Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


quarta-feira, 29 de maio de 2013

Cientistas criam vacina que protege crianças de vírus causador de feridas

O vírus Enterovírus 71 (EV71), considerado altamente contagioso e
 associado ao surgimento de feridas na boca, nas mãos e nos pés
EV71 é considerado contagioso e associado a feridas na boca, mãos e pés. Região da Ásia-Pacífico é que a mais sofre com surtos de doenças
 
Cientistas chineses anunciaram nesta terça-feira (28) que desenvolveram a primeira vacina que protege crianças do vírus Enterovírus 71 (EV71), considerado altamente contagioso e associado ao surgimento de feridas na boca, nas mãos e nos pés.

Testes foram feitos em quatro locais da China e envolveram mais de 10 mil bebês e crianças entre 6 e 35 meses. Eles foram divididos de forma que alguns receberam duas doses do novo medicamento e outros duas doses de uma vacina sem efeito (placebo).
 
De acordo com estudo publicado na revista “The Lancet” desta terça-feira (28), 90% dos que receberam a vacina ficaram protegidos do EV71 associado a doenças nas mãos, pés e boca, além de 80,4% foram imunizados por pelo menos um ano de complicações causadas pelo vírus, incluindo danos neurológicos.
 
A vacina produzida pela empresa Beijing Vigoo Biological. Cientistas envolvidos com o estudo informaram que a vacina é segura e bem tolerada, e seus efeitos secundários foram semelhantes nos grupos que receberam o medicamento verdadeiro e o placebo.
 
Pesquisadoes da Universidade de Melbourne, da Austrália, disseram nos comentários do estudo que “os ganhos obtidos nesta investigação científica precisavam ser compartilhados internacionalmente”. Isto incluiria uma avaliação do potencial de proteção de outros tipos do EV71 que existem em países onde ocorrem a maioria dos casos.
 
Contudo, Feng-Cai Zhu, um dos autores do estudo, advertiu que ainda não há provas de que a vacina também poderia proteger as pessoas de um outro vírus chamado Coxsackie A 16, frequentemente encontrado circulando com EV71 e que também causa feridas nas mãos, pés e na boca.
 
Foco na Ásia-Pacífico
Segundo a agência Reuters, a nova vacina deve ser usada principalmente na região da Ásia-Pacífico (Sudeste Asiático), que abriga a maioria dos casos graves de contaminação por este vírus.
 
O EV71 foi descoberto em 1979 e é um vírus intestinal altamente contagioso, que pode causar febre, feridas na boca, além de erupções nas mãos e nos pés. Em sua forma mais severa, pode causar danos ao cérebro, coração e pulmões.
 
De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), os surtos dessas doenças têm ocorrido ao longo dos anos em diferentes partes do mundo, mas com concentração maior na China, Taiwan, Japão, Malásia, Cingapura, Tailândia e Vietnã. Em junho de 2012, um grande surto desta doença infectou 35 mil pessoas na China e matou 17 na região de Hunan.
 
Fonte G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário