Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


terça-feira, 7 de agosto de 2012

Crianças bilíngues possuem cérebro mais ágil e maior capacidade criativa

Pesquisa mostra ainda que crianças que falam ao menos duas línguas são melhores em identificar e focar em informações importantes

Crianças que falam pelo menos duas línguas têm cérebro mais ágil e criativo que aquelas que não são bilíngues. É o que afirma pesquisa conduzida na Universidade de Strathclyde, na Escócia.

O estudo, feito com 121 alunos de 9 anos uma escola primária que falavam inglês ou italiano, metade dos quais também falava gaélico, do Reino Unido, ou sardo, da ilha de Sardenha, mostra que as crianças bilíngues se saíram melhor na resolução de problemas matemáticos e apresentaram maior raciocínio criativo.

Segundo os pesquisadores, as diferenças estavam ligadas ao estado de alerta mental necessário para alternar entre os idiomas, o que poderia desenvolver habilidades úteis em outros tipos de pensamento.

"O bilinguismo agora é amplamente visto como sendo benéfico para as crianças, mas ainda há uma visão de que ele pode ser confuso e potencialmente prejudicial a elas. Nosso estudo revela que ele pode ter benefícios demonstráveis, não só na linguagem, mas na resolução de problemas aritméticos, capacitando as crianças a pensar criativamente", afirma o líder da pesquisa Fraser Lauchlan.

A pesquisa mostrou ainda que as crianças bilíngues têm uma aptidão para a atenção seletiva, ou seja, capacidade de identificar e focar em informações que são importantes, enquanto filtram o que é dispensável.

Fonte isaude.net

Nenhum comentário:

Postar um comentário