Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


terça-feira, 22 de dezembro de 2015

INCA lança vídeo para incentivar cadastro de doadores de medula óssea

Um dos grandes desafios do Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (REDOME) e dos registros de todo o mundo é a fidelização dos doadores cadastrados, que podem permanecer, em média, de 20 a 25 anos como potencial doador

Para conscientizá-los sobre a importância de manter o cadastro sempre atualizado, o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) lançou nesta sexta (18) um vídeo para ser divulgado e compartilhado pela população, para que a informação chegue a todos.

O lançamento celebra a Semana de Mobilização Nacional para Doação de Medula Óssea, que ocorreu de 14 a 21 de dezembro e tem o objetivo de desenvolver atividades de incentivo à doação e ao esclarecimento sobre o procedimento.

Madrinha do registro brasileiro há cerca de 10 anos, a atriz e apresentadora Cissa Guimarães é a porta-voz da campanha em prol da atualização do cadastro. “Se você é doador de medula óssea, seu endereço, telefone e e-mail devem estar sempre corretos no cadastro do REDOME. Só assim, vamos encontrar você rápido quando alguém precisar de você. Atualize seus dados do REDOME para ser encontrado. Cada minuto faz diferença. Quem precisa de transplante não pode esperar”, explica Cissa.

Outra participação muito especial no vídeo é a da atriz Drica Moraes. Diagnosticada com Leucemia em 2010, Drica realizou o transplante de medula a partir de um doador não aparentado cadastrado no REDOME. Felizmente, ele estava com suas informações atualizadas, foi contatado e rapidamente pôde fazer a doação.

Hoje, o REDOME é o terceiro maior registro do mundo, com cerca de 3,8 milhões de doadores cadastrados, pessoas que compartilham solidariedade. É coordenado pelo INCA e conta com o apoio operacional da Fundação do Câncer.

“Somos parte de uma grande rede com um nobre objetivo: salvar vidas. Para encontrar um doador compatível, o REDOME realiza uma busca integrada com todos os registros internacionais, acessando os 26 milhões de doadores cadastrados no mundo e as mais de 600 mil unidades de sangue de cordão umbilical disponíveis”, afirma o coordenador do REDOME e diretor-geral do INCA, Luis Fernando Bouzas.

Fonte: Inca

Nenhum comentário:

Postar um comentário