Aplicativos, carreira, concursos, downloads, enfermagem, farmácia hospitalar, farmácia pública, história, humor, legislação, logística, medicina, novos medicamentos, novas tecnologias na área da saúde e muito mais!


quarta-feira, 31 de julho de 2013

Sutiã inadequado pode prejudicar a saúde

Sutiã inadequado pode prejudicar a saúde divulgação/Elegance
Foto: Divulgação / Elegance
Modelos muito apertados podem causar dores de cabeça, nas costas e nas mamas
 
Você é daquelas que adora um sutiã apertado para usar com um decote, mas ao mesmo tempo se incomoda porque ele é desconfortável, é bom ficar alerta. Segundo um estudo publicado no tabloide britânico Daily Mail, o uso de um sutiã apertado ou inadequado pode gerar problemas de saúde, como erupções cutâneas, tendinites, dor de cabeça, indigestão, síndrome do intestino irritável, entre outros. Outra pesquisa, realizada por uma fabricante internacional de lingeries com mais de 20 mil mulheres, apontou que 80% usam sutiã em tamanhos inadequados, causando um desconforto.
 
De acordo com a ginecologista e obstetra Erica Mantelli, as dores causadas por um sutiã usado incorretamente podem se tornar crônicas.
 
— Um modelo mais apertado pode causar dores de cabeça, nas costas e ainda trazer consequências como a indigestão. Algumas dores mamárias também podem ocorrer justamente por causa do uso errado de sutiã. Mas felizmente esses dramas podem ser evitados com a adoção do sutiã adequado — explica.
 
A maioria das mulheres escolhe o sutiã por questões estéticas e esquece de se preocupar com a saúde. Mantelli alerta, porém, que não se deve pensar somente na aparência na hora de comprar o sutiã.
 
— É preciso fazer uma escolha saudável e que não comprometa a saúde. O sutiã ideal precisa equilibrar o peso das mamas entre as alças e a faixa presa nas costas, evitando que as costas e os ombros fiquem tensos — afirma.
 
Os primeiros sinais de que seu sutiã está errado
Com o tempo, o corpo pode emitir alguns sinais que de que você não fez uma boa escolha ao comprar um sutiã.
 
— Se você notou que as mamas balançam quando você anda, ou que o seio está dividido e a alça tende a trazer o ombro para frente, sinal de que ele não é o mais indicado para o seu caso — destaca a especialista.
 
Outras só percebem que está usando o sutiã errado porque se sentem incomodadas com a alça. Algumas mulheres chegam a arrancar a alça para diminuir o desconforto, o que pode sobrecarregar as costas e causar dores musculares.
 
— Os sutiãs tradicionais costumam ser mais apertados ao redor das costelas, o que cria uma tensão nas costas. A falta de suporte na parte da frente pode sobrecarregar o ombro, curvando-o para frente. Isso afeta todo o organismo da mulher, prejudicando a respiração por pressionar o diafragma, problemas digestivos, além de comprometer a circulação sanguínea devido as tiras serem muito justas — ressalta a ginecologista.
 
Acerte no sutiã
A ginecologista recomenda analisar o tamanho do tórax na hora da compra. Segundo ela, é importante que o sutiã dê um apoio ao tórax para evitar problemas futuros de coluna. O certo é a faixa do sutiã no tórax ficar reta, tanto na frente do corpo, abaixo dos seios, quanto nas costas.
 
É preciso ficar de olho também na armação.
 
— Sutiãs com armação não são indicados para os momentos em que as mamas crescem, como durante a gravidez ou adolescência — enfatiza a médica.
 
A armação deve ficar encaixada em baixo das mamas e se adequar confortavelmente à sua caixa torácica. Se você notou que apertou um pouquinho, é melhor providenciar um tamanho maior.
 
As alças merecem uma atenção especial. Se você tem que ajustar muito as alças para que o sutiã fique correto, provavelmente está usando o tamanho errado. As alças não têm a finalidade de sustentar as mamas e sim de ajustar confortavelmente o corpo.
 
Para as fãs do bojo, os seios devem se encaixar perfeitamente nele, sem ficar sobrando para fora. Lembrando que o bojo não deve ser grande demais para o tamanho das mamas.

Fonte Zero Hora

Nenhum comentário:

Postar um comentário