 2014. A previsão é de que as provas seja aplicadas em 27 de abril de 2014 (data sujeita à alteração).
 
O edital completo será disponibilizado no site da organizadora www.polisauditoria.com.br e na sede da Prefeitura Municipal. 

Prefeitura de Faxinal dos Guedes - SC abre vagas

A Prefeitura de Faxinal dos Guedes, no estado de Santa Catarina, anunciou por meio do Diário Oficial dos Municípios (06 de dezembro de 2013, pág. 110), que abrirá inscrições para a realização de concurso público e processo seletivo a prover vagas aos cargos do quadro de pessoal do Poder Executivo Municipal.
 
Interessados, deverão se inscrever no período de 07 até 23 de dezembro de 2013, exclusivamente pelo site www.incapel.com.br.
 
O concurso público será composto de prova objetiva, que será aplicada provavelmente em 05 de janeiro de 2014.

Prefeitura de Fraiburgo - SC divulga edital de processo seletivo

A Prefeitura de Fraiburgo, no estado de Santa Catarina, divulgou através do Diário Oficial dos Municípios (06 de dezembro de 2013, pág. 285), extrato dos editais nº. 0047 e 0048/2013 de processo seletivo, visando à contratação em caráter temporário. A seleção irá atender as necessidades temporárias do governo municipal para as funções e Odontólogo e Agente Comunitário de Saúde. O certame será válido para o ano de 2014, podendo ser prorrogado.
 
As inscrições serão recebidas até o dia 20 de dezembro 2013, das 08h30 às 11h30 e das 14h às 17h, em dia de expediente, na Secretaria de Administração e Planejamento, Departamento de Gestão de Pessoal, localizado na Av. Rio das Antas, 185, Centro, município de Fraiburgo/SC.
 
Maiores informações na Prefeitura de Fraiburgo, pelo telefone (49) 3256-3013.

Concurso Polícia Civil - SP 2014

A Polícia Civil do Estado de São Paulo lançou mais um edital de concurso público, desta vez para o preenchimento de várias vagas no cargo de Técnico de Laboratório. Os candidatos devem possuir ensino médio completo.
 
O concurso oferece 84 vagas, sendo 60 para capital e Grande São Paulo e as outras 24 vagas são para as seguintes regiões: Araçatuba (2 vagas), Bauru (4), Campinas (4), Presidente Prudente (2), Ribeirão Preto (4), Santos (2), São José dos Campos (2), São José do Rio Preto (2) e Sorocaba (2).
 
A remuneração inicial da classe de Técnico de Laboratório tem o total de vencimentos a partir de R$ 1.178,24, correspondentes à soma dos valores do Salário-base, da Gratificação Executiva e da Gratificação pelo Desempenho e Apoio às Atividades Periciais e de Assistência à Saúde (GDAPAS), e demais vantagens.

As inscrições, no valor de R$ 42,61, deverão ser realizadas exclusivamente pela internet, pelo site da organizadora VUNESP (www.vunesp.com.br), no período das 10 horas de 03 de fevereiro às 16 horas de 28 de fevereiro de 2014.

A prova preambular, única fase do certame, será aplicada na data prevista de 06 de abril de 2014, com locais e horário a serem divulgados oportunamente, conforme opção formulada pelo candidato no ato da inscrição. 
 
O concurso será válido por dois anos.

O edital de Técnico de Laboratório - TL 1/2013 está no Diário Oficial do Estado de São Paulo - Poder Executivo (06/12/2013), nas páginas 201 a 206, e também será hospedado no site da VUNESP, junto a demais atualizações.

Concurso CRESS - 10ª Região - RS

O Conselho Regional do Serviço Social – 10ª Região (CRESS 10ª Região), no estado do Rio Grande do Sul, publicou edital de concurso público n° 01/2013, cuja realização ficará sob a responsabilidade da organizadora Noroeste Concursos.

São ofertadas 03 vagas, mais cadastro de reserva, para os cargos de Coordenador Administrativo, Agente Administrativo, Auxiliar Administrativo e Agente Fiscal (níveis médio e superior). Os salários vão até R$ 2.586,56, por carga horária de 30 horas semanais. Além dos vencimentos são oferecidos vale-transporte, vale-alimentação e plano de saúde com coparticipação.
 
As inscrições deverão ser efetuadas, única e exclusivamente, pelo www.noroesteconcursos.com.br, até o dia 05 de janeiro de 2014. As taxas variam de R$ 60,00 a R$ 100,00 de acordo com a função escolhida.

As provas objetivas serão aplicadas na data prevista de 26 de janeiro de 2014, na cidade de Porto Alegre – RS, com duração máxima de 3h, incluso o tempo para preenchimento da Folha de Resposta. O gabarito será divulgado na data provável de 27 de janeiro de 2014.

A confirmação da data e as informações definitivas sobre horário e local para a realização das provas serão divulgadas oportunamente por meio de Edital de Convocação, no endereço eletrônico www.noroesteconcursos.com.br.

A validade do concurso público será de dois anos, prorrogável, a critério da Administração, por igual período.

Concurso Companhia Águas de Joinville - SC

Estão abertas as inscrições, pelo edital nº 01/2013, do concurso público da Companhia Águas de Joinville (SC), cuja meta é preencher 31 vagas imediatas e formar cadastro de reserva em todos os níveis de escolaridade. De acordo com o edital, os vencimentos para os cargos podem chegar a R$ 5.763, tendo o contratado direto a benefícios, como vale-refeição/alimentação (no valor de R$ 473), auxílio-creche, assistência médica e odontológica (extensiva aos dependentes), entre outros.
 
Cargos
Nível Fundamental - auxiliar técnico operacional.

Nível Médio/Técnico - assistente em suporte administrativo, auxiliar de laboratório, fiscal de serviços, motorista, agente comercial de campo, agente comercial de medição, agente sócio-ambiental, operador de estação, secretário, técnico em elétrica, técnico em mecânica e técnico em segurança do trabalho.

Nível Superior - analista contábil, analista de controladoria, analista de informática, assistente social, bioquímico, engenheiro eletricista, engenheiro sanitarista, pedagogo e químico.
I
nscrições
Para concorrer, o candidato deve fazer a inscrição no período de 11 de dezembro a 09 de janeiro de 2014, pelo site www.ibam-concursos.org.br. As taxas são variam de R$ 40 a R$ 80.
 
Provas
A aplicação das provas está prevista para o dia 02 de fevereiro de 2014, em Joinville, pela manhã. Para o cargo de Operador de Estação também será aplicada prova prática.

Validade
O prazo de validade do concurso é de dois anos.

Prefeitura de Acrelândia - AC retifica edital de processo seletivo

A Prefeitura de Acrelândia, no estado do Acre, publicou a retificação do edital nº. 004/2013 de processo seletivo. A finalidade do certame é preencher 11 vagas, sendo 8 imediatas e 3 para cadastro reserva na função de Agente de Controle de Endemias. Os aprovados trabalharão em regime de 40 horas semanais e receberão salários de até R$ 678,00 mais gratificação de produtividade de até R$ 150,00 e auxilio alimentação para atividades de zona rural de R$ 150,00.
 
As inscrições ocorrerão no período de 09 a 11 de dezembro de 2013, das 8 horas às 12 horas e das 14 horas às 17 horas, na Secretaria Municipal de Saúde, situada na Avenida Brasil, nº 691.
 
O processo será constituído de análise curricular e entrevista.
 
A análise curricular está prevista para 13 de dezembro de 2013. Já a entrevista será realizada na data provável de 16 de dezembro de 2013.
 
O edital de retificação foi publicado no Diário Oficial do Estado do Acre, de 06 de dezembro de 2013, pág. 567 e 568.

Prefeitura de Cajamar - SP realiza concurso público

A Prefeitura de Cajamar, no estado de São Paulo, publicou edital n° 03/2013 de concurso público, destinado ao provimento de 116 vagas para profissionais de níveis fundamental, médio e superior, por salários de até R$ 3.860,03. O concurso será executado por meio da empresa Moura Melo Consultoria em Recursos Humanos Ltda.
 
As chances são para os cargos de auxiliar de serviços gerais, oficial de manutenção predial, operador de máquinas, operador de rádio, telefonista, agente de defesa civil, agente de trânsito e transporte e médico nas mais diversas especialidades.

As inscrições via internet serão realizadas no período de 10 de dezembro de 2013 a 10 de janeiro de 2014, pelo site www.mouramelo.com.br e no Paço Municipal, no Departamento de Recursos Humanos, situada na Praça José Rodrigues do Nascimento, 30, Centro, Cajamar/SP. As taxas variam de R$ 20,00 a R$ 52,00 de acordo com o cargo escolhido.

As provas serão aplicadas em data, locais e horários a serem divulgados, pro meio dos  sites www.mouramelo.com.br, www.imprensaoficial.com.br – Caderno E xecutivo, Diário dos Municípios, no mural da Prefeitura de Cajamar, facultativamente no Jornal e no site www.cajamar.sp.gov.br.
 
O prazo de validade do concurso será de 01 ano, contados da data de sua homologação, podendo ser prorrogado por igual período, a critério da Administração.

Processo seletivo da Prefeitura de Presidente Prudente - SP

A Prefeitura de Presidente Prudente, estado de São Paulo, publicou o edital n° 04/2013, de processo seletivo, para contratação de sete médicos plantonistas socorristas. O salário é de R$ 1.890,72  por plantão de 24 horas.
 
Os interessados deverão fazer suas inscrições nos dias 09 e 10 de dezembro de 2013, na sede da Secretaria Municipal de Saúde, localizada na Avenida Washington Luiz, 544, Centro, na Coordenação Médica. 
 
A seleção será por meio de análise curricular. O certame terá validade de 01 ano, podendo ser prorrogado por até igual período, a critério da Administração Municipal.

Concurso Prefeitura de Cametá - PA

A Prefeitura de Cametá, no estado do Pará, publicou edital 001/2013 para a realização de concurso público. O certame  destina-se ao preenchimento de 700 vagas para profissionais de níveis fundamental, médio e superior, para atuação na área rural e urbana do município. O salário vai até R$ 1.901,55, por jornada de 24, 30 ou 40 horas semanais.
 
As vagas são para Agente de Serviços Gerais, Agente de Portaria, Agente de Apoio e Segurança, Operador de Máquinas Leves e Pesadas, Agente de Arrecadação e Fiscalização, Agente de Trânsito, Agente de Vigilância Saúde, Cadista, Agente Administrativo, (Técnico em Informática, Radiologia, Enfermagem, Agropecuária, Eletricidade, Aquicultura e Pesca, Gestão Escolar, Alimentação Escolar), Arquitetura, Serviço Social. Contador, Economista, Enfermeiro, (Engenheiro de Pesca,  Sanitarista, Agrônomo, Ambiental, Florestal e Civil), Fisioterapeuta, Médico em diversas especialidades, Pedagogo, Odontólogo, dentre outras oportunidades.
 
O candidato deverá se inscrever das 17h do dia 11 de dezembro de 2013 às 23h59 do dia 06 de janeiro de 2014 (horário de Belém-PA), no site da Fadesp - www.fadesp.org.br.
 
A taxa de inscrição é de R$ R$ 70,00 (nível superior), R$ R$ 50,00 (nível médio) e R$ 40,00 (nível fundamental).
 
Os candidatos serão avaliados por títulos e também por provas objetivas, que será aplicada na data provável de 19 de janeiro de 2014, pela manhã das 8 às 12h e pela tarde das 14h30min às 18h30min (horário de Cametá).
 
O formulário disponível no site www.fadesp.org.br, deverá ser impresso, preenchido, assinado e enviado pelo candidato por meio de carta registrada juntamente com os documentos comprobatórios à Comissão Executora do Concurso da Prefeitura Municipal de Cametá – FADESP (Documentos Prova Títulos - Cametá), Rua Augusto Corrêa, s/n, Campus Universitário da UFPA, Guamá, Belém-Pará, CEP 66075-110, no prazo, data de postagem no correio, estabelecidos no edital de convocação para a prova de títulos.
 
O prazo de validade do concurso público será de dois anos, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período.

Concurso SAMAE de Jaraguá do Sul - SC

Estão abertas as inscrições para o concurso público nº 01/2013 destinado a contratação de profissionais para o quadro permanente do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto de Jaraguá do Sul - SAMAE, estado de Santa Catarina. O concurso público será realizado pela empresa SOCIESC.

São oferecidas 44 vagas para cargos de nível fundamental, médio e superior por salários variados entre R$ 1.361,51 a R$ 5.076,64. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais, exceto para o cargo de Telefonista que é de 30 horas semanais.
 
Cargos
Para cargos de nível fundamental as vagas são de Auxiliar de Serviços Gerais e Pintor.
 
Quem tem nível médio/técnico os cargos são para agente Agente Administrativo, Agente de Operação Hidráulica, Auxiliar de Laboratório, Motorista, Operador de Máquinas, Técnico Ambiental, Técnico Eletroeletrônico,Técnico Eletromecânico, Técnico em Edificações, Técnico em Operações de ETA/ETE, Técnico em Saneamento e Técnico Laboratorista.
 
Candidatos que já concluíram o ensino superior podem disputar as vagas de Advogado, Analista de Educação Sócio-Ambiental e Qualidade, Analista Econômico-Financeiro, Auditor, Contador, Engenheiro Civil, Engenheiro Sanitarista e Tesoureiro.
Inscrições
As inscrições serão realizadas entre 06 de dezembro de 2013 e 20 de janeiro de 2014, pelo site www.sociesc.org.br/concursos. As taxas variam de R$ 35 a R$ 90.
 
Provas
A data prevista para realização das provas objetivas é dia 09 de fevereiro de 2014 e a confirmação desta data acontecerá juntamente com a confirmação dos locais e horários de provas. A seleção constará de prova objetiva e prova prática.
 
Validade
O Concurso Público terá validade de dois  anos, a contar da data do ato de homologação do resultado para cada cargo, podendo ser prorrogado por igual período, a critério do SAMAE.

Processo Seletivo Prefeitura de Congonhal - MG

A Prefeitura de Congonhal, estado de Minas Gerais, publicou o edital 01/2013, de processo seletivo, destinado ao preenchimento de 51 vagas em todos os níveis de escolaridade. Os vencimentos variam de  R$ 678 a R$ 6.338,20, em carga horária de 10 a 40 horas semanais. 
 
As oportunidades são para os seguintes cargos: Agente Comunitário de Saúde, Instrutor Musical, Auxiliar Administrativo I, Auxiliar de Consultório Dentário, Técnico de Enfermagem, Assistente Social, Dentista, Enfermeiro, Médico Clínico Geral, Professor de Educação Física e Psicólogo. 
 
As inscrições serão recebidas no período de 18 de dezembro de 2013 a 03 de janeiro de 2014, na sede da Prefeitura Municipal, situada à Rua Prudente de Moraes, 54, Centro, Congonhal/MG, ou pelo site www.tendenciaconcursos.com.br. As taxas oscilam entre R$ 34 e R$ 150.
 
As Provas Objetivas de Múltipla Escolha e Prática serão realizadas no Município de Congonhal, provavelmente no dia 26 de janeiro de 2014. As planilhas contendo os locais e horários de realização das provas Objetivas e Práticas estarão afixadas na sede da Prefeitura Municipal de Congonhal e disponíveis no site: www.tendenciaconcursos.com.br, a partir do dia 22 de janeiro de 2014. 

Concurso Prefeitura de Silvânia - GO

A Prefeitura de Silvânia, no estado do Goiás, por meio da empresa Sociedade de Desenvolvimento Vale dos Bandeirantes – Noroeste Concursos, publicou edital de concurso público n° 001/2013, com o objetivo de ocupar 261 vagas para cargos de todos os níveis escolares. Os aprovados receberão salários entre R$ 612,12 e R$ 2.928,79 em jornada de 40h semanais, conforme o cargo escolhido.
 
As vagas são para os cargos de Agente de Serviços de Higiene e Alimentação, Agente de Serviços Gerais, Almoxarife, Assistente Social, Auxiliar Administrativo, Biomédico, Cirurgião Dentista, Eletricista – Classe I, Eletricista para Veículos e Máquinas, Enfermeiro, Engenheiro de Alimentos, Farmacêutico, Fiscal de Serviços Públicos, Fiscal de Tributos Municipais, Fiscal de Vigilância Sanitária, Fiscal do Meio Ambiente, Gari, Gestor de Resíduos Sólidos, Instrutor de Cursos, Jardineiro, Marceneiro, Mecânico, Médico Veterinário, Monitor, Motorista Classe I e demais cargos.
 
As inscrições deverão ser realizadas entre os dias 10 e 23 de dezembro de 2013, na Secretária de Administração, localizada na Praça do Rosário, nº. 440, Centro, Silvânia, de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 13h às 17h. A taxa de inscrição é de R$ 45 para cargos de nível fundamental, de R$ 65 para médio e de R$ 85 para superior.
 
O concurso será composto por prova escrita objetiva para todos os inscritos, de caráter seletivo, eliminatório e classificatório. Além disso, haverá avaliação de títulos para as funções de nível superior e prática para Motorista e Operador de Máquinas.
 
As provas objetivas serão aplicadas na data prevista de 26 de janeiro de 2014. Já a prova prática para os cargos de Motorista e Operador de Máquinas será realizada na data prevista de 27 de janeiro de 2014, em locais e horários a serem divulgados nos sites www.silvania.go.gov.br e no www.noroesteconcursos.com.br.
 
A validade do certame será de dois anos, prorrogável, a critério da Administração, por igual período.

Prefeitura de São Sebastião do Paraíso - MG abre processo seletivo

Com oferta de 227 vagas e formação de cadastro de reserva nos cargos de níveis fundamental, médio e superior, a Prefeitura de São Sebastião do Paraíso, no Estado de Minas Gerais, lançou edital nº. 002/2013 para realização de processo seletivo. A carga horária dos contratados será de 25, 30 ou 35 horas semanais, por salários que variam entre R$ 691,87 e R$ 1.905,54.
 
Cargos: professor, coordenador pedagógico, monitor de educação infantil, secretário escolar, auxiliar de secretaria escolar, merendeiro e nutricionista.
 
As inscrições serão recebidas de forma presencial no período de 09 a 20 de dezembro de 2013, no horário de 8h às 16 h, no local CEFAEE, situada à Rua Pimenta de Pádua, nº 942 – 2º Andar (em frente ao Banco Bradesco) centro – São Sebastião do Paraíso/MG. Ficam excluídos sábados, domingos e feriados nos dias da inscrição.
 
O processo seletivo constará de avaliação de título.
 
A validade do processo seletivo será de 01 ano, a contar da data de homologação do mesmo, podendo ser interrompido ou prorrogado por igual período, por conveniência da administração.

Prefeitura de Itapevi - SP anuncia concurso

Atenção, médicos e professores que almejam trabalhar no funcionalismo público! A Prefeitura de Itapevi, no estado de São Paulo, está com 57 vagas disponíveis para profissionais com essas formações, que possam prestar serviços para a Administração Municipal.
 
O comunicado foi dado pelo edital de concurso público nº 01/2013, o qual também informa que o salário para os professores contratados será de R$ 868,82 e para os médicos o valor pago será de R$ 45,03, por hora trabalhada, mais gratificação de 60%. Todos os contratados ainda terão direito a vale-transporte no valor de R$ 150 e auxílio-alimentação de R$ 200. A jornada de trabalho será de 12 ou 44 horas semanais.
 
Inscrição
Os profissionais interessados podem fazer a inscrição pelo www.shdias.com.br, de 09 de dezembro de 2013 até 12 de janeiro de 2014. A taxa de inscrição é de R$ 56 para professores e R$ 70 para médicos. O valor deve ser pago até 13 de janeiro de 2014.
 
Avaliações
Os candidatos serão avaliados por prova escrita e de títulos (esta última etapa é voltada somente para os concorrentes às vagas de professor). A data provável da prova escrita será em 26 de janeiro de 2014, devendo o local de aplicação e a confirmação da data serem divulgados no site www.shdias.com.br.
 
Os candidatos a docentes devem enviar seus títulos até no máximo dois dias úteis, após o encerramento das inscrições, para a SHDias Consultoria, endereçada na Rua Rita Bueno de Angeli, 189, Jd. Esplanada II ,Indaiatuba/SP, CEP: 13331-616.
 
Validade
O concurso terá validade de um ano, podendo ser prorrogado pelo mesmo período.

Concurso Prefeitura de Harmonia - RS prorroga inscrições

A Prefeitura de Harmonia, no estado do Rio Grande do Sul, prorrogou as inscrições do concurso público 01/2012 de concurso público, destinado ao provimento de 10 vagas, mais cadastro de reserva, para profissionais de níveis fundamental, médio e superior, por salários de até R$  2.778,17 em carga horária de 22 a 40 horas semanais. A execução do concurso está sob a responsabilidade da UNA Gestão e Assessoria Ltda. e o edital de prorrogação é o n° 04/2013.

As vagas são para os cargos de agente administrativo, fiscal municipal, assistente social, atendente de educação infantil, auxiliar de serviços gerais, motorista, operário, professor de séries iniciais, professor de educação infantil e técnico em enfermagem.

Os interessados deverão fazer suas inscrições até o dia 15 de dezembro de 2013, pelo site www.unars.com.br. As taxas variam de R$ 45 a R$ 60, de acordo com o cargo escolhido.

As provas escritas serão aplicadas na data prevista de 18 de janeiro de 2014, com início às 8h30min, na Escola Estadual de Ensino Médio Jacob Hoff, Rua João Henrique Marx, nº 255, Bairro Centro - Harmonia/RS. Os gabaritos preliminares serão divulgados na data prevista de 16 de dezembro de 2013, após as 15h, no painel de publicações da Prefeitura Municipal e no site www.unars.com.br.

O concurso será válido por dois anos, a contar da data de homologação do resultado final, prazo este que poderá ser prorrogado uma vez, por igual período, mediante Decreto do Executivo Municipal, nos termos da Constituição Federal.

Concurso Prefeitura de Belmonte - BA

No estado da Bahia, a Prefeitura de Belmonte divulgou edital de concurso público nº 002/2013 (depois de anular o edital 001/2013), que pretende ocupar 100 vagas para profissionais de todos os níveis de escolaridade. Os vencimentos variam de R$ 678,00 a R$ 4.000,00. 
 
Agente administrativo, agente de portaria, assistente social, auxiliar administrativo, administrador de empresas, assistente técnico de radiologia, auxiliar de nutrição, auxiliar de serviços gerais, carpinteiro, coordenador pedagógico, encanador, enfermeiro, eletricista, fisioterapeuta, inspetor de vigilância sanitária/ambiental, mecânico, médico (anestesista, ginecologista, obstetra, pediatra e urologista), veterinário, motorista, operador de computador, professor, recepcionista, técnico em enfermagem, vigilante.
 
As inscrições serão realizadas até o dia 15 de dezembro de 2013, no site www.msmconsultoria.com.br e também na Lan House @NET, situada na Rua 23 de maio, 667 – Centro – Belmonte-BA. As taxas de inscrição variam de R$ 34,00 a 100,00, a depender do cargo pretendido.
 
A seleção será constituída de prova objetiva, como etapa única, a ser realizada na data provável de 19 de janeiro de 2013. O gabarito preliminar será divulgado a partir do dia 21 de janeiro de 2013.
 
O concurso será válido por dois anos, a contar da publicação da homologação, prorrogável uma vez por igual período.

Centro em SP investe em ioga, relaxamento e meditação contra o câncer

Porthos Martinez, 13, e a terapeuta Ester Massola fazem exercícios de relaxamento no hospital Albert Einstein
Moacyr Lopes Junior/Folhapress
Porthos Martinez, 13, e a terapeuta Ester Massola fazem exercícios
 de relaxamento no hospital Albert Einstein
Os movimentos são suaves e a respiração, pausada. Porthos Martinez, 13, internado há quase dois meses no hospital Albert Einstein, está sentado na cama e segue as orientações da terapeuta corporal Ester Azevedo Massola.
 
Ela estava presente também no dia que a mãe do menino lembra como o mais tenso de todo esse período no hospital: o do transplante de medula pelo qual seu filho, que teve leucemia, passou.
 
"A Ester entrou e fomos controlando a ansiedade. Eu nem tinha dormido na noite anterior, esperando a bolsa de células-tronco chegar", lembra Gisele Martinez, 43, mãe de Porthos. Quando o médico chegou, estavam os dois tranquilos para o procedimento, conta ela.
 
O médico Paulo de Tarso Lima, coordenador do Serviço de Medicina Integrativa do Einstein, diz que um dos objetivos desse tipo de intervenção é fazer o paciente e seus cuidadores "retomarem o momento presente".
 
"Não posso receitar ao paciente que ele se sinta bem, mas posso ajudá-lo a acessar seu bem-estar. Já temos evidência científica de que isso ajuda o tratamento."
 
Tatiana Grinfeld, 35, começou a fazer terapia de toque em janeiro. Ela vai ao hospital duas ou três vezes por semana para tomar medicações para tratar consequências do tratamento de câncer pelo qual passou. Enquanto o soro passa pelo cateter, ela se deita e recebe a terapia.
 
"Me sinto reenergizada. Passamos por tantos altos e baixos durante um tratamento. A terapia muda a nossa forma de encarar as coisas."
 
O hospital abre amanhã seu novo Centro de Oncologia e Hematologia Família Dayan, anexo ao prédio principal, no Morumbi, num investimento de quase R$ 40 milhões. Ele terá seis espaços dedicados a práticas complementares, como aulas de ioga, meditação e relaxamento para adultos e crianças.
 
Em cerca de quatro meses, o hospital deverá lançar ainda um curso à distância de aperfeiçoamento de profissionais em medicina integrativa voltada para câncer.
 
Tatiana Grinfeld, 35, recebe terapia de toque enquanto toma medicação
Moacyr Lopes Junior/Folhapress
Tatiana Grinfeld, 35, recebe terapia de toque enquanto toma
 medicação
De acordo com o hematologista Nelson Hamerschlak, do Einstein, o maior investimento na medicina integrativa ganhou força com a parceria estabelecida em 2012 entre o hospital e o centro de oncologia MD Anderson, de Houston (EUA).
 
A colaboração também será em pesquisa. Uma delas vai estudar efeitos da meditação tibetana em 40 mulheres com câncer de mama em São Paulo e 40 nos EUA que sofrem com problemas cognitivos após a quimioterapia.
 
Segundo Paulo de Tarso Lima, as consultas do serviço de medicina integrativa têm o objetivo de dar abertura para que o paciente compartilhe sua necessidade por tratamentos complementares -de 45% a 80% dos pacientes oncológicos brasileiros buscam alguma terapia do tipo.
 
Lima afirma que sua intervenção inclui checar o risco e o benefício do que o paciente está buscando.
 
Se ele procura uma cirurgia espiritual em que pode haver cortes mas está com o sistema imunológico abalado logo após um transplante de medula, exemplifica o médico, é preciso alertar que aquele não é o melhor momento. "Respeitamos e acolhemos as escolhas do paciente. Mas vamos ajudá-lo a se estruturar para ir e voltar com segurança", diz Lima.
 
O Hospital Sírio-Libanês também deu início a um departamento de medicina integrativa, há três anos, com o apoio do centro Memorial Sloan-Kettering (EUA).
 
Artur Katz, coordenador de oncologia clínica do Sírio-Libanês, afirma que há uma preocupação particular com o emprego das substâncias supostamente naturais que podem ter um efeito prejudicial no tratamento, ao interagir com as drogas usadas na quimioterapia.
 
"É fundamental estimular o paciente a discutir essas opções com o médico. Ele não pode se sentir inibido."
 
Em certos casos, quando há evidência de benefício ou ao menos de que a substância não causa dano, é válido também estimular o uso, segundo Hamerschlak.
 
"Há um tipo de leucemia crônica para a qual há evidências de que chá-verde faz bem. Você precisa ver o sorriso dos pacientes quando digo isso. Há uma ansiedade por esse tipo de indicação."
 
Por outro lado, em outros tipos de câncer, o mesmo chá-verde pode prejudicar o efeito da químio.
 
Folhaonline