Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Hospital de Niterói realizou primeiro transplante osteocondral homólogo do Rio de Janeiro

O CHN (Complexo Hospitalar de Niterói) executou essa semana, o primeiro transplante osteocondral homólogo fresco do estado do Rio de Janeiro, realizado pelo Dr. Rodrigo Goes

O procedimento consiste no transplante de cartilagem hialina e osso de um tecido captado de um doador, testado e preparado no joelho do paciente receptor.

A característica desse tipo de transplante é ter o tecido proveniente de um doador cadáver, por meio de banco de tecidos. “A indicação para o paciente em questão, de 30 anos, foi por dor, que tornava impossível a prática esportiva, com diagnóstico de lesão osteocondral focal na patela”, explica o médico.

Segundo o Dr. Rodrigo, a principal vantagem é que não há morbidade para o paciente receptor, já que não é necessário retirar o enxerto de outra área do corpo dele. E no caso especial desse paciente, o transplante foi na patela, que tem a cartilagem mais espessa do nosso corpo, logo, “se fosse retirada de outro local, não estaríamos reproduzindo a anatomia do joelho, como foi feito ao ser utilizado o tecido do banco, que era uma patela captada sob medida, de paciente doador com dimensões e idade similares às do receptor”, explica.

Diferente do que acontece com tendões, ossos e meniscos, que são mantidos congelados até o momento do uso, o transplante de cartilagem é fresco. Isso significa que ela foi captada há apenas 15 dias, preparada e mantida em meio de conservação enquanto foi testada quanto à viabilidade das células condrais (de cartilagem) e para a realização dos exames laboratoriais para a exclusão de doenças.

Ainda segundo o médico, o “procedimento é pioneiro no estado e no Brasil, mas já é uma realidade em muitos locais do mundo. Estamos sempre buscando oferecer o que existe de mais moderno no mundo em cirurgia do joelho, por mais difícil e complexo que o procedimento possa parecer”, afirma.

Foto: Reprodução

Priscila Pais 
Assessoria de Imprensa
ppais@saudeempauta.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário